Publicador de Conteúdos e Mídias

ATA Nº 6, DE 9 DE MARÇO DE 2021

Brasão do Brasil

Diário Oficial da União

Publicado em: 17/03/2021 | Edição: 51 | Seção: 1 | Página: 270

Órgão: Tribunal de Contas da União/2ª Câmara

ATA Nº 6, DE 9 DE MARÇO DE 2021

(Sessão Telepresencial da Segunda Câmara)

Presidente: Ministro Aroldo Cedraz

Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado

Subsecretária da Segunda Câmara: AUFC Elenir Teodoro Goncalves dos Santos

Às 10 horas 30 minutos, o Ministro Aroldo Cedraz, na Presidência, declarou aberta a sessão telepresencial da Segunda Câmara, com a presença do Ministro Raimundo Carreiro; dos Ministros-Substitutos Marcos Bemquerer Costa, convocado para substituir o Ministro Augusto Nardes, e André Luís de Carvalho; e do Representante do Ministério Público, Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado.

Com fundamento na alínea a, inciso II do art. 55 do Regimento Interno, o Ministro Aroldo Cedraz, convocou para efeito de quórum, o Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

Ausentes os Ministros Augusto Nardes, por motivo de férias, e Bruno Dantas, justificadamente.

HOMOLOGAÇÃO DE ATA

A Segunda Câmara homologou a ata nº 5, referente à sessão realizada em 2 de março de 2021.

PUBLICAÇÃO DA ATA NA INTERNET

Os anexos das atas, de acordo com a Resolução nº 184/2005, estão publicados na página do Tribunal de Contas da União na Internet.

COMUNICAÇÃO:

Do Subprocurador-Geral, Dr. Lucas Rocha Furtado

Homenagem às servidoras do Tribunal de Contas da União, pela passagem do Dia Internacional da Mulher.

O ministro Aroldo Cedraz aderiu à homenagem, em nome do Colegiado, destacando especialmente à Presidente, à Procuradora-Geral junto ao TCU e demais servidoras.

PROCESSOS EXCLUÍDOS DE PAUTA

Foram excluídos de pauta, nos termos do artigo 142 do Regimento Interno, os seguintes processos:

- TC-001.161/2021-0, TC-001.213/2021-0, TC-001.239/2021-0, TC-001.278/2021-5, TC-001.349/2021-0, TC-001.448/2021-8, TC-001.550/2021-7, TC-001.568/2021-3, TC-001.582/2021-6, TC-001.604/2021-0, TC-001.606/2021-2, TC-001.665/2021-9, TC-001.691/2021-0, TC-001.719/2021-1, TC-001.794/2021-3, TC-001.865/2021-8, TC-001.925/2021-0, TC-002.013/2021-5, TC-002.156/2021-0, TC-002.160/2021-8, TC-002.166/2021-6, TC-002.168/2021-9, TC-002.177/2021-8, TC-002.253/2021-6, TC-002.423/2021-9, TC-002.568/2021-7, TC-002.581/2021-3, TC-002.591/2021-9, TC-002.612/2021-6, TC- 002.614/2021-9, TC-002.653/2021-4, TC-002.767/2021-0, TC-002.799/2021-9, TC-002.834/2021-9, TC-002.835/2021-5, TC-002.873/2021-4, TC-002.938/2021-9, TC-002.940/2021-3, TC-002.950/2021-9, TC-003.018/2021-0, TC-003.020/2021-5, TC-003.047/2021-0, TC-003.048/2021-7, TC-003.050/2021-1, TC-003.083/2021-7, TC-003.090/2021-3, TC-003.135/2021-7, TC-003.138/2021-6, TC-003.152/2021-9, TC-003.200/2021-3, TC-003.224/2021-0, TC-003.230/2021-0, TC-003.273/2021-0, TC-003.394/2021-2, TC-003.517/2021-7, TC-003.547/2021-3, TC-003.658/2021-0, TC-003.705/2021-8, TC-003.727/2021-1, TC-003.920/2021-6, TC-003.943/2021-6, TC-003.972/2021-6, TC-004.008/2021-9, TC-004.047/2021-4, TC-004.075/2021-8, TC-004.081/2021-8, TC-004.082/2021-4, TC-004.102/2021-5, TC-004.129/2021-0, TC-004.134/2021-4, TC-004.158/2021-0, TC-004.164/2021-0, TC-004.246/2021-7, TC-004.247/2021-3, TC-004.263/2021-9, TC-004.273/2021-4, TC-004.281/2021-7, TC-004.361/2021-0, TC-004.413/2021-0, TC-004.416/2021-0, TC-004.442/2021-0, TC-004.741/2021-8, TC-004.747/2021-6, TC-004.801/2021-0, TC-004.808/2021-5, TC-004.892/2021-6, TC-004.897/2021-8, TC-004.898/2021-4, TC-004.899/2021-0, TC-004.912/2021-7, TC-004.949/2021-8, TC-004.955/2021-8, TC-004.961/2021-8, TC-004.985/2021-4, TC-005.043/2021-2, TC-005.052/2021-1, TC-005.060/2021-4, TC-005.073/2021-9, TC-005.085/2021-7, TC-005.128/2021-8, TC-005.152/2021-6, TC-005.153/2021-2, TC-005.155/2021-5, TC-010.480/2019-6, TC-011.265/2020-5, TC-011.893/2020-6, TC-012.155/2016-0, TC-012.503/2020-7, TC-012.518/2020-4, TC-012.963/2014-3, TC-013.842/2020-0, TC-013.846/2020-5, TC-013.996/2020-7, TC-015.525/2020-1, TC-017.111/2020-0, TC-019.539/2020-7, TC-023.686/2017-0, TC-025.416/2020-0, TC-028.461/2009-5, TC-031.753/2019-1, TC-034.989/2020-0, TC-037.447/2020-3, TC-038.907/2020-8, TC-039.240/2019-3, TC-039.889/2019-0, TC-039.957/2019-5, TC-040.013/2020-0, TC-040.481/2020-4, TC-042.211/2020-4, TC-042.353/2020-3, TC-042.380/2020-0, TC-043.441/2020-3, TC-043.471/2020-0, TC-043.549/2020-9, TC-044.239/2020-3, TC-045.122/2020-2, TC-045.649/2020-0, TC-045.687/2020-0 e TC-045.917/2020-5, cujo Relator é o Ministro Augusto Nardes;

- TC-020.136/2016-1 e TC-020.551/2015-0, de relatoria do Ministro Aroldo Cedraz;

- TC-020.090/2016-1, cujo Relator é o Ministro Raimundo Carreiro;

- TC-001.108/2021-2, TC-001.736/2021-3, TC-001.737/2021-0, TC-002.043/2021-1, TC-002.155/2021-4, TC-002.237/2021-0, TC-002.287/2021-8, TC-002.331/2021-7, TC-002.383/2021-7, TC-002.672/2021-9, TC-002.709/2021-0, TC-002.732/2021-1, TC-002.766/2021-3, TC-002.832/2021-6, TC-002.973/2021-9, TC-003.027/2021-0, TC-003.272/2021-4, TC-003.282/2021-0, TC-003.333/2021-3, TC-003.501/2021-3, TC-003.737/2021-7, TC-003.779/2021-1, TC-003.838/2021-8, TC-003.931/2021-8, TC-003.981/2021-5, TC-004.010/2021-3, TC-004.093/2021-6, TC-004.111/2021-4, TC-004.122/2021-6, TC-004.227/2021-2, TC-004.251/2021-0, TC-004.312/2021-0, TC-004.339/2021-5, TC-004.380/2021-5, TC-004.519/2021-3, TC-004.570/2021-9, TC-004.743/2021-0, TC-004.752/2021-0, TC-004.754/2021-2, TC-004.768/2021-3, TC-004.798/2021-0, TC-004.803/2021-3, TC-004.810/2021-0, TC-004.821/2021-1, TC-004.834/2021-6, TC-004.880/2021-8, TC-004.940/2021-0, TC-004.942/2021-3, TC-004.988/2021-3, TC-005.024/2021-8, TC-005.031/2021-4, TC-005.034/2021-3, TC-005.055/2021-0, TC-005.088/2021-6, TC-005.124/2021-2, TC-005.141/2021-4, TC-010.253/2019-0, TC-012.502/2020-0, TC-014.250/2020-9, TC-029.359/2019-8, TC-031.267/2020-3, TC-032.830/2017-3, TC-035.215/2017-8, TC-036.048/2020-8, TC-038.517/2020-5, TC-040.046/2019-2, TC-043.545/2020-3, TC-044.109/2020-2, TC-044.156/2020-0, TC-044.570/2020-1, TC-044.573/2020-0, TC-044.767/2020-0 e TC-044.913/2020-6, de relatoria do Ministro Bruno Dantas; e

- TC-002.645/2020-3, TC-002.908/2020-4, TC-002.940/2020-5, TC-004.006/2021-6, TC-013.816/2016-0, TC-015.600/2018-1, TC-019.972/2020-2, TC-022.596/2020-8, TC-025.024/2016-7, TC-025.639/2020-0, TC-025.954/2020-2, TC-027.225/2017-8, TC-027.457/2019-2, TC-027.867/2019-6, TC-029.102/2019-7, TC-029.290/2018-0, TC-033.330/2019-0, TC-033.372/2019-5, TC-033.991/2019-7, TC-034.560/2017-3, TC-036.707/2018-0, TC-038.437/2020-1, TC-039.741/2019-2, TC-040.092/2018-6, TC-040.278/2018-2, TC-044.986/2020-3 e TC-046.763/2020-1, cujo Relator é o Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

PROCESSOS APRECIADOS POR RELAÇÃO

A Segunda Câmara aprovou, por relação, os acórdãos de nºs 3723 a 4014.

PROCESSOS APRECIADOS DE FORMA UNITÁRIA

Por meio de apreciação unitária de processos, a Segunda Câmara proferiu os Acórdãos nºs 3661 a 3722.

SUSTENTAÇÃO ORAL

Na apreciação do processo nº TC-020.090/2016-1, cujo relator é o Ministro Raimundo Carreiro, o Dr. Alano Luiz Queiroz Pinheiro, ao apresentar sustentação oral em nome de Celso Lopes Cardoso, foi interrompido pelo relator que, pediu a palavra para excluir o processo de pauta, esclarecendo que seria dada nova oportunidade para a sustentação oral quando do retorno do processo à pauta.

ACÓRDÃOS APROVADOS

Os acórdãos de nºs 3723 a 4014, apreciados por relação, estão transcritos a seguir. Da mesma forma, seguem transcritos os Acórdãos de nºs 3661 a 3722, apreciados de forma unitária, que constam também do Anexo desta Ata, juntamente com os relatórios e os votos em que se fundamentaram.

ACÓRDÃO Nº 3661/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 001.817/2019-1.

2. Grupo I - Classe de Assunto: II - Prestação de Contas de 2017

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Responsáveis: Alexandre Manoel Angelo da Silva (021.966.294-05); André Leandro Magalhaes (468.503.170-91); Antonio Ricardo de Oliveira Junqueira (346.190.897-53); Cinara Wagner Fredo (003.747.539-89); Daniel Darlen Corrêa Ribeiro (026.191.246-11); Francisco Paulo Soares Lopes (305.353.011-20); Janice Fagundes Brutto (289.994.600-53); Julio Cesar de Araujo Nogueira (349.557.477-87); Leonardo de Melo Gadelha (765.537.871-15); Luiz Francisco Monteiro de Barros Neto (703.347.227-72); Marcelo Daniel Pagotti (115.195.638-41); Marcelo de Siqueira Freitas (776.055.601-25); Matheus Belin (933.347.531-15); Rodrigo Ortiz D Avila Assumpcao (105.508.858-03); Rogerio Souza Mascarenhas (865.512.487-72); Álvaro Luis Pereira Botelho (899.266.507-59).

4. Órgão/Entidade: Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência - Dataprev.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Tecnologia da Informação (Sefti).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de prestação de contas anuais da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social relativas ao exercício de 2017,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, incisos I e II, e 18 da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso I, 207, 208 e 214, incisos I e II, do Regimento Interno, em:

9.1. julgar regulares as contas de Alexandre Manoel Ângelo da Silva (CPF 021.966.294-05), Antonio Ricardo de Oliveira Junqueira (CPF 346.190.897-53), Cinara Wagner Fredo (CPF 003.747.539-89), Daniel Darlen Corrêa Ribeiro (CPF 026.191.246-11), Francisco Paulo Soares Lopes (CPF 305.353.011-20), Marcelo Daniel Pagotti (CPF 115.195.638-41), Luiz Francisco Monteiro de Barros Neto (CPF 703.347.227-72), Marcelo de Siqueira Freitas (CPF 776.055.601-25), Matheus Belin (CPF 933.347.531-15), Rogério Souza Mascarenhas (CPF 865.512.487-72), Leonardo de Melo Gadelha (CPF 765.537.871-15), dando-lhes quitação plena;

9.2. julgar regulares com ressalva as contas de Janice Fagundes Brutto (CPF 289.994.600-53), pela afronta ao previsto na alínea "g" do art. 41 do Decreto 9.035/2017, tendo em vista o incremento no quantitativo de funções de confiança em 2017 sem prévia submissão à Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais, que deve, obrigatoriamente, se manifestar nesses casos;

9.3. julgar regulares com ressalva as contas de Álvaro Luis Pereira Botelho (CPF 899.266.507-59), em razão do baixo índice de execução das três ações de investimento, notadamente a ação "Manutenção e Adequação de Bens Imóveis", que contou com apenas 10,61% de execução;

9.4. julgar regulares com ressalva as contas de Júlio César de Araújo Nogueira (CPF 349.557.477-87) e André Leandro Magalhães (CPF 468.503.170-91), pela afronta ao previsto na alínea "g" do art. 41 do Decreto 9.035/2017, tendo em vista o incremento no quantitativo de funções de confiança em 2017 sem prévia submissão à Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais, que deve, obrigatoriamente, se manifestar nesses casos; e em razão do baixo índice de execução das três ações de investimento, notadamente a ação "Manutenção e Adequação de Bens Imóveis", que contou com apenas 10,61% de execução;

9.5. julgar regulares com ressalva as contas de Rodrigo Ortiz D'Avila Assumpção (CPF 105.508.858-03), em razão do baixo índice de execução das três ações de investimento, notadamente a ação "Manutenção e Adequação de Bens Imóveis", que contou com apenas 10,61% de execução;

9.6. dar ciência à Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social, com fundamento no art. 9º, inciso I, da Resolução-TCU 315/2020, sobre as seguintes impropriedades, com vistas à adoção de providências internas que previnam a ocorrência de outras semelhantes:

9.6.1. houve baixo nível de execução das três ações de investimento previstas no orçamento, notadamente a ação "Manutenção e Adequação de Bens Imóveis", que contou com apenas 10,61% de execução, sendo que a falha no planejamento orçamentário não foi algo pontual no exercício de 2017 e o percentual de execução dos investimentos da empresa caiu ano a ano desde 2014 até 2017, em desobediência ao planejamento orçamentário da entidade, descrito em seu Plano Plurianual - PPA, aprovado pela Lei 13.414/2017 e ajustada às especificidades da Empresa, de acordo com os moldes do Programa de Dispêndios Globais (PDG) aprovado pela Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (SEST) do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP);

9.6.2. o incremento no quantitativo de funções de confiança em 2017, por meio das Resoluções RS/35750/2017, RS/3571/2017, RS/3581/2017, RS/3584/2017, RS/3587/2017, RS/3605/2017, RS/3610/2017, RS/3611/2017 e RS/3619/2017, sem prévia submissão à Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais, que deve, obrigatoriamente, se manifestar nesses casos, desobedeceu o disposto na alínea "g" do art. 41 do Decreto 9.035/2017;

9.6.3. há falhas na formalização dos contratos com as instituições financeiras, no âmbito dos serviços de empréstimos consignados, não havendo mostras de ter avançado desde que foi apontada pela CGU no relatório de auditoria sobre as contas de 2015, conforme apontado nas determinações constantes do 1.7.1 do Acórdão 513/2018-TCU-1ª Câmara, em descumprimento ao art. 2º, parágrafo único, da Lei 8.666/1993;

9.7. considerar cumpridas as determinações constantes dos itens 1.7.1 e 1.7.2 do Acórdão 513/2018-TCU-1ª Câmara, relator Ministro Vital do Rêgo;

9.8. considerar implementada a recomendação constante do item 1.8 do Acórdão 513/2018-TCU-1ª Câmara, relator Ministro Vital do Rêgo; e

9.9. dar conhecimento à Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social, ao Ministério da Economia, à Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais e à Controladoria-Geral da União deste Acórdão, destacando que o inteiro teor da deliberação, incluindo relatório e voto, pode ser consultado no endereço www.tcu.gov.br/acordaos; e

9.10. arquivar os presentes autos, com fundamento no inciso V do art. 169 do Regimento Interno.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3661-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3662/2021 - TCU - Segunda Câmara

1. Processo nº TC 005.909/2019-8.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I Recurso de reconsideração (Tomada de Contas Especial)

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessado: Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (00.378.257/0001-81)

3.2. Responsável: Juscirene Oliveira de Almeida Sousa (481.838.223-04)

3.3. Recorrente: Juscirene Oliveira de Almeida Sousa (481.838.223-04).

4. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Jacobina do Piauí - PI.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

5.1. Relatora da deliberação recorrida: Ministra Ana Arraes.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

8. Representação legal:

8.1. Ezequias Portela Pereira (13381/OAB-PI) e outros, representando Juscirene Oliveira de Almeida Sousa.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial, em que se aprecia recurso de reconsideração interposto Sra. Juscirene Oliveira de Almeida Sousa, contra o Acórdão 12.695/2019-TCU-2ª Câmara, por meio do qual este Tribunal julgou irregulares as contas da recorrente, condenando-a em débito e multa, em razão de omissão no dever de prestar contas de recursos repassados ao município de Jacobina do Piauí, PI, no âmbito do Programa Nacional de Apoio ao Sistema de Educação de Jovens e Adultos, no exercício de 2014.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo relator, em:

9.1 nos termos dos arts. 32, inciso I e 33, da Lei 8.443/1992, conhecer do presente recurso, para, no mérito, negar-lhe provimento, mantendo na íntegra o Acórdão 12.695/2019-TCU-2ª Câmara;

9.2 dar ciência desta deliberação à recorrente e demais interessados no processo, informando que o teor integral das peças que o integram poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos e que o acesso às demais peças do processo pode ser obtido no endereço eletrônico deste Tribunal, opção "vista eletrônica".

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3662-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3663/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 008.536/2020-1.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessado: Lorena Cavalcanti Sotero (848.953.307-53).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região/RJ.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de concessão de aposentadoria em favor de Lorena Cavalcanti Sotero, expedido pelo Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região/RJ, com proventos integrais, calculados com base na última remuneração do cargo em que se deu a aposentadoria, com fundamento no art. 3º da Emenda Constitucional 47/2005.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, nos termos dos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, e 260 a 262, do Regimento Interno do Tribunal de Contas da União, em:

9.1 julgar ilegal o ato de aposentadoria em favor de Lorena Cavalcanti Sotero, negando-lhe registro, em virtude da inclusão, nos proventos da interessada, de parcela adicional correspondente à "opção" oriunda do art. 193 da Lei 8.112/1990, benefício não aplicável aos servidores que implementaram o direito a aposentadoria após a publicação da Emenda Constitucional 20/1998 (16/12/1998);

9.2 dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé, consoante o Enunciado nº 106 da Súmula de Jurisprudência do TCU;

9.3 determinar ao Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região/RJ que:

9.3.1 faça cessar, no prazo quinze dias contados da ciência, os pagamentos decorrentes das parcelas ora impugnadas, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 262 do Regimento Interno/TCU;

9.3.2 emita novo ato de aposentadoria da interessada, livre da irregularidade apontada, disponibilizando-o a este Tribunal, por meio do Sistema e-Pessoal, nos termos e prazos fixados na IN-TCU 78/2018;

9.3.3 apresente a documentação comprobatória referente à inclusão da rubrica "Restituição PSSS - Decisão judicial inativo" no contracheque da ex-servidora;

9.3.4 no prazo de trinta dias, contados da ciência, disponibilize a este Tribunal, por meio do Sistema e-Pessoal, comprovante da data em que a interessada tomou conhecimento deste Acórdão, conforme art. 21, inciso I, da IN-TCU 78/2018;

9.4 determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip) que monitore o cumprimento das determinações ora expedidas, representando ao Tribunal, em caso de irregularidades;

9.5 dar ciência deste Acórdão ao órgão responsável pela concessão, informando que o teor integral da deliberação poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3663-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3664/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 008.587/2020-5.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessado: Sérgio Marcus de Magalhães (354.910.866-49).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região/MG.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de aposentadoria em favor de Sérgio Marcus de Magalhães, expedido pelo Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região/MG, com proventos integrais, calculados com base na última remuneração do cargo em que se deu a aposentadoria, com fundamento no art. 3º da Emenda Constitucional 47/2005.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, nos termos dos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, e 260 a 262, do Regimento Interno do Tribunal de Contas da União, em:

9.1 julgar ilegal o ato de aposentadoria em favor de Sérgio Marcus de Magalhães, negando-lhe registro, em virtude da inclusão, nos proventos do interessado, de parcela adicional correspondente à "opção" oriunda do art. 193 da Lei 8.112/1990, benefício não aplicável aos servidores que implementaram o direito a aposentadoria após a publicação da Emenda Constitucional 20/1998 (16/12/1998);

9.2 dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé, consoante o Enunciado nº 106 da Súmula de Jurisprudência do TCU;

9.3 determinar ao Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região/MG que:

9.3.1 faça cessar, no prazo quinze dias contados da ciência, os pagamentos decorrentes das parcelas ora impugnadas, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 262 do Regimento Interno/TCU;

9.3.2 emita novo ato de aposentadoria do interessado, livre da irregularidade apontada, disponibilizando-os a este Tribunal, por meio do Sistema e-Pessoal, nos termos e prazos fixados na IN-TCU 78/2018;

9.3.3 destaque os períodos relativos ao cálculo das parcelas de quintos incorporados sob a rubrica de VPNI pelo interessado e, caso haja sobreposição de ocupação de funções comissionadas no período considerado, apresente ao TCU os documentos comprobatórios;

9.3.4 no prazo de trinta dias, contados da ciência, disponibilize a este Tribunal, por meio do Sistema e-Pessoal, comprovante da data em que o interessado tomou conhecimento deste Acórdão, conforme art. 21, inciso I, da IN-TCU 78/2018;

9.4 determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip) que monitore o cumprimento das determinações ora expedidas, representando ao Tribunal, em caso de irregularidades;

9.5 dar ciência deste Acórdão ao órgão responsável pela concessão, informando que o teor integral da deliberação poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3664-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3665/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC-011.518/2016-2

2. Grupo I, Classe de Assunto I - Recurso de Reconsideração (em Tomada de contas Especial)

3. Recorrentes: Antenor Moreira Paz (CPF 232.467.663-04) e Construtora Paricá Ltda. (CNPJ 03.686.945/0001-05)

4. Unidade: Município de Tefé/AM

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

7. Unidade Técnica: Serur

8. Representação legal:

8.1. Giovana da Silva Almeida (12.197/OAB-AM) e outros, representando Antenor Moreira Paz

8.2. Lucca Fernandes Albuquerque (11.712/OAB-AM), representando Jose Elenilto Ferreira Lima, Construtora Paricá Ltda. - ME e Ronaldo Lima Queiroz

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial em que se apreciam Recursos de Reconsideração interpostos por Antenor Moreira Paz, ex-prefeito, e pela Construtora Paricá Ltda. contra o Acórdão 1.301/2019-TCU-2ª Câmara, rel. Ministro-Substituto Marcos Bemquerer, mediante a qual este Tribunal julgou irregulares as contas especiais condenando os responsáveis em débito solidário (R$ 208.470,87, valores de 2014) e aplicando-lhes multas individuais de R$ 25.000,00,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento no art. 33 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 285 do RI/TCU, em:

9.1. conhecer dos Recursos de Reconsideração interpostos por Antenor Moreira Paz e pela Construtora Paricá Ltda. para, no mérito, negar-lhes provimento;

9.2. dar ciência desta deliberação aos recorrentes e demais interessados no processo.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3665-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3666/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 012.039/2012-8.

1.1. Apenso: 028.314/2011-5

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Embargos de Declaração em Tomada de Contas Especial

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Recorrente: Brasilpama Manufatura de Papéis Ltda. (CNPJ 07.716.156/0001-12)

4. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Feira de Santana/BA

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

5.1. Relator da Deliberação Recorrida: Ministro Raimundo Carreiro

6. Representante do Ministério Público: não atuou

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur)

8. Representação legal: Daniel Soares Alvarenga de Macedo (OAB/DF nº 36.042) e outros

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Embargos de Declaração opostos por Brasilpama Manufatura de Papéis Ltda. ao Acórdão 823/2020-TCU-2ª Câmara.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fundamento nos arts. 34, § 2º, da Lei 8.443/1992 e 287, § 3º, do RI/TCU, em:

9.1. conhecer dos Embargos de Declaração para, no mérito, rejeitá-los;

9.2. dar ciência à embargante, à Procuradoria da República no Estado da Bahia e demais interessados a respeito do inteiro teor deste acórdão, informando-os que esta deliberação, acompanhada do Relatório e do Voto que a fundamentam, estão disponíveis para consulta no endereço www.tcu.gov.br/acordaos, além de esclarecer que, caso requerido, este Tribunal poderá fornecer sem custos as correspondentes cópias impressas.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3666-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro que alegou impedimento na Sessão: Aroldo Cedraz (na Presidência).

13.3. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.4. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3667/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC-012.141/2016-0

2. Grupo II, Classe de Assunto II - Tomada de Contas Especial

3. Responsáveis: José Maurício de Andrade Cavalcanti Júnior (CPF 398.247.644-53), ex-prefeito do município (gestão 2013-2016), e Sulpará Caminhões e Máquinas Ltda. (CNPJ 14.133.730/0001-75)

4. Unidade: Município de Pau D’Arco/PA

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin

7. Unidade Técnica: SecexTCE

8. Representação legal:

8.1. Bruno Menezes Coelho de Souza (8770/OAB-PA) e outros, representando Sulpara Caminhões e Máquinas Ltda.

8.2. Caio Almeida Miranda e outros, representando José Maurício de Andrade Cavalcanti Júnior.

8.3. Joeldson Pereira de Araujo, representando Prefeitura Municipal de Pau D'arco/PA e José Maurício de Andrade Cavalcanti Júnior.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial referente a recursos do Convênio 1264/2008, Siafi 648758, firmado entre o Município de Pau D’Arco/PA e o Ministério da Integração Nacional, tendo como objeto "o fortalecimento do arranjo produtivo da apicultura familiar, através da ampliação da Unidade de Processamento de Mel e Cera de Abelhas localizada no município de Pau d’Arco, com construção de Sede Administrativa, perfuração de poço artesiano e aquisição de veículo de carga",

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1 acolher parcialmente as alegações de defesa apresentadas por José Maurício de Andrade Cavalcanti Júnior;

9.2 rejeitar as alegações de defesa apresentadas pela empresa Sulpará Caminhões e Máquinas Ltda.;

9.3 julgar irregulares, nos termos dos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "a" e "c", da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 19 e 23, inciso III, da mesma Lei, as contas de José Maurício de Andrade Cavalcanti Júnior e da empresa Sulpará Caminhões e Máquinas Ltda., condenando-os ao pagamento da quantia de R$ 70.000,00 (setenta mil reais), atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir de 22/10/2012 até a data da efetiva quitação do débito, fixando-lhes o prazo de quinze dias, para que comprovem, perante o Tribunal, o recolhimento da referida quantia aos cofres do Tesouro Nacional, nos termos do art. 23, inciso III, alínea "a", da citada lei, c/c o art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno do TCU;

9.4 aplicar individualmente a José Maurício de Andrade Cavalcanti Júnior e da empresa Sulpará Caminhões e Máquinas Ltda. a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais), fixando-lhes o prazo de quinze dias, a contar da notificação, para que comprovem, perante o Tribunal (art. 214, III, alínea "a", do Regimento Interno do TCU), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data deste acórdão até a do efetivo recolhimento, se paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.5 autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas, caso não atendidas a notificação, na forma do disposto no art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.6 autorizar também, desde logo, se requerido, com fundamento no art. 28, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217, §§ 1º e 2º, do Regimento Interno do TCU, o parcelamento das dívidas em até 36 parcelas, incidindo, sobre cada parcela, corrigida monetariamente, os correspondentes acréscimos legais, fixando-lhes o prazo de quinze dias, a contar do recebimento da notificação, para comprovarem, perante o Tribunal, o recolhimento da primeira parcela, e de trinta dias, a contar da parcela anterior, para comprovarem os recolhimentos das demais parcelas, devendo incidir, sobre cada valor mensal, atualizado monetariamente, os juros de mora devidos, no caso do débito, na forma prevista na legislação em vigor, alertando os responsáveis de que a falta de comprovação do recolhimento de qualquer parcela importará o vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do § 2º do art. 217 do Regimento Interno deste Tribunal;

9.7 enviar cópia deste Acórdão, bem como do Relatório e do Voto que o fundamentam à Procuradoria da República no Estado do Pará, nos termos do à § 3º do art. 16 da Lei 8.443/1992, c/c o § 7º do art. 209 do Regimento Interno do TCU, para adoção das medidas cabíveis;

9.8. enviar cópia deste Acórdão ao Ministério do Desenvolvimento Regional, que sucedeu o Ministério do da Integração Nacional, e aos responsáveis, para ciência, informando que a presente deliberação, acompanhada do Relatório e do Voto que a fundamenta, está disponível para a consulta no endereço www.tcu.gov.br/acordaos, além de esclarecer que, caso requerido, o TCU poderá fornecer sem custos as correspondentes cópias, de forma impressa.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3667-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3668/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 018.445/2016-0.

2. Grupo II - Classe de Assunto: I Recurso de reconsideração em Tomada de Contas Especial

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessados: Fundação Nacional de Saúde (26.989.350/0001-16); Prefeitura Municipal de Cândido Godói - RS (87.612.842/0001-82)

3.2. Recorrente: Anencir Flores da Silva (055.525.830-00).

4. Órgãos/Entidades: Fundação Nacional de Saúde; Prefeitura Municipal de Cândido Godói - RS.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur).

8. Representação legal: Homero Luiz Seibel (52.678 OAB/RS), representando Anencir Flores da Silva.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Recurso de Reconsideração interposto por Anencir Flores da Silva, ex-prefeito de Cândido Godói/RS, contra o Acórdão 9.534/2019-2ª Câmara (Relator Ministro Aroldo Cedraz), por meio do qual o Tribunal julgou irregulares as contas do recorrente, em apreciação de Tomada de Contas Especial instaurada pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa), em virtude da inexecução parcial do objeto do Convênio 917/2001, firmado com o município de Cândido Godói/RS, voltado à "execução de melhorias habitacionais para controle da Doença de Chagas".

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo relator, em:

9.1. nos termos dos arts. 32, inciso I, e 33, da Lei 8.443/1192, conhecer do presente recurso, para, no mérito, dar-lhe provimento parcial, com a redução em R$ 11.066,40 do débito imputado ao responsável por meio do item 9.1 do Acórdão 9.534/2019-2ª Câmara, que passa a ser de R$ 88.162,27 (valor original, data da ocorrência 11/6/2002);

9.2 dar ciência desta deliberação ao recorrente e demais interessados no processo, informando que o teor integral das peças que o integram poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos e que o acesso às demais peças do processo pode ser obtido no endereço eletrônico deste Tribunal, opção "vista eletrônica".

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3668-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3669/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC 027.412/2019-9

2. Grupo I, Classe de Assunto II - Tomada de Contas Especial

3. Responsáveis:Manoel Moacir Goncalves Alho (CPF: 358.849.242-91) e Raimundo Nogueira Monteiro dos Santos (CPF: 120.399.342-00), ex-Prefeitos Municipais

4. Órgão/Entidade/Unidade: Município de Gurupá - PA.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE)

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial (TCE) instaurada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), em desfavor do Sr. Manoel Moacir Goncalves Alho e Raimundo Nogueira Monteiro dos Santos, em razão de omissão no dever de prestar contas de recursos descentralizados por meio do termo de compromisso 197/2011 que tinha por objeto a aquisição de veículo de transporte escolar, no âmbito do Programa Territórios da Cidadania,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar, para todos os efeitos, revéis os Srs. Manoel Moacir Goncalves Alho e Raimundo Nogueira Monteiro dos Santos, dando-se prosseguimento ao processo, conforme preceitua o art. 12, § 3º, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 202, §8º, do RITCU;

9.2. julgar irregulares as contas do Sr. Manoel Moacir Goncalves Alho (CPF: 358.849.242-91), com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "b" e "c", 19, caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso I, 209, incisos II e III, 210 e 214, inciso III, do Regimento Interno do TCU, e condenando-o ao pagamento das importâncias a seguir especificadas e fixando-lhe o prazo de 15 dias, para que comprove, perante este Tribunal, em respeito art. 214, inciso III, alíneas "a" e "b", do Regimento Interno do TCU, o recolhimento das dívidas aos cofres do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, atualizadas monetariamente e acrescidas de juros de mora, calculados a partir das datas indicadas até a data do efetivo recolhimento e com o abatimento de valores acaso já satisfeitos, nos termos da legislação vigente:

Data de ocorrência

Valor histórico (R$)

20/1/2012

453.680,00

Valor atualizado em 7/12/2020 (sem juros): R$ 724.935,27.

9.3 aplicar ao Sr. Manoel Moacir Goncalves Alho a multa constante do art. 57 da lei 8.443/92, c/c o art. 267 do Regimento Interno do TCU, no valor de 35.000,00 (trinta e cinco mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 dias, para que comprove, perante este Tribunal, em respeito ao art. 214, inciso III, alíneas "a" e "b", do Regimento Interno do TCU, o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.4. julgar irregulares as contas do Sr. Raimundo Nogueira Monteiro dos Santos (CPF: 120.399.342-00), com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "a", 19, caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso I, 209, incisos I e III, 210 e 214, inciso III, do Regimento Interno do TCU;

9.5. aplicar ao Sr. Raimundo Nogueira Monteiro dos Santos a multa constante do art. 58, inciso I, da lei 8.443/92, c/c o art. 268, inciso I, do Regimento Interno do TCU, no valor de R$10.000,00 (dez mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 dias, para que comprove, perante este Tribunal, em respeito ao art. 214, inciso III, alíneas "a" e "b", do Regimento Interno do TCU, o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.6. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 219, inciso II, do Regimento Interno do TCU, caso não atendida a notificação;

9.7 autorizar, desde logo, com fundamento no art. 26, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217, do Regimento Interno do TCU, caso seja do interesse dos responsáveis, o parcelamento da dívida em até 36 (trinta e seis) parcelas, incidindo sobre cada uma, os encargos legais devidos, sem prejuízo de alertá-los de que, caso optem por essa forma de pagamento, a falta de comprovação do recolhimento de qualquer parcela implicará o vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do art. 26, parágrafo único, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217, §2º, do Regimento Interno do TCU;

9.8. enviar cópia deste Acórdão ao FNDE e aos responsáveis, para ciência, informando que a presente deliberação, acompanhada do Relatório e do Voto que a fundamenta, está disponível para a consulta no endereço www.tcu.gov.br/acordaos , além de esclarecer que, caso requerido, o TCU poderá fornecer sem custos as correspondentes cópias, de forma impressa;

9.9. enviar cópia deste Acórdão, bem como do Relatório e do Voto que o fundamentarem, à Procuradoria da República no Estado do Pará, nos termos do § 3º do art. 16 da Lei 8.443/1992 c/c o § 7º do art. 209 do Regimento Interno do TCU, para adoção das medidas cabíveis.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3669-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3670/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 028.376/2017-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Angela Hermanny de Almeida Basto dos Santos (394.851.377-53); Cezar Tadeu Canal (450.682.167-04); Danuze Xavier Beiruth (621.301.107-20); Gabriel Alves de Queiroz Filho (416.190.217-49); Heitor Figueira Flecher (225.162.477-53).

4. Órgão/Entidade: Gerência Regional de Administração do Ministério da Economia no Espírito Santo.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes atos de concessão de aposentadoria exarados pela Gerência Regional de Administração do então denominado Ministério da Fazenda no Espírito Santo,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1 considerar legais e ordenar o registro dos atos de aposentadoria de Angela Hermanny de Almeida Basto dos Santos (CPF: 394.851.377-53), Cezar Tadeu Canal (CPF: 450.682.167-04), Danuze Xavier Beiruth (CPF: 621.301.107-20), Gabriel Alves de Queiroz Filho (CPF: 416.190.217-49) e Heitor Figueira Flecher (CPF: 225.162.477-53, com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal, no art. 1º, inciso V, e art. 39, incisos I e II, da Lei 8.443/1992, no art. 260 do Regimento Interno do Tribunal de Contas da União, deixando de determinar a exclusão do Bônus de Eficiência, diante da decisão liminar proferida pelo Ministro Alexandre de Moraes no Mandado de Segurança 35.500/DF e outros;

9.2. determinar à Gerência Regional de Administração do Ministério da Economia no Espírito Santo que acompanhe o deslinde dos Mandados de Segurança 35.410, 35.494, 35.498, 35.490, 35.498, 35.500, 35.812 e 35.836, em tramitação no Supremo Tribunal Federal, e, em caso de decisão desfavorável aos inativos, faça cessar o pagamento do Bônus de Eficiência e Produtividade, previsto na Lei 13.464/2017, sob pena de responsabilização solidária da autoridade administrativa omissa;

9.3. dar ciência deste Acórdão ao Ministério da Economia, informando-lhe que o teor integral desta deliberação está disponível no endereço eletrônico: www.tcu.gov.br/acordaos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3670-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3671/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC 028.708/2016-4

2. Grupo I, Classe de Assunto II - Prestação de Contas Ordinária - Exercício de 2015

3. Responsáveis: Antônio Carlos Bacelar Nunes (CPF 297.509.897-91); Carlos Nogueira da Costa Júnior (CPF 119.276.073-53); Demetrius Ferreira e Cruz (CPF 248.680.188-09); Eduardo Santa Helena da Silva (CPF 375.729.030-53); Janaína Gomes Pires da Silva (CPF 043.041.207-00); Jarbas Raimundo de Aldano Matos (CPF 101.519.746-91); Jose Carlos Garcia Ferreira (CPF 234.418.019-20); Jose Leonardo Silva Andriotti (CPF 199.776.030-49); Ladice Pontes Peixoto (CPF 002.129.201-97); Luis Gonzaga Baião (CPF 573.814.536-49); Luiz Fernando Magalhães (CPF 057.030.181-53); Manfredo Ximenes Ponte (CPF 072.114.733-04); Manoel Barretto da Rocha Neto (CPF 065.017.705-30); Marco Antonio de Oliveira (CPF 062.924.908-31); Paulo Cesar de Souza (CPF 040.425.938-36); Roberto Ventura Santos (CPF 270.686.501-63); Stenio Petrovich Pereira (CPF 182.858.054-68); Teobaldo Rodrigues de Oliveira Junior (CPF 174.913.205-20); Thales de Queiroz Sampaio (CPF 073.859.273-00); Waldir Duarte Costa Filho (CPF 415.825.514-72)

4. Órgão/Entidade/Unidade: Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), Ministério de Minas e Energia (MME)

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sérgio Ricardo Costa Caribé

7. Unidade Técnica: extinta Secretaria de Controle Externo da Administração Indireta (SecexEstataisRJ), Secretaria de Fiscalização de Infraestrutura de Energia Elétrica (SeinfraElétrica)

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de prestação de contas anuais da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM) referente ao exercício de 2015,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar revel o Sr. Eduardo Santa Helena da Silva (CPF 375.729.030-53), Diretor de Administração e Finanças da CPRM no período de 1/1/2015 a 31/12/2015, com fundamento no artigo 12, § 3º, e da Lei 8.443/1992 c/c o art. 202, § 8º, do Regimento Interno do Tribunal de Contas da União - RI/TCU, para fins de regular prosseguimento processual;

9.2. julgar as contas do Sr. Eduardo Santa Helena da Silva (CPF 375.729.030-53), Diretor de Administração e Finanças da CPRM no período de 1º/1/2015 a 31/12/2015, irregulares, com fundamento nos artigos 1º, inciso I; 16, inciso III, alínea "b" (parte final); 19, parágrafo único, e 23, III, da Lei 8.443/1992, nos artigos 1º, I, 209, II (parte final) e 214, III, do RI/TCU,em razão das infrações à Lei n. 8.666/93 verificadas abaixo:

9.2.1. ausência de formalização do processo de inexigibilidade de licitação, contendo os elementos descritos no caput e no parágrafo único do artigo 26 da Lei 8.666/1993, notadamente a razão de escolha da patrocinada e a justificativa do preço;

9.2.2. ausência de formalização de instrumento contratual com a entidade patrocinada, em descumprimento aos artigos 38, inciso X e 60 da Lei 8.666/1993;

9.2.3. ausência de submissão do processo de contratação à consultoria jurídica da CPRM, em desacordo com o artigo 38, VI, da Lei 8.666/1993;

9.3. aplicar, ao Sr. Eduardo Santa Helena da Silva (CPF 375.729.030-53), Diretor de Administração e Finanças da CPRM no período de 1º/1/2015 a 31/12/2015, a multa prevista no inciso I do artigo 58 da Lei n. 8.443/92, /c o art. 268, inciso I, do Regimento Interno do TCU, no valor de R$5.000,00 (cinco mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 dias, para que comprove, perante este Tribunal, em respeito ao art. 214, inciso III, alíneas "a" e "b", do Regimento Interno do TCU, o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial da dívida, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 219, inciso II, do Regimento Interno do TCU, caso não atendida a notificação;

9.5 autorizar, desde logo, com fundamento no art. 26, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217, do Regimento Interno do TCU, caso seja do interesse dos responsáveis, o parcelamento da dívida em até 36 (trinta e seis) parcelas, incidindo sobre cada uma, os encargos legais devidos, sem prejuízo de alertá-los de que, caso optem por essa forma de pagamento, a falta de comprovação do recolhimento de qualquer parcela implicará o vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do art. 26, parágrafo único, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217, §2º, do Regimento Interno do TCU;

9.6. julgar, com fundamento nos artigos 1º, I; 16, I; 17 e 23, I, da Lei 8.443/1992, e nos artigos 1º, I, 207 e 214, I, do Regimento Interno do TCU, regulares as contas de Antônio Carlos Bacelar Nunes (CPF 297.509.897-91); Carlos Nogueira da Costa Júnior (CPF 119.276.073-53); Demetrius Ferreira e Cruz (CPF 248.680.188-09); Janaína Gomes Pires da Silva (CPF 043.041.207-00); Jarbas Raimundo de Aldano Matos (CPF 101.519.746-91); Jose Carlos Garcia Ferreira (CPF 234.418.019-20); Jose Leonardo Silva Andriotti (CPF 199.776.030-49); Ladice Pontes Peixoto (CPF 002.129.201-97); Luis Gonzaga Baião (CPF 573.814.536-49); Luiz Fernando Magalhães (CPF 057.030.181-53); Manfredo Ximenes Ponte (CPF 072.114.733-04); Manoel Barretto da Rocha Neto (CPF 065.017.705-30); Marco Antonio de Oliveira (CPF 062.924.908-31); Paulo Cesar de Souza (CPF 040.425.938-36); Roberto Ventura Santos (CPF 270.686.501-63); Stenio Petrovich Pereira (CPF 182.858.054-68); Teobaldo Rodrigues de Oliveira Junior (CPF 174.913.205-20); Thales de Queiroz Sampaio (CPF 073.859.273-00); Waldir Duarte Costa Filho (CPF 415.825.514-72), dando-se-lhes quitação plena;

9.7. dar ciência à Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), com fundamento no art. 2, inciso II, da Resolução-TCU 315, de 2020, que, embora constatada a limitação de atuação da Companhia, remanesce o descumprimento às determinações contidas no Acórdão 958/2013-TCU-Plenário, ante a possibilidade de adotar práticas de gestão tendentes a solucionar os óbices levantados pelo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), atual Agência Nacional de Mineração (ANM), como, por exemplo, a possibilidade de invocar a mediação da Advocacia-Geral da União (AGU) na Câmara Local de Conciliação e Mediação;

9.8. encaminhar os autos à SecexAdministração, que detém a ENAP em sua clientela, a qual incorporou a ESAF, a fim de que tome ciência das irregularidades detectadas nestes autos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3671-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3672/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC-030.687/2020-9

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessada: Viviana Targa de Menezes (CPF 299.192.314-87)

4. Unidade: Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

7. Unidade Técnica: Sefip

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTO, relatado e discutido este ato de concessão inicial de aposentadoria em favor de Viviana Targa de Menezes, no cargo de Técnico Judiciário do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento nos artigos 71, III, da Constituição Federal de 1988; 1º, V, e 39, II, da Lei 8.443/1992; 1º, VIII, 259, II, 260, § 1º, e 262, § 2º, do Regimento Interno/TCU, em:

9.1 considerar ilegal o ato de concessão inicial da aposentadoria de Viviana Targa de Menezes, negando-lhe registro;

9.2 dispensaro ressarcimento das quantias indevidamente recebidas, presumida a boa-fé, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula de Jurisprudência do TCU;

9.3. determinar ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba que, nos termos dos art. 262,caput, do Regimento Interno do TCU e 19,caput, da Instrução Normativa TCU 78/2018:

9.3.1. abstenha-se de realizar pagamentos decorrentes do ato de concessão considerado ilegal, no prazo de 15 (quinze) dias, contado a partir da ciência dessa deliberação, sujeitando-se a autoridade administrativa omissa à responsabilidade solidária;

9.3.2. promova o destaque das parcelas de quintos incorporados com amparo em funções comissionadas, e transforme-os em "Parcela Compensatória", a ser absorvida por quaisquer reajustes futuros, consoante decidido pelo STF no RE 638.115/CE;

9.3.3.comunique à servidora acerca do teor deste acórdão, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos junto ao TCU não a eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após sua notificação, caso os recursos não sejam providos;

9.3.4.emita e disponibilize no sistema e-Pessoal, no prazo de 30 (trinta) dias, novo ato de concessão, escoimado da irregularidade apontada, nos termos do art. 262, § 2º, do Regimento Interno do TCU; e

9.3.5. encaminhe ao Tribunal, no prazo de 30 (trinta) dias, contados da ciência da decisão, o comprovante de que a interessada tomou ciência do inteiro teor desta deliberação;

9.4. dar ciência deste acórdão ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, informando que o teor integral poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos;

9.5. restituir os autos à Sefip, para que monitore o cumprimento das determinações constantes do item 9.3 supra, e represente ao TCU em caso de não cumprimento das providências determinadas.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3672-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3673/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC-030.692/2020-2

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessada: Vania Maria de Lima Barbosa (289.704.541-87)

4. Unidade: Universidade Federal do Paraná

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

7. Unidade Técnica: Sefip

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTO, relatado e discutido este ato de concessão inicial de aposentadoria em favor de Nancy Peres Cavalcanti de Albuquerque, no cargo de Técnico de Laboratório da Universidade Federa do Paraná,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento nos artigos 71, III, da Constituição Federal de 1988; 1º, V, e 39, II, da Lei 8.443/1992; 1º, VIII, 259, II, 260, § 1º, e 262, § 2º, do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegal o ato de concessão inicial da aposentadoria de Nancy Peres Cavalcanti de Albuquerque, negando-lhe registro, deixando de determinar a exclusão da parcela de quintos ou mesmo fixar sua absorção por futuros reajustes, em conformidade com a deliberação do Supremo Tribunal Federal no RE 638.115/CE, visto que a rubrica está amparada por decisão transitada em julgado;

9.2. determinar à Universidade Federal do Paraná, nos termos no art. 4º, I, da Resolução TCU 315/2020:

9.2.1. comunique a servidora acerca do teor deste acórdão, no prazo de 30 (trinta) dias;

9.2.2. encaminhe ao Tribunal, no prazo de 30 (trinta) dias, contados da ciência da decisão, o comprovante de que a interessada tomou ciência do inteiro teor desta deliberação;

9.3. dar ciência deste acórdão à Universidade Federal do Paraná, informando que o teor integral poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3673-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3674/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 030.885/2019-1.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I Pedido de reexame (Aposentadoria)

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessado: José Campos de Avellar (106.779.840-49)

3.2. Recorrente: Jose Campos de Avellar (106.779.840-49).

4. Órgão/Entidade: Justiça Federal de 1º e 2º Graus da 4ª Região/rs.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal:

8.1. Carlos Guedes do Amaral Junior (39.183/OAB-RS) e outros, representando Jose Campos de Avellar.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de recurso de pedido de reexame interposto pelo Sr. José Campos de Avellar, ex-servidor da Justiça Federal de 1º e 2º Graus da 4ª Região/RS, em face do Acórdão nº 4.044/2020-TCU-2ª Câmara, que considerou ilegal o ato de aposentadoria do interessado, negando-lhe o registro,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento no Art. 48 da Lei nº 8.443/1992 e nos Arts. 285, caput, e 286, parágrafo único do RI/TCU, conhecer do recurso de pedido de reexame interposto Sr. José Campos de Avellar em face do Acórdão nº 4.044/2020-TCU-2ª Câmara, para, no mérito, negar-lhe provimento; e

9.2. dar conhecimento deste acórdão, encaminhando a respectiva cópia, acompanhada do relatório e voto, aos Órgãos/Entidades interessados e ao Recorrente.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3674-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3675/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 033.575/2020-7.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessado: Lázaro Alves Filho (234.171.961-91).

4. Órgão/Entidade: Superior Tribunal de Justiça.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de concessão de aposentadoria em favor de Lázaro Alves Filho, emitida pelo Superior Tribunal de Justiça.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, nos termos dos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, e 260 a 262, do Regimento Interno do Tribunal de Contas da União, em:

9.1 julgar ilegal o ato de aposentadoria em favor de Lázaro Alves Filho (peça 2), negando-lhe registro, em virtude da inclusão, nos proventos do interessado, em virtude da contabilização de parcela de adicional de tempo de serviço correspondente ao exercício de cargo pregresso com interrupção do vínculo jurídico com a Administração Pública;

9.2 dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé, consoante o Enunciado nº 106 da Súmula de Jurisprudência do TCU;

9.3 determinar ao Superior Tribunal de Justiça que:

9.3.1 faça cessar, no prazo 15 (quinze) dias contados da ciência, os pagamentos decorrentes da parcela ora impugnada, mediante retificação do percentual de anuênios nos proventos de aposentadoria do interesssado, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 262 do Regimento Interno/TCU;

9.3.2 dê ciência desta deliberação ao interessado, disponibilizando a este Tribunal por meio do Sistema e-Pessoal, no prazo de 30 (trinta) dias contados da ciência deste Acórdão pelo órgão, comprovante da data em que o interessado recebeu a notificação, conforme art. 21, inciso I, da IN-TCU 78/2018;

9.3.3 emita novo ato de aposentadoria do interessado, livre da irregularidade apontada, disponibilizando-o a este Tribunal, por meio do Sistema e-Pessoal, nos termos e prazos fixados na IN-TCU 78/2018;

9.4 dar ciência deste Acórdão ao órgão responsável pela concessão, informando que o teor integral da deliberação poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3675-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3676/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 035.092/2020-3.

2. Grupo I - Classe de Assunto: VI - Representação

3. Representante: Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro

4. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Campos dos Goytacazes - RJ.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: não atuou.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo da Educação, da Cultura e do Desporto (SecexEduc).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Representação encaminhada pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, relacionada aos Contratos 182/2018, 183/2018, 191/2018 e 063/2019, celebrados pelo Município de Campos dos Goytacazes/RJ, cujo objeto consistiu na contratação de empresas para fornecimento de alimentação escolar, a fim de atender ao programa de merenda escolar nas unidades educacionais da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte do município,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. não conhecer da Representação, por não atender aos requisitos de admissibilidade previstos nos arts. 235 e 237, parágrafo único, do Regimento Interno do TCU, e no art. 103, §1º, da Resolução-TCU 259/2014;

9.2. dar ciência deste Acórdão ao Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, informando que o Relatório e o Voto que o fundamentam podem ser consultados por meio do endereço www.tcu.gov.br/acordaos; e

9.3. arquivar o processo, com fundamento no parágrafo único do art. 237, c/c o parágrafo único do art. 235, do Regimento Interno do TCU, e no art. 105 da Resolução-TCU 259/2014.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3676-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3677/2021 - TCU - Segunda Câmara

1. Processo nº TC 035.754/2020-6.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Alteração de aposentadoria

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessado: Waldiney de Oliveira (001.799.491-87).

4. Órgão/Entidade: Senado Federal.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTO, relatado e discutido este ato de alteração de aposentadoria exarado pelo Senado Federal e submetido à apreciação do Tribunal de Contas da União para fins de registro,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento nos artigos 71, III, da Constituição Federal de 1988; 1º, V, e 39, II, da Lei 8.443/1992; 1º, VIII, 259, II, 260, § 1º, e 262, § 2º, do Regimento Interno/TCU, em:

9.1 considerar ilegal, negando-lhe registro, o ato de alteração de aposentadoria de Waldiney de Oliveira (001.799.491-87) no cargo de Analista Legislativo do Senado Federal, em razão da incorporação de parcela de quintos decorrente do exercício de função comissionada em percentual superior ao devido, em ofensa ao art. 3º da Lei 8.911/1994 e pela averbação de anuênios por tempo de serviço, mesmo tendo ocorrido rompimento do vínculo jurídico com a Administração;

9.2 dispensaro ressarcimento das quantias indevidamente recebidas, presumida a boa-fé, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula de Jurisprudência do TCU;

9.3. determinar ao gestor de pessoal do Senado Federal que, nos termos dos art. 262,caput, do Regimento Interno do TCU e 19,caput, e inciso II, da Instrução Normativa - TCU 78/2018 que, no prazo de 15 (quinze) dias, contados a partir da ciência desta deliberação, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa:

9.3.1. retifique, o pagamento da vantagem de quintos/décimos, promova o destaque da parcela correspondente de 2/10 (dois décimos) e transforme-a em "parcela compensatória", a ser absorvida por quaisquer reajustes futuros, consoante decidido pelo STF no RE 638.115/CE;

9.3.2. retifique, o percentual de anuênios por tempo de serviço pago ao servidor aposentado;

9.3.3.comunique ao servidor aposentado acerca do teor deste Acórdão, alertando-o de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos junto ao TCU não o eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após sua notificação, caso os recursos não sejam providos;

9.3.4.emita e disponibilize no sistema e-Pessoal, no prazo de 30 (trinta) dias, novo ato de alteração de aposentadoria, escoimado da irregularidade apontada, nos termos do art. 262, § 2º, do Regimento Interno do TCU; e

9.3.5. encaminhe ao Tribunal o comprovante de que o interessado tomou ciência do inteiro teor desta deliberação;

9.4. dar ciência deste Acórdão ao Órgão responsável pela concessão, informando que o teor integral poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3677-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3678/2021 - TCU - Segunda Câmara

1. Processo nº TC 046.649/2020-4.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Jose Martinichen Filho (128.877.811-20); Lea dos Santos Nascimento (186.184.051-91); Marinez Ferreira de Almeida (186.076.671-49).

4. Órgão/Entidade: Câmara dos Deputados.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de concessão de aposentadoria em favor de José Martinichen Filho, Lea dos Santos Nascimento e Marinez Ferreira de Almeida, servidores aposentados da Câmara dos Deputados.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, nos termos do art. 71, inciso III, da Constituição Federal; do art. 1º, inciso V, e do art. 39, inciso II, da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992; do art. 260, § 1º, do art. 261 e do art. 262, §§ 1º e 2º do Regimento Interno:

9.1 julgar ilegais os atos de concessão inicial de aposentadoria de Jose Martinichen Filho (128.877.811-20), Lea dos Santos Nascimento (186.184.051-91) e Marinez Ferreira de Almeida (186.076.671-49), negando-lhes registro;

9.2 dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé, nos termos da Súmula nº 106;

9.3 determinar à Câmara dos Deputados, com fundamento no inciso I do art. 4º da Resolução nº 315, de 22 de abril de 2020, que, nos prazos especificados, contados da data do conhecimento do acórdão:

9.3.1 no prazo de 30 (trinta) dias, promova o destaque de parcelas de "quintos" incorporadas por Jose Martinichen Filho, Lea dos Santos Nascimento e Marinez Ferreira de Almeida com amparo em funções comissionadas exercidas entre 8/4/1998 e 4/9/2001 e transforme-as em "Parcela Compensatória" a ser absorvida por quaisquer reajustes futuros, consoante decidido pelo Supremo Tribunal Federal no RE nº 638.115/CE (Tema 395 de repercussão geral).

9.3.2 no prazo de 30 (trinta) dias, emita novos atos de aposentadoria de Jose Martinichen Filho, Lea dos Santos Nascimento e Marinez Ferreira de Almeida, livres das irregularidades apontadas, disponibilizando-os a este Tribunal, por meio do Sistema e-Pessoal, nos termos fixados na Instrução Normativa nº 78, de 21 de março de 2018;

9.3.3 no prazo de 30 (trinta) dias, dê ciência do inteiro teor desta deliberação aos interessados, alertando-as de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos junto ao TCU não as exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação, caso esses não sejam providos;

9.3.4 no prazo de 30 (trinta) dias, disponibilize a este Tribunal, por meio do Sistema e-Pessoal, comprovantes das datas em que os interessados tomaram conhecimento deste acórdão, conforme o art. 21, inciso I, da Instrução Normativa nº 78, de 2018;

9.4 determinar à Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais que monitore o cumprimento das determinações ora expedidas, representando ao Tribunal, em caso de irregularidades; e

9.5 dar ciência deste acórdão à Câmara dos Deputados, informando-a de que o teor integral da deliberação poderá ser obtido no endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3678-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

13.3. Ministro-Substituto presente: André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO 3679/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo n. TC 002.548/2018-6.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsável: Luiz Cabral de Oliveira Filho (113.452.924-49).

4. Entidade: Município de Cabo de Santo Agostinho/PE.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial - SecexTCE.

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial instaurada pelo então Ministério da Justiça, contra o Sr. Luiz Cabral de Oliveira Filho, ex-prefeito de Cabo de Santo Agostinho/PE, em face da impugnação total das despesas do Convênio 57/2004, que teve por objeto a aquisição de equipamentos, material permanente e material de consumo, a realização de treinamentos com vista à realização de diagnóstico para avaliação da dinâmica da violência no município, a implantação de oficinas de prevenção da violência e a capacitação da Guarda Municipal.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator em:

9.1. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneac, 19,caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Luiz Cabral de Oliveira Filho, condenando-o ao pagamento das quantias abaixo discriminadas, atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora calculados a partir das datas especificadas até o efetivo recolhimento, com fixação de prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, nos termos da legislação em vigor, abatendo-se, na oportunidade, os valores já ressarcidos, nos termos do Enunciado 128 da Súmula de Jurisprudência do TCU:

Valor Original (R$)

Data da Ocorrência

Discriminação

232.696,21

2/8/2004

débito

232.696,21

23/9/2004

débito

82.782,39

11/6/2012

crédito

9.2. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, o parcelamento da dívida em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora), esclarecendo ao responsável que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.3. autorizar, desde logo, a cobrança judicial da dívida, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, caso não atendida a notificação;

9.4. encaminhar cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Estado de Pernambuco, consoante previsto no art. 209, § 7º, do Regimento Interno/TCU, bem como ao Ministério da Justiça e da Segurança Pública, para ciência.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3679-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3680/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC-005.713/2021-8.

2. Grupo: I; Classe de Assunto - IV: Admissão.

3. Interessados: Almir do Carmo Nunes (850.415.301-06), Dirceu Cardoso Junior (890.567.609-04), e Viviane Cristina Beck Paz de Oliveira (713.347.420-49).

4. Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais - Sefip.

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos em que se analisam atos de admissão de pessoal emitidos pela Caixa Econômica Federal, em benefício dos Srs. Almir do Carmo Nunes e Dirceu Cardoso Junior e da Sra. Viviane Cristina Beck Paz de Oliveira.

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo relator e com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 259, inciso I, 260, §§ 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegais as admissões expedidas em favor dos Srs. Almir do Carmo Nunes e Dirceu Cardoso Junior e da Sra. Viviane Cristina Beck Paz de Oliveira, negando registro aos correspondentes atos;

9.2. determinar à Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em trâmite na Justiça Trabalhista, e adote as medidas pertinentes em caso de desconstituição da sentença; e

9.2.2. dê ciência, no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento das notificações deste Acórdão, do inteiro teor desta Deliberação aos Srs. Almir do Carmo Nunes e Dirceu Cardoso Junior e à Sra. Viviane Cristina Beck Paz de Oliveira, encaminhando a este Tribunal, no prazo de 30 (trinta) dias, comprovantes das referidas ciências.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3680-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3681/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC-005.862/2021-3.

2. Grupo: I; Classe de Assunto - IV: Admissão.

3. Interessados: Antonio Welton da Silva Santos (023.564.153-78), Leandro Martins Hermes (023.249.261-13), e Ligia Paula Marinho Pinto Honorio (641.689.213-87).

4. Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais - Sefip.

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos em que se analisam atos de admissão de pessoal emitidos pela Caixa Econômica Federal, em benefício dos Srs. Antonio Welton da Silva Santos e Leandro Martins Hermes e da Sra. Ligia Paula Marinho Pinto Honorio.

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo relator e com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 259, inciso I, 260, §§ 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegais as admissões expedidas em favor dos Srs. Antonio Welton da Silva Santos e Leandro Martins Hermes e da Sra. Ligia Paula Marinho Pinto Honorio, negando registro aos correspondentes atos;

9.2. determinar à Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em trâmite na Justiça Trabalhista, e adote as medidas pertinentes em caso de desconstituição da sentença; e

9.2.2. dê ciência, no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento das notificações deste Acórdão, do inteiro teor desta Deliberação aos Srs. Antonio Welton da Silva Santos e Leandro Martins Hermes e à Sra. Ligia Paula Marinho Pinto Honorio, encaminhando a este Tribunal, no prazo de 30 (trinta) dias, comprovantes das referidas ciências.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3681-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3682/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC 018.564/2019-4.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Maria Janete Oliveira de Souza (137.158.872-49), Joao Alfredo Pereira da Silva (614.766.842-00) e Programa de Desenvolvimento Auto-Sustentável de Nova Esperança (04.849.831/0001-93).

4. Entidade: Programa de Desenvolvimento Auto-Sustentável de Nova Esperança (04.849.831/0001-93).

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial - SecexTCE.

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos referentes à Tomada de Contas Especial instaurada pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, em razão de irregularidades na execução física e financeira do Convênio 750342/2010, registro Siafi 750342, celebrado entre a então Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial - SEPPIR/PR e o Programa de Desenvolvimento Auto-Sustentável de Nova Esperança, cujo objeto era dar apoio financeiro ao Projeto "II Feira do Empreendedores Indígenas de Roraima", conforme especificações contidas no respectivo Plano de Trabalho.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. excluir o Sr. João Alfredo Pereira da Silva do rol de responsáveis desta TCE;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneac, 19,caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Programa de Desenvolvimento Auto-Sustentável de Nova Esperança e da Sra. Maria Janete Oliveira de Souza, e condená-los solidariamente ao pagamento da quantia de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil de reais), fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento das respectivas notificações, para que comprovem, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida a favor do Tesouro Nacional, acrescida da atualização monetária e dos juros de mora, calculados a partir de 19/5/2011 até a data da efetiva quitação, nos termos da legislação em vigor, abatendo-se, na oportunidade, a quantia já ressarcida em 29/11/2011, no valor de R$ 10.551,06 (dez mil, quinhentos e cinquenta e um reais e seis centavos), na forma do disposto no enunciado 128 da súmula de jurisprudência do TCU;

9.3. aplicar, individualmente, ao Programa de Desenvolvimento Auto-Sustentável de Nova Esperança e à Sra. Maria Janete Oliveira de Souza a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais), fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que comprovem, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data deste Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.4. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, o parcelamento das dívidas em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora; multa: atualização monetária), esclarecendo aos responsáveis que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor (art. 217, § 2º, inciso II, do RI/TCU), sem prejuízo das demais medidas legais;

9.5. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas a que se referem este Acórdão, caso não atendidas as notificações, com base no art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.6. remeter cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Distrito Federal, com fundamento no art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992 c/c o art. 209, § 7º, do Regimento Interno/TCU, bem como ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, para ciência.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3682-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3683/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC-024.312/2015-0.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Francisco das Chagas Magalhães Mesquita (263.943.673-20), Francisco do Carmo Filho Publicidades (04.417.049/0001-03) e Regina Célia Matos Moura (122.402.063.49).

4. Entidade: Município de Santa Quitéria/CE.

5. Relator: Ministro Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial - Secex/TCE.

8. Representação legal: Ana Rachel Magalhães Mesquita de Oliveira (OAB/CE 29.740), Francisco Marcos Costa de Andrade (OAB/CE 24.444) e Iohana Bezerra Costa (OAB/CE 34.491).

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos da Tomada de Contas Especial instaurada pelo Ministério do Turismo em função da ocorrência de irregularidades na execução física e financeira do Convênio 514/2009 (Siconv 703778/2009), que teve por objeto a realização do evento "XVIII Exposição Agropecuária de Santa Quitéria/CE".

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. excluir da presente relação processual a empresa Francisco do Carmo Filho Publicidades;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneasbec, 19,caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Francisco das Chagas Magalhães Mesquita e da Sra. Regina Célia Matos Moura, condenando-os, em solidariedade, ao pagamento da quantia original de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovarem, perante o Tribunal (artigo 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir de 7/12/2009 até a data do efetivo recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor:

9.3. aplicar ao Sr. Francisco das Chagas Magalhães Mesquita e à Sra. Regina Célia Matos Moura, de forma individual, a multa capitulada nos arts. 19,caput, e 57 da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 55.000,00 (cinquenta e cinco mil reais), fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para que comprovem, perante o Tribunal (artigo 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do presente Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor

9.4. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217 do Regimento Interno/TCU, o parcelamento das dívidas em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora; multa: atualização monetária), esclarecendo aos responsáveis que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.5. autorizar, desde logo, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, a cobrança judicial das dívidas, caso não atendida as notificações;

9.6. enviar cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Estado do Ceará, nos termos do § 7° do art. 209 do Regimento Interno/TCU, para adoção das medidas que entender cabíveis, bem como ao Ministério do Turismo, para ciência e, ainda, à Procuradoria da República no Município de Sobral/CE, em atenção ao pedido de informações constante do TC-024.145/2016-5, apensado a estes autos.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3683-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3684/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC-025.861/2020-4.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Oberdam Rocha Dias (531.293.937-49) e Adiodato José de Araújo (129.842.758-45).

4. Entidade: Município de Barra do Choça/BA.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial - SecexTCE.

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos referentes à Tomada de Contas Especial instaurada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE contra os Srs. Oberdam Rocha Dias (gestão: de 1º/1/2013 a 31/12/2016) e Adiodato José de Araújo (gestão: de 1º/1/2017 a 31/12/2020), ex-prefeitos de Barra do Choça/BA, em face da omissão no dever de prestar contas dos recursos federais recebidos por força do Programa Educação Infantil - Novas Turmas, no exercício de 2015.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneaa, 19,caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Oberdam Rocha Dias, condenando-o ao pagamento das quantias abaixo especificadas, atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora, calculados a partir das correspondentes datas até a efetiva quitação, fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, na forma da legislação em vigor:

Data de ocorrência

Valor histórico (R$)

9/2/2015

41.140,26

9/2/2015

102.850,65

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneaa, 19, parágrafo único, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Adiodato José de Araújo;

9.3. aplicar ao Sr. Oberdam Rocha Dias a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea a, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data deste Acórdão até a data do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.4. aplicar ao Sr. Adiodato José de Araújo a multa capitulada no art. 58, inciso I, da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data deste Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.5. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, o parcelamento das dívidas a que se referem os subitens 9.1, 9.3 e 9.4 acima, em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora; multa: atualização monetária), cientificando os responsáveis de que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.6. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas a que se refere este Acórdão, caso não atendidas as notificações, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.7. remeter cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Estado da Bahia, com fundamento no § 7º do art. 209 do Regimento Interno do TCU, e ao FNDE para ciência.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3684-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3685/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC 027.417/2019-0.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsável: Mellina Torres Freitas (044.461.694-24).

4. Entidade: Município de Piranhas/AL.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sérgio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial - SecexTCE.

8. Representação legal: Daniel Salgueiro da Silva (OAB/AL 3.284).

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos referentes à Tomada de Contas Especial instaurada pelo Ministério do Turismo, em nome da responsável Sra. Mellina Torres Freitas, Prefeita de Piranhas/AL, no período de 2009/2012, em decorrência da omissão no dever de prestar contas dos recursos públicos do Convênio 594/2010, celebrado entre o aludido órgão ministerial e o mencionado município, com vistas a incentivar o turismo por meio do apoio à realização do projeto intitulado de "Festa do Turista".

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneac, 19,caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas da Sra. Mellina Torres Freitas e condená-la ao pagamento da quantia de R$ 200.000,00 (duzentos mil reais), acrescida da atualização monetária e dos juros de mora, calculados a partir de 25/11/2010 até a data da efetiva quitação, fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, nos termos da legislação em vigor;

9.2. aplicar à Sra. Mellina Torres Freitas a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data deste Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.3. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, o parcelamento das dívidas em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora; multa: atualização monetária), esclarecendo à responsável que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor (art. 217, § 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU), sem prejuízo das demais medidas legais;

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas a que se referem os subitens anteriores, caso não atendida a notificação, com base no art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.5. com fundamento no art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992 e no art. 209, § 7º, do Regimento Interno/TCU, remeter cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Estado do Alagoas, para adoção das providências cabíveis, e ao Ministério do Turismo para ciência.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3685-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3686/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC 035.918/2020-9.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: IV - Admissão.

3. Interessados: Benicio José Ferreira (856.941.771-34), Celio de Castro (863.018.961-49) e Vinicius Capuzzo de Melo (925.206.931-34).

4. Entidade: Diretoria Regional da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos em Goiás - ECT/GO.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sérgio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais - Sefip.

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos em que são analisados atos de admissão de pessoal emitidos pela Diretoria Regional da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos em Goiás.

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo relator e com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 259, inciso I, 260, §§ 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegais os atos de admissão expedidos em favor de Benicio José Ferreira, Celio de Castro e Vinicius Capuzzo de Melo, e negar-lhes os correspondentes registros;

9.2. determinar à Diretoria Regional da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos em Goiás que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0001035.92.2013.5.10.0015, em trâmite na Justiça Trabalhista, e adote as medidas pertinentes em caso de desconstituição da sentença que estendeu a validade do concurso público regido pelo Edital 11/2011 até o trânsito em julgado daquele processo; e

9.2.2. dê ciência desta deliberação aos interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3686-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3687/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo: TC 043.455/2018-2.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsável: Ferdinando Lima de Carvalho (461.112.124-00).

4. Entidade: Município de Parnamirim/PE.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos referentes à Tomada de Contas Especial instaurada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE, em decorrência da não aprovação da prestação de contas dos recursos oriundos do Convênio 702.583/2010, celebrado entre o mencionado Fundo e o Município de Parnamirim/PE, para construção de uma unidade escolar no âmbito do Programa Nacional de Reestruturação e Aparelhagem da Rede Escolar Pública de Educação Infantil - Proinfância.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "b" e "c", 19,caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Ferdinando Lima de Carvalho e condená-lo ao pagamento das quantias adiante discriminadas, atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora, calculados a partir das datas indicadas até a da efetiva quitação, fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da respectiva notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, nos termos da legislação em vigor:

Valor Original (R$)

Data

488,57

12/05/2011

231,07

22/09/2011

93,30

11/10/2011

21,29

19/10/2011

1.189,57

8/12/2011

2.446,47

26/01/2012

1.776,14

01/3/2012

1.164,43

02/04/2012

9.070,23

16/04/2013

15.369,03

16/04/2013

869,27

16/01/2015

9.2. aplicar ao Sr. Ferdinando Lima de Carvalho a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 6.000,00 (seis mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alíneaa, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data deste Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.3. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, o parcelamento das dívidas em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora; multa: atualização monetária), esclarecendo ao responsável que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor (art. 217, § 2º, inciso II, do RI/TCU), sem prejuízo das demais medidas legais;

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas a que se refere este Acórdão, caso não atendida a notificação, com base no art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.5. remeter cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Estado de Pernambuco, com fundamento no art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992 c/c o art. 209, § 7º, do RI/TCU, e ao FNDE para ciência.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3687-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa (Relator) e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3688/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 000.445/2018-5.

2. Grupo I - Classe II - Assunto: Tomada de Contas Especial

3. Responsáveis: J.C. Furtado Produções Artisticas Ltda (CNPJ 02.311.570/0001-28) e José Carlos Furtado Filho (CPF 465.492.007-25)

4. Entidade: Agência Nacional do Cinema (Ancine).

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (Secex-TCE).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pela Agência Nacional do Cinema (Ancine) em desfavor da J. C. Furtado Produções Artísticas Ltda., além de José Carlos Furtado Filho e Cinthya Graber, como sócios-administradores da aludida empresa, diante da não comprovação da boa e regular execução dos recursos federais em prol do projeto cultural intitulado como "Irmãs Batista" (SALIC 99-3272) para a produção de obra cinematográfica de longa metragem em 35 mm a respeito da vida de Linda e Dircinha Batista, como cantoras de rádio, sob o valor total de R$ 2.200.000,00 pelo aporte de R$ 1.800.000,00 para a produção e de R$ 400.000,00 para a comercialização do produto, tendo a vigência do ajuste sido estipulada para o período de 3/9/1999 a 31/12/2006;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. declarar a revelia da J. C. Furtado Produções Artísticas Ltda., além de José Carlos Furtado Filho, nos termos do art. 12, § 3º, da Lei n.º 8.443/1992;

9.2. julgar irregulares as contas da J. C. Furtado Produções Artísticas Ltda. além de José Carlos Furtado Filho, nos termos dos arts. 16, III, "a", "b" e "c", com o § 2º, "b", e 19,caput, da Lei n.º 8.443, de 1992, para condená-los, solidariamente, ao pagamento do correspondente débito, com a atualização monetária e os juros de mora calculados desde as datas informadas até o efetivo recolhimento, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprovem perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da referida dívida em favor do Fundo Nacional da Cultura, na forma da legislação em vigor, sob as seguintes condições:

Data da Ocorrência

Valor Original (em R$)

19/12/2003

339.884,26

1/4/2004

200.000,00

9.3. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei n.º 8.443, de 1992, e do art. 217 do RITCU, o parcelamento da dívida fixada por este Acórdão em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, com a atualização monetária e os correspondentes acréscimos legais, esclarecendo aos responsáveis que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial da dívida fixada por este Acórdão, nos termos do art. 28, II, da Lei nº 8.443, de 1992, diante do não atendimento às notificações; e

9.5. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à Procuradoria da República no Estado do Rio de Janeiro, nos termos do art. 16, § 3º, da Lei n.º 8.443, de 1992, e do art. 209, § 7º, do RITCU, para o ajuizamento das ações civis e penais cabíveis.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3688-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3689/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 002.688/2020-4.

2. Grupo I - Classe II - Assunto: Tomada de Contas Especial.

3. Responsável: Saul Nunes Bemerguy (CPF 053.110.802-30).

4. Entidade: Município de Tabatinga - AM.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (Secex-TCE).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) em desfavor de Saul Nunes Bemerguy, como então prefeito de Tabatinga - AM (gestão: 1º/1/2009 a 31/12/2012), diante da omissão no dever de prestar contas dos recursos federais repassados ao aludido município sob o valor de R$ 1.133.676,00 no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) durante o exercício de 2012;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos na Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. declarar a revelia de Saul Nunes Bemerguy, nos termos do art. 12, § 3º, da Lei nº 8.443, de 1992;

9.2. julgar irregulares as contas de Saul Nunes Bemerguy, nos termos dos arts. 16, III, alíneas "a", "b" e "c", e 19,caput, 23, III, da Lei nº 8.443, de 1992, para condená-lo ao pagamento do correspondente débito, com a atualização monetária e os juros de mora calculados desde as datas informadas até o efetivo recolhimento, fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da referida dívida em favor do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, na forma da legislação em vigor, sob as seguintes condições:

Data da Ocorrência

Valor Original (em R$)

6/3/2012

110.442,00

30/3/2012

110.442,00

26/4/2012

110.442,00

31/5/2012

110.442,00

29/6/2012

115.318,00

31/7/2012

115.318,00

31/8/2012

115.318,00

28/9/2012

115.318,00

31/10/2012

115.318,00

30/11/2012

115.318,00

9.3 aplicar em desfavor de Saul Nunes Bemerguy a multa prevista no art. 57 da Lei n.º 8.443, de 1992, sob o valor de R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, III, "a", do RITCU), o recolhimento das referidas dívidas ao Tesouro Nacional, com a devida atualização monetária, na forma da legislação em vigor;

9.4. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei n.º 8.443, de 1992, e do art. 217 do RITCU, o parcelamento das dívidas fixadas por este Acórdão em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, com a devida atualização monetária e os correspondentes acréscimos legais, esclarecendo aos responsáveis que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.5. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas fixadas por este Acórdão, nos termos do art. 28, II, da Lei n.º 8.443, de 1992, diante do não atendimento às notificações; e

9.6 enviar cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à Procuradoria da República no Estado do Amazonas, nos termos do § 3º do art. 16 da Lei n.º 8.443, de 1992, para o ajuizamento das ações civis e penas cabíveis.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3689-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3690/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 006.078/2019-2.

2. Grupo I - Classe II - Assunto: Tomada de Contas Especial.

3. Responsável: Isaac Cavalcante de Carvalho (CPF 520.592.005-04).

4. Entidade: Município de Juazeiro - BA.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (Secex-TCE).

8. Representação legal:

8.1. Luiz Antônio Costa de Santana (794-A/OAB-PE), entre outros, representando Isaac Cavalcante de Carvalho.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pela Caixa Econômica Federal (Caixa) em desfavor de Misael Aguilar Silva Júnior (gestão: 2005-2008) e Isaac Cavalcante de Carvalho (gestão: 2009-2016), como então prefeitos de Juazeiro - BA, diante da impugnação dos dispêndios inerentes ao Contrato de Repasse n.º 0238139-81/2007 celebrado entre o então Ministério das Cidades e o aludido município para a elaboração do projeto executivo do sistema de esgotamento sanitário a partir do aporte de R$ 1.584.955,01 em recursos federais e R$ 84.421,00 em recursos da contrapartida, tendo a vigência do ajuste sido estipulada para o período de 27/12/2007 a 5/3/2017;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos na Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. promover a exclusão de Misael Aguilar Silva Júnior no presente processo, diante dos elementos de convicção até aqui obtidos pelo TCU;

9.2. julgar irregulares as contas de Isaac Cavalcante de Carvalho, nos termos dos arts. 1º, I, 16, III, "a", "b" e "c", 19,caput, 23, III, da Lei n.º 8.443, de 1992, para condená-lo ao pagamento do correspondente débito, com a atualização monetária e os juros de mora calculados desde a data informada até o efetivo recolhimento, fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da dívida em favor do Tesouro Nacional, na forma da legislação em vigor, sob as seguintes condições:

Data da Ocorrência

Valor (em R$)

26/12/2008

80.357,22

9.3. aplicar em desfavor de Isaac Cavalcante de Carvalho a multa prevista no art. 57 da Lei n.º 8.443, de 1992, sob o valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove, perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da referida dívida em favor do Tesouro Nacional, com a devida atualização monetária, na forma da legislação em vigor;

9.4. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei n.º 8.443, de 1992, e do art. 217 do RITCU, o parcelamento das dívidas fixadas por este Acórdão em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, com a atualização monetária e os correspondentes acréscimos legais, esclarecendo ao responsável que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do art. 217, § 2º, do RITCU, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.5. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas fixadas por este Acórdão, nos termos do art. 28, II, da Lei n.º 8.443, de 1992, diante do não atendimento à notificação; e

9.6. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à Procuradoria da República no Estado da Bahia, nos termos do art. 16, § 3º, da Lei n.º 8.443, de 1992, para o ajuizamento das ações civis e penais cabíveis.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3690-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro que alegou impedimento na Sessão: Aroldo Cedraz (na Presidência).

13.3. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3691/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 007.597/2019-3.

2. Grupo II - Classe V - Assunto: Aposentadoria.

3. Interessadas: Maria Cristina Freitas Elarrat (CPF 056.331.842-20); Maria Cristina Ramos Borges (CPF 143.000.951-91); Maria da Graça Bernardes e Silva (CPF 454.610.829-04); Maria das Dores Brito (CPF 149.357.912-68); Maria das Dores de Lima Siqueira Queiroz (CPF 036.998.892-20).

4. Entidade: Fundação Universidade Federal de Rondônia.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de aposentadorias deferidas em favor de Maria Cristina Freitas Elarrat, Maria Cristina Ramos Borges, Maria da Graça Bernardes e Silva, Maria das Dores Brito e Maria das Dores de Lima Siqueira Queiroz pela Fundação Universidade Federal de Rondônia;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, nos termos do art. 71, III e IX, da Constituição de 1988, dos arts. 1º, V, 39, II, e 45 da Lei nº 8.443, de 1992, e dos arts. 260, § 1º, e 262, § 2º, do RITCU, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. assinalar a legalidade dos atos iniciais de aposentadoria em favor de Maria Cristina Freitas Elarrat (à Peça 4 sob o n.º 10499202-04-2016-000005-7), Maria da Graça Bernardes e Silva (à Peça 6 sob o n.º 10499202-04-2018-000002-8), Maria das Dores Brito (à Peça 7 sob o n.º 10499202-04-2017-000030-0) e Maria das Dores de Lima Siqueira Queiroz (à Peça 8 sob o n.º 10499202-04-1998-000017-1), concedendo-lhes os respectivos registros;

9.2. assinalar a ilegalidade do ato inicial de aposentadoria em favor de Maria Cristina Ramos Borges (à Peça 5 sob o n.º 10499202-04-2007-000018-0), negando-lhe o respectivo registro;

9.3. dispensar o ressarcimento das quantias percebidas indevidamente, mas de boa-fé, em consonância com a Súmula n.º 106 do TCU;

9.4. determinar que, no prazo de 15 (quinze) dias contados da ciência desta deliberação, a Fundação Universidade Federal de Rondônia adote as seguintes medidas:

9.4.1. faça cessar os pagamentos decorrentes do ato ora considerado ilegal pelo item 9.2 deste Acórdão sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 71, IX, da Constituição de 1988 e do art. 262, caput, do RITCU;

9.4.2. dê ciência desta deliberação à interessada indicada no item 9.2 deste Acórdão, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da eventual interposição do subsequente recurso junto ao TCU não a eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação, diante do não provimento desse recurso, devendo encaminhar os comprovantes da correspondente notificação ao TCU no prazo de 30 (trinta) dias;

9.4.3. encaminhe a este Tribunal, nos termos do art. 262, § 2º, do RITCU, o novo ato de concessão da aludida aposentadoria apontada no item 9.2 deste Acórdão, sem a ilegalidade indicada nesta deliberação, para que seja submetido à apreciação pelo TCU, na forma do art. 260,caput, do RITCU;

9.5. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à Fundação Universidade Federal de Rondônia, para ciência e efetivo cumprimento ao item 9.4 deste Acórdão; e

9.6. arquivar o presente processo, sem prejuízo de a unidade técnica promover o monitoramento da determinação proferida pelo item 9.4 deste Acórdão, representando ao TCU, se necessário.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3691-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3692/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 008.976/2013-9.

2. Grupo I - Classe II - Assunto: Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Domingos Rodrigues de Oliveira (CPF 035.720.563-49); Jose Charles Fortes Castro (CPF 185.678.353-72); Romulo Aécio Sousa (CPF 809.549.283-34).

4. Município de Campo Largo do Piauí - PI.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (Secex-TCE).

8. Representação legal:

8.1 Kassius Klay Mattos Oliveira (OAB-PI 3.838), entre outros, representando José Charles Fortes Castro;

8.2 Guilherme Lopes Mair (OAB-DF 32.261), representando a Caixa Econômica Federal.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pela Caixa Econômica Federal em desfavor de Domingos Rodrigues de Oliveira e José Charles Fortes Castro, como então prefeitos de Campo Largo do Piauí - PI (gestões: 2001/2004 e 2005/2012, respectivamente), diante da impugnação dos dispêndios inerentes ao Contrato de Repasse 0124453-89/2001/MDA/Caixa (Siafi 437104) destinado à transferência de recursos federais para a execução, dentro do Programa Nacional da Agricultura Familiar (Pronaf), das ações voltadas em prol da implantação de infraestrutura e serviços de apoio à agricultura familiar a partir da aquisição de máquinas, acessórios e implementos agrícolas, além da introdução de tecnologia em piscicultura, escoamento da produção e capacitação com a assistência técnica de agricultores familiares, sob o valor de R$ 150.000,00, tendo a vigência do ajuste sido estipulada para o período de 14/11/2001 a 30/8/2008 e prorrogada até 11/9/2016;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. declarar a revelia de Domingos Rodrigues de Oliveira e Romulo Aécio Sousa, nos termos do art. 12, § 3º, da Lei nº 8.443, de 1992;

9.2. rejeitar a correspondente defesa oferecida por José Charles Fortes Castro;

9.3. julgar irregulares as contas de Romulo Aécio Sousa, nos termos dos arts. 1º, I, 16, III, "b", 19, parágrafo único, e 23, III, da Lei n.º 8.443, de 1992, e, assim, aplicar a multa prevista no art. 58, II, da Lei n.º 8.443, de 1992, sob o valor de R$ 5.000 (cinco mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove, perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da dívida em favor do Tesouro Nacional, na forma da legislação em vigor;

9.4. julgar irregulares as contas de Domingos Rodrigues de Oliveira e José Charles Fortes Castro, nos termos dos arts. 16, III, alíneas "a", "b" e "c", e 19,caput, da Lei nº 8.443, de 1992, para condená-los ao pagamento do correspondente débito, com a atualização monetária e os juros de mora calculados desde as datas informadas até o efetivo recolhimento, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da referida dívida em favor do Tesouro Nacional, na forma da legislação em vigor, sob as seguintes condições:

9.4.1. responsabilidade solidária entre Domingos Rodrigues de Oliveira e José Charles Fortes Castro pelo seguinte valor:

Data da Ocorrência

Valor Original (em R$)

25/8/2003

12.734,19

24/9/2004

6.060,01

9.4.2. responsabilidade individual de Domingos Rodrigues de Oliveira pelo seguinte valor:

Data da Ocorrência

Valor Original (em R$)

14/4/2003

12.613,04

25/8/2003

1.765,81

9.5. aplicar a multa prevista no art. 57 da Lei n.º 8.443, de 1992, em desfavor de Domingos Rodrigues de Oliveira e José Charles Fortes Castro, individualmente, sob os respectivos valores de R$ 10.000,00 (dez mil reais) e R$ 5.000,00 (cinco mil reais), fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprovem, perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da dívida em favor do Tesouro Nacional, na forma da legislação em vigor;

9.6. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei nº 8.443, de 1992, e do art. 217 do RITCU, o parcelamento das dívidas fixadas por este Acórdão em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, com a devida atualização monetária e os correspondentes acréscimos legais, esclarecendo aos responsáveis que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do art. 217, § 2º, do RITCU, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.7. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas fixadas por este Acórdão, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei nº 8.443, de 1992, diante do não atendimento às notificações; e

9.8. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e o Voto, à Procuradoria da República no Estado do Piauí, nos termos do art. 16, § 3º, da Lei nº 8.443, de 1992, para o ajuizamento das ações civis e penais cabíveis.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3692-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3693/2021 - TCU - Segunda Câmara

1. Processo nº TC 014.104/2016-4.

2. Grupo II - Classe V - Assunto: Pensão Militar.

3. Interessadas: Amalia Barboza Ruas (CPF 125.498.514-04); Arlinda Rosa Pereira de Freitas (CPF 774.042.707-15); Cecilia Ferreira de Souza Oliveira (CPF 079.224.977-17); Clarice Novaes da Motta (CPF 690.752.557-72); Cléa Goyannes Ruas Benites (CPF 033.924.907-25); Geuza Fontoura Pereira (CPF 919.170.427-87); Maria Teresa Amorim Jensen (CPF 603.151.217-34); Sylvia Motta Kleemann (CPF 054.755.897-04); Tania Maria Amorim Pazos (CPF 402.396.917-68); Vania Lucia Siqueira Lima (CPF 660.507.827-68); Zuleika Dias Martins (CPF 004.008.597-00); Zulmira Guimaraes Ramos (CPF 695.323.977-87).

4. Órgão: 1ª Região Militar junto ao Comando do Exército.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensões militares deferidas pela 1ª Região Militar junto ao Comando do Exército em favor de Amalia Barboza Ruas, Arlinda Rosa Pereira de Freitas, Cecilia Ferreira de Souza Oliveira, Clarice Novaes da Motta, Cléa Goyannes Ruas Benites, Geuza Fontoura Pereira, Maria Teresa Amorim Jensen, Sylvia Motta Kleemann, Tania Maria Amorim Pazos, Vania Lucia Siqueira Lima, Zuleika Dias Martins e Zulmira Guimaraes Ramos;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, nos termos do art. 71, III e IX, da Constituição de 1988, dos arts. 1º, V, 39, II, e 45 da Lei n.º 8.443, de 1992, e dos arts. 260, § 1º, e 262, § 2º, do RITCU, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. assinalar a legalidade dos atos iniciais de pensão militar em favor de Arlinda Rosa Pereira de Freitas (à Peça 10 sob o n° 10003401-08-2016-002057-0) e Cecilia Ferreira de Souza Oliveira (à Peça 3 sob o n° 10003401-08-2014-001111-7), além dos atos de reversão da pensão militar em favor de Maria Teresa Amorim Jensen (à Peça 7 sob o n° 10003401-08-2013-000570-0), Tania Maria Amorim Pazos (à Peça 7 sob o n° 10003401-08-2013-000570-0), Vania Lucia Siqueira Lima (à Peça 8 sob o n° 10003401-08-2014-000105-7) e Zulmira Guimaraes Ramos (à Peça 9 sob o n° 10003401-08-2013-000394-4), concedendo-lhes o respectivo registro;

9.2. assinalar a ilegalidade dos atos iniciais de pensão militar em favor de Amalia Barboza Ruas (à Peça 5 sob o n° 10003401-08-2015-002102-6), Clarice Novaes da Motta (à Peça 2 sob o n° 10003401-08-2015-002198-0), Cléa Goyannes Ruas Benites (à Peça 6 sob o n° 10003401-08-2016-002087-1), Geuza Fontoura Pereira (à Peça 11 sob o n° 10003401-08-2016-002144-4), Sylvia Motta Kleemann (à Peça 2 sob o n° 10003401-08-2015-002198-0) e Zuleika Dias Martins (à Peça 4 sob o n° 10003401-08-2016-002021-9), negando-lhes o respectivo registro, diante da indevida percepção dos proventos da anterior reforma em dois ou mais postos acima daquele ostentado pelo militar-instituidor na atividade;

9.3. dispensar o ressarcimento das quantias percebidas indevidamente, mas de boa-fé, em consonância com a Súmula n.º 106 do TCU;

9.4. determinar que, no prazo de 15 (quinze) dias contados da ciência desta deliberação, a 1ª Região Militar junto ao Comando do Exército adote as seguintes medidas:

9.4.1. faça cessar os pagamentos decorrentes dos atos ora considerados ilegais pelo item 9.2 deste Acórdão, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 71, IX, da Constituição de 1988 e do art. 262,caput, do RITCU;

9.4.2. dê ciência do inteiro teor desta deliberação às interessadas indicadas no item 9.2 deste Acórdão, alertando-as de que o efeito suspensivo proveniente da eventual interposição de recurso junto ao TCU não as eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação, diante do não provimento ao referido recurso, devendo encaminhar os comprovantes dessa notificação ao TCU no prazo de até 30 (trinta) dias;

9.4.3. encaminhe a este Tribunal, nos termos do art. 262, § 2º, do RITCU, os novos atos para as aludidas pensões militares indicadas pelo item 9.2 deste Acórdão, sem as ilegalidades indicadas nesta deliberação, para serem submetidos à apreciação pelo TCU, na forma do art. 260 do RITCU;

9.5. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à 1ª Região Militar junto ao Comando do Exército, para ciência e efetivo cumprimento ao item 9.4 deste Acórdão; e

9.6. arquivar o presente processo, sem prejuízo de promover o monitoramento da determinação proferida pelo item 9.4 deste Acórdão, representando ao TCU, se necessário.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3693-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3694/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 014.325/2016-0.

2. Grupo I - Classe II - Assunto: Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: João Ribeiro de Lemos (CPF 128.279.674-72).

4. Entidade: Município de Camaragibe - PE.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (Secex-TCE).

8. Representação legal:

8.1. Osvir Guimarães Thomaz (OAB-PE 37.698), entre outros, representando João Ribeiro de Lemos.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pelo então Ministério da Justiça e Cidadania em desfavor de João Ribeiro de Lemos e Jorge Alexandre Soares da Silva, como então prefeitos de Camaragibe - PE (gestões: 2009-2012 e 2013-2016, respectivamente), diante da omissão no dever de prestar contas dos recursos federais transferidos por meio do Convênio n.º 83/2009 em prol da estruturação da brigada comunitária junto à guarda municipal a partir do aporte de R$ 1.406.433,00 em recursos federais e R$ 15.000,00 em recursos da contrapartida, tendo a vigência do ajuste sido estipulada para o período de 23/12/2009 a 23/12/2011;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. julgar irregulares as contas de João Ribeiro de Lemos, nos termos dos arts. 1º, I, 16, III, alíneas "b" e "c", e 19,caput, 23, III, da Lei nº 8.443, de 1992, para condená-lo ao pagamento do correspondente débito, com a atualização monetária e os juros de mora calculados desde as datas informadas até o efetivo recolhimento, fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da referida dívida em favor do Tesouro Nacional, na forma da legislação em vigor, sob as seguintes condições:

Valor Original (R$)

Data da ocorrência

17/6/2010

53.193,00

19/8/2010

43.474,00

17/9/2010

7.313,00

24/9/2010

4.300,00

4/10/2010

40.800,00

25/11/2010

48.300,00

27/12/2010

35.400,00

10/2/2011

23.700,00

15/3/2011

7.200,00

11/4/2011

25.800,00

8/6/2011

47.200,00

12/7/2011

42.700,00

24/8/2011

962,00

30/9/2011

954,00

4/10/2011

62.646,00

7/11/2011

63.600,00

14/12/2011

95.400,00

27/12/2011

260.800,00

9.2. aplicar em desfavor de João Ribeiro de Lemos a multa prevista no art. 57 da Lei n.º 8.443, de 1992, sob o valor de R$ 200.000,00 (duzentos mil de reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, para que comprove, perante o Tribunal, nos termos do art. 214, III, "a", do RITCU, o recolhimento da referida dívida em favor do Tesouro Nacional, com a devida atualização monetária, na forma da legislação em vigor;

9.3. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei n.º 8.443, de 1992, e do art. 217 do RITCU, o parcelamento da dívida fixada por este Acórdão em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, com a atualização monetária e os correspondentes acréscimos legais, esclarecendo ao responsável que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do art. 217, § 2º, do RITCU, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas fixadas por este Acórdão, nos termos do art. 28, II, da Lei n.º 8.443, de 1992, diante do não atendimento à notificação; e

9.5. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à Procuradoria da República no Estado de Pernambuco, nos termos do art. 16, § 3º, da Lei n.º 8.443, de 1992, para o ajuizamento das ações civis e penais cabíveis.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3694-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3695/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 024.181/2015-3.

1.1. Apenso: TC 021.477/2009-3.

2. Grupo II - Classe II - Assunto: Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Adalberto Braga (CPF 296.720.157-04); Alan Kardec Pinto (CPF 034.530.657-00); Antonio Carlos Bessa Campos (CPF 271.679.847-87); Confab Industrial Sociedade Anônima (CNPJ 60.882.628/0001-90); Confab Montagens Ltda. (CNPJ 47.376.454/0001-25); Luiz Carlos Avalone Ramalho (CPF 373.839.907-06); Luiz Gerszt (CPF 231.097.007-78); Marco Aurélio da Rosa Ramos (CPF 352.544.320-04); Otto Rocha Silva (CPF 625.709.277-91); Paulo Roberto Costa (CPF 302.612.879-15); Pedro José Barusco Filho (CPF 987.145.708-15); Renato de Souza Duque (CPF 510.515.167-49); Sandoval Dias Aragão (CPF 229.203.586-34); Sérgio dos Santos Arantes (CPF 335.417.367-04).

4. Entidade: Petróleo Brasileiro S.A.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo de Vries Marsico.

7. Unidade Técnica: Secretaria Extraordinária de Operações Especiais em Infraestrutura (SeinfraOperações).

8. Representação legal:

8.1. José Guilherme Berman Corrêa Pinto (119454/OAB-RJ), entre outros, representando a Confab Industrial Sociedade Anônima;

8.2. Carlos Roberto de Siqueira Castro (20.015/OAB-DF), entre outros, representando Luiz Gerszt, Sérgio dos Santos Arantes, Maurício de Freitas Costa, José Sérgio Gabrielli de Azevedo e Sandoval Dias Aragão;

8.3. Cesar Augusto Gomes Garrido (184.265/OAB-RJ), entre outros, representando Otto Rocha Silva, Antonio Carlos Bessa Campos e Luiz Carlos Avalone Ramalho;

8.4. Pedro Lucas Ribeiro Rocha, entre outros, representando Renato de Souza Duque;

8.5. Renato Otto Kloss (117.110/OAB-RJ), entre outros, representando Luiz Gerszt, Alan Kardec Pinto, Adalberto Braga, Marco Aurélio da Rosa Ramos, Sandoval Dias Aragão e Sérgio dos Santos Arantes;

8.6. Maria Francisca Sofia Nedeff Santos (77.507/OAB-PR), entre outros, representando Pedro José Barusco Filho;

Giovani Trindade Castanheira Menicucci (27.340/OAB-DF), entre outros, representando a Confab Industrial Sociedade Anônima e Confab Montagens Ltda.;

8.7. Rodrigo Alexander Calazans Macedo (123.041/OAB-RJ), entre outros, representando Luiz Gerszt, Maurício de Freitas Costa, José Sérgio Gabrielli de Azevedo, Sandoval Dias Aragão, Cláudio Roberto Lima do Rego, Jorge Assis da Cruz, José Paulo Assis, Luis Alberto Spagnolo, George Wilson Melco, Tarcisio Taraszkiewicz, João Carlos Loss, João Bosco Santini Pereira, Fernando Almeida Biato e Ricardo Zorron Cavalcanti; e

8.8. Hélio Siqueira Júnior (62929/OAB-RJ), entre outros, representando a Petróleo Brasileiro S.A.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial autuada a partir da conversão do TC 021.477/2009-3, por força do Acórdão 2.163/2015-TCU-Plenário, diante dos indícios de superfaturamento sob o valor original aproximado de R$ 401.728,01 no Contrato 0800.0033756.07.2 (CT-098) celebrado com a Confab Montagens Ltda. (Confab) para a implementação da unidade de propeno (U-2912) na Refinaria Presidente Getúlio Vargas no Estado do Paraná (Repar);

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. assinalar as presentes contas como iliquidáveis, diante dos elementos convicção até aqui obtidos pelo TCU, nos termos dos arts. 20 e 21 da Lei nº 8.443, de 1992, para ordenar o trancamento do feito sem o eventual julgamento de mérito, promovendo o subjacente arquivamento do presente processo;

9.2. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, ao sucessor da Força-Tarefa do Ministério Público Federal junto à Operação Lava-Jato no Paraná, ao sucessor da Força-Tarefa da Advocacia-Geral da União junto à Operação Lava-Jato no Paraná, ao juízo federal na 13ª Vara Federal de Curitiba - PR, à Controladoria-Geral da União (CGU) e à Diretoria de Governança, Risco e Conformidade da Petrobras, para ciência; e

9.3. promover, nos termos do art. 169, III, do RITCU, o apensamento do presente processo ao TC 010.546/2009-4.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3695-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro que alegou impedimento na Sessão: Aroldo Cedraz (na Presidência).

13.3. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3696/2021 - TCU - Segunda Câmara

1. Processo nº TC 026.863/2020-0.

2. Grupo I - Classe V - Assunto: Aposentadoria.

3. Interessada: Dora Aparecida de Oliveira (CPF 261.992.111-20).

4. Órgão: Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de aposentadoria deferida pela administração do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) em favor de Dora Aparecida de Oliveira;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, nos termos do art. 71, III e IX, da Constituição de 1988, dos arts. 1º, V, 39, II, e 45 da Lei n.º 8.443, de 1992, e dos arts. 260, § 1º, e 262, § 2º, do RITCU, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. assinalar a ilegalidade do ato inicial de aposentadoria em favor de Dora Aparecida de Oliveira (à Peça 2 sob o n.º 37609/2017), negando-lhe o respectivo registro, diante da indevida incorporação da vantagem como "quintos" de função, deixando, todavia, de determinar a imediata cessação dos pagamentos inerentes aos "quintos" de função em respeito à decisão prolatada pelo STF no bojo do RE 638.115-CE;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias percebidas indevidamente, mas de boa-fé, em consonância com a Súmula n.º 106 do TCU;

9.3. determinar que, no prazo de 15 (quinze) dias contados da ciência desta deliberação, a administração do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios adote as seguintes medidas:

9.3.1. dê ciência desta deliberação à interessada, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da eventual interposição do subsequente recurso junto ao TCU não a eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação, diante do não provimento desse recurso, devendo encaminhar os comprovantes da correspondente notificação ao TCU no prazo de 30 (trinta) dias;

9.3.2. reavalie e, se for o caso, promova a efetiva alteração da parcela inerente à incorporação de "quintos ou décimos de função" originalmente concedida diante da eventual necessidade de absorção dessa parcela pelas subsequentes modificações legais produzidas sobre a estrutura remuneratória da correspondente carreira, em sintonia, assim, com a deliberação proferida pelo Supremo Tribunal Federal no bojo do RE 638.115 durante a Sessão de 18/12/2019; devendo se manifestar anual e conclusivamente sobre o cumprimento, ou não, desse item do acórdão em item específico no seu Relatório de Gestão em cada exercício financeiro;

9.3.3. promova a efetiva implementação das futuras absorções da parcela inerente à incorporação de "quintos ou décimos de função" em face das supervenientes modificações legais produzidas sobre a estrutura remuneratória da correspondente carreira, em observância, então, à deliberação proferida pelo Supremo Tribunal Federal no bojo do RE 638.115 durante a Sessão de 18/12/2019; devendo se manifestar anual e conclusivamente sobre o cumprimento, ou não, desse item do acórdão em item específico no seu Relatório de Gestão em cada exercício financeiro;

9.4. determinar que o órgão de controle interno junto ao Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios verifique o efetivo cumprimento dos itens 9.3.2 e 9.3.3 deste Acórdão, devendo se manifestar anual e conclusivamente sobre o aludido cumprimento, ou não, desses itens do acórdão em item específico no seu Relatório de Auditoria de Gestão a partir da análise do correspondente Relatório de Gestão em cada exercício financeiro;

9.5. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à administração e, ainda, ao órgão de controle interno do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios, para ciência e efetivo cumprimento aos itens 9.3 e 9.4 deste Acórdão; e

9.6. arquivar o presente processo, sem prejuízo de promover o monitoramento da determinação proferida pelo item 9.3 deste Acórdão, representando ao TCU, se necessário.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3696-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3697/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 027.592/2020-0.

2. Grupo I - Classe V - Assunto: Aposentadoria.

3. Interessado: Eduardo Cláudio Santos (CPF 153.259.381-34).

4. Órgão: Senado Federal.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de aposentadoria deferida pela administração do Senado Federal em favor de Eduardo Cláudio Santos;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, nos termos do art. 71, III e IX, da Constituição de 1988, dos arts. 1º, V, 39, II, e 45 da Lei n.º 8.443, de 1992, e dos arts. 260, § 1º, e 262, § 2º, do RITCU, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. assinalar a ilegalidade do ato inicial de aposentadoria em favor de Eduardo Cláudio Santos (à Peça 2 sob o n.º 1949/2018), negando-lhe o respectivo registro, diante da indevida percepção da vantagem como "opção" prevista no art. 2º da Lei n.º 8.911, de 1994, e da indevida incorporação da vantagem como "quintos" de função;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias percebidas indevidamente, mas de boa-fé, em consonância com a Súmula n.º 106 do TCU, deixando, ainda, de determinar a imediata cessação dos pagamentos inerentes aos "quintos" de função em respeito à decisão prolatada pelo STF no bojo do RE 638.115-CE;

9.3. determinar que, no prazo de 15 (quinze) dias contados da ciência desta deliberação, a administração do Senado Federal adote as seguintes medidas:

9.3.1. faça cessar os pagamentos decorrentes do ato ora considerado ilegal em face da indevida percepção da vantagem como "opção" prevista no art. 2º da Lei n.º 8.911, de 1994, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 71, IX, da Constituição de 1988 e do art. 262,caput, do RITCU;

9.3.2. dê ciência desta deliberação ao interessado, alertando-o de que o efeito suspensivo proveniente da eventual interposição do subsequente recurso junto ao TCU não o eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação, diante do não provimento desse recurso, devendo encaminhar os comprovantes da correspondente notificação ao TCU no prazo de 30 (trinta) dias;

9.3.3. encaminhe a este Tribunal, nos termos do art. 262, § 2º, do RITCU, o novo ato de concessão da aludida aposentadoria, sem a ilegalidade indicada sobre a "opção" nesta deliberação, para que seja submetido à apreciação pelo TCU, na forma do art. 260,caput, do RITCU;

9.3.4. reavalie e, se for o caso, promova a efetiva alteração da parcela inerente à incorporação de "quintos" de função originalmente concedida diante da eventual necessidade de absorção dessa parcela pelas subsequentes modificações legais produzidas sobre a estrutura remuneratória da correspondente carreira, em sintonia, assim, com a deliberação proferida pelo Supremo Tribunal Federal no bojo do RE 638.115 durante a Sessão de 18/12/2019; devendo se manifestar anual e conclusivamente sobre o cumprimento, ou não, desse item do acórdão em item específico no seu Relatório de Gestão em cada exercício financeiro;

9.3.5. promova o destaque da referida parcela como quintos de função pública, transformando-a em "parcela compensatória", para a efetiva implementação das futuras absorções dessa parcela inerente à incorporação de "quintos" de função em face das supervenientes modificações legais produzidas sobre a estrutura remuneratória da correspondente carreira, em observância, então, à deliberação proferida pelo Supremo Tribunal Federal no bojo do RE 638.115 durante a Sessão de 18/12/2019; devendo se manifestar anual e conclusivamente sobre o cumprimento, ou não, desse item do acórdão em item específico no seu Relatório de Gestão em cada exercício financeiro;

9.4. determinar que o órgão de controle interno junto ao Senado Federal verifique o efetivo cumprimento dos itens 9.3.4 e 9.3.5 deste Acórdão, devendo se manifestar anual e conclusivamente sobre o aludido cumprimento, ou não, desses itens do acórdão em item específico no seu Relatório de Auditoria de Gestão a partir da análise do correspondente Relatório de Gestão em cada exercício financeiro;

9.5. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à administração e, ainda, ao órgão de controle interno do Senado Federal, para ciência e efetivo cumprimento aos itens 9.3 e 9.4 deste Acórdão; e

9.6. arquivar o presente processo, sem prejuízo de a unidade técnica promover o monitoramento da determinação proferida pelo item 9.3 deste Acórdão, representando ao TCU, se necessário.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3697-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3698/2021 - TCU - Segunda Câmara

1. Processo nº TC 044.347/2020-0.

2. Grupo I - Classe V - Assunto: Pensão Militar.

3. Interessada: Maria Emilia Ferreira Ribeiro (CPF 824.983.001-63).

4. Órgão: Diretoria de Inativos e Pensionistas do Exército junto à 9ª Região Militar.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensão militar deferida pela Diretoria de Inativos e Pensionistas do Exército junto à 9ª Região Militar em favor de Maria Emilia Ferreira Ribeiro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, nos termos do art. 71, III e IX, da Constituição de 1988, dos arts. 1º, V, 39, II, e 45 da Lei n.º 8.443, de 1992, e dos arts. 260, § 1º, e 262, § 2º, do RITCU, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. assinalar a ilegalidade do ato inicial de pensão militar em favor de Maria Emilia Ferreira Ribeiro (à Peça 2 sob o n.º 27455/2020), negando-lhe o respectivo registro, diante da indevida percepção dos proventos da anterior reforma em dois ou mais postos acima daquele ostentado pelo militar-instituidor na atividade;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias percebidas indevidamente, mas de boa-fé, em consonância com a Súmula n.º 106 do TCU;

9.3. determinar que, no prazo de 15 (quinze) dias contados da ciência desta deliberação, a Diretoria de Inativos e Pensionistas do Exército junto à 9ª Região Militar adote as seguintes medidas:

9.3.1. faça cessar os pagamentos decorrentes dos atos ora considerados ilegais pelo item 9.2 deste Acórdão, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 71, IX, da Constituição de 1988 e do art. 262,caput, do RITCU;

9.3.2. dê ciência do inteiro teor desta deliberação à interessada indicada no item 9.1 deste Acórdão, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da eventual interposição de recurso junto ao TCU não a eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação, diante do não provimento ao referido recurso, devendo encaminhar os comprovantes dessa notificação ao TCU no prazo de até 30 (trinta) dias;

9.3.3. encaminhe a este Tribunal, nos termos do art. 262, § 2º, do RITCU, os novos atos para as aludidas pensões militares indicadas pelo item 9.2 deste Acórdão, sem as ilegalidades indicadas nesta deliberação, para serem submetidos à apreciação pelo TCU, na forma do art. 260 do RITCU;

9.4. enviar a cópia do presente Acórdão, com o Relatório e a Proposta de Deliberação, à Diretoria de Inativos e Pensionistas do Exército junto à 9ª Região, para ciência e efetivo cumprimento ao item 9.3 deste Acórdão; e

9.5. arquivar o presente processo, sem prejuízo de promover o monitoramento da determinação proferida pelo item 9.3 deste Acórdão, representando ao TCU, se necessário.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3698-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3699/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.752/2021-3.

2. Grupo I - Classe de Assunto: IV - Ato de admissão.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Gilberto Heleno Francisco Gasparoto (282.972.148-93); Regiano Carlos de Oliveira (180.938.958-50); Tales Silva Nogueira (349.226.008-09).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os atos de admissão de Gilberto Heleno Francisco Gasparoto (282.972.148-93), Regiano Carlos de Oliveira (180.938.958-50) e Tales Silva Nogueira (349.226.008-09), junto à Caixa Econômica Federal - CEF;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator e com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, 1º, inciso VIII, 259, inciso I, e 260, §1º, do Regimento Interno, em:

9.1. considerar ilegais e negar-lhes o registro;

9.2. determinar à Gerência de Recursos Humanos da Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em curso na Justiça Trabalhista da 10ª Região, e, caso venha a ser desconstituída a sentença ora favorável aos interessados, torne sem efeito os atos de admissão nos quadros da entidade e providencie o cadastramento dos respectivos desligamentos no sistema e-Pessoal;

9.2.2 dê ciência desta deliberação aos interessados e ao órgão.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3699-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3700/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.758/2021-1.

2. Grupo I - Classe de Assunto: IV - Ato de admissão.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Bianca Proenca Bueno (421.695.598-33); Rogerio Saldanha da Silva (279.126.898-77); Venilsa dos Santos Carvalho (925.996.803-87).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os atos de admissão de Bianca Proenca Bueno (421.695.598-33), Rogerio Saldanha da Silva (279.126.898-77) e Venilsa dos Santos Carvalho (925.996.803-87), junto à Caixa Econômica Federal - CEF;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator e com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, 1º, inciso VIII, 259, inciso I, e 260, §1º, do Regimento Interno, em:

9.1. considerar ilegais e negar-lhes o registro;

9.2. determinar à Gerência de Recursos Humanos da Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em curso na Justiça Trabalhista da 10ª Região, e, caso venha a ser desconstituída a sentença ora favorável aos interessados, torne sem efeito os atos de admissão nos quadros da entidade e providencie o cadastramento dos respectivos desligamentos no sistema e-Pessoal;

9.2.2 dê ciência desta deliberação aos interessados e ao órgão.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3700-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3701/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.784/2021-2.

2. Grupo I - Classe de Assunto: IV - Ato de admissão.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Elvis Frauches (092.130.767-54); Julio Cesar Gomes (004.189.917-23); Leandro Lara de Almeida Oliveira (092.258.347-13).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os atos de admissão de Elvis Frauches (092.130.767-54), Julio Cesar Gomes (004.189.917-23) e Leandro Lara de Almeida Oliveira (092.258.347-13), junto à Caixa Econômica Federal - CEF;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator e com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, 1º, inciso VIII, 259, inciso I, e 260, §1º, do Regimento Interno, em:

9.1. considerar ilegais e negar-lhes o registro;

9.2. determinar à Gerência de Recursos Humanos da Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em curso na Justiça Trabalhista da 10ª Região, e, caso venha a ser desconstituída a sentença ora favorável aos interessados, torne sem efeito os atos de admissão nos quadros da entidade e providencie o cadastramento dos respectivos desligamentos no sistema e-Pessoal;

9.2.2 dê ciência desta deliberação aos interessados e ao órgão.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3701-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3702/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.786/2021-5.

2. Grupo I - Classe de Assunto: IV - Ato de admissão

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Jose Olavo de Oliveira Torres Filho (770.862.603-04); Marcio Antonio Nascimento Braga (693.063.707-68); Michelli Cilli de Sousa (307.570.078-99).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os atos de admissão de Jose Olavo de Oliveira Torres Filho (770.862.603-04), Marcio Antonio Nascimento Braga (693.063.707-68) e Michelli Cilli de Sousa (307.570.078-99), junto à Caixa Econômica Federal - CEF;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator e com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, 1º, inciso VIII, 259, inciso I, e 260, §1º, do Regimento Interno, em:

9.1. considerar ilegais e negar-lhes o registro;

9.2. determinar à Gerência de Recursos Humanos da Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em curso na Justiça Trabalhista da 10ª Região, e, caso venha a ser desconstituída a sentença ora favorável aos interessados, torne sem efeito os atos de admissão nos quadros da entidade e providencie o cadastramento dos respectivos desligamentos no sistema e-Pessoal;

9.2.2 dê ciência desta deliberação aos interessados e ao órgão.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3702-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3703/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.809/2021-5.

2. Grupo I - Classe de Assunto: IV - Atos de admissão de pessoal

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Cassio Andre dos Santos Mota (631.183.195-34); Elane de Oliveira Souza (947.248.575-87); Iderlei Souza Coqueiro Junior (023.785.265-98).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os atos de admissão de Cassio Andre dos Santos Mota, Iderlei Souza Coqueiro Junior e Elane de Oliveira Souza junto à Caixa Econômica Federal - CEF;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator e com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, 1º, inciso VIII, 259, inciso I, e 260, §1º, do Regimento Interno, em:

9.1. considerar ilegais e negar-lhes o registro;

9.2. determinar à Gerência de Recursos Humanos da Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em curso na Justiça Trabalhista da 10ª Região, e, caso venha a ser desconstituída a sentença ora favorável aos interessados, torne sem efeito os atos de admissão nos quadros da entidade e providencie o cadastramento dos respectivos desligamentos no sistema e-Pessoal;

9.2.2 dê ciência desta deliberação aos interessados e ao órgão.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3703-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3704/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.846/2021-8.

2. Grupo I - Classe de Assunto: IV - Admissão de pessoal.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Erick Henrique Barbosa do Nascimento (450.129.622-49); Evaldo Moreira Marques (530.992.731-04); Lucia Januaria da Silva Pires (826.470.031-49).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os atos de admissão de Erick Henrique Barbosa do Nascimento (450.129.622-49), Evaldo Moreira Marques (530.992.731-04) e Lucia Januaria da Silva Pires (826.470.031-49), junto à Caixa Econômica Federal - CEF;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator e com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, 1º, inciso VIII, 259, inciso I, e 260, §1º, do Regimento Interno, em:

9.1. considerar ilegais e negar-lhes o registro;

9.2. determinar à Gerência de Recursos Humanos da Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em curso na Justiça Trabalhista da 10ª Região, e, caso venha a ser desconstituída a sentença ora favorável aos interessados, torne sem efeito os atos de admissão nos quadros da entidade e providencie o cadastramento dos respectivos desligamentos no sistema e-Pessoal;

9.2.2 dê ciência desta deliberação aos interessados e ao órgão.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3704-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3705/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.854/2021-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: IV - Admissão de pessoal.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Maria Jose da Silva (785.054.708-00); Renan Emerenciano Alfredo (390.317.708-33); Silvio Jose Borges (336.965.138-65).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os atos de admissão de Maria Jose da Silva (785.054.708-00), Renan Emerenciano Alfredo (390.317.708-33) e Silvio Jose Borges (336.965.138-65), junto à Caixa Econômica Federal - CEF;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator e com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, 1º, inciso VIII, 259, inciso I, e 260, §1º, do Regimento Interno, em:

9.1. considerar ilegais e negar-lhes o registro;

9.2. determinar à Gerência de Recursos Humanos da Caixa Econômica Federal que:

9.2.1. acompanhe os desdobramentos da Ação Civil Pública 0000059-10.2016.5.10.0006, em curso na Justiça Trabalhista da 10ª Região, e, caso venha a ser desconstituída a sentença ora favorável aos interessados, torne sem efeito os atos de admissão nos quadros da entidade e providencie o cadastramento dos respectivos desligamentos no sistema e-Pessoal;

9.2.2 dê ciência desta deliberação aos interessados e ao órgão.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3705-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3706/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 008.609/2020-9.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Pedido de Reexame (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessado: Delvenir Santos de Souza (106.271.035-53).

3.2. Recorrente: Delvenir Santos de Souza (106.271.035-53).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região/BA.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relatora da deliberação recorrida: Ministra Ana Arraes.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de pedido de reexame interposto por Delvenir Santos de Souza, vinculado ao TRT5, por meio do qual se insurge contra o Acórdão 8.288/2020-TCU-2ª Câmara, o qual, entre outras medidas, considerou seu ato de aposentadoria ilegal e negou-lhe registro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fundamento nos arts. 32, parágrafo único, 33 e 48, da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do pedido de reexame para, no mérito, negar-lhe provimento; e

9.2. dar ciência desta decisão ao recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3706-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3707/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 008.630/2020-8.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Pedido de Reexame (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessada: Maria Adelaide de Moraes Pinheiro (232.221.405-10).

3.2. Recorrente: Maria Adelaide de Moraes Pinheiro (232.221.405-10).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região/BA.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de pedido de reexame interposto por Maria Adelaide de Moraes Pinheiro, vinculada ao Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região, por meio do qual se insurge contra o Acórdão 7.335/2020-TCU-2ª Câmara, o qual, entre outras medidas, considerou seu ato de aposentadoria ilegal e negou-lhe registro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fundamento nos arts. 32, parágrafo único, 33 e 48, da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do pedido de reexame para, no mérito, negar-lhe provimento; e

9.2. dar ciência desta decisão à recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3707-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3708/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 008.685/2020-7.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Pedido de Reexame (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessado: Natalício Adelino Cordeiro (416.514.569-68).

3.2. Recorrente: Natalício Adelino Cordeiro (416.514.569-68).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região/SC.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relatora da deliberação recorrida: Ministra Ana Arraes.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de pedido de reexame interposto por Natalício Adelino Cordeiro, vinculado ao TRT12, por meio do qual se insurge contra o Acórdão 8.291/2020-TCU-2ª Câmara, o qual, entre outras medidas, considerou seu ato de aposentadoria ilegal e negou-lhe registro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fundamento nos arts. 32, parágrafo único, 33 e 48, da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do pedido de reexame para, no mérito, negar-lhe provimento; e

9.2. dar ciência desta decisão ao recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3708-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3709/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 008.703/2020-5.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Pedido de Reexame (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessada: Maria do Socorro Lima Viana Santos (051.873.622-91).

3.2. Recorrente: Maria do Socorro Lima Viana Santos (051.873.622-91).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região/AC e RO.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relatora da deliberação recorrida: Ministra Ana Arraes.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de pedido de reexame interposto por Maria do Socorro Lima Viana Santos, vinculada ao TRT14, por meio do qual se insurge contra o Acórdão 8.051/2020-TCU-2ª Câmara, o qual, entre outras medidas, considerou seu ato de aposentadoria ilegal e negou-lhe registro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fundamento nos arts. 32, parágrafo único, 33 e 48, da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do pedido de reexame para, no mérito, negar-lhe provimento; e

9.2. dar ciência desta decisão à recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3709-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3710/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 008.857/2020-2.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Pedido de Reexame (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessada: Carla de Magalhães Marcílio Romero (081.114.643-04).

3.2. Recorrente: Carla de Magalhaes Marcilio Romero (081.114.643-04).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE).

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relatora da deliberação recorrida: Ministra Ana Arraes.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de pedido de reexame interposto por Carla de Magalhães Marcílio Romero, vinculada ao TRE-CE, por meio do qual se insurge contra o Acórdão 8.294/2020-TCU-2ª Câmara, o qual, entre outras medidas, considerou seu ato de aposentadoria ilegal e negou-lhe registro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fundamento nos arts. 32, parágrafo único, 33 e 48, da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do pedido de reexame para, no mérito, negar-lhe provimento; e

9.2. dar ciência desta decisão à recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3710-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3711/2021 - TCU - 2ª Câmara.

1. Processo TC 008.985/2020-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I Pedido de Reexame (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessado: Antônio Henrique Barbosa Morais (178.341.204-68).

3.2. Recorrente: Antônio Henrique Barbosa Morais (178.341.204-68).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região/PE.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relatora da deliberação recorrida: Ministra Ana Arraes.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos, que tratam de Pedido de Reexame interposto por Antônio Henrique Barbosa Morais, ex-servidor do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região/PE, por meio do qual se insurge contra o Acórdão 8.054/2020-TCU-2ª Câmara;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator, e com fundamento nos arts. 33 e 48 da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do presente Pedido de Reexame, para, no mérito, negar-lhe provimento, mantendo-se inalterada a decisão recorrida;

9.2. dar ciência desta deliberação ao recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3711-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3712/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 026.170/2016-7.

1.1. Apenso: 035.136/2017-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Embargos de Declaração (Tomada de Contas Especial).

3. Interessados/Recorrente:

3.1. Interessados: Fundação Nacional de Saúde (26.989.350/0001-16); Ministério da Saúde.

3.2. Recorrente: Evandro Perazzo Valadares (040.979.804-59).

4. Órgão/Entidade: Município de São José do Egito - PE.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: não atuou.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

8. Representação legal: Renio Libero Leite Lima (25.639/OAB-PE) e Napoleão Manoel Filho (20.238/OAB-PE).

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos os presentes autos de Tomada de Contas Especial, nos quais são apreciados Embargos de Declaração opostos por Evandro Perazzo Valadares contra o Acórdão 5.390/2020 - 2ª Câmara, por meio do qual foi negado provimento ao Recurso de Reconsideração interposto pelo recorrente;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1.conhecer dos Embargos de Declaração, com fundamento no art. 34 da Lei 8.443/1992, c/c art. 287 do Regimento Interno/TCU, para, no mérito, rejeitá-los;

9.2. dar ciência da presente deliberação ao embargante, ressaltando-se que o Relatório e o Voto que a acompanham podem ser consultados no endereço <www.tcu.gov.br/acordaos>.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3712-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3713/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 026.382/2020-2.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Pensão militar.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Adervany de Miranda Nascimento (044.355.857-40); Antônia da Silva Agria (091.061.067-30); Maria da Conceição Francklin de Miranda (655.169.314-87); Simone Goncalves Pereira (084.842.127-26).

4. Órgão/Entidade: Comando da Marinha.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensões militares concedidas pelo Comando da Marinha às beneficiárias acima indicadas;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, em:

9.1. considerar ilegais os atos de concessão das pensões instituídas por pelos Srs. Laércio Falcão Agria, Hilarião Francklin de Miranda e José Fernando Pereira,recusando os respectivos registros;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé pelas interessadas, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.3. determinar ao Comando da Marinha que:

9.3.1. faça cessar, no prazo de 15 (quinze) dias, contado a partir da ciência desta deliberação, os pagamentos decorrentes dos atos impugnados, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, consoante disposto nos arts. 71, inciso IX, da Constituição Federal, e 262 do Regimento Interno desta Corte;

9.3.2. emita, no prazo de 30 (trinta) dias, novos atos de concessão das pensões instituídas por Laércio Falcão Agria, Hilarião Francklin de Miranda e José Fernando Pereira, com fulcro no art. 19, §3º, da Instrução Normativa 78/2018, escoimados da irregularidade verificada;

9.3.3. comunique às interessadas sobre o teor desta decisão, alertando-as de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos não as eximirá da obrigação de devolverem os valores percebidos indevidamente após a notificação do presente acórdão, caso os recursos não sejam providos;

9.4. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das medidas indicadas no subitem 9.3., representando a este Tribunal, caso necessário.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3713-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3714/2021 - TCU - 2ª Câmara.

1. Processo TC 027.892/2019-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Pedido de reexame (Reforma).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessados: Arnaldo Ferreira da Silva (008.260.144-53); Haroldo Gomes do Nascimento (009.955.764-91); Jailson Jose Correa de Matos (223.932.184-91); Joaquim Rodrigues de Oliveira (003.821.594-20); Jorge Ferreira do Nascimento (075.673.084-87); Jose Barbosa (011.521.064-49); Jose Ribeiro da Silva (071.919.527-68); Jose Ronaldo de Souza (277.144.544-15); Oranil Bernardino Alves (037.204.117-53).

3.2. Recorrente: Jorge Ferreira do Nascimento (075.673.084-87).

4. Órgão/Entidade: Comando do Exército.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: Renato Caribé Belfort Lustosa (OAB/PE 25.406) e Joyce Batista do Nascimento (OAB/PE 32.734).

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos, que tratam de Pedido de Reexame interposto pelo Sr. Jorge Ferreira do Nascimento contra o Acórdão 6376/2020-TCU-2ª Câmara, que considerou ilegal o ato de alteração de reforma em seu favor, negando-lhe o respectivo registro;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo relator, e com fundamento nos arts. 33 e 48 da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do presente Pedido de Reexame, para, no mérito, negar-lhe provimento, mantendo-se inalterada a decisão recorrida;

9.2. dar ciência desta deliberação ao recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3714-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3715/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 030.599/2019-9

1.1. Apenso: 044.293/2020-8

2. Grupo II - Classe de Assunto: I - Embargos de Declaração (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessada: Rita de Cássia Velloso Rocha (317.250.311-91).

3.2. Recorrente: Rita de Cássia Velloso Rocha (317.250.311-91).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Superior do Trabalho.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal:

8.1. Antônio Perilo de Sousa Teixeira Netto (21359/OAB-DF) e outros, representando Rita de Cássia Velloso Rocha.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes Embargos de Declaração em Embargos de Declaração opostos por Rita de Cássia Velloso Rocha;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, com fulcro nos arts. 32, inciso II, e 34 da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 277, inciso III, e 287 do Regimento Interno do TCU e diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. conhecer dos presentes Embargos de Declaração para, no mérito, rejeitá-los;

9.2. dar ciência desta deliberação aos interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3715-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3716/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 034.787/2020-8.

2. Grupo II - Classe de Assunto: V - Reforma.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Carlos Guilherme Mayer (347.461.297-20); Joao Batista Goncalves (710.905.927-87); Ronie Parride Caleffi (721.574.887-15).

4. Órgão/Entidade: Comando da Marinha.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de reformas de militares da Marinha do Brasil;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, em:

9.1. considerar legais e conceder o registro dos atos de Joao Batista Goncalves e Ronie Parride Caleffi;

9.2. considerar ilegal o ato de alteração de reforma de Carlos Guilherme Mayer, recusando seu respectivo registro;

9.3. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas, em boa-fé, pelo interessado, consoante o Enunciado 106 da Súmula de Jurisprudência deste Tribunal;

9.4. determinar ao Comando da Marinha que:

9.4.1. faça cessar, no prazo de 15 (quinze) dias, contado a partir da ciência desta deliberação, os pagamentos decorrentes do ato impugnado, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, consoante disposto nos arts. 71, inciso IX, da Constituição Federal, e 262 do Regimento Interno desta Corte;

9.4.2. dê ciência do inteiro teor desta deliberação a Carlos Guilherme Mayer, alertando-o de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos, caso não providos, não o exime da devolução dos valores indevidamente percebidos após a notificação;

9.4.3. envie a esta Corte de Contas, no prazo de 30 (trinta) dias, por cópia, comprovante de que o interessado teve ciência desta deliberação.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3716-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3717/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 039.309/2019-3.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Pedido de Reexame (Aposentadoria).

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessada: Ivanice Cheregatti Monteiro (532.084.807-25).

3.2. Recorrente: Ivanice Cheregatti Monteiro (532.084.807-25).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região/RJ.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de pedido de reexame interposto por Ivanice Cheregatti Monteiro, vinculada ao Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região, por meio do qual se insurge contra o Acórdão 3.365/2020-TCU-2ª Câmara, o qual, entre outras medidas, considerou seu ato de aposentadoria ilegal e negou-lhe registro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fundamento nos arts. 32, parágrafo único, 33 e 48, da Lei 8.443/1992, em:

9.1. conhecer do pedido de reexame para, no mérito, negar-lhe provimento; e

9.2. dar ciência desta decisão à recorrente e aos demais interessados.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3717-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3718/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 039.835/2020-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Pensão militar.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Cloyra de Paiva Almeida (815.514.527-15); Daise Magre Brandao (907.536.587-04); Denise da Silva Brandão (661.625.307-44); Greci Romanelli Lopes (003.602.267-52); Ilda Maria de Paiva Almeida Spritzer (529.509.487-15); Ivone Santos da Fonseca (096.443.407-52); Maria Tereza de Assis Almeida (020.307.997-34); Sueli da Silva Fernandes (441.148.187-15); Vera Lucia de Oliveira Ângelo (896.428.646-49).

4. Órgão/Entidade: Comando do Exército.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensões militares concedidas pelo Comando do Exército às beneficiárias acima indicadas;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, em:

9.1. considerar ilegais os atos de concessão das pensões instituídas por pelos Srs. Alberto Pinto da Fonseca, Luiz Brandão, Paulo Cardozo Almeida e Carlos Alberto Romanelli Lopes,recusando os respectivos registros;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé pelas interessadas, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.3. determinar ao Comando do Exército que:

9.3.1. faça cessar, no prazo de 15 (quinze) dias, contado a partir da ciência desta deliberação, os pagamentos decorrentes dos atos impugnados, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, consoante disposto nos arts. 71, inciso IX, da Constituição Federal, e 262 do Regimento Interno desta Corte;

9.3.2. emita, no prazo de 30 (trinta) dias, novos atos de concessão das pensões instituídas por Srs. Alberto Pinto da Fonseca, Luiz Brandão, Paulo Cardozo Almeida e Carlos Alberto Romanelli Lopes, com fulcro no art. 19, §3º, da Instrução Normativa 78/2018, escoimados da irregularidade verificada;

9.3.3. comunique às interessadas sobre o teor desta decisão, alertando-as de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos não as eximirá da obrigação de devolverem os valores percebidos indevidamente após a notificação do presente acórdão, caso os recursos não sejam providos;

9.4. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das medidas indicadas no subitem 9.3., representando a este Tribunal, caso necessário;

9.5. no que se refere à Sra. Cloyra de Paiva Almeida, CPF 815.514.527-15, uma das beneficiárias do ato nº 11876/2017, que seja apresentado a ela o direito à opção por 02(dois) benefícios entre os 03 (três) que lhe estão sendo pagos atualmente.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3718-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3719/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 044.591/2020-9.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Pensão militar.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessada: Maria Conceição de Queiroz Neves (006.811.071-54).

4. Órgão/Entidade: Comando do Exército.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensões militares concedidas pelo Comando do Exército à Sra. Maria Conceição de Queiroz Neves;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 2ª Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento no art. 71, inciso III, da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, em:

9.1. considerar ilegal o ato de concessão da pensão instituída por Horácio Neves Neto,recusando o respectivo registro;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé pela interessada, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.3. determinar ao Comando do Exército que:

9.3.1. faça cessar, no prazo de 15 (quinze) dias, contado a partir da ciência desta deliberação, os pagamentos decorrentes do ato impugnado, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, consoante disposto nos arts. 71, inciso IX, da Constituição Federal, e 262 do Regimento Interno desta Corte;

9.3.2. emita, no prazo de 30 (trinta) dias, novo ato de concessão da pensão instituída por Horácio Neves Neto, com fulcro no art. 19, §3º, da Instrução Normativa 78/2018, escoimado da irregularidade verificada;

9.3.3. comunique à interessada sobre o teor desta decisão, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos não a eximirá da obrigação de devolver os valores percebidos indevidamente após a notificação do presente acórdão, caso os recursos não sejam providos;

9.4. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das medidas indicadas no subitem 9.3., representando a este Tribunal, caso necessário.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3719-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3720/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 046.624/2020-1.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessado: Lilian da Cruz Moreira (248.725.472-68).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região/PA e AP.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de concessão de aposentadoria de servidora do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região, submetido, para fins de registro, à apreciação do Tribunal de Contas da União;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal; 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/1992; 260, § 1º, do Regimento Interno/TCU; c/c o art. 19, inciso II, da IN TCU 78/2018, em:

9.1. considerar ilegal e recusar o registro do ato de aposentadoria de Lilian Da Cruz Moreira do quadro de pessoal do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região/PA e AP;

9.2. com fulcro no art. 262, caput, do Regimento Interno deste Tribunal, determinar ao órgão/entidade Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região/ PA e AP que:

9.2.1. dê ciência, no prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, do inteiro teor desta deliberação ao interessado, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos junto ao TCU não a exime da devolução dos valores percebidos indevidamente, caso o recurso não seja provido;

9.2.2. no prazo de 30 (trinta) dias, contados da ciência da decisão, envie a este Tribunal documentos comprobatórios de que a interessada cujo ato foi impugnado está ciente do julgamento deste Tribunal.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3720-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3721/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo TC 046.633/2020-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Eliana Siqueira Oliveira (054.392.588-92); Jose Alves da Silva (779.768.278-04); Sandra Maria Barreto de Moraes (155.574.483-49).

4. Órgão/Entidade: Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região/AC e RO.

5. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de concessão de aposentadoria de servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região, submetido, para fins de registro, à apreciação do Tribunal de Contas da União;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Segunda Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal; 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/1992; 260, § 1º, do Regimento Interno/TCU; c/c o art. 19, inciso II, da IN TCU 78/2018, em:

9.1. considerar ilegais e recusar o registro dos atos de aposentadoria de Sandra Maria Barreto De Moraes, Eliana Siqueira Oliveira e Jose Alves Da Silva do quadro de pessoal do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região/AC e RO;

9.2. com fulcro no art. 262,caput, do Regimento Interno deste Tribunal, determinar ao órgão/entidade Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região/AC e RO que:

9.2.1. dê ciência, no prazo de 15 (quinze) dias, contados da notificação, do inteiro teor desta deliberação ao interessado, alertando-o de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos junto ao TCU não o exime da devolução dos valores percebidos indevidamente, caso o recurso não seja provido;

9.2.2. no prazo de 30 (trinta) dias, contados da ciência da decisão, envie a este Tribunal documentos comprobatórios de que o interessado cujo ato foi impugnado está ciente do julgamento deste Tribunal.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3721-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Aroldo Cedraz (Relator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho.

ACÓRDÃO Nº 3722/2021 - TCU - 2ª Câmara

1. Processo nº TC 005.748/2021-6.

2. Grupo II - Classe de Assunto: V - Admissão

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Joao Batista de Gouvea (058.821.668-29); Patricia Felix de Oliveira (801.029.569-87); Silvana Simonato Ramos (260.718.648-01).

4. Órgão/Entidade: Caixa Econômica Federal.

5. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

5.1. Redator: Ministro Raimundo Carreiro.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de atos de admissão emitidos pela Caixa Econômica Federal em favor de João Batista de Gouvea, Patrícia Felix de Oliveira e Silvana Simonato Ramos;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, nos termos do art. 71, III e IX, da Constituição de 1988, e dos arts. 1º, V, e 39, II, e 45 da Lei nº 8.443, de 1992, diante das razões expostas pelo Redator, em:

9.1. Considerar ilegais e recusar registro dos atos de Admissão de Joao Batista de Gouvea, Patricia Felix de Oliveira e Silvana Simonato Ramos no quadro de pessoal da Caixa Econômica Federal, todavia sem adotar medidas visando o desfazimento dos atos até o deslinde da Ação Civil Pública 00059-10-2016-5-10-0006, em trâmite na Justiça Trabalhista da 10ª Região, com base nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992 e 260, § 1º, do Regimento Interno.

9.2. Determinar à Caixa Econômica Federal, com fulcro no art. 262, caput, do Regimento Interno do TCU, que, no prazo de trinta dias, contados da ciência da decisão, envie a este Tribunal documentos comprobatórios de que os interessados cujos atos foram impugnados estão cientes do julgamento deste Tribunal.

10. Ata n° 6/2021 - 2ª Câmara.

11. Data da Sessão: 9/3/2021 - Telepresencial.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-3722-06/21-2.

13. Especificação do quórum:

13.1. Ministros presentes: Aroldo Cedraz (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Redator).

13.2. Ministros-Substitutos convocados: Marcos Bemquerer Costa e André Luís de Carvalho (Relator).

13.3. Ministro-Substituto convocado com voto vencido: André Luís de Carvalho (Relator).

ACÓRDÃO Nº 3723/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-001.696/2021-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alcides Rodrigues Filho (898.073.088-87); Guilherme do Vale Ferreira (436.733.506-25); Jose Cassimiro da Silva (201.621.544-53); Jose Raimundo Dias da Silva (205.294.305-68); Ruderico Gomes de Moura (069.051.702-59)

1.2. Órgão/Entidade: Departamento de Polícia Rodoviária Federal

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3724/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.035/2021-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Fatima Jeannine Cavalcanti Silveira (334.247.131-04); Harilton Sieiro Ferreira (342.675.901-25); Ilka Leite de Oliveira (185.834.901-04); Jane Paula dos Reis Roriz (339.016.431-68); Jaqueline Fracao de Oliveira Alvim de Paula (359.491.801-78); Jeny Braga D Almeida (151.448.521-49); Liliane Alves da Silva Macedo (258.938.741-53); Lucia da Silva (226.821.041-34); Lucilange Valerio de Paula (225.354.031-53); Marcio Antonio Alves dos Santos (305.388.826-20)

1.2. Órgão/Entidade: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3725/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.444/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Maria Gladys de Farias (081.498.363-49)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Ceará

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3726/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.969/2021-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Daniel Ferreira da Cunha (183.139.656-49); Ivani Silva dos Santos (360.953.206-82); Maida Silva Calcado (255.373.776-91); Maria Euripedes dos Reis (597.006.456-49)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Triângulo Mineiro

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3727/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.053/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Francisco Renato Abreu Roveda (152.013.680-34); Marco Antonio da Rocha Amaral (279.029.600-63); Maria do Carmo Puccini Caminha (203.080.940-34); Maristela Armiliatto (440.606.960-72); Milene Figueira Pires (365.229.450-53)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Economia

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3728/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.076/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Francelino Martins Pereira (124.640.823-68); Ismael da Silva Pereira (056.003.083-53); Lourival da Cunha Souza (104.132.003-53); Luis Gonzaga Fernandes (067.237.643-15); Mariele de Cassia Pacheco Carvalho (175.477.503-97); Rogerio de Assis Carvalho (542.844.227-15)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Economia

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3729/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.306/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Albano Luiz Francisco Teixeira (606.127.897-72); Isabel Campos Barroso (854.070.977-53)

1.2. Órgão/Entidade: Colégio Pedro Ii

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3730/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.317/2021-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alrizonio Altair de Lima (386.367.864-87); Gerino Magalhaes de Almeida (189.305.571-04); Joel Girardi da Cunha (550.558.770-49); Jose Alberto Braga Costa (257.110.675-91); Marcilio Renato dos Santos (398.163.387-34); Marcus Vinicius Rodrigues (211.780.381-49); Maria Helena Silva (092.798.301-04); Mateus Jose de Castro (471.211.651-04); Sebastiao Jose de Almeida Filho (534.888.306-91)

1.2. Órgão/Entidade: Departamento de Polícia Rodoviária Federal

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3731/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.907/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Alair dos Santos Leal (516.486.609-91)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Nacional do Seguro Social

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3732/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.948/2021-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Ana Maria da Costa Santos Carvalho (266.313.505-49); Nadja Maria Pereira Santana (155.079.125-72)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Nacional de Saúde

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3733/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.959/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Antonia Gomes Neta Pinto (181.062.502-53); Celso Rabelo Costa (054.107.542-04); Conceicao Lucia Maia Costa (160.159.592-15); Edilson Nunes da Silva (099.704.442-04); Plinio Eudson Santos da Silva (201.413.602-59); Valda de Oliveira Santos (035.187.102-06)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (extinto)

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3734/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.989/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Maria Rosalina Cardoso da Silva (359.099.781-87)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério do Esporte (extinta)

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3735/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.995/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Antonio Celho Coelho (652.293.207-53)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3736/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.996/2021-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Veronica da Silva Cunha Cavati (376.498.764-20)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3737/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.410/2021-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alaor Carvalho (513.434.360-87); Anesio de Oliveira Santos (084.419.602-91); Eduardo Andreo (105.765.058-70)

1.2. Órgão/Entidade: Departamento de Polícia Rodoviária Federal

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3738/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.454/2021-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Adeildo Avelino dos Santos (210.920.604-72)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Economia

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3739/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.465/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Marleide Campos Santos Costa (886.442.355-91)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3740/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V; 39, inciso II, da Lei 8.443/92; c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 260, § 5º, do Regimento Interno, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do ato de concessão referente ao interessado identificado no item 1.1., de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-005.017/2021-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Eloyr Laranja de Freitas (042.152.227-53)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Economia

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3741/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-012.755/2020-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Jose Carlos Silveira Piccina (944.497.838-91); Maria Helena de Campos Pacheco (006.503.738-39)

1.2. Órgão/Entidade: Núcleo Estadual do Ministério da Saúde No Estado de São Paulo

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3742/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-044.647/2020-4 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Lucila Gomes Rosa (207.825.431-20)

1.2. Órgão/Entidade: Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3743/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-044.709/2020-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Maria Lucia da Silva (170.217.152-34); Maria das Gracas Sales de Lima (855.008.107-82)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Fazenda (extinta)

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3744/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-045.743/2020-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Joao Pedro da Silva (033.673.041-15)

1.2. Órgão/Entidade: Câmara dos Deputados

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3745/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-001.028/2021-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Aline Mathias de Oliveira Dias (004.563.240-54); Aline Nunes Pinto (870.063.590-15); Chayane Ribeiro da Silva (851.010.790-49); Fernanda de Oliveira Kirst (013.516.980-10); Laci Fernanda Furtado da Silveira (023.967.190-25); Manoella Cerqueira Costa (012.492.570-77); Matheus Nodari Bittencourt (864.313.820-72); Muniqui Pires Soares (027.573.690-32); Paula Cortes dos Santos (031.851.570-95); Silvia Regina Batista da Silva Motta (763.859.140-20)

1.2. Órgão/Entidade: Hospital Nossa Senhora da Conceição S.a.

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3746/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-001.317/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Elvira de Fatima Machado Goncalves (333.935.750-15); Fernanda Grosbelli (076.213.249-37); Jessica Marques Fachini (028.760.240-04); Jordana da Silva Duarte (025.638.550-55); Juliana Bessa Martins (022.139.650-05); Kimberly Machado Felix (865.651.090-87); Luciano Dias (939.242.160-53); Paula Daiane Soares Franco (994.702.410-53); Rita de Cassia Santos de Azambuja (805.771.480-87); Ronan Bonfim Sampaio (000.694.330-62)

1.2. Órgão/Entidade: Hospital Nossa Senhora da Conceição S.a.

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3747/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-001.378/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Antonielly Garcia Rodrigues (956.456.591-04); Gabriel Rodrigues Manolio (379.577.418-78); Larissa Cardoso Amaral (022.991.201-06); Leonardo Trindade de Jesus (026.640.675-08); Lorena Sales Rocha (026.907.093-17); Rafael Ximenes Ferraz (007.376.121-42); Renata Calegari Lino (049.639.679-01); Ricardo Henrique de Brito e Sousa (296.447.637-34); Teresa Gardenia Braga Castelo Branco (132.426.857-33); Vinicius Ribeiro Covre (986.461.411-87)

1.2. Órgão/Entidade: Agência Nacional de Vigilância Sanitária

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3748/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.690/2021-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Davi Jonatas da Silva (807.828.920-00); Liliane Madruga Prestes (643.804.240-49); Marindia Zeni (011.722.190-28); Raquel Dalla Lana Cardoso (825.299.730-91)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3749/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.693/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Marcelo Romulo Fernandes (025.894.054-99)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3750/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.727/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriana Ban Jacobsen (003.839.090-66); Andreia Evangelista Ferreira (004.266.255-95); Camila Macedo Capistrano (042.282.684-71); Gilson Goncalves Almeida (925.052.365-34); Graciela Souza da Silva (014.992.830-08); Orion Manoel Carmelindo da Silva (029.966.834-71); Pamela de Luna Lemos (058.293.864-37); Raquel Rizzioli de Araujo Oliveira (048.769.644-16); Rita de Cassia Ribeiro dos Santos (908.940.065-68); Tarcirio Coelho da Silva (469.760.352-49)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3751/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.752/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adilson Machado Couto Filho (889.734.415-15); Andrea Fonseca Manicoba (070.601.134-10); Ara Rubia Costa Goncalves (646.951.402-25); Edson Roberto Ferreira Buechen Lemos (098.524.277-92); Ellaine Cristina dos Santos Rodrigues (431.792.662-87); Luiz Antonio da Silva Goncalves (080.527.157-09); Mara Cristina Rocha Serqueira (946.504.891-72); Natalia Celestina de Jesus Araujo (852.837.386-04); Paula Vigne Pires Ferreira (052.925.697-55); Rosimere de Assis Beserra (423.169.284-04)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3752/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.770/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Caleb Assis da Rocha (089.949.999-65); Gisele de Carvalho Apolinario Santos (330.583.618-07); Rosemary Lopes Rodrigues (072.103.874-39)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3753/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.802/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Adriano Chaves de Franca (027.902.851-28)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Universidade Federal da Grande Dourados

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3754/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.803/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Viviane Demetrio do Nascimento (044.112.439-97)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3755/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.827/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Anna Gabriela Welter Ledesma (018.734.321-78); Isabel Cristina da Silva de Andrade (013.638.854-05); Luiz Augusto Carneiro Neto (027.037.713-12); Mariinha de Souza Batista (570.135.351-68); Natalia Furtado Uchoa (510.698.653-20); Rafael Moura de Oliveira (914.046.491-15); Raquel Helena Siegel Noronha (303.796.488-06); Renata Vasques Palheta Avancini (647.294.352-49); Renilton Teixeira Gomes (033.473.935-70); Solange Espindola de Aguiar (466.344.871-20)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3756/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.878/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Jose de Sousa Breves Filho (532.104.927-00)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3757/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.042/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Nilce Rebeca Castro Pereira Costa (746.028.962-00)

1.2. Órgão/Entidade: Comando da Aeronáutica

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3758/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.085/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Allan Kardec de Souza Filho (008.582.577-85); Bruno de Matos Reis (117.821.067-74); Carlos Henrique Rego Goncalves (091.069.027-82); Ilson Candido Junior (093.854.247-85); Ines Pereira Gomes de Oliveira (037.443.597-94); Ricardo de Andrade Oliveira (095.381.317-70); Silvana Martinho Sinhorinho (115.544.007-24)

1.2. Órgão/Entidade: Colégio Pedro Ii

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3759/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.099/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andreia de Oliveira Marinho Silvano (085.821.157-25); Ester Alves de Souza (033.328.527-10); Jesse Lopes da Silva (060.378.686-38); Jessica Silva de Almeida (056.792.727-09); Jorge Campello Junior (006.055.197-65); Maria Cristina Matteotti Geraldo (751.576.166-00); Paula Fernanda Peixoto de Mattos da Silva (095.893.867-92); Ricardo Luiz Pereira Maceira (001.465.887-97)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3760/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.126/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alice Mara Ferreira da Conceicao Santana (050.095.265-57); Aline Choptian (086.868.569-00); Christiane Salomon Mendes Machado (068.824.669-98); Claudia Godoy Dias (096.683.339-26); Elcio Carlos Cerqueira e Silva (043.973.501-75); Jackson do Nascimento Trindade (214.807.468-78); Lorena de Lima Torres (082.624.359-23); Marine dos Santos Peters (085.489.259-14); Renan Vellini Ribeiro de Souza (066.112.689-79); Tiago Ricardo Ferreira (078.022.119-21)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3761/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.138/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriano Ricetto (049.878.729-00); Caique Vendramini (948.014.952-49); Daniela Ana Tomasi (054.867.279-25); Jane de Oliveira Luiz Silva (045.576.046-25); Juliana de Faria Saqueto (099.365.229-82); Marina Gomes Rampim (073.301.059-88); Suzana Sayuri Samezima (072.810.959-02); Thiago Vinicius Spacki (059.193.759-06); Tiago da Silva Costa (036.507.059-90); Vilmari Balbinott (697.608.029-53)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3762/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.145/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Laura Matta Machado Fernandes Souza (107.141.366-03); Leonardo Sanches Ferreira (144.618.417-07)

1.2. Órgão/Entidade: Superior Tribunal de Justiça

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3763/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.163/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Filipe dos Santos Andrade (053.689.681-08)

1.2. Órgão/Entidade: Tribunal Regional Federal da 1ª Região

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3764/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.178/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Gabriel Novais Rocha (033.495.455-05); Jessica Teixeira (099.269.387-01); Maria Izabel Araujo (972.430.277-68); Rejane Fagundes Pereira (605.139.850-34); Rodrigo Alfredo Vivanco Vergara (688.929.931-00); Rosane Silva de Oliveira Teixeira (010.466.474-66); Veronica Maria Goncalves Furtado (396.838.503-91)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3765/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.265/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alisson Golffeto da Costa (067.663.179-73); Camila Pierangeli (073.370.389-50); Cinthia Juliane Ferreira da Silva (110.249.749-52); Deambre Nicolai Pereira Frez (061.179.829-84); Ivone Therezinha Sturm Cochak (320.110.169-91); Kalinca Vanelli (067.100.169-86); Kleber Carlos Kaufmann (076.338.889-03); Luan Mayron Dalmas (068.829.219-46); Nivaldo Francisco dos Santos (331.482.879-91); Vanete Leonel Carvalho Marim (971.822.579-04)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3766/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.291/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Paula Fleury Curado (710.716.281-00)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Universidade Federal do Tocantins

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3767/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.308/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Seyna Ueno Rabelo Mendes (708.058.572-49)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Universidade Federal do Tocantins

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3768/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.318/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Flavia Moreira Camargo (709.534.572-49); Calina Grazielli Dias Barros (925.741.222-91); Maigon Nacib Pontuschka (118.984.498-21)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3769/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.499/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Daniel Jorge de Oliveira (081.096.129-62); Diomara Ferreira da Silva (569.283.279-87); Franciele Viviane Juraszck (068.157.289-27); Heliagner Guilherme de Oliveira Mehl (099.124.729-93); Jhenifer Machado de Souza (114.938.749-18); Manoela Portes Ferretto (088.496.309-80); Natalia Petranski (101.073.699-07)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3770/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-004.729/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Mauricio Schibuola de Carvalho (095.188.764-52)

1.2. Órgão/Entidade: Tribunal Regional Federal da 1ª Região

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3771/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso I, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-043.553/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Natercio Souza da Silva (758.602.367-00)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3772/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso I, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 260, § 5º, do Regimento Interno, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame dos atos de admissão a seguir relacionados, por força da cessação dos respectivos efeitos financeiros, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-046.240/2020-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Claudia de Souza Cozzolino (159.141.887-92); Diego Paulo da Silva (136.864.277-29); Juliana Braz Coutinho (114.315.857-18); Lucas do Valle Chagas Azaneu (141.640.297-73); Marilda Sant Anna Maciel (104.572.307-03); Osmar Machado dos Santos Junior (125.157.467-05); Paula Fernandes Ribeiro (124.172.517-95); Roberta Debora Afonso Mello (120.193.237-88); Simone de Souza Pires (075.865.787-02); Thiago Leal Damasio Machado (039.570.365-42); Victor Caldeira de Medeiros (054.405.887-95)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Rio de Janeiro

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3773/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.532/2021-6 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Aldair Gomes Sa (209.897.502-30); Conceicao Pereira Soares (209.603.282-20); Gustavo Marques Ribeiro (024.530.262-08); Kevinn da Fonseca Ribeiro (024.261.422-19); Leanny Natielly da Silva dos Reis (027.919.472-21); Leopoldo da Costa Neri Junior (080.666.042-20); Maria Marta Calado Ribeiro (687.961.102-87); Maria Violante Barbosa de Oliveira (226.356.452-72); Ronilse do Socorro Pereira Melo Soares (317.964.432-04); Wegnyr Octavio da Silva dos Reis (991.193.072-68)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Nacional de Saúde

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3774/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-003.573/2021-4 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Adenir Souza Moura Vicente (200.110.161-91); Chirlei Costa Balduino da Silva (202.765.241-87); Joseph Sebasthian Balduino da Silva (053.037.401-37)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Nacional de Saúde

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3775/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V; 39, inciso II, da Lei 8.443/92; c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 260, § 5º, do Regimento Interno, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do ato de concessão referente ao interessado identificado no item 1.1., de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-005.096/2021-9 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Celipia de Oliveira Silva (062.045.276-57); Dila Souza Azevedo Gomes (089.069.937-22); Odete Rodrigues Fortes (458.459.726-04); Sonia Candelaria Bitencourt Braga (919.071.956-53)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Economia

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3776/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-041.927/2020-6 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Valdelice Maria de Carvalho Rosa (025.870.114-50)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3777/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-037.227/2020-3 (PENSÃO ESPECIAL DE EX-COMBATENTE)

1.1. Interessado: Elysio de Souza Tavares (016.198.027-91)

1.2. Órgão/Entidade: Primeira Região Militar

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3778/2021 - TCU - 2ª Câmara

Trata-se de pedido de reexame interposto por Maria Dalvani de Oliveira Dutra contra os termos do Acórdão 8.419/2020-TCU-2ª Câmara, que considerou ilegal o ato de pensão militar instituído por Wirson Gomes Dutra e determinou a suspensão dos pagamentos decorrentes.

considerando que a recorrente acima nominada foi notificada da deliberação recorrida na data de 15/9/2020;

considerando que o prazo para a interposição de pedido de reexame é de quinze dias, nos termos do art. 48, parágrafo único, c/c o art. 33, da Lei 8.443/92;

considerando que o recorrente apresentou o recurso em 15/10/2020, sendo, portanto, intempestivo;

considerando, que a peça recursal não apresenta fatos novos supervenientes, para que venha a ser admitida nos termos do parágrafo único do art. 32 da Lei 8.443/92, c/c o art. 285, § 2º, e 286 do Regimento Interno;

considerando, ainda, os pareceres uniformes da Secretaria de Recursos e do Ministério Público junto ao TCU, no sentido do não conhecimento do presente recurso;

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 32, 33 e 48 da Lei 8.443/92, c/c os arts. 143, inciso IV, alínea "b" e § 3º; 285 e 286 do Regimento Interno do TCU, em não conhecer do pedido de reexame interposto por Maria Dalvani de Oliveira Dutra, e restituir os autos à Secretaria de Fiscalização de Pessoal para que dê ciência desta deliberação ao recorrente e aos órgãos/entidades interessados, encaminhando-lhes cópia do exame de admissibilidade efetuado pela Secretaria de Recursos.

1. Processo TC-013.566/2020-2 (PEDIDO DE REEXAME EM PENSÃO MILITAR)

1.1. Recorrente: Maria Dalvani de Oliveira Dutra (076.580.524-34)

1.2. Interessados: Diva Marques de Oliveira (027.022.527-70); Maria Dalvani de O. Dutra (076.580.524-34); Suzana Bernardes Froes Diniz (293.745.456-91)

1.3. Órgão/Entidade: Subdiretoria de Inativos e Pensionistas - Área Militar

1.4. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.5. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.6. Relator da deliberacao recorrida: Ministro Augusto Nardes

1.7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.8. Representação legal: Tiago Mascarenhas da Costa Marques (205.521/OAB-RJ), representando Maria Dalvani de Oliveira Dutra; Luiz Felipe Oliveira Neves (185.720/OAB-RJ), representando Diva Marques de Oliveira.

1.9. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3779/2021 - TCU - 2ª Câmara

Trata-se de expediente inominado apresentado por Edirani Bastos Siqueira (peça 30) mediante o qual solicita ao TCU não descontar de seus proventos os valores decorrentes do Acórdão 3.340/2020 - TCU - 2ª Câmara, que considerou ilegal ato de pensão militar em que constava como beneficiária.

Considerando que a peça apresentada não intenta a modificação do Acórdão 3.340/2020 - TCU - 2ª Câmara, estando desprovida dos elementos de razão e volição necessários à sua caracterização como recurso;

Considerando que a Secretaria de Recursos, com a anuência do Ministério Público junto ao TCU, opina por que a peça inicial seja recebida como mera petição, nos termos do artigo 48, parágrafo único, da Resolução TCU 259/2014;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator e com fundamento nos artigos 48, parágrafo único, e 50, § 3º, da Resolução TCU 259/2014, em receber a peça apresentada por Edirani Bastos Siqueira (peça 30) como mera petição, e encaminhá-la à Sefip, para as medidas de sua alçada.

1. Processo TC-022.653/2019-8 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Recorrente: Edirani Bastos Siqueira (494.684.727-87)

1.2. Interessados: Aline Domingues de Amorim Luz (035.885.127-05); Amalia Cristina Cruz de Oliveira (134.136.347-39); Barbara Maria Miguel dos Anjos (558.649.375-68); Beatriz Gomes Demirsky (047.658.757-33); Celia Claudino Moraes (344.122.639-91); Edirani Bastos Siqueira (494.684.727-87); Jayara Raquel Cruz Oliveira (033.546.405-02); Layana Domingues de Amorim (106.139.737-80); Marcia Guaraciaba Salvini (803.698.717-15); Maria Jose Telis Teixeira de Matos (128.529.427-04); Maria Jose de Moraes (830.155.664-15); Maria de Lourdes Matos de Queiroz dos Anjos (173.738.755-72); Marize Martines Fabijam Silva (070.105.358-50); Nadia Bezerra de Oliveira (080.761.177-80); Rita de Cassia Miguel dos Anjos (374.504.765-68); Selma Auxiliadora Miguel dos Anjos (586.048.985-49); Valdivone Miguel dos Anjos (326.890.395-91)

1.3. Órgão/Entidade: Comando da Marinha

1.4. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.5. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.6. Relator da deliberacao recorrida: Ministro Aroldo Cedraz

1.7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.8. Representação legal: não há.

1.9. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3780/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V; 39, inciso II, da Lei 8.443/92; c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 260, § 5º, do Regimento Interno, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do ato de concessão referente ao interessado identificado no item 1.1., de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-005.156/2021-1 (REFORMA)

1.1. Interessados: Alcemar Alvino Piccolo (012.155.740-53); Almir Goncalves Correa (069.391.397-53); Messias Dias de Araujo Junior (036.514.528-91)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3781/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V; 39, inciso II, da Lei 8.443/92; c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 260, § 5º, do Regimento Interno, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do ato de concessão referente ao interessado identificado no item 1.1., de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-005.158/2021-4 (REFORMA)

1.1. Interessados: Alcyr de Sales Bentes (042.987.992-04); Antonio Carlos Obando (026.961.502-49); Francisco Braga Viega (045.638.752-87); Francisco Zangerolame (024.849.277-20); Joao Queiroz Barbosa (015.119.712-15); Jose Felix Coelho (037.122.492-68); Jose Morais Irmao (026.422.202-49); Vitor Alves Teixeira (041.053.702-00)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3782/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-044.044/2020-8 (REFORMA)

1.1. Interessado: Antonio Carlos da Fonseca (312.537.687-49)

1.2. Órgão/Entidade: Comando da Marinha

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3783/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos artigos 1º, inciso V; e 39, inciso II, da Lei 8.443/92, c/c os artigos 1º, inciso VIII; 143, inciso II; e 259, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-044.048/2020-3 (REFORMA)

1.1. Interessado: Messias dos Santos Alves (422.064.217-04)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3784/2021 - TCU - 2ª Câmara

Trata-se de Embargos de Declaração opostos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte - SENAT em face do Acórdão 1640/2019 - TCU - 2ª Câmara, julgado na sessão de 12/3/2019 (Ata 6/2019) por meio do qual foi julgado o Recurso de Reconsideração interposto pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat), em face do Acórdão 2912/2017/TCU-2ª Câmara, que julgou irregulares as contas de Hilton Soares Cordeiro, Lúcio de Gusmão Lobo Júnior, Marcos Aurélio Alves Freitas, Ricardo de Alencar Fecury Zenni e do Senat, condenando-os solidariamente ao pagamento do débito apurado nos autos da Tomada de Contas Especial (TCE) instaurada pela Secretaria de Políticas Públicas de Emprego do Ministério do Trabalho e Emprego (SPPE/MTE) em razão de irregularidades verificadas na execução do Convênio MTE/SPPE/CODEFAT 42/2004-GDS/MA.

Considerando que a ciência do acórdão embargado ocorreu no dia 7 de julho de 2019, conforme Aviso de Recebimento constante à peça 142 dos autos;

Considerando que somente em 24 de fevereiro de 2021 os presentes embargos foram recebidos neste Tribunal, fora, portanto, do prazo fixado no § 1º do artigo 34 da Lei 8.443/92;

Considerando que a questão de ordem pública, referente à prescrição, já foi enfrentada nos itens 22-26 e 34 do voto condutor do Acórdão 2912/2017 - TCU - 2ª Câmara, que julgou a Tomada de Contas Especial, não havendo alteração da jurisprudência desta Corte de Contas desde então;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, por unanimidade, com fundamento nos arts. 30, inciso I, alínea "d", e 34, § 1º, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso V, alínea "f" e § 3º, 277, inciso III, e 287, inciso I, do Regimento Interno/TCU, em não conhecer dos embargos de declaração opostos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte - SENAT, eis que intempestivo, e dar ciência desta deliberação aos interessados.

1. Processo TC-019.274/2013-0 - EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM RECURSO DE RECONSIDERAÇÃO (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Hilton Soares Cordeiro (289.105.753-87); Lúcio de Gusmão Lobo Júnior (183.437.081-72); Marcos Aurélio Alves Freitas (471.367.153-34); Ricardo de Alencar Fecury Zenni (114.355.341-15); Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte - Conselho Nacional (73.471.963/0001-47)

1.2. Recorrente: Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte - Conselho Nacional (73.471.963/0001-47)

1.3. Órgão/Entidade: Governo do Estado do Maranhão.

1.4. Relator: Ministro Aroldo Cedraz.

1.5. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.6. Relator da deliberação recorrida: Ministro Aroldo Cedraz.

1.7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

1.8. Representação legal: Abel Batista de Santana Filho (59.828/OAB-DF) e outros, representando Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte - Conselho Nacional; Andrea Fontoura Santos (12.488/OAB-MA) e outros, representando Marcos Aurélio Alves Freitas; Henrique de Araújo Pereira (484/OAB-MA) e outros, representando Ricardo de Alencar Fecury Zenni.

1.9. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3785/2021 - TCU - 2ª Câmara

Trata-se de recurso de reconsideração interposto por Maria de Fatima Fernandes (R002, peça 79) contra os termos do Acórdão 13.966/2020 - TCU - 2ª Câmara, que, ao apreciar tomada de contas especial instaurada pelo Fundo Nacional de Saúde em razão da aplicação irregular dos recursos do Programa Farmácia Popular do Brasil - Aqui Tem Farmácia Popular (PFPB), no Município de Porto Lucena/RS, acolheu as alegações de defesa apresentadas pela recorrente, excluindo-a da relação processual, e julgou irregulares as contas dos demais responsáveis;

Considerando que o exame de admissibilidade de recursos efetuado pela Serur (peça 86) bem como a manifestação do Ministério Público (peça 101) concluem pelo não conhecimento do recurso em tela, visto que o Acórdão 13.966/2020 - TCU - 2ª Câmara não gerou qualquer sucumbência, sanção ou prejuízo à Srª Maria de Fatima Fernandes;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, com fundamento nos artigos 32, inciso I, da Lei 8.443/92; 143, inciso IV, alínea "b" e § 3º, e 285, caput, do Regimento Interno, em não conhecer do recurso de reconsideração interposto por Maria de Fatima Fernandes (R002, peça 79), ante a ausência de interesse recursal, e encaminhar os autos à unidade de origem para que dê ciência desta deliberação aos interessados.

1. Processo TC-041.248/2018-0 (RECURSO DE RECONSIDERAÇÃO EM TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Drogaria Vida Farm Ltda (00.931.181/0001-70); Marilete Walcher (575.839.860-87)

1.2. Recorrente: Maria de Fatima Fernandes (510.403.870-04)

1.3. Órgão/Entidade: Fundo Nacional de Saúde - MS

1.4. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.5. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin

1.6. Relatora da deliberacao recorrida: Ministra Ana Arraes

1.7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

1.8. Representação legal: não há.

1.9. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3786/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 17, inciso IV, 143, inciso V, alínea "a", 234, 235 e 237, do Regimento Interno/TCU, em conhecer da representação adiante indicada, para, no mérito, considerá-la parcialmente procedente; bem como determinar o seu arquivamento, sem prejuízo de fazer as determinações sugeridas, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-035.705/2020-5 (REPRESENTAÇÃO)

1.1. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Santa Maria

1.2. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.3. Representante do Ministério Público: não atuou

1.4. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Aquisições Logísticas (Selog).

1.5. Representação legal: não há.

1.6. Determinações/Recomendações/Orientações:

1.6.1. dar ciência à Universidade Federal de Santa Maria sobre as seguintes impropriedades/falhas, identificadas na Tomada de Preços 42/2020 (processo 23081.029066/2020-86), para que sejam adotadas medidas internas com vistas à prevenção de outras ocorrências semelhantes:

1.6.1.1. possível ausência de publicação do aviso da licitação em jornal diário de grande circulação no Estado e também, se houver, em jornal de circulação no Município ou na região onde será realizado o serviço, em desacordo com o art. 21, inc. III, da Lei 8.666/1993.

1.6.2. informar à Universidade Federal de Santa Maria e ao representante acerca da presente deliberação, destacando que o seu conteúdo pode, também, ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

ACÓRDÃO Nº 3787/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no 43 da Lei 8.443/92; c/c os artigos 1º, inciso XXIV; 17, inciso IV; 143, inciso III; 234, § 2º, 2ª parte; 235 e 237, todos do Regimento Interno, em conhecer da representação adiante relacionada e determinar o seu apensamento aos autos do TC-020.422/2020-2, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-047.625/2020-1 (REPRESENTAÇÃO)

1.1. Órgão/Entidade: Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação; Governo do Estado do Espírito Santo

1.2. Relator: Ministro Aroldo Cedraz

1.3. Representante do Ministério Público: não atuou

1.4. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo da Educação, da Cultura e do Desporto (SecexEduc).

1.5. Representação legal: não há.

1.6. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3788/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-001.764/2021-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Afonso Alves Coelho (256.823.933-68); Eidivan Goncalves Lisboa (082.511.342-34); Joao Bosco da Paz Araujo (115.829.602-91); Jorge Donizete Benedito (026.078.448-60); Jose Messias Mendonca (064.498.402-34); Lucia de Paula Firmo (402.920.297-72); Maria do Rosario Rios (216.229.064-20); Pedro Jose Laurindo (026.038.278-71); Sergio Antonio da Silva (715.563.208-25); Silvia Maria Otilia Magnotti Ferreira (843.104.217-68)

1.2. Órgão/Entidade: Comando da Aeronáutica

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3789/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.025/2021-3 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Paulo Cezar Viana Sarres (024.240.021-34); Pedro Gentil Palacio (023.753.971-34)

1.2. Órgão/Entidade: Senado Federal

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3790/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.059/2021-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Antonio Jorge Justo (405.241.327-04); Cirlei Goncalves da Rocha Vianna (407.000.627-34); Henrique do Espirito Santo Filho (328.205.936-15); Lusa Carmen Braga Vieira (400.531.720-00); Moema Cunha e Cruz Vieira (059.905.641-04); Roberto dos Santos (210.466.461-68); Rosangela Marta Siqueira Barreto (053.058.038-10)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - Iphan

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3791/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.078/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Sandra Barbieri Garcia (063.454.538-89); Sonia Maria Souza Pereira (061.703.058-86)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Nacional do Seguro Social

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3792/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.208/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Eda Schwartz (442.589.840-00); Janaina Mendes de Oliveira (355.872.700-25)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Pelotas

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3793/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.264/2021-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Joao Batista Rocha da Silva (727.654.967-49)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3794/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.304/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alexandre Magno da Silva Neiva (339.087.026-15); Ana Luiza Silva de Moura Liborio (284.971.981-15); Ana Maria Miranda Pinto Santos (394.143.456-04); Angela Rosana Ferreira de Melo (322.076.706-00); Darlene Miranda Leite (270.655.101-15)

1.2. Órgão/Entidade: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3795/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.409/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Cacilda Lobo da Costa (119.912.242-49); Guaracy Ferreira dos Santos (083.812.912-91); Sandra Maria Silva da Gama (209.501.442-15)

1.2. Órgão/Entidade: Departamento de Centralização de Serviços de Inativos e Pensionistas

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3796/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-003.074/2021-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Eliz Mara Bastos Botelho (161.764.722-53); Helenice da Conceicao Souza Guimaraes Silveira (162.671.412-68); Rosangela Rocha Meira Queiroz (107.040.002-53)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Economia

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3797/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-003.086/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Marli Maria de Oliveira (223.930.721-87); Mirian Feitosa de Alencar (164.043.783-53)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3798/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-003.162/2021-4 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Maristela Santi Quadros (537.767.479-00)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3799/2021 - TCU - 2ª Câmara

VISTO, relacionado e discutido estes autos de Aposentadoria de servidor do Ministério da Educação, encaminhados a este Tribunal para apreciação na forma da Instrução Normativa TCU 78/2018.

Considerando que por intermédio de verificação eletrônica a Sefip identificou que os atos constantes desse processo foram cadastrados em duplicidade no sistema Sisac, posto que há outro ato na base do sistema com os mesmos CPF e as mesmas datas de admissão, conforme se verifica nos autos;

Considerando que em ocasiões anteriores a Sefip procedeu à exclusão do ato duplicado, por meio de transação existente no sistema Sisac;

Considerando o Parecer do Ministério Público junto ao TCU;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, diante das razões expostas pelo Relator, com fulcro nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, ambos da Lei 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os 1º, inciso VIII; 17, III; 137, V; 143, II e 260, do RI/TCU, em:

a) atribuir chancela de exclusão por duplicidade aos atos de admissão de pessoal integrantes deste processo;

b) Informar aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos ; e

c) arquivar este processo.

1. Processo TC-003.802/2021-3 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Maria Ines Schuber de Castro (215.651.809-25); Maria Lucia de Mesquita Rasch (442.244.787-49); Nabiha Gebrim (184.053.711-68)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Educação

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3800/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.013/2021-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Claudio Meirelles dos Reis (943.121.507-10)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3801/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.379/2021-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alfeu Olival Barreto Junior (863.878.127-04); Sergio Augusto Cardoso Maurer (011.060.900-04)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3802/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.407/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Maria do Socorro Benicio da Silva (081.067.544-72)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Nacional de Saúde

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3803/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.419/2021-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: James Nascimento (314.519.777-00)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3804/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.422/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Marco Antonio Marques Leite (371.468.747-53)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3805/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.430/2021-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Jocimar Tamanini (557.998.417-00); Maria Edna da Silva Beltrao Marangoni (042.358.782-04); Rogerio Oliveira (682.225.307-63)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3806/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.792/2021-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Haroldo Luiz Correia dos Santos (140.347.354-49)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Economia

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3807/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.806/2021-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Lola Gomes Cavadas (313.715.077-91); Noeli Maria Matos Andrigheto (356.926.500-53); Serenita Rodrigues da Silva (264.162.550-49)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3808/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-012.457/2020-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Edson Ribeiro Correa (045.409.805-72); Otacilio de Oliveira Silva Filho (067.582.745-00); Raquel de Barros Branco Cajueiro (039.935.074-87); Rosa Maria Albuquerque de Resende Rocha (190.017.895-87)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Universidade Federal de Sergipe

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3809/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-036.060/2020-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Jose Luiz Horacio Faccini (660.266.017-91)

1.2. Órgão/Entidade: Comissão Nacional de Energia Nuclear

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3810/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-038.927/2020-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Denise Fernandes Pedrosa (713.418.116-20); Edimar Lemes de Oliveira Valadao (493.745.326-20); Eleuza Marta Dias (618.323.086-34); Gerson Pereira de Andrade (437.053.246-91); Joaquim Antonio de Carvalho (188.878.726-00); Nelma Maria Xavier Falco (431.201.646-15); Paulo Roberto de Lima Bueno (827.883.678-72); Ranor Lemes Fernandes (445.693.606-10); Regina Marcia Pereira (352.169.806-87); Ricardo Mauricio de Oliveira Novaes (029.260.158-10)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Universidade Federal de Uberlândia

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3811/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-040.447/2020-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Catarina Mirian de Souza Rebulla (157.621.141-04); Celia Maria Santos de Oliveira (101.820.713-91); Domingos Oliveira de Souza (051.336.828-08); Jose de Castro Neto (072.904.033-04); Luis Gonzaga Marcelino de Sousa (397.730.003-20); Marcia do Espirito Santo Venancio dos Santos (810.995.097-34); Maria Gregoria de Assis (223.506.831-68); Nilza Aparecida Costa Magalhaes Peno (537.114.321-15); Terezinha de Jesus Siqueira (068.974.928-76); Valdeir Manoel da Cruz (210.529.991-15)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3812/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-043.533/2020-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Maria Odaisa Espinheiro de Oliveira (011.156.932-04)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Pará

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3813/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-045.116/2020-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Patricia Beatriz Azevedo Coutinho Pereira (913.138.647-49); Rosana de Souza Pereira (559.005.187-87); Vera Lucia Spadetto (796.959.307-00)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Espírito Santo

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3814/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-000.896/2021-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexandro Alves de Vasconcellos (003.833.377-55); Antonia Rios Almeida (022.772.591-36); Patricia Aparecida Cesario (076.076.827-75); Patricia Carvalho da Silva (033.461.737-55); Rachel Silva Leitao (107.040.117-00)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3815/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-001.320/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andre Perin Schmidt Neto (006.228.670-67); David Mockli (119.077.317-17); Doris Zechmeister Braganca Weinmann (908.044.730-72); Fabiana Leao de Oliveira (897.462.870-87); Jessica Lenara de Souza Ambos (023.409.100-21); Marcus Vinicius Castegnaro (004.865.260-11); Melina Kleinert Perussatto (008.244.270-33); Rodrigo Ferrari da Silva (834.162.000-63); Stela Braga de Araujo (058.683.775-24); Tamires Timm Maske (015.168.820-67)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Rio Grande do Sul

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3816/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.589/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Dayvson Souza Silva Boto (014.220.545-19); Sarita Socorro Campos Pinheiro (199.840.062-04)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3817/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.596/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alessandra Buback Salgado Veloso (121.016.527-90); Damiana Ribeiro Alves (005.798.495-62); Daniella de Carvalho Veloso (622.141.443-15); Elson Fonseca Costa (563.029.913-15); Josevaldo dos Santos (015.536.895-85); Maria de Lourdes dos Santos Silva (681.799.444-68); Marta Carvalho Moura (011.139.735-95); Nataly Andrade Alves de Paiva (045.143.634-21); Ronei Gustavo Paim de Vargas (968.230.380-04); Tony Neto Guimaraes de Brito (599.473.062-91)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3818/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.610/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Rodrigo de Moura Joaquim (060.715.069-64)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Santa Catarina

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3819/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.678/2021-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Jose Elias de Almeida (137.071.164-68); William Kennedy do Amaral Souza (484.231.902-00)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3820/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.679/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andre Moreira Ramos (011.903.891-93); Jefferson de Menezes Fonseca (855.952.841-53); Marco Aurelio Bezerra Diniz (904.833.321-00); Murilo Estanislau de Ataide Mantovani (048.753.714-97); Renato Magalhaes Maia (700.059.581-72)

1.2. Órgão/Entidade: Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A. (filial RJ)

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3821/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.681/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Claudia Fernanda dos Santos Matias (748.900.770-49); Claudia Ribeiro da Cunha Franco (393.796.630-72); Franklin Bastos Capaverde (960.261.700-49); Jorge da Silva (710.102.460-20); Lucas Neves Santanna (016.703.920-23); Simone Goulart da Silva (898.469.820-20)

1.2. Órgão/Entidade: Hospital de Clínicas de Porto Alegre

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3822/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.823/2021-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Camila Marie Endo (043.659.349-10); Carlos Henrique de Aguiar Said (036.922.239-35); Cintya Adrianne Farias Macedo (010.625.292-51); Erenita Nobre de Oliveira (030.410.069-28); Fernando Martins Piratelo (037.777.459-60); Joana Gomes Vieira Lima (877.951.671-87); Priscila Lima Silva (076.778.736-69); Rachel Santiago Almeida (010.317.943-79); Risoneide Alves da Silva (011.085.804-24); Rosenilda Alves (028.783.129-96)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3823/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.826/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Daniel Maroubo (337.678.138-90); Douglas Lino da Silva (038.407.521-59); Felipe Gomides Dumont (062.520.186-86); Helena Berriel Tanus (045.058.551-47); Janaina Rodrigues Araujo (051.835.176-90); Maira Maluf Esselin (325.200.278-78); Mariza Dias da Silva Ramos (111.417.747-47); Racquel dos Reis Carvalho Marreiros (878.515.393-15); Wanessa Maria dos Santos (047.536.206-38); Yuri de Paiva Hoffmann (037.347.211-05)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3824/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.855/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Aline Teresinha Pedroso Soares (908.729.320-87); Denise Oliveira Espindola (949.033.520-72); Elisabete Paiva Orrigo (763.618.960-72); Gabriel Tesche Roman (009.011.500-70); Leonardo Silva de Almeida (035.359.960-31); Marcia Markoski de Matos (010.927.800-33); Marina Martelli Pereira (001.801.080-69); Patricia Armesto Queiroz Camara (831.777.950-53); Rita de Cassia Hencke Tamboreno (019.976.580-46); Sheila Cristina Lopes Pereira (006.574.720-85)

1.2. Órgão/Entidade: Hospital Nossa Senhora da Conceição S.A.

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3825/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-002.920/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Natalia Isaias Freire (121.299.367-50); Ronaldo Alves de Oliveira (006.330.827-40); Samuel Valadao da Silva Junior (098.562.837-52); Silvana Bauer Rodrigues (114.223.407-08); Silvia Veronica Granata (053.839.097-29); Therezinha de Jesus Givisiez Valente (743.134.107-59)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3826/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.053/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Jacqueline da Fonseca Santos (057.017.467-80)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3827/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.106/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Julio de Souza Santos (098.117.817-02)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3828/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.115/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alfredo Nazir Abud Neto (658.727.112-04); Barbara de Morais Borba (009.316.071-24); Diego Fernando Figueiredo Santos (044.023.924-97); Fernanda Couto Ferreira Porto (104.953.617-71); Joao Ferreira da Silva (055.005.684-00); Lissandra de Fatima Medeiros da Paz Lemos (009.307.304-61); Livia dos Santos Rodrigues (600.212.953-79); Marciano Ribeiro Saraiva (634.913.623-34); Maria Rosana de Bastos de Paula (035.885.689-21); Silverio Antunes de Souza Junior (408.381.021-15)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3829/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.123/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Paula Ansolin (071.398.729-45); Andre Gomes da Costa (094.475.219-59); Andrella Patricia Schroeder (639.921.839-04); Breno Fonseca Vinhaes (124.750.087-09); Diego Augusto de Souza (088.776.239-50); Katia Cristina Dalpiva Hartmann (053.519.949-09); Marcio Cezario Lopes (062.179.049-42); Mariana Alvarenga Kaminagakura (007.051.359-77); Patricia Silva Ramos Tonel (063.443.429-27); Renato Marcos de Leao (093.348.199-36)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3830/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.196/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carlos Alexandre dos Santos (100.835.399-05); Dayane Cristina dos Santos (011.530.699-46); Erasmo Carlos Goncalves Junior (095.297.989-62); Joao Edir Philippsen (017.331.469-46); Leidiane Araujo da Silva (068.385.529-81); Marton Luis Andrade Ribas (115.098.269-12); Monica Mirian Vasco Rodrigues (081.263.099-89); Richarla Karine Victorino (060.703.009-71); Sandro Henrique Fraga (324.231.438-77); Silvio Romero Chichorro (208.423.681-91)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3831/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.215/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Flavia Fonseca (087.225.169-13); Andrea Lopes de Siqueira (113.220.677-40); Eliane Ferreira da Silva (012.077.719-37); Elisa Marina Grossklaus (108.065.169-17); Eliseu Teixeira dos Santos (804.708.239-68); Kelly Campos Jacinto (110.620.499-93); Marcieli Araujo (094.418.459-65); Marcio Rodrigues Fiuza (052.029.729-62); Rosana Aparecida Batista (068.790.459-52); Vinicio de Souza Lima (046.665.529-01)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3832/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.216/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Albino Nunes de Oliveira (619.457.309-00); Anderson Nildo dos Santos de Jesus (008.332.469-09); Carlos Henrique Maciel Belasque (030.540.349-41); Caroline Leandro (035.496.489-52); Claudia Roberta Ramos (086.672.459-17); Fabio Henrique Fernandes de Oliveira (059.271.359-86); Franciele Proenca (069.733.809-64); Jackson Rodrigues Costa de Jesus (086.968.789-14); Jeferson da Silva (368.418.278-80); Ricardo Peixoto (026.358.099-76)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3833/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.272/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Aline de Lima Maia e Cunha (046.772.406-71); Anderson Vieira Cardoso (037.621.919-05); Andre Nathan de Moraes da Veiga (089.339.939-67); Bento Jose dos Santos Filho (458.980.499-91); Caio Guilherme Grotti (092.517.969-80); Carlos Roberto dos Santos (326.077.849-72); Leandro Klosovski (036.609.419-05); Marcos Daniel Roque (114.990.909-94); Thaiane Zaneti dos Santos (060.811.029-98); Tiago Redressa (329.154.428-51)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3834/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.279/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriana Borges de Lara (070.536.769-00); Bruno Jean Werle Pascoalotto (087.267.099-61); Cristian Rafael Bof (052.398.529-01); Daiane Dore Goncalves (114.864.389-38); Elaine Aparecida Vicente (878.297.209-59); Elivelton Antonio da Silva (089.293.969-92); Maria Lucia Fedex (049.762.009-06); Paulo Roberto Pires (576.340.419-04); Rafael de Carvalho Chaves (107.003.169-06); Vaneza Figueiredo (075.046.789-45)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3835/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.330/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Aline Cristina do Rosario Rocha (107.118.869-03); Audrei Felipe Lucatelli (074.457.889-21); Breno Wallace Clarimundo Dionisio (105.096.769-01); Bruno Sergio Rocha Peixoto (090.609.539-59); Daniella Cristina Rocha (092.399.299-59); Elias Roberto Mendes (863.326.869-87); Gregori Rontani Tonsic (075.958.529-60); Lorenice Lucia de Lima (075.702.139-55); Pedro Henrique Foltran Kolorki (957.203.679-34); Silvano Taborda da Silva (033.336.869-02)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3836/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.721/2021-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Maira de Souza Aranha Brauner (036.777.363-58)

1.2. Órgão/Entidade: Comando da Aeronáutica

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3837/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.727/2021-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Bruno da Silva Costa (346.356.428-95); Marjara Ferraz de Almeida Pereira (078.822.444-14)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Oeste do Pará

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3838/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.770/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Carolina Santos Freire (061.013.414-02); Daniele de Andrade Siqueira (039.306.034-97); Enock Carneiro dos Santos Netto (017.923.123-50); Fernanda Ramos Monteiro (044.150.935-58); Frank Julio Costa dos Santos (751.030.793-72); Janice Freitas Lima de Oliveira (887.122.655-00); Jose Melquiades Ramalho Neto (026.407.734-29); Luis Laercio Geronimo Pereira (777.080.165-68); Margareth Barros de Alencar (224.216.292-68); William da Silva Muniz (135.029.037-86)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3839/2021 - TCU - 2ª Câmara

VISTO, relacionado e discutido estes autos de Admissão, de servidores da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, encaminhados a este Tribunal para apreciação na forma da Instrução Normativa TCU 78/2018.

Considerando que nos atos de admissão constantes deste processo foram detectadas a existência dos respectivos desligamentos, conforme verificação da documentação anexada, seja por meio da constatação da existência de ato de desligamento e exclusão na base Sisac e Siape, ou pela constatação do falecimento do servidor;

Considerando o parecer do Ministério Público junto a este Tribunal;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, diante das razões expostas pelo Relator, com fulcro nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, ambos da Lei 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os 1º, inciso VIII; 17, II; 62, III; 137, IV; 143, II e 260, do RI/TCU, em:

a) Considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame dos atos de pessoal abaixo relacionados cujos efeitos financeiros tenham cessado antes de sua apreciação, por força do art. 7º da Resolução TCU nº 206, de 2007, alterada pela Resolução 237/2010.

b) Informar aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.910/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexandre Leite Freitas (814.902.405-00); Aline Roberta da Silva (326.863.288-27); Bernardes Leite de Oliveira (346.516.752-04); Bruna Cabral Ferreira (101.147.194-97); Bruno Ferreira Jeronymo (104.677.277-59); Dione Maria Santana dos Santos (346.032.554-20); Edinalva de Abreu Moreira (504.633.734-72); Eliane Custodio da Costa Lima (527.091.595-20); Eliane Pereira Rusch (570.298.570-20); Eliane Pereira da Costa (396.721.074-04); Evandro Oliveira Rodrigues de Souza (052.578.266-40); Helena Limeira Pereira (331.854.921-53); Jose Savio Santos Ferreira Filho (746.970.642-91); Leandra Vargas de Miranda (065.507.476-78); Reginaldo de Freitas (022.164.950-69); Rejane Moraes Falcao (613.649.083-87); Renato Santos Mata (577.168.625-53); Rozimar Lira de Oliveira (324.336.384-53); Tania Mara Sant Anna (084.152.878-01); Ticianny Borges Machado (001.807.482-03)

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3840/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso II; 143, inciso II e 260, § 1º e 2º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-044.424/2020-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Ana Carolina Brito de Almeida (087.355.587-25)

1.2. Órgão/Entidade: Tribunal Regional Federal da 2ª Região

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3841/2021 - TCU - 2ª Câmara

VISTO, relacionado e discutido estes autos de Admissão, de servidores do Banco do Brasil S.A., encaminhados a este Tribunal para apreciação na forma da Instrução Normativa TCU 78/2018.

Considerando que nos atos de admissão constantes deste processo foram detectadas a existência dos respectivos desligamentos, conforme verificação da documentação anexada, seja por meio da constatação da existência de ato de desligamento e exclusão na base Sisac e Siape, ou pela constatação do falecimento do servidor;

Considerando o parecer do Ministério Público junto a este Tribunal;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, diante das razões expostas pelo Relator, com fulcro nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, ambos da Lei 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os 1º, inciso VIII; 17, II; 62, III; 137, IV; 143, II e 260, do RI/TCU, em:

a) Considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame dos atos de pessoal abaixo relacionados cujos efeitos financeiros tenham cessado antes de sua apreciação, por força do art. 7º da Resolução TCU nº 206, de 2007, alterada pela Resolução 237/2010.

b) Informar aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-046.121/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Angelo Rodrigues Schettini (034.761.937-13); Claudio Jose Picolotto (413.661.230-34); Eduardo Anjos Reche (271.144.328-01); Eliene Bernardes de Oliveira (414.350.951-20); Francisco Fernando de Oliveira Bezerra (412.731.507-59); Francisco Jose Mesquita de Lima (413.266.106-78); Gerson Bittencourt Ii (037.115.009-43); Gildevang Dantas Oliveira (348.048.703-34); Graziela Andrade Tavares (271.350.298-52); Luis Henrique Dalla Chiesa (350.756.940-04); Marcelo Silva do Amaral (373.619.452-87); Marciel Abadio da Silva (072.616.186-16); Maria do Carmo Gomes Villanova (413.212.190-91); Marisia Bedin Francischini (412.939.169-00); Rafael Luiz Aparecido Alves Pessi (059.820.526-80); Reinaldo Antonio Albachiare (370.475.668-72); Rodrigo dos Santos Pereira Melo (010.825.603-08); Sergio da Silveira Rodrigues (372.787.030-34); Silvane de Sousa Pinheiro (370.092.652-91); Wendel da Silva Caleffi (271.306.078-82)

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S.A.

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3842/2021 - TCU - 2ª Câmara

VISTO, relacionado e discutido estes autos de Admissão, de servidores do Banco do Brasil S.A, encaminhados a este Tribunal para apreciação na forma da Instrução Normativa TCU 78/2018.

Considerando que nos atos de admissão constantes deste processo foram detectadas a existência dos respectivos desligamentos, conforme verificação da documentação anexada, seja por meio da constatação da existência de ato de desligamento e exclusão na base Sisac e Siape, ou pela constatação do falecimento do servidor;

Considerando o parecer do Ministério Público junto a este Tribunal;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, diante das razões expostas pelo Relator, com fulcro nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, ambos da Lei 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os 1º, inciso VIII; 17, II; 62, III; 137, IV; 143, II e 260, do RI/TCU, em:

a) Considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame dos atos de pessoal abaixo relacionados cujos efeitos financeiros tenham cessado antes de sua apreciação, por força do art. 7º da Resolução TCU nº 206, de 2007, alterada pela Resolução 237/2010.

b) Informar aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-046.135/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alekssander Leite de Figueiredo (761.303.041-53); Antonio Leite Bastos Neto (730.455.007-49); Celina Tiemi Assano Matuoka (076.271.668-10); Clairton Luis Frohlich (015.671.059-55); Claudia Mitterlehner Mauricio (015.869.087-74); Elenita Malta Pereira (733.767.790-15); Eliane Maria Pinto Ferreira Pinelli (015.575.838-11); Estevao Daniel Linhares Nascimento (001.726.076-04); Fernando Antonio Goncalves Lidington (733.972.617-91); Gilson Souza de Oliveira (174.629.548-18); Helda Maria Mendes Porto Dores (174.437.847-91); Jane Mara dos Santos Pedroso (073.478.588-79); Jose Eduardo Tenorio (175.404.918-41); Leopoldo Jose Rodrigues Britto Passos Pinheiro (175.923.997-68); Mauro Henrique Dionisio (760.304.906-72); Romualdo Guadagnin (732.697.510-87); Rosana de Brito Alves Oliveira (175.526.228-06); Rosane de Oliveira Hortega (071.860.638-88); Simone Rezende Pinto (073.499.287-42); Soraya Faria Edmundo Romanizio (760.213.866-04)

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S.A

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3843/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-004.513/2021-5 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Odalberto Domingos Casonatto (167.967.210-04)

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3844/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III e 143, inciso II; 259, inciso II e 260, § 4º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão abaixo relacionado, fazendo-se a seguinte determinação sugerida nos pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-013.762/2020-6 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Maria Auxiliadora da Cruz (930.007.076-20)

1.2. Órgão/Entidade: Gerência Executiva do Inss - Divinópolis/mg - Inss/mps

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinar à Sefip que promova a correção do nome e do CPF do instituidor da pensão para Men de Sá Freitas e CPF 043.300.486-04, respectivamente, conforme documento de peça 4.

ACÓRDÃO Nº 3845/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III e 143, inciso II; 259, inciso II e 260, § 4º, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão abaixo relacionado, fazendo-se a seguinte determinação sugerida nos pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-040.558/2020-7 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Marcos Antonio da Silva (130.661.376-00)

1.2. Órgão/Entidade: Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinar à unidade técnica que corrija o código do fundamento legal da pensão, no formulário e-Pessoal, para que passe a indicar PCIV-15.

ACÓRDÃO Nº 3846/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-044.233/2020-5 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Stephanie Lacet Xavier de Arruda Mello (014.440.214-94)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Fazenda (extinta)

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3847/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-044.258/2020-8 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Maria do Carmo Pismel da Silva (217.780.192-34)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3848/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legal para fins de registro o ato de concessão a seguir relacionado, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-044.775/2020-2 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Romilda Comassetto de Farias (357.246.840-04)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Nacional do Seguro Social

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3849/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/92, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 17, inciso III; 143, inciso II e 260, §§ 1º e 2º, inciso II, do Regimento Interno/TCU, ACORDAM em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, conforme os pareceres emitidos nos autos pela Sefip e pelo Ministério Público junto a este Tribunal, informando aos interessados que o presente Acórdão pode ser acessado por meio do endereço eletrônico www.tcu.gov.br/acordaos.

1. Processo TC-044.815/2020-4 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Maria de Jesus Souza da Silva (036.997.402-69); Zilma Nascimento da Silva (074.728.202-10)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Nacional de Saúde

1.3. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3850/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, inciso V, alínea e, e 183, inciso I, alínea d, do Regimento Interno/TCU, em prorrogar o prazo, por mais 30 (trinta) dias, a contar da ciência desta deliberação, para que a Diretoria de Administração do Pessoal do Comando da Aeronáutica cumpra as determinações constantes do subitem 9.4 do Acórdão 8.470/2020 - 2ª Câmara:

1. Processo TC-009.576/2017-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: João Murta Alves (254.547.906-30); Marco Antônio Cavalcante Henriques (405.059.107-30); Marcos Antonio Venancio Martins (102.920.473-04); Maria Alice Carvalho Mazzeu (037.951.648-93); Mauro Kochi Yamamoto (019.720.378-70); Neide Ferreira Queiroz de Araújo (179.562.774-34); Nelson Firmino (975.499.248-72); Rosângela Francisca de Oliveira Araújo (263.097.261-53); Selma Araujo de Pinho Ferreira (219.381.302-78); Telma Cristina Arantes Macedo Manabe (065.187.128-05)

1.2. Órgão/Entidade: Diretoria de Administração do Pessoal

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3851/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, incisos III e V, alínea a, e 169, inciso V, do Regimento Interno/TCU, em arquivar o presente processo, sem prejuízo de dar ciência desta deliberação ao Comando da Marinha e ao interessado, de acordo com o parecer da unidade técnica:

1. Processo TC-016.764/2020-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Marco Aurelio Barcellos Xavier (030.202.357-74).

1.2. Órgão/Entidade: Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3852/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260, § 5º, do Regimento Interno/TCU e no art. 7º, inciso I, da Resolução/TCU 206/2007, em considerar prejudicada a apreciação do mérito dos atos de concessão de aposentadoria a seguir relacionados, por perda de objeto, tendo em vista o falecimento dos interessados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-046.186/2020-4 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Antonio de Oliveira Luna (080.171.664-00); Jose Remigio Neto (022.551.704-34); Manoel Joao dos Santos (302.388.704-72); Tania Tassinari Rieger (445.151.460-68).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Pernambuco - UFPE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3853/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260, § 5º, do Regimento Interno/TCU e no art. 7º, inciso I, da Resolução/TCU 206/2007, em considerar prejudicada a apreciação do mérito do ato de concessão de aposentadoria a seguir relacionado, por perda de objeto, tendo em vista o falecimento do interessado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-046.191/2020-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Hector Omar Ardans Bonifacino (092.827.578-70).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Santa Maria - UFSM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3854/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-039.981/2020-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adrielle Thais de Andrade Peres (124.399.516-50); Annielle Anunciação e Magalhaes (075.914.866-08); Cleia Rodrigues da Costa (012.326.206-29); Diogo Batista de Oliveira (049.078.166-77); Giovanna Camila da Silva (045.675.046-07); Joao Eduardo Quadros (050.518.849-03); Livia da Cruz Carvalho (083.594.776-98); Rafaela Beatriz Silva Avelino de Castro (103.342.106-58); Rita de Cassia Vieira (762.803.816-68); Vinicius Mariano Goncalves (091.894.826-62).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3855/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.167/2020-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Leilson Silva Sousa (659.526.502-87).

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Correios e Telegrafos - ECT.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3856/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.175/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alice Andrade Antunes (016.660.917-07); Amaralina Pimenta Muniz (099.528.217-00); Edmar Lopes da Silva Neto (053.613.857-51); Fernando Luiz Benevides da Rocha Gutierrez (857.204.617-87); Leandro Valga de Mattos (086.164.397-65); Patricia Almeida Chelles (072.342.467-54); Priscila Valverde Fernandes (053.467.197-76); Rosane Pinudo dos Santos (939.326.777-49).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde - MS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3857/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.353/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Klisse Silva Araujo (032.564.243-50); Anna Carolline de Castro Marinho (023.647.843-52); Edna Ferreira de Oliveira (822.998.113-20); Jailson do Nascimento Silva (602.766.173-98); Leticia Rodrigues da Silva Aguiar (033.027.803-70); Tais Delmiro de Lima (056.789.243-38).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3858/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.377/2020-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Cristiano Quadrado Mussi (755.361.450-53); Daniel Richeter de Melo (007.535.388-14); Djane de Jesus Santana Souza (757.095.035-68); Jefferson Ferraro (075.697.108-00); Lucas de Souza Santana (019.461.565-07); Luidison Leite Pires (975.457.325-53); Luis Felipe Censon (308.603.418-10); Marcia Freitas de Souza (757.218.647-53); Silvia Cecilia Moreira de Azevedo (755.957.298-72); Vinicius de Almeida Moraes (007.573.487-77).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3859/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.620/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Cecilia Melo de Lima (009.810.924-38); Bruna de Souza Peixoto Dantas (009.483.334-64); Celia Alves de Araujo Costa (072.447.238-06); Claudio Cesar de Miranda Alves (062.436.918-88); Cristiano Vieira de Oliveira (951.580.496-53); Debora Rocha Cronemberger (009.893.966-14); Deise Silva Martins Campos (004.555.856-60); Heiderson Sales Monteiro (014.861.665-80); Helena Maria Borges (043.673.788-45); Marco Tulio Cunha de Almeida (624.221.115-72).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3860/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.655/2020-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Altair Luiz da Silva (633.562.521-00); Bruce Miler da Rocha Gaspar (629.571.713-68); Caetano Rossato Rabelo (632.342.700-15); Carlos Felipe Arruda Moraes (632.815.203-59); Evandro Luiz Benelli (629.271.599-04); Luana Caprith de Macedo Maia (006.324.771-21); Luiz Antonio de Carvalho (629.878.791-72); Paulo Bumbeers (063.256.158-08); Pedro Pablo Ramos Damasceno (057.974.344-66); Rildo Rodrigues Lima (633.448.071-53).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3861/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.729/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Larissa Demeneghi Antunes (921.959.890-68); Leandra Cristina Hommerding (681.910.659-91); Leandro Magalhaes dos Santos (823.973.411-15); Lena Cristina Lima Rocha (486.348.162-49); Leonardo Carrijo Volnei (720.283.351-49); Lian Miranda Casartelli (983.895.210-91); Livia Cristina Melo de Lucena (641.461.382-72); Luciana Alves Moreira (841.615.157-15); Luciana Pereira Henriques (025.306.446-59); Luciana Souza Guedes (109.217.038-30).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3862/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.741/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Marcos Vinicius Marques Ignacio (375.587.098-30).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3863/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.860/2020-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Thais Ramos Viegas (006.518.320-71).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3864/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.981/2020-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Juliano Lafuente Silvelo (900.881.820-53); Jullyana Patricia Fagundes Serra (916.237.823-68); Junior de Pinho Marins (238.029.102-06); Katia Fernanda Jiora Cardeano (271.200.268-79); Kelly Pinheiro de Oliveira (303.760.248-10); Lazaro Nascimento da Silva (977.157.785-91); Leopoldo de Villefort Grossi (047.479.496-23); Lilian Andreia Corrente (008.633.839-04); Maria Jose Moreira Porto (070.252.128-06); Mario Yochiiti Abe (046.494.248-95).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3865/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.101/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ronie Peterson Delgado (004.652.689-78); Rosa Maria Ribeiro Fernandes (437.636.693-53); Rosan de Oliveira (273.601.994-68); Rosana Maria Capucho (031.175.957-24); Rosane Simões Franco (018.203.589-17); Rosemari Pedrini de Araujo (383.935.229-00); Samarone Rocha Souza (655.836.805-63); Samua Duarte Mariano Ribeiro (763.771.131-53); Sandro Eduardo Macedo Pinto (720.469.371-04); Sandro Gama Faro (014.714.937-17).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3866/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.139/2020-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Claudia Soares Aguiar (069.928.098-22); Claudio Conde Augusto da Silva (049.075.606-99); Denys Andre Pokryviecki (055.329.769-45); Dilvane Schuh da Silva (036.573.149-89); Eliana Patricia Gorgulho (563.017.236-00); Erika Rodrigues Codama (044.572.756-03); Luis Anibal Brito dos Santos (425.597.072-68); Luiz Augusto Guimaraes Ginde (036.338.408-18); Renata Marton Cruz (159.347.328-11); Thais Viel Til (280.578.098-17).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3867/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.150/2020-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexandre da Anunciação Vicente (162.323.548-00); Carlos Henrique Dias Roque (937.666.377-20); Cassio Davi Emer (936.688.130-00); Eunice Rodrigues Chiaramonte (936.521.868-34); Evandro Joao Pereira (936.730.519-20); Gustavo Canto da Silva (938.366.350-20); Marco Antonio Rodrigues Miranda (936.850.417-20); Mauricio Rodrigues Goncalves (938.579.500-72); Potira Kluwe Costa Pereira (936.501.910-91); Renata Waldenia Martins (937.129.446-91).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3868/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.200/2020-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alfredo Vasconcelos Carvalho (939.553.085-53); Bernadete Nunes (940.990.659-87); Clarissa Chagas Cunha (938.901.760-20); Daniel Pedroso de Oliveira (940.960.230-00); Gustavo Munari Ribeiro (942.034.070-87); Jane Aparecida Sangaletti (940.314.109-30); Jonas Gomes da Silveira (009.414.686-15); Luciano Souza Zanella (939.244.700-06); Marcos Nogueira Gomes (939.369.587-34); Mario Satoru Watanabe (934.432.938-91).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3869/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.258/2020-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Jose Santos Filho (785.028.379-15); Jose Wellington Rodrigues (902.126.731-49); Josiane Teodoro Mora Heinas (763.784.970-87); Josilene Feitosa Moura (011.561.093-61); Julio Cesar Araujo Ferreira (081.475.867-36); Julio Cesar Damasceno (428.978.901-34); Julio Cesar Max Probst (006.975.379-27); Jussandra Soares Borges (844.772.963-04); Karla Monique Mafra Souza (863.125.107-00); Kleber Freitas Galvao (010.402.593-08).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3870/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.304/2020-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Camila Turati Pessoa (313.900.378-19); Maria Amelia Chamma Maximiano (049.023.636-74); Marilia Rodrigues Moreira (030.088.026-05).

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Universidade Federal de Uberlândia - UFU.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3871/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.429/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexandre Renan Pinto de Sousa Neves (964.887.944-34); Angela Aparecida Candalaft Pereira (010.412.098-35); Cynthia Lessa Maia (104.131.668-21); Daniel Joca de Oliveira (102.625.148-69); Dirce Kazue Iwamoto (103.559.298-30); Eduardo de Sousa Morais (103.094.308-79); Flavio da Costa Adami (103.350.828-40); Julia Cristina Ventriglio Midena (102.689.618-59); Newton Cicero Souza Silva (104.339.534-20); Rodrigo Barbosa de Albernaz (104.289.897-99).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3872/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.444/2020-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Gertrudes Teles da Silva (517.215.381-00); Audilon Andolfato Jaquetti (034.122.669-65); Cleusa Perpetua de Lima (875.494.179-20); Dilan Negreli (937.603.379-53); Hilton Dias Trindade Junior (333.645.752-15); Ivonete Iracy de Souto (003.612.749-39); Jesuslene de Oliveira Moraes (418.274.733-04); Layana Vieira Nobre (013.551.923-31); Maria Gorete Paz Cunha (564.674.601-97); Naiara Cristina Santos Foicinha Serejo (034.214.763-30).

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ebserh.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3873/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.485/2020-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexsandro Batista Martins (565.422.082-91); Carlos Cristiano de Almeida (687.409.725-34); Gustavo Barros Dias (923.081.711-20); Leticia Alves de Vargas (972.023.120-34); Luciane Maria Canal Vanz (814.460.129-72); Lucilei Pereira Miranda Marques (614.523.353-20); Monica Carvalho Bastos (041.044.087-60); Rozelene Lorenski Vendruscolo (941.209.949-53); Silvio de Moraes Delgado Neto (030.157.107-45); Suelen Franca Fernandes da Nobrega Holdorf (655.008.492-04).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3874/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.499/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Fabricio Alves Araujo (010.862.201-02).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Goiás - UFG.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3875/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.541/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Frederico Schmitt Kremer (023.766.470-45); Rafaela Bortolini (018.437.760-90).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Pelotas - UFPel.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3876/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.750/2020-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Lucilla Vieira Carneiro (057.798.434-90).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3877/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.432/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Gilmar Moreira (254.389.562-00); Gisele Valandro (026.731.179-62); Hamilton Ricardo Nascimento Rehem (527.460.895-72); Helenilton Alves Franca (779.089.885-04); Igor Henrique Leao Guimaraes (000.467.625-40); Jandrei Bohn (000.182.849-57); Josiane Peixe Blasius Junkes (003.789.279-73); Josivaldo Bispo dos Santos (889.026.765-87); Katia Silene Nascimento (678.649.966-04); Kesley Enzo Teixeira (989.033.065-20).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3878/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.465/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Leila Aparecida da Silva Santos (554.557.356-91); Lenoir Moretto (346.966.959-72); Leonardo Junqueira Picone (076.206.217-76); Leonardo dos Anjos Fonseca (781.351.335-53); Leslie Benites Ricardo da Silva (356.151.921-00); Leticia Pires Ordovas (656.647.790-04); Lilian Yuri Maeda Uezu (685.194.006-04); Lourenco Luitgards Moura Neto (718.649.971-68); Luanda Moreira Melo (643.373.403-00); Lucelia de Oliveira Barbosa (038.856.216-14).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3879/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.591/2020-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessadas: Ana Lucia Machado (660.566.839-15); Andryella Dotto (019.233.280-50); Daniela da Silva Egger (094.154.507-54).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3880/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.594/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Divina Eliane Silva Nogueira (862.108.152-00).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3881/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.622/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Arlete de Franca Goncalves (283.905.712-34); Aurelio Godinho (847.224.286-20); Brenda Barros de Souza Dias (082.333.097-45); Caroline Bernat Winkler Machado (087.236.397-09); Celia Maria Ferreira (340.405.792-91); Celia Targino de Souza (517.348.349-00); Cesar Wisniewski Kaminski (370.146.250-04); Cristiano Silveira Gouveia (000.732.921-09); Danielle Macedo Alves Simao (097.648.417-08); Debora Crispim Damasceno Cunha (016.788.791-26).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3882/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.703/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Mariana de Santis Filgueiras (093.161.906-81).

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Universidade Federal de Viçosa - UFV.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3883/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.819/2020-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Airton Nardelli Junior (006.992.069-95); Aldo Monteiro Barboza (718.094.141-72); Alexandre Loureiro (247.977.648-48); Aline de Castro Pinho (509.474.862-91); Andre Amadeu Chaves Liporime (277.134.418-16); Andre de Araujo Silva (858.450.192-49); Andrea Celano (882.292.209-30); Anesio Savio (031.031.779-76); Anna Maria Calil Lourenco Christovão (007.970.628-23); Antonio Ferreira Paulo Neto (176.128.258-13).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3884/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.914/2020-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alice da Conceição (506.993.001-00); Ana Lucia Pereira da Silva (358.487.661-34); Angela Raquel Cardoso de Sousa (514.436.863-87); Edna Lucia Rodrigues Leite (334.574.845-20); Enilda Reis Duarte (617.305.480-91); Eric Murilo de Souza Andrade Santos (041.821.175-22); Fabio Luis Lopes Camargo (219.282.528-50); Fernanda da Silva Kirst (009.805.700-69); Glaucia Aparecida Borges (473.676.443-00); Jaime Wetzel (932.233.580-72).

1.2. Órgão/Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ebserh.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3885/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.935/2020-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alberto Luis da Rocha Fonseca (074.874.267-00); Alessandra Pagnosi Guimaraes (117.331.698-14); Alex Clausing Maimoni (038.029.646-24); Alexsandro Baron Paul (265.191.028-73); Andresa Fernanda Scucuglia da Silva Santos (275.978.548-38); Cristiane Dias dos Santos Sabatini (192.557.948-41); Daniela Rocha Sampaio (180.920.058-00); Kelly Cristina Sakakura (269.662.978-10); Luis Augusto Teixeira Morais (215.905.028-84); Rodrigo da Silva Estevao (251.674.908-20).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3886/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.953/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andrea Correia Quintela (087.784.177-24); Andreia Cristina Vivaldini (134.843.958-00); Andreia Karine da Silva (976.871.705-04); Angelica Darolt de Carvalho (873.704.929-15); Antonio Wiliam Rodrigues da Silva (962.837.773-68); Arilson de Jesus Bezerra (022.763.187-08); Aruane Almeida Santos (033.206.295-30); Aureliano Chaves Figueiredo (895.182.761-53); Ayala Rodrigues Oliveira Pelegrine (106.306.087-76); Benhur Giuriatti (014.614.065-60).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3887/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.973/2020-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Celia Goncalves Zelenkovas (215.989.068-52); Caio Julio Cesar Lopes (152.894.778-96); Carlos Jose Gomes Fernandes (215.973.322-91); Claudia Yaguti (153.393.298-01); Daniel Jose da Silva (216.033.608-40); Eduardo Ramos Meira (216.255.928-50); Fabiana de Mattos Lancerotti Goncalves (153.772.178-02); Fabio Costa Coimbra (215.709.788-08); Luiz Eduardo da Silva Oliveira (215.737.938-09); Sebastiao Santana de Ribeiro (215.806.502-87).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3888/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.009/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ademir Peçanha de Almeida (447.280.857-91); Andre Shizuo Hachiguti de Quadros (044.843.319-26); Carlos Djalma Goncalves (044.825.608-80); Daniel Amorim Bayao (044.699.116-31); Debora Cristine Garcia (004.465.119-86); Eduardo Correia (004.466.759-03); Ivan Sergio Gabriel dos Santos (447.900.239-15); Marcionilia Coelho Guimaraes (044.766.226-07); Ramon Costamilan (044.611.529-01); Victor Guilherme Tito (044.878.356-82).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3889/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.086/2020-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Augusto Nobre Ferreira Mosquera (216.822.498-67); Carlos Eduardo Koronfli (278.339.238-00); Cassiana Carvalho de Barros Castro Marques (138.809.688-96); Christiano da Luz (280.311.388-00); Cintia Miuki Yokomizo (275.985.538-40); Claudia Galante Baptista (153.569.708-38); Claudia Yoshiko Oyama Tsunokawa (277.451.358-85); Claudio Martinho de Presbiteris (063.003.818-03); Clodoaldo Sandro Assato (115.489.028-70); Kelly Baron Tank Donati (154.793.018-70).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3890/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.280/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Marcos Guapindaia Joppert (784.744.347-34).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Saúde - MS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3891/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260, § 5º, do Regimento Interno/TCU e no art. 7º, inciso II, da Resolução/TCU 206/2007, em considerar prejudicada a apreciação, por perda de objeto, dos atos de admissão de pessoal das Srs. Ivanilde Medeiros da Nobrega, Valdeane Santos Ribeiro Santana e Ana Vitoria Mondego Dias Mendes, tendo em vista o exaurimento dos seus efeitos financeiros antes do respectivo processamento por esta Corte, em razão do falecimento das interessadas ou do desligamento do cargo a que se refere o ato, e legais, para fins de registro, os demais atos, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.349/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Vitoria Mondego Dias Mendes (418.086.653-68); Ivanilde Medeiros da Nobrega (601.961.901-00); Juliano Avelar Ximenes Rodrigues (713.199.991-15); Teofilo Hugo Silva Santos (887.284.201-87); Valdeane Santos Ribeiro Santana (824.519.231-72).

1.2. Órgão/Entidade: Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios - TJDFT.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3892/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.358/2020-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Juliana da Silva Bergonzi (158.906.567-08).

1.2. Órgão/Entidade: Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3893/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.385/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Izabel Imamura (040.849.998-22); Kelli Cristina Hirayama (255.338.758-08); Marielange Lemos Cardoso (589.263.136-20); Maurilio Candido Ribeiro (756.497.646-20); Paulo de Tarso Teixeira Junior (444.567.786-87); Raquel Dal Lago Di Froscia Rodrigues (289.174.878-66); Rita Cristina Mota Araujo (354.826.216-34); Sidney da Silva Santos (790.453.404-53); Tais Bustamante de Almeida Rezende de Jesus (040.460.526-51); Vinicius Freitas Almeida (920.248.076-15).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3894/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.570/2020-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ronaldo Ribeiro de Souza (009.466.247-98); Rosangela Menezes de Melo (088.527.278-17); Rosemary Carneiro Mosqueira (302.572.802-78); Simone Ferreira de Souza (020.597.527-52); Sonia Patricia Peres (857.634.899-34); Stefaine Rodrigues Piumbini (036.246.597-58); Sybele Reis de Oliveira (381.440.262-68); Tania Claudia Salles Simões (154.087.748-56); Valdir Parzianello (805.153.559-68); Vania Sileide de Souza (017.717.069-70).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3895/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.653/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Savio Antonio Leal Azevedo (220.490.372-87); Sidney Pellegrini de Souza (025.369.157-51); Silvia Cristiane Puchta (004.095.469-25); Silvia Helena Neto de Oliveira (455.043.002-82); Sirlei Ramos Maciel (871.310.306-78); Tania Maria de Almeida (898.966.886-72); Temistocles Santana Souza (784.086.955-68); Valdemar Fernando Rodrigues (974.488.180-15); Valdi Pereira de Freitas (374.034.945-04); Vanicio Gomes Vinente (614.032.452-15).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3896/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.684/2020-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alcione Webrath (951.239.540-15); Carolina Moreira Mussi (072.237.487-96); Eduardo Alberto Ody (966.876.900-78); Heloisa Alves Oliveira (971.398.906-68); Leonardo Padilha de Castro (646.877.324-53); Leonardo Silva Ribeiro (019.386.285-94); Luis Augusto Theobald (392.137.300-04); Marco Antonio Perazzolo Bordignon (768.304.890-91); Marli Teresinha Rempel (930.006.260-34); Neibali Bier Wernke (888.532.840-72).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3897/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.704/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Boris Antonio Boroski Junior (072.600.868-07); Carlos Yoshinobu Une (245.861.798-05); Cristiane Guida (245.436.308-90); Cristina Lourenco Ubeda (246.266.638-93); Jose Pedro Cedran (493.545.749-04); Luiz Carlos Lopes de Camargo Filho (247.286.948-79); Neudson Peres de Freitas (936.631.536-49); Ozielita de Macedo Carvalho (699.146.483-04); Petronio Costa de Sousa (723.308.306-10); Valdenir Tavares de Souza (242.149.061-87).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3898/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.715/2020-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carlos Jose Amorim Pereira (596.332.716-49); Cibele Hitomi Hirama (594.904.891-15); Danilo Davanco Batista (288.304.808-86); Eduardo Altomare Ariente (287.256.198-61); Hermes Dias Goncalves (598.170.626-00); Jales Rosa de Oliveira (059.973.801-49); Kelly Brandao Vaz da Silva (287.844.428-08); Michel Soares Adamo (007.621.499-06); Norberto Procopio da Silva Junior (028.024.436-31); Rodrigo Yokouchi Santos (288.875.078-30).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3899/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.763/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Alceu de Souza Coelho Filho (078.851.498-97).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3900/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.820/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Beatriz Zerneri Scannapieco Silva (343.911.398-12); Antenor Ultimo Catao de Paula (650.265.436-34); Carlos Alberto Fendt (649.266.729-87); Claudia Cristiane de Carvalho Col (832.906.139-68); Daniele Marin Menegazzo de Moraes Branco (007.167.579-58); Francisco Ivam Maia Alves (051.806.694-05); Jurandi de Almeida Franca (294.294.018-23); Maria Isabel Floresta (052.569.978-31); Sara Cordeiro Rossell de Souza (748.616.892-87); Valeska Meireles Marliere (029.127.846-97).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3901/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.822/2020-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Francielly da Conceição Silva (112.779.054-44); Geisa Ferreira dos Santos (047.546.195-95); Jairo Menezes de Barros Junior (077.181.964-10); Jose Pereira Leao Neto (064.398.954-43); Josicleide de Amorim Pereira Moreira (910.144.174-49); Juliana Carla Cavalcanti Marques (089.329.244-30); Layse de Almeida Santos (077.250.224-22); Leogildo Alves Freires (073.891.704-41); Lucas Novais Bomfim (041.282.604-60); Mariana Oliveira Breda (057.457.164-79).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Alagoas - UFAL.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3902/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.888/2020-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adeilson dos Santos (025.283.194-28); Ana Beatriz Evangelista Rodrigues (031.804.048-41); Ednilson Ribeiro de Souza (965.942.411-68); Maria do Socorro Luz (441.949.861-72); Pricilla Kobashikawa Ambrosio (245.612.058-29); Sandra Maria Placeres (013.166.478-62); Valeria Adriana Leal Reis (169.974.818-76); Vanderley Macedo Campos Junior (032.572.707-47); Vivian Porto Lima (693.380.431-34); Weverton Mangueira de Lacerda (039.527.124-00).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3903/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.979/2020-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Fabio Lopes Pinto (876.364.507-63).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3904/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.411/2020-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ivison Eduardo Santos de Andrade (705.128.674-96); Vinicius Galdino de Souza (016.649.264-70).

1.2. Órgão/Entidade: Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3905/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.497/2020-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Daniel Peres Martins (199.438.988-52); Eder Rafael Dellabarba Poianas (313.579.608-67); Elaine Anacleto Semiao (252.760.528-16); Flavio Franquini (946.764.028-72); Flavio Jose Vannucci de Magalhaes (221.276.508-83); Glicerio Teofilo de Alcantara Neto (246.528.468-19); Juliana Lucia do Nascimento (293.018.458-22); Kelly Cristina Rodrigues da Silva (325.753.928-29); Mauricio Hiroshi Unten Kouno (274.209.798-80); Renato Rossitto de Carvalho (295.686.988-41).

1.2. Órgão/Entidade: Banco do Brasil S/A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3906/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.520/2020-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Fernanda Gonçalves Alvares da Cunha (031.999.661-10).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3907/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão civil a seguir relacionados, sem prejuízo de fazer a seguinte determinação, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-034.283/2020-0 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Alcione Pinto da Rocha (393.484.317-49); Ana Lucia Amorim de Menezes (129.233.032-53); Cheila Dias de Grandi (001.255.880-03); Davi Morais Escobar (176.930.767-27); Eduarda de Grandi Oliveira dos Santos (035.045.290-32); Floriana Neves da Silveira (079.829.332-20); Gabriel de Menezes Sedlak (802.313.652-68); Geraldo Alberto Martins (098.134.626-04); Hilka Jussara Hoff Azzi (138.434.270-20); Janet Rosalin Chalender Ferreira (030.637.712-87); Karine Rodrigues Nicodemos (026.415.404-52); Shirlei Martins de Oliveira (011.060.937-98).

1.2. Órgão/Entidade: Departamento de Polícia Federal - PF.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinação:

1.7.1. à Sefip que corrija o código do fundamento legal da pensão instituída por Alcides Silva de Oliveira (peça 4), em favor da Sra. Alcione Pinto da Rocha, no formulário e-Pessoal, para que passe a indicar PCIV-15.

ACÓRDÃO Nº 3908/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de pensão civil a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.808/2020-0 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Belaina Nascimento de Brito (019.732.087-25).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - UFRJ.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3909/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de pensão civil a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-039.010/2020-1 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Marina Remedi Dias (314.177.600-87).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Nacional do Seguro Social - INSS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3910/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de pensão civil a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-039.103/2020-0 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Maria Analia dos Santos Tigre Silva (047.064.488-59).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério do Trabalho (extinto).

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3911/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de pensão civil a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-040.541/2020-7 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Giovanna Henkels (434.352.358-61); Luanna Henkels (454.731.088-22); Walter Ernesto Henkels Junior (157.163.488-66).

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3912/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260, § 5º, do Regimento Interno/TCU e no art. 7º, inciso I, da Resolução/TCU 206/2007, em considerar prejudicada a apreciação do mérito dos atos de concessão de pensão especial de ex-combatente a seguir relacionados, por perda de objeto, tendo em vista o falecimento dos interessados ou o advento do termo final das condições objetivas necessárias à manutenção do benefício, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.973/2020-8 (PENSÃO ESPECIAL DE EX-COMBATENTE)

1.1. Interessados: Abel Beatriz Pereira (007.751.859-49); Francisca Ferreira de Lyra (316.758.837-34); Jose Ivan Araujo Silva (008.011.204-89); Leonor Vieira de Souza (319.093.707-97); Maria de Nazare Magalhaes Mello (239.380.647-49); Maria do Carmo Pereira da Silva (425.493.707-59); Marlene Silva Carvalho (802.297.007-72); Quiteria Batista Silva (291.708.345-04); Zenir Caetano de Oliveira (513.921.357-53).

1.2. Órgão/Entidade: Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3913/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso I, 17 e 23, inciso I, da Lei n. 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso I, alínea a, 207 e 214, inciso I, do Regimento Interno/TCU, em julgar as contas dos responsáveis a seguir indicados regulares e dar-lhes quitação plena, promovendo-se, em seguida, o arquivamento do processo, sem prejuízo de dar ciência desta deliberação ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e aos responsáveis, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-016.574/2016-8 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Instituto Amazônico de Desenvolvimento Social, Amparo à Pesquisa e à Tecnologia - Saber da Terra (07.831.101/0001-53); Renato Araújo de Queiroz (021.179.082-68).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Amazônico de Desenvolvimento Social, Amparo à Pesquisa e à Tecnologia - Saber da Terra.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

1.6. Representação legal: Lucca Fernandes Albuquerque (OAB/AM 11.712).

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3914/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, incisos III e V, alínea a, 235 e 237, inciso IV, do Regimento Interno/TCU, c/c os arts. 103, § 1º, da Resolução/TCU 259/2014 e 9º, inciso I, da Resolução/TCU 315/2020, em conhecer da presente representação, para, no mérito, considerá-la procedente, sem prejuízo de dar ciência da seguinte impropriedade à Companhia de Água e Esgotos da Paraíba e de encaminhar cópia desta deliberação ao Ministério do Desenvolvimento Regional e ao representante, promovendo-se, em seguida, o arquivamento dos autos, de acordo com o parecer da unidade técnica:

1. Processo TC-018.171/2020-6 (REPRESENTAÇÃO)

1.1. Representante: Tribunal de Contas do Estado da Paraíba - TCE/PB.

1.2. Órgão/Entidade: Companhia de Água e Esgotos da Paraíba - Cagepa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: não atuou.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Infraestrutura Urbana (SeinfraUrb).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Ciência:

1.7.1. à Companhia de Água e Esgotos do Estado da Paraíba que a utilização de critérios restritivos de seleção poderá levar a contratações financeiramente desvantajosas para a Administração e afronta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, bem como o art. 3º, § 1º, inciso I, da Lei 8.666/1993.

ACÓRDÃO Nº 3915/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, inciso III e V, alínea a, 235, 237, inciso IV, e 250, inciso I, do Regimento Interno/TCU, e nos arts. 103, § 1º, e 106, § 4º, da Resolução/TCU 259/2014, em conhecer da presente representação, promovendo-se, em seguida, o seu arquivamento, sem prejuízo de dar ciência do presente acórdão à representante e de encaminhar cópia desta deliberação e dos presentes autos ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE, para conhecimento e adoção das providências a seu cargo, de acordo com o parecer da unidade técnica:

1. Processo TC-039.186/2019-9 (REPRESENTAÇÃO)

1.1. Representante: Comissão Parlamentar de Inquérito - CPI da Câmara Municipal de Sinop/MT.

1.2. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Sinop/MT.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: não atuou.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Infraestrutura Urbana (SeinfraUrb).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3916/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.812/2021-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Otacildo de Oliveira Borges (CPF 127.592.792-00).

1.2. Entidade: Instituto Nacional do Seguro Social - INSS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscaliação de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3917/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.991/2021-3 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Antônio Matias de Souza (CPF 091.317.442-49); João Oliveira de Souza (CPF 091.201.062-20); Raimundo Alves Costa (CPF 164.727.052-91); Waldomiro Rodrigues Matos CPF (040.689.632-15).

1.2. Órgão: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3918/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.174/2021-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Maria Luiza Magno de Oliveira (CPF 122.004.845-34).

1.2. Entidade: Instituto Nacional do Seguro Social - INSS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3919/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.200/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Maria Lucia de Santana (CPF 343.875.285-91); Pedro da Hora de Oliveira (CPF 230.387.805-53) e Raimundo Miranda Silva (CPF 220.416.215-91).

1.2. Órgão: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3920/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.268/2021-3 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alan Kardec Nogueira (CPF 117.762.421-49); Ana Nery José da Paz (CPF 196.165.111-49); Clineu Peixoto (CPF 136.787.521-87); Eloi José de Queiroz (CPF 195.655.001-10); Georges Wahib Nader (CPF 427.097.257-20); Iracema Cardoso Neves (CPF 218.391.661-34); Líria Rodrigues de Oliveira (CPF 448.930.191-04); Manoel Mota de Negreiros (CPF 217.983.541-87); Nilson de Jesus Fernandes de Sousa (CPF 123.148.111-00) e Walter Campos (CPF 134.041.801-00).

1.2. Órgão: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3921/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.468/2021-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Carlos Pereira Jorge (CPF 268.765.667-49); Homero Ferreira de Araújo (CPF 119.900.401-44); Marilene Sales Bonifacio (CPF 185.571.391-87) e Selma Villela Tostes Correia (CPF 240.925.846-87).

1.2. Órgão: Ministério da Educação.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3922/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.994/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessadas: Ângela Regina Poletto (CPF 487.879.140-34) e Carla Damasceno de Morais (CPF 055.714.098-60).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3923/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.178/2021-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Liane Maria Barden (CPF 660.820.309-82).

1.2. Órgão: Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região - SC.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3924/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.187/2021-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Eloneida Anunciata Lima (CPF 206.030.292-72).

1.2. Entidade: Fundação Nacional de Saúde - Funasa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3925/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.297/2021-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Maurílio Dias da Costa (CPF 158.450.606-72), Sandra Regina Arabe (CPF 221.560.976-15) e Sergio Cabral Pinto (CPF 323.915.876-00).

1.2. Órgão: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3926/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.311/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Antônio Cobos (CPF 402.743.149-91).

1.2. Entidade: Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3927/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicadas, por perda de objeto, as apreciações para fins de registro dos atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação dos efeitos financeiros dos respectivos atos a partir do falecimento dos interessados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.736/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Ailton Brito Borges (CPF 067.098.425-68) e Ivan da Silva Oliveira (CPF 142.983.416-15).

1.2. Órgão: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3928/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicadas, por perda de objeto, as apreciações para fins de registro dos atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação dos efeitos financeiros dos respectivos atos a partir do falecimento dos interessados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.796/2021-3 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: João Luiz Sapucaia (CPF 020.830.432-00) e Walter Barros Peres (CPF 015.791.502-68).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará - IFPA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3929/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.921/2021-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Manases Ferreira Lima (CPF 171.247.005-15).

1.2. Entidade: Instituto Nacional do Seguro Social - INSS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3930/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.949/2021-4 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Maria Cristina Duarte Saavedra (CPF 788.723.327-53).

1.2. Entidade: Fundação Nacional de Saúde - Funasa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3931/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.986/2021-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Maria Paulina Anna Antônia Van de Wiel de Barros (CPF 247.119.181-91).

1.2. Entidade: Universidade Federal de Goiás - UFG.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3932/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.020/2021-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Anivaldo Martins Ferreira (CPF 302.322.366-15); Arthur Velloso Antunes (CPF 285.197.796-20); Ben Hur Braga Taliberti (CPF 200.063.656-04); João Manoel Tannus Filho (CPF 196.490.966-04); Joaquim Honório Pereira (CPF 350.633.276-72); José Lemes (CPF 460.171.196-72); Jussara Augusta de Freitas Borges (CPF 437.163.506-72); Marli Rodrigues de Oliveira (CPF 307.766.780-00); Neusa Pires Gonzaga (CPF 239.755.986-20); Rose Mary Guimarães Rodrigues (CPF 212.021.766-15).

1.2. Entidade: Fundação Universidade Federal de Uberlândia - UFU.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3933/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.403/2021-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Antônio Machado da Costa (CPF 183.571.721-72).

1.2. Órgão: Ministério da Justiça e Segurança Pública.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3934/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.417/2021-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Ruth Cordeiro de Melo Motta (CPF 031.225.997-24).

1.2. Órgão: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3935/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.457/2021-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Iolanda Maria de Sousa (CPF 098.236.381-87).

1.2. Órgão: Ministério da Economia.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3936/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.788/2021-4 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Ademar Tadeu Casarejos Cobra (CPF 434.948.118-49); Daniel Lemes de Camargo (CPF 274.298.069-53); David Fernandes Gouvea (CPF 152.052.159-68) e Rosmari Justina Baggio Delfino (CPF 246.184.200-06).

1.2. Órgão: Ministério da Economia.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3937/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicada, por perda de objeto, a apreciação para fins de registro do ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação do efeito financeiro do respectivo ato a partir do falecimento do interessado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.975/2021-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Alfredo Leite (CPF 077.252.480-72).

1.2. Órgão: Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região/RS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3938/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicadas, por perda de objeto, as apreciações para fins de registro dos atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação dos efeitos financeiros dos respectivos atos a partir do falecimento dos interessados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-005.006/2021-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Jorge Luiz Ribeiro (CPF 646.190.017-91) e Rogerio Andrade Motta (CPF 649.435.507-20).

1.2. Órgão: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3939/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.259/2020-6 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Daniel Becker (CPF 553.124.707-91); Eliane Duarte Simonato Quintanilha (CPF 365.222.107-97); Eva de Oliveira Resenda (CPF 773.863.887-72); Hilda da Costa Miranda (CPF 463.715.597-53); Jorge Fernandes (CPF 349.084.207-34); Leatriz de Oliveira (CPF 774.605.967-87); Luiz Carlos Sant Anna (CPF 459.689.007-25); Mauro Soares (CPF 738.868.317-87); Milton Monteiro Basílio (CPF 506.833.067-15) e Paulo de Marins Teixeira (CPF 405.743.007-59).

1.2. Entidade: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3940/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.854/2020-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alcides Pezarine Chicanelli (CPF 395.950.647-34); Cláudio Roberto Vianna de Jesus (CPF 699.580.257-87); Eduardo Aquiles de Oliveira (CPF 585.315.567-91); Francivaldo Leite (CPF 581.523.777-91); José Agostinho (CPF 581.379.987-72); Lúcia Helena Mendonça (CPF 857.255.607-91); Maria Cecília Machado Simas (CPF 779.752.277-49); Noraldino Carlos Neto (CPF 448.836.507-82); Rosaura Maria Nascimento de Morais (CPF 363.730.877-00) e Waldemir Santos de Souza (CPF 581.061.207-59).

1.2. Entidade: Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia - Inmetro.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3941/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.922/2020-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Amaurílio Vilarinho (CPF 509.826.806-00); Eloísa Cristina Silva Oliveira (CPF 558.894.686-34); Eurípedes Nicomedes de Sousa (CPF 577.971.616-15); Jairo Alves de Almeida (CPF 394.759.486-00); Joana Darc Alves Rodrigues (CPF 350.924.676-49); Magda Laine Costa (CPF 526.373.876-53); Mara Lícia Machado Azevedo Antunes (CPF 498.496.206-25); Priscila Pereira de Mello (CPF 671.951.056-87); Romildo Oliveira (CPF 240.608.016-15) e Selma Gonzaga Silva (CPF 260.121.466-04).

1.2. Entidade: Fundação Universidade Federal de Uberlândia - UFU.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3942/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.197/2020-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Edmundo Francisco da Silva (CPF 464.466.136-87); Jose Benedito Rosa (CPF 395.963.626-15); Jose Raimundo da Silva (CPF 916.819.528-15) e Luiz Cláudio da Silva Campos (CPF 342.341.016-72).

1.2. Entidade: Universidade Federal de Itajubá - Unifei.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3943/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-043.452/2020-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Elias Tadeu Fialho (CPF 181.158.296-68).

1.2. Entidade: Universidade Federal de Lavras - UFLA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3944/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.571/2020-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada Su Ellen Silva Godinho (CPF 719.419.081-87).

1.2. Órgão: Tribunal Regional Federal da 1ª Região.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3945/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.918/2020-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Maria Ieda da Silva (CPF 116.314.301-49).

1.2. Órgão: Ministério Público do Distrito Federal e dos Territórios - MPDFT.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3946/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.151/2020-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Silvana Studart Lins de Albuquerque (CPF 239.262.361-91).

1.2. Órgão: Senado Federal.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3947/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.380/2020-1 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Rui Medeiros (CPF 231.327.609-00).

1.2. Entidade: Universidade Federal do Paraná - UFPR.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3948/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.479/2020-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Ana Elisabete Gomes Carneiro Fraga (CPF 231.736.614-00).

1.2. Entidade: Universidade Federal de Pernambuco - UFPE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3949/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.498/2020-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Jairo Rodrigues da Silva (CPF 068.652.327-04).

1.2. Órgão: então Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3950/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.605/2020-3 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Maria dos Santos Fernandes de Oliveira (CPF 108.036.704-78).

1.2. Entidade: Universidade Federal Rural do Semiárido - Ufersa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3951/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.658/2020-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Maria Celeste dos Santos (CPF 310.075.387-91).

1.2. Órgão: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3952/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria relacionados no item 1.1 deste Acórdão, além de, em sintonia com os pareceres emitidos neste processo, prolatar a providência abaixo indicada:

1. Processo TC-045.898/2020-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessadas: Maria das Graças Gomes (CPF 281.547.461-15) e Regina Célia de Oliveira (CPF 279.510.301-04).

1.2. Órgão: Tribunal Superior do Trabalho - TST.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Providência: dispensar o ressarcimento das quantias percebidas indevidamente, mas de boa-fé, até a data da ciência do Tribunal Superior do Trabalho, em consonância com a Súmula nº 106 do TCU.

ACÓRDÃO Nº 3953/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de aposentadoria relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.975/2020-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Laura Noemia Cezar Vasconcellos Barros (CPF 464.934.097-72).

1.2. Entidade: Instituto Nacional da Propriedade Industrial - INPI.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3954/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-000.923/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: José Antônio Goncalves Martins (CPF 057.534.597-73) e Maria Luísa de Carvalho Câmara Moreira (CPF 080.016.126-27).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3955/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-000.970/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carleandro de Oliveira Noleto (CPF 020.975.993-38) e Weverson Lima Fonseca (CPF 051.681.073-11).

1.2. Entidade: Fundação Universidade Federal do Piauí - UFPI.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3956/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.076/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Marcia Brandão Rodrigues Aguilar (CPF 304.397.918-47).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso do Sul - IFMS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3957/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.102/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alessandra Rosa de Oliveira (CPF 940.312.740-68); Ana Beatriz Machado de Aguiar (CPF 009.423.530-99); Carleise Brizolla Pedão Mezomo (CPF 818.603.230-49); Carlos Airton de Oliveira Nicolai (CPF 020.024.820-04); Daiane Bica Vianna (CPF 012.707.510-00); Daniele Erthal Prokopp (CPF 019.275.720-29); Joelma de Fraga Oliveira (CPF 762.943.230-53); Juliana da Silva Mota (CPF 827.188.810-20); Lucas da Luz Fuentes (CPF 011.149.650-06) e Paulo Matheus da Luz Câmara (CPF 020.056.330-03).

1.2. Entidade: Hospital Nossa Senhora da Conceição S.A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3958/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.167/2021-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Rafaella Fonteles Castro Pinto (CPF 037.830.553-00).

1.2. Entidade: Universidade Federal do Ceará - UFC.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3959/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.205/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Abigayl Suzana Batista (CPF 014.853.700-60); Aryan Mello Machado (CPF 846.924.640-20); Joelma Lima de Oliveira (CPF 654.206.160-68); Karen Santos Vergara Couto (CPF 020.153.870-99); Leticia Marques de Castro (CPF 019.065.230-61); Luciana Linhares Leite (CPF 017.460.990-62); Raquel da Rosa Garcia Barbosa (CPF 961.852.600-34); Rodrigo da Silva Ramos (CPF 015.714.990-08); Silvia Brunilde Wieser (CPF 334.734.390-53) e Vanessa Flores Silveira (CPF 041.486.090-00).

1.2. Entidade: Hospital Nossa Senhora da Conceição S.A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3960/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.224/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Evelin Wagner Correa (CPF 018.326.320-08); Raquel Saldanha Jung (CPF 016.127.410-29); Rodrigo Thomasia de Melo (CPF 699.161.440-87) e Silvia Regina de Freitas dos Santos (CPF 912.592.400-10).

1.2. Entidade: Hospital Nossa Senhora da Conceição S.A.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3961/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.291/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Daiza Guedes de Souza (CPF 142.106.877-07); Gabriel Freitas Carvalho (CPF 165.714.617-06); Jeferson de Brito Sobreira (CPF 150.894.167-02); Kennedy Soares Cordeiro (CPF 136.698.677-67); Lindolfo Gomes da Silva (CPF 118.294.477-93); Pamela Prates Petri (CPF 164.113.807-67); Raynner Pinto Freitas (CPF 145.551.377-60); Renan Lima Oliveira (CPF 131.669.357-03); Rogerio Conceição Alvarenga (CPF 621.875.627-00); Rosimere Neves Dias (CPF 031.181.477-84).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3962/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.292/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Bruno Galvani Delpupo (CPF 150.399.647-65); Gabriel Simões de Morais (CPF 140.226.117-90); Inácio Nicolau Schaeffer (CPF 114.278.977-27); José Mesquita dos Santos Filho (CPF 105.429.597-20); Leticia dos Santos (CPF 099.643.837-89); Lucas Valeriano Farias Lial (CPF 057.744.807-20); Natan Bernardo do Espirito Santo (CPF 152.137.247-01); Patrícia Pereira da Silva (CPF 045.778.947-69); Therena Fonseca de Oliveira (CPF 115.700.927-10) e Winycius Bernardino Carneiro (CPF 141.096.807-35).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3963/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.322/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Rafael Danrley Barra de Menezes (CPF 104.027.574-59).

1.2. Entidade: Universidade Federal Rural do Semiárido - Ufersa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3964/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.327/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carolina de Melo Contreiras Garrido (CPF 014.167.205-61); Diogo de Carvalho Pimentel (CPF 077.433.747-85); Eliane de Oliveira Silva (CPF 076.781.916-00); Felipe Flores Kupske (CPF 007.216.320-84); Isabela Silva de Oliveira (CPF 804.032.985-04); Manuela da Silva Souza (CPF 013.353.175-97); Marco Cerami (CPF 069.035.991-85) e Rafael Damasceno de Barros (CPF 025.655.895-73).

1.2. Entidade: Universidade Federal da Bahia - UFBA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3965/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.335/2021-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adson Sena Bazílio (CPF 027.090.425-50); Bruno Saiter Zorzal (CPF 081.007.517-22); Euluze Rodrigues da Costa Junior (CPF 058.207.097-05); Gustavo Leonardo Simão (CPF 089.467.476-50); Luís Gustavo Giacon Villani (CPF 373.169.488-33); Mauricio Yoshida Izumi (CPF 369.389.888-03) e Ruy Cezar Campos Figueiredo (CPF 027.031.083-54).

1.2. Entidade: Universidade Federal do Espírito Santo - UFES.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3966/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.364/2021-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carolina Campos Rodeghiero (CPF 017.247.650-00) e Walter Gunther Rodrigues Lippold (CPF 988.225.510-87).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - IFRS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3967/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.431/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriel Breno da Silva Menezes (CPF 915.177.452-68); Denis Santos da Cruz (CPF 018.394.662-60); Eder de Oliveira Picanço (CPF 692.325.042-00); Fábio dos Santos Gonçalves (CPF 523.495.272-04); Helington Franzotti Araújo de Souza (CPF 796.307.232-04); José Raimundo da Costa Gomes (CPF 805.394.672-00); Maely Viana Trindade Costa (CPF 862.067.882-53); Marcos Alex Conceição dos Santos (CPF 942.788.815-68); Marina de Almeida Cavalcante (CPF 917.029.842-49) e Marlon de Oliveira do Nascimento (CPF 521.150.032-68).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá - IFAP.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3968/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.577/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Allan José Salles dos Santos (CPF 415.934.048-24); Amois Emanoel Barbalho Rebouças (CPF 069.862.914-00); Claudinei Stachiu (CPF 086.762.659-33); Diogo Almeida de Sousa (CPF 057.379.517-74); Eduardo Fonseca Reis Resende (CPF 094.072.876-10); Fernando Silva Myashita (CPF 078.975.229-89); João Rosal Bino (CPF 520.354.172-87); Luís Gustavo de Souza Yankievicz (CPF 027.188.369-38); Rachel Lima de Alencar (CPF 145.577.447-29) e Ramatis Machado Scarponi Cruz (CPF 015.709.961-05).

1.2. Entidade: Departamento de Polícia Rodoviária Federal - PRF.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3969/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.593/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Gislean Pereira de Carvalho (CPF 004.159.943-81) e Herbert Junior Dias (CPF 376.546.078-81).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano -IFGoiano.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3970/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-001.605/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: André Rosiak (CPF 025.593.640-00) e Odmartan Ribas Maciel (CPF 032.310.240-99).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-grandense -IFSul-Rio-grandense.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3971/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.496/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Yuri Tiburcio Pereira (CPF 167.845.717-54).

1.2. Órgão: Ministério da Defesa - Comando da Marinha.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3972/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.513/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Leila Aparecida Anastácio (CPF 049.491.156-50).

1.2. Entidade: Universidade Federal do Triângulo Mineiro - UFTM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3973/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.537/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Fernanda de Medeiros Cunha (CPF 018.548.610-00); Luci Nara Lima Pereira (CPF 436.085.310-68) e Vitor Xavier dos Santos Linhares (CPF 021.979.030-20).

1.2. Entidade: Universidade Federal de Pelotas - UFPel.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3974/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.692/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Isabele Barbieri dos Santos (CPF 093.140.077-58) e Jéssica Melquíades Justo (CPF 117.460.567-70).

1.2. Entidade: Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3975/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.696/2021-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Gerlane Targino Lopes (CPF 823.531.907-15); Giovani Borges dos Santos (CPF 825.916.366-72); Gustavo Sampaio de Holanda (CPF 011.142.857-22); Lívia Costa de Oliveira (CPF 109.885.297-42); Luciano Mesentier da Costa (CPF 082.025.197-64); Magda de Souza da Conceição (CPF 763.580.037-04); Maria das Vitórias Tavares (CPF 083.223.327-77); Mariana Pereira da Silva (CPF 095.363.667-46); Michele de Jesus Silva (CPF 113.224.787-08) e Onildo Rodrigues de Meireles (CPF 022.578.874-84).

1.2. Órgão: Ministério da Saúde.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3976/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.735/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carla Bezerra Lopes Almeida (CPF 645.539.653-72); Dayana Ferreira da Fonseca (CPF 054.837.616-69); Eliane da Guia Barbosa (CPF 706.162.051-04); Isadora Maria de Sousa Oliveira (CPF 017.950.813-09); Jullyanne Suyanne Ferreira de Queiroz (CPF 049.165.034-57); Leandra Cobo Almeida (CPF 060.162.856-09); Marcelo da Silva Moretto (CPF 957.056.350-87); Paula Alves Ribeiro (CPF 075.417.156-62); Rita de Cássia Andrade Silva (CPF 263.835.435-04) e Rodrigo Lúcio dos Santos (CPF 003.770.289-08).

1.2. Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ebserh.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3977/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.749/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexandre Chartuni Pereira Teixeira (CPF 043.815.116-03); Ana Cristina Lamezon (CPF 570.939.111-53); Bruno Alcântara Gabardo (CPF 071.346.589-10); Carlos Álvaro Correa Araújo (CPF 120.687.818-59); Daniel Colman (CPF 017.562.099-79); Danilo Barbosa do Vale (CPF 081.586.794-80); Gustavo Sales Ribeiro da Costa (CPF 964.349.455-15); Leida Coelho Castelo Branco Nobre (CPF 499.117.833-91); Leonardo de Oliveira Serafim (CPF 014.310.361-02) e Mateus Veloso e Silva (CPF 041.596.864-00).

1.2. Entidade: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - Ebserh.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3978/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.763/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Charles Antônio Pires de Godoy (CPF 256.663.968-03) e Maria Aparecida Vieira Souza (CPF 585.271.845-91).

1.2. Entidade: Fundação Universidade Federal de Sergipe - UFS.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3979/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.790/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Ana Sally Barreto Lemos (CPF 312.946.068-32).

1.2. Entidade: Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos - ECT.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3980/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.804/2021-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessadas: Dandara Braga Santana (CPF 007.528.231-32); Júlia Diniz Calatrone (CPF 070.805.276-27); Juliana Costa Curta (CPF 029.620.179-08); Renata Meneses de Melo (CPF 838.219.613-68) e Tâmara Teixeira de Almeida (CPF 012.745.991-05).

1.2. Entidade: Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3981/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.830/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Arthur Silveira Guimarães (CPF 066.619.924-84); Camila Correa e Silva de Freitas (CPF 094.975.947-39); Emanoelle de Oliveira Rodrigues (CPF 075.247.874-56); Francilene Araújo de Morais (CPF 738.697.084-68); José Jacinto do Nascimento Júnior (CPF 092.748.214-25) e Lívia Maria Santos Soares (CPF 072.648.844-57).

1.2. Entidade: Universidade Federal de Campina Grande - UFCG.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3982/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-002.905/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Janderson Clayton Farias Machado (CPF 099.922.647-99) e Simone Tavares Cidade (CPF 037.658.707-57).

1.2. Órgão: então Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3983/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.096/2021-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Paula Vieira Coutinho Sabino de Alencar (CPF 010.795.431-12).

1.2. Órgão: então Ministério da Fazenda.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3984/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.125/2021-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alessandro de Cristo Moleta (CPF 034.259.569-57); Fernanda Henrique (CPF 058.803.569-65); Helluany Mehl (CPF 062.960.969-17); Katyuscia Sota Floriano (CPF 078.301.239-00); Marcos Poleti Alves (CPF 044.131.359-03); Mariana Lisa Tavares Blumati (CPF 103.878.249-01); Martin Koga (CPF 418.104.798-94); Maurício Roberto Ceolim (CPF 075.840.149-33); Renato André de Souza (CPF 048.141.719-27) e Stenio César da Silva (CPF 079.363.249-84).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3985/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.132/2021-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alberto Massão Yamamoto (CPF 632.145.989-53); Aníbal Ribeiro Filho (CPF 070.221.509-07); Ariel Matias Becker Cardoso (CPF 112.602.999-88); Carlos Henrique Marques (CPF 093.620.649-79); João Pedro Junges Carvalho (CPF 829.403.390-15); Lucas Nogueira Nascimento (CPF 430.199.748-28); Maria Heloísa Becker (CPF 053.466.959-07); Maurício Cidade de Moura (CPF 023.315.619-40); Silvana de Lima Nascimento (CPF 021.621.819-59) e Tatiane Caroline Pech de Boita (CPF 080.490.059-09).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3986/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.162/2021-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Vera Viviane Schmidt Abomorad (CPF 028.959.049-36).

1.2. Entidade: Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3987/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de admissão de pessoal relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.165/2021-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Edilene dos Santos Ferreira (CPF 042.531.617-31).

1.2. Órgão: então Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3988/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.224/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriele Aparecida dos Santos (CPF 066.182.479-93); Cristina Sedor (CPF 087.113.409-83); Dueysi Kelli Andrade (CPF 092.603.209-76); Eliane Fracheta Luciano Barbosa (CPF 009.733.489-84); Marina Michele Teixeira (CPF 109.318.669-01); Suzemara da Luz Santos (CPF 074.708.339-86); Valdecir Bueno de Oliveira (CPF 749.387.209-06); Veroni de Jesus Nunes (CPF 086.762.539-27); Vilson Carlos Gomes (CPF 513.516.689-00) e Wesley Lopes dos Reis (CPF 078.404.849-56).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3989/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.253/2021-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alcionir Buba (CPF 053.325.159-10); Claudir Picketti (CPF 048.894.599-28); Heriton Ricardo Graneiro Dantas (CPF 055.365.679-18); Isaque da Silva Lourenco (CPF 117.154.007-80); Ivair Ribeiro dos Santos (CPF 971.762.149-72); José Suba Neto (CPF 010.580.928-47); Laís Cristina dos Santos Pinto Salomão (CPF 062.710.109-70); Neusa Andréia Heusser (CPF 964.797.289-04); Silvana Aparecida Pereira (CPF 023.023.809-24) e Thiago Senetra (CPF 048.322.869-94).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3990/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.316/2021-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessadas: Clara Gomes Moreira (CPF 129.656.127-50); Daniele Valentim de Souza Lopes (CPF 052.339.347-44); Giuliana Volfzon Mordente (CPF 146.448.077-02); Iara Marina dos Anjos Bonifácio (CPF 044.157.771-71) e Jaqueline Regina da Costa Miguel (CPF 095.334.657-94).

1.2. Entidade: Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip)..

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3991/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.351/2021-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriana Secha Pires Garbugio (CPF 043.691.619-32); Alex de Arruda Buche (CPF 104.076.989-65); Giliard Berto de Oliveira (CPF 062.078.859-37); Ivanilda Almeida Mocelin (CPF 849.430.509-30); Marcos Antônio de Macedo (CPF 065.142.969-20); Maria de Fátima da Silva Borges (CPF 694.053.361-34); Mateus Diniz Wurfel (CPF 062.227.099-07); Mateus Leonardo Guerra (CPF 089.687.789-22); Neuraci Chekalski (CPF 033.226.909-46) e Romilda da Luz Vieira dos Santos (CPF 047.810.119-85).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3992/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.355/2021-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ângela Kolodzinski (CPF 097.625.629-09); Fábio Rogério dos Santos (CPF 295.609.088-71); Francelina Aparecida Dias (CPF 059.222.099-06); José Manella Neto (CPF 044.660.069-54); Josieli Gonçalves (CPF 009.617.399-83); Nabila Fernanda Ferreira (CPF 058.414.329-07); Paula Renata Mazurok (CPF 103.957.829-29); Ricardo Gomes de Andrade (CPF 086.114.789-83); Roberto Cezar dos Santos (CPF 048.686.139-28) e Solange Aparecida Dias de Campos (CPF 029.365.539-11).

1.2. Entidade: Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3993/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.742/2021-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessadas: Eunice Gomes da Silva (CPF 633.161.102-91) e Pamella Nathielli Almeida de Oliveira (CPF 002.593.012-56).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia - IFRO.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3994/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, I, da Lei nº 8.443, de 1992, c/c os arts. 1º, VIII, 143, II, 259, I, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, e art. 7º da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicadas, por perda de objeto, as apreciações da legalidade, para fins de registro, dos atos de admissão de pessoal relacionados no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação dos efeitos financeiros dos respectivos atos a partir do desligamento dos servidores, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.840/2021-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Oscar de Almeida Junior (CPF 786.549.806-30) e Sandro Rodolfo de Morais (CPF 217.883.498-14).

1.2. Órgão: Ministério da Defesa - Comando da Aeronáutica.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3995/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de pensão civil relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-003.509/2021-4 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Helena Maria Sales Odenbreit (CPF 322.770.837-04); Josefa Rita da Silva (CPF 088.554.407-21); Lúcia Maria de Queiroz Marques (CPF 809.190.737-00); Maria Camila Pereira Coutinho (CPF 994.739.417-49) e Romilda Paula Oliveira da Conceição (CPF 116.357.167-99).

1.2. Órgão: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3996/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-004.551/2021-4 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Núbia Maria Azevedo de Brito (CPF 199.166.804-00).

1.2. Órgão: Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região - TRT - RN.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3997/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicada, por perda de objeto, a apreciação para fins de registro, do ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação do efeito financeiro do respectivo ato a partir do falecimento da interessada, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-005.059/2021-6 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Maria Odília da Silva Dias (CPF 393.494.701-87).

1.2. Órgão: Ministério das Relações Exteriores.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3998/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicada, por perda de objeto, a apreciação para fins de registro, do ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação do efeito financeiro do respectivo ato a partir do falecimento da interessada, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-005.082/2021-8 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Julmar Gustini Barbosa Lima (CPF 726.847.201-34).

1.2. Entidade: Fundação Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - Ipea.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 3999/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicada, por perda de objeto, a apreciação para fins de registro, do ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação do efeito financeiro do respectivo ato a partir do falecimento da interessada, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-005.087/2021-0 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Manoela Isabel dos Santos (CPF 257.470.878-43).

1.2. Órgão: Ministério da Economia.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4000/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicada, por perda de objeto, a apreciação para fins de registro, do ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação do efeito financeiro do respectivo ato a partir do falecimento da interessada, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-005.120/2021-7 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Clarice Gomes Mendonca (CPF 913.483.667-53).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense - IFFluminense.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4001/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 5º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, além do art. 7º, I, da Resolução TCU nº 206, de 2007, em considerar prejudicadas, por perda de objeto, as apreciações para fins de registro, dos atos de concessão de pensão civil relacionados no item 1.1 deste Acórdão, diante da cessação dos efeitos financeiros dos respectivos atos a partir do falecimento das interessadas, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-005.122/2021-0 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessadas: Maria Emília de Moura Torres (CPF 011.544.449-10); Rita Lima Gurgel (CPF 018.027.633-68) e Terezinha Siqueira Cortes (CPF 088.898.386-71).

1.2. Órgão: Ministério de Minas e Energia.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip)..

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4002/2021 - TCU - 2ª Câmara

Considerando que o presente processo trata de pensão civil deferida pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba em favor de Francisco Ferreira de Oliveira a partir do falecimento de Raimunda Silva de Oliveira;

Considerando que a 2ª Câmara do TCU proferiu o Acórdão 13.920/2020-2ª Câmara (Peça 9) pela seguinte linha:

"(...)9.3. determinar que, no prazo de 15 (quinze) dias contados da ciência desta deliberação, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba adote as seguintes medidas:

9.3.1. faça cessar os pagamentos decorrentes do ato ora considerado ilegal pelo item 9.2 deste Acórdão, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, nos termos do art. 71, IX, da Constituição de 1988 e do art. 262, caput, do Regimento Interno do TCU;

9.3.2. dê ciência desta deliberação ao interessado indicado pelo item 9.1 deste Acórdão, alertando-o de que o efeito suspensivo proveniente da eventual interposição do subsequente recurso junto ao TCU não o eximirá da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação, diante do não provimento desse recurso, devendo encaminhar os comprovantes da correspondente notificação ao TCU no prazo de 30 (trinta) dias;

9.3.3. encaminhe a este Tribunal, nos termos do art. 262, § 2º, do RITCU, o novo ato de concessão da aludida pensão civil, sem a ilegalidade indicada nesta deliberação, para que seja submetido à apreciação pelo TCU, na forma do art. 260, caput, do RITCU;"

Considerando que, diante disso, o Ofício 69384/2020-TCU/Seproc (Peça 12) foi encaminhado ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, tendo a ciência do expediente ocorrido em 11/12/2020 (Peça 13);

Considerando que, em 7/1/2021, como representante legal do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, Silvana Luiciene do Nascimento Cunha Costa compareceu à Peça 15 para solicitar a prorrogação do prazo inicialmente estipulado para o atendimento ao aludido Ofício 69384/2020-TCU/Seproc, aduzindo, para tanto, que "(...)o pedido justifica-se diante da necessidade de realizarmos diligências junto ao pensionista em comento para dar-lhe ciência do conteúdo do referido acórdão, assegurando-o o direito aos princípios constitucionais do contraditório e ampla defesa";

Considerando, ainda, que, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba informou que "(...)vem adotando providências no sentido de dar amplo cumprimento ao Acórdão acima mencionado";

Considerando que, à Peça 17, a Sefip emitiu o seu parecer pelo deferimento da prorrogação, por 30 (trinta dias), do prazo para o atendimento às determinações proferidas pelo aludido Acórdão 13.920/2020-TCU-2ª Câmara;

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no art. 143, inciso V, alínea "e", do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em conhecer da solicitação apresentada à Peça 15 por Silvana Luiciene do Nascimento Cunha Costa, como representante legal do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, e, assim, conceder, excepcionalmente, em favor do IFPB a prorrogação, por 30 (trinta) dias, do prazo para o atendimento ao Acórdão 13.920/2020-TCU-2ª Câmara, sem prejuízo de, em sintonia com os pareceres emitidos neste processo, prolatar a providência abaixo indicada:

1. Processo TC-012.155/2020-9 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Francisco Ferreira de Oliveira (CPF 788.638.054-15).

1.2. Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba - IFPB.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Providência: enviar a cópia deste Acórdão, com a cópia do parecer da unidade técnica, ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, para ciência e adoção das providências cabíveis.

ACÓRDÃO Nº 4003/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de pensão civil relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-034.809/2020-1 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Cristina Munhoz Almeida de Araújo (CPF 037.023.456-12); Eliana Silva dos Santos (CPF 126.685.167-49); Eunice Moreira da Silva (CPF 870.689.907-20); Gabriel Machado Carneiro de Araújo (CPF 099.772.186-33); Janeta Helena Plank Thom (CPF 068.536.187-00); Lucas Munhoz Almeida de Araújo (CPF 149.504.656-78); Matheus Machado Carneiro de Araújo (CPF 099.772.176-61); Nereia Ferreira Rezende (CPF 871.387.517-53); Rafael Munhoz Almeida de Araújo (CPF 149.504.776-84) e Sebastiana de Almeida Pio (CPF 278.251.327-34).

1.2. Entidade: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - Iphan.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4004/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de pensão civil relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.351/2020-0 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Lucas Lima Morais (CPF 622.714.503-30) e Sônia Regia Lima Morais (CPF 621.011.373-72).

1.2. Entidade: Fundação Nacional de Saúde - Funasa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4005/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-042.375/2020-7 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Leila Maria da Silva Rocha Evangelista (CPF 371.477.221-91).

1.2. Entidade: Universidade Federal de Goiás - UFG.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4006/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.785/2020-8 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Vera Lúcia Lessa Pena (CPF 022.684.497-85).

1.2. Entidade: Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes - Dnit.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4007/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.798/2020-2 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Jacqueline dos Santos Coelho (CPF 384.669.962-49).

1.2. Órgão: Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região - TRT - AM e RR.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4008/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-044.846/2020-7 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Janilde Lobo Batista (CPF 341.886.653-00).

1.2. Órgão: então Ministério da Fazenda.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4009/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de pensão civil relacionado no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-045.065/2020-9 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessada: Raimunda Silva de Morais (CPF 131.576.123-87).

1.2. Órgão: Ministério da Defesa - Comando do Exército.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4010/2021 - TCU - 2ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, V, e 39, II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, VIII, 143, II, 259, II, e 260, § 1º, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de reforma relacionados no item 1.1 deste Acórdão, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-034.918/2020-5 (REFORMA)

1.1. Interessados: Cecil Pietrobelli Buss (CPF 415.831.677-49); Eugenio Silva de Assis (CPF 622.644.947-00); José Garcez de Castro Doria (CPF 102.911.305-00); Luiz Paulo Vieira da Rocha (CPF 468.812.207-15); Ney Aratau de Andrade Silveira (CPF 500.209.607-78); Oscar Ferreira Gonzaga (CPF 501.814.247-20); Raimundo Nonato de Souza (CPF 145.889.353-72); Ricardo José Justen (CPF 589.388.347-00); Robson Jorge dos Santos (CPF 498.990.747-72) e Rogério Cunha Moulin (CPF 499.049.577-20).

1.2. Órgão: Ministério da Defesa - Comando do Exército.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Integridade de Atos e Pagamentos de Pessoal e de Benefícios Sociais (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4011/2021 - TCU - 2ª Câmara

Considerando que o presente processo trata de contas anuais dos gestores do então Ministério do Desenvolvimento Social para o exercício de 2018;

Considerando que, por meio da análise sobre o plano de ação para solução do problema do passivo na análise da prestação de contas, a Controladoria-Geral da União (CGU) constatou que a então Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Sesan) não adotou medidas suficientes, tendo em vista a ausência de estipulação de metas, o que inviabilizou o monitoramento, e também a não redução relevante do estoque de processos (Peça 68, p. 18-19);

Considerando que, de acordo com o gestor, quanto à evolução do estoque de ativo e passivo de prestações de contas de instrumentos vigentes firmados sob a égide da Portaria Interministerial MP/MF/CGU 424, de 2016 e dos convênios do PAA-Leite pendentes de análises de prestações de contas parciais, nos anos de 2018, 2019 e 2020, pelo ritmo atual de análises de prestações de contas conclusivas por mês há a expectativa de que os estoques estejam zerados no final do ano 2023;

Considerando, enfim, que as manifestações da unidade técnica (Peça 68) e do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União (Peça 72) foram favoráveis à regularidade das contas;

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão de 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso II e 23, inciso II, da Lei nº 8.443, de 1992, e nos arts. 1º, inciso I, 143, inciso I, alínea "a", 208 e 214, inciso II, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em julgar regulares com ressalva as contas dos responsáveis relacionados no item 1.1 deste Acórdão, dando-lhes a quitação, além de, em sintonia com os pareceres emitidos neste processo, prolatar as providências abaixo indicadas:

1. Processo TC-004.096/2020-7 (PRESTAÇÃO DE CONTAS - Exercício: 2019)

1.1. Responsáveis: Adriana Barbosa Dantas Silva (CPF 801.551.111-91); Alberto Beltrame (CPF 308.910.510-15); Antonio Jose Goncalves Henriques (CPF 755.501.137-91); Ayrton Galiciani Martinello (CPF 400.906.631-87); Caio Tibério Dornelles da Rocha (CPF 228.546.570-04); Halim Antonio Girade (CPF 787.010.588-00); Lilian dos Santos Rahal (CPF 117.363.848-21); Marcelo Bispo (CPF 524.773.631-15); Marcos Vinicius Boaron (CPF 003.019.266-89); Maria do Carmo Brant de Carvalho (CPF 838.449.298-00); Osmar Gasparini Terra (CPF 199.714.780-72); Paulo Roberto de Mendonca e Paula (CPF 981.061.637-68); Roberta Pelella Melega Cortizo (CPF 263.948.508-37); Rodrigo Zerbone Loureiro (CPF 095.272.947-46); Sandra Yoko Sato (CPF 557.889.711-87); Tatiana Barbosa de Alvarenga (CPF 602.679.761-00); Tiago Falcão Silva (CPF 645.913.951-20); Vinicius de Oliveira Botelho (CPF 228.588.178-98); Viviane Fernanda Dutra (CPF 923.933.570-68); Walter Shigueru Emura (CPF 153.114.828-00).

1.2. Órgão: então Ministério do Desenvolvimento Social.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sérgio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo da Previdência, do Trabalho e da Assistência Social (SecexPrevi).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Providências:

1.7.1. Determinar que, no prazo de 120 (cento e vinte) dias contados da notificação desta deliberação, o então Ministério do Desenvolvimento Social apresente ao TCU um plano de ação tendente a resultar na efetiva análise das prestações de contas prestações de contas de instrumentos vigentes firmados sob a égide da Portaria Interministerial MP/MF/CGU 424, de 2016 e dos convênios do PAA-Leite pendentes de análises de prestações de contas parciais, nos anos de 2018, 2019 e 2020 até o final de 2023;

1.7.2. enviar a cópia do presente Acórdão, com o parecer da unidade técnica, ao então Ministério do Desenvolvimento Social, para ciência e efetivo cumprimento do item 1.7.1 deste Acórdão dentro do prazo ali assinalado;

1.7.3. promover, por intermédio da unidade técnica, a abertura de processo específico de monitoramento sobre a determinação prolatada pelo item 1.7.1 deste Acórdão; e

1.7.4. arquivar o presente processo.

ACÓRDÃO Nº 4012/2021 - TCU - 2ª Câmara

Considerando que o presente processo trata de prestação de contas ordinária dos gestores do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região - MG (TRT-MG) para o exercício de 2011;

Considerando que, por meio do respectivo procurador, André Luiz Morais Mascarenhas, Eliel Negromonte Filho, Sandra Pimentel Mendes e Toufik Tanure Neto teriam acostado a petição à Peça 357, requerendo a retificação da menção ao item 9.6 no item 9.11 do Acórdão 2.294/2017-TCU-2ª Câmara em função de suposto erro material consubstanciado na indevida aplicação da multa prevista no art. 58, II da Lei n.º 8.443, de 1992, pois, para os peticionários, a aplicação da aludida multa, com a sua execução por intermédio do desconto em folha de pagamento, teria como pressuposto o julgamento pela irregularidade das contas dos responsáveis;

Considerando que os aludidos peticionários já teriam suscitado a suspensão dos aludidos itens do acórdão por meio de embargos de declaração (Peça 258) de recursos de reconsideração (Peças 261 a 267 e 291), além da nova interposição dos embargos à Peça 260, tendo todos esses recursos sido rejeitados pelo TCU;

Considerando que o secretário da unidade técnica assinalou que a petição ostentaria o indevido caráter recursal, tratando do suposto erro no julgamento, e não do anunciado erro material, mas teria operado tanto a evidente preclusão temporal quanto a eventual preclusão consumativa, já que os responsáveis já teriam apresentado os respectivos recursos de reconsideração;

Considerando que o referido secretário adicionou que, no mérito, também não assistiria razão aos responsáveis, já que o art. 71, § 3º, da Constituição de 1988 e o art. 28, I da Lei n.º 8.443, de 1992, viabilizariam o desconto da aludida multa na folha de pagamento, em sintonia com a jurisprudência fixada pelo Supremo Tribunal Federal a partir, por exemplo, do MS 25.428/DF (DJe. 3/8/2016), MS 24.544 (DJ 4/3/2005), MS 25.643 (DJe 26/8/2011) e MS-AgR 31.914 (DJe 6/11/2014)), tendo proposto, então, o indeferimento do pedido ora formulado pelos responsáveis;

Considerando que, em consonância com Fredie Didier (Curso de Direito Processual Civil, 18ª edição, JusPodivm)a preclusão consumativa"consiste na perda de faculdade/poder processual, em razão de essa faculdade ou esse poder já ter sido exercido, pouco importa se bem ou mal. Já se praticou o ato processual pretendido, não sendo possível corrigi-lo, melhorá-lo ou repeti-lo. A consumação do exercício do Poder o extingue. Perde-se o poder pelo exercício dele.(...)É o que ocorre, por exemplo, quando a parte oferece sua contestação ou interpõe seu recurso de apelação no quinto dia do prazo (que é de quinze dias), mas esquece de deduzir um argumento importante; como já exerceu e consumou seu direito de recorrer, não pode, nos dez dias restantes do prazo, corrigir, melhorar ou repetir a contestação/recurso";

Considerando que, ao questionarem a validade da aludida multa aplicada aos responsáveis, a despeito de não terem as contas julgadas pela irregularidade, e a aplicabilidade dos respectivos descontos em folha de pagamento, os peticionários buscariam apenas a nova apreciação sobre o mérito do presente processo e a subjacente reforma do Acórdão 2.294/2017-TCU-2ª Câmara, tendo essa nova apreciação do feito já sido legalmente efetuada pela 2ª Câmara do TCU por meio do Acórdão 3.700/2019 no sentido de negar o provimento aos recursos de reconsideração, até porque a multa teria sido legalmente aplicada em função de irregularidades cometidas sem o impacto nas contas ordinárias do TRT-MG;

Considerando, portanto, que o TCU deve receber, como mera petição, o expediente acostado à Peça 357 pelo representante de André Luiz Morais Mascarenhas, Eliel Negromonte Filho, Sandra Pimentel Mendes e Toufik Tanure Neto para, no mérito, indeferir o correspondente pedido, até porque o referido expediente não poderia ser admitido como o eventual recurso de revisão contra o Acórdão 2.294/2017-TCU-2ª Câmara;

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no art. 143, inciso V, alínea "a", do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em receber, como mera petição, o expediente acostado à Peça 357 pelo representante de André Luiz Morais Mascarenhas, Eliel Negromonte Filho, Sandra Pimentel Mendes e Toufik Tanure Neto para, no mérito, indeferir o correspondente pedido, até porque o referido expediente não poderia ser admitido como o eventual recurso de revisão contra o Acórdão 2.294/2017-TCU-2ª Câmara, além de, em sintonia com os pareceres emitidos neste processo, prolatar a providência abaixo indicada:

1. TC- 023.438/2012-6 (PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA - Exercício de 2011)

1.1. Responsáveis: André Luiz Morais Mascarenhas (685.960.736-04); Antônio de Souza Pontes Filho (357.218.396-00); Carlos Athayde Valadares Viegas (624.548.466-91); Cleube de Freitas Pereira (436.047.906-97); Deoclecia Amorelli Dias (098.075.276-00); Dilma Alves Ferreira (371.983.276-72); Eduardo Augusto Lobato (082.700.156-87); Eliel Negromonte Filho (455.280.476-68); Emília Lima Facchini (540.599.926-15); Guilherme Augusto de Araújo (666.841.616-00); Luís Paulo Garcia Faleiro (617.447.866-15); Luiz Otavio Linhares Renault (186.803.306-63); Maria Beatriz Abreu Rodrigues de Sousa (344.675.566-72); Patrícia Helena dos Reis (911.765.736-91); Ricardo Oliveira Marques (796.480.706-44); Roberto Rodrigues da Costa (253.515.086-72); Sandra Pimentel Mendes (632.405.056-49); e Toufik Tanure Neto (526.170.506-10).

1.2. Interessada: Dilma Alves Ferreira (371.983.276-72).

1.3. Órgão: Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região - MG (TRT-MG).

1.4. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.5. Representante do Ministério Público: não atuou.

1.6. Unidade Técnica: Secretaria de Recursos (Serur).

1.7. Representação legal: Tiago Cardoso Penna (83514/OAB-MG), entre outros, representando Toufik Tanure Neto; André Amanajas de Aguiar (26992/OAB-DF), entre outros, representando Sandra Pimentel Mendes; e Aroldo Plinio Gonçalves (13735/OAB-MG), entre outros, representando Dilma Alves Ferreira.

1.8. Providência: enviar a cópia deste Acórdão, com a cópia do parecer da unidade técnica, a André Luiz Morais Mascarenhas, Eliel Negromonte Filho, Sandra Pimentel Mendes, Toufik Tanure Neto, por meio do seu representante legal, além do envio à administração do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região - MG, para ciência.

ACÓRDÃO Nº 4013/2021 - TCU - 2ª Câmara

Considerando que o presente processo trata de tomada de contas especial instaurada pela Caixa Econômica Federal (Caixa) em desfavor de Luiz Fernando de Souza, como então secretário de Obras do Estado do Rio de Janeiro (gestão: 1º/1/2007 a 30/3/2010), diante da impugnação dos dispêndios inerentes ao Contrato de Repasse n.º 222.648-06/2007 celebrado entre a Caixa, como mandatária da União representada pelo então Ministério das Cidades, e o Estado do Rio de Janeiro sob o valor de R$ 155.813.358,73 para a urbanização integrada de comunidades carentes junto à Rocinha - 2ª etapa no Município do Rio de Janeiro - RJ;

Considerando que, a partir do Relatório n.º 323/2018 (Peça 4, p. 188-191), o tomador de contas assinalou a responsabilidade em desfavor de Luiz Fernando de Souza pelo dano ao erário sob o valor original de R$ 12.247.096,79 diante da impugnação de vários dispêndios no Contrato de Repasse n.º 222.648-06/2007;

Considerando que, à Peça 9, a unidade técnica teria promovido a eventual diligência junto à Caixa Econômica Federal para obter a documentação atinente à prestação de contas do Contrato de Repasse n.º 222.648-06/2007, além do Relatório de Tomada de Contas Especial n.º 323, de 2018, tendo a Caixa apresentado a documentação às Peças 15-22;

Considerando que, por meio do despacho à Peça 29, foi autorizada a realização de nova diligência junto à Caixa Econômica Federal e ao Estado do Rio de Janeiro para serem encaminhadas as documentações e informações tendentes a subsidiar a análise preliminar desta tomada de contas especial, tendo a Caixa apresentado a documentação à Peça 41 e o aludido ente federado remetido os documentos acostados às Peças 45-48;

Considerando que, às Peças 49-51, após analisar a documentação encaminhada, a unidade técnica teria passado a assinalar a necessidade de aprofundar a quantificação do débito e, assim, propôs a realização de nova diligência junto à Caixa Econômica Federal e ao Estado do Rio de Janeiro para ser definida a responsabilidade, individual ou solidária, pelos atos de gestão e ser promovida a adequada caracterização do dano ao erário;

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no art. 143, inciso V, alínea "c", e 157, do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução n.º 246, de 2011, em autorizar que a unidade técnica realize a nova diligência junto à Caixa Econômica Federal e ao Estado do Rio de Janeiro para ser definida a responsabilidade, individual ou solidária, pelos atos de gestão e ser promovida a adequada caracterização do dano ao erário, além de, em sintonia com os pareceres emitidos neste processo, prolatar as providências abaixo indicadas:

1. TC-004.811/2019-4 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsável: Luiz Fernando de Souza (CPF 569.211.957-91).

1.2. Entidade: Estado do Rio de Janeiro.

1.3. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.4. Representante do Ministério Público: não atuou.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (Secex-TCE).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Providências:

1.7.1. realizar, por intermédio da unidade técnica, a devida diligência junto à Caixa Econômica Federal para que, no improrrogável prazo máximo de 90 (noventa) dias contados da notificação desta deliberação, apresente a adequada definição das irregularidades, com os agentes responsabilizáveis e a respectiva quantificação do débito, adotando, ainda, as seguintes medidas:

1.7.1.1. promova sobre as prestações de contas apresentadas de forma incompleta, em face dos desbloqueios de 18/5/2011 a 6/3/2012 ante a não apresentação das cartas de correção das notas fiscais emitidas pelas empresas encarregadas das obras, as seguintes medidas: (a) quantificar o valor exato dos respectivos débitos; (b) identificar os responsáveis pelo dever de apresentar as prestações contas parciais incompletas, apontando as notas fiscais desprovidas das "cartas de correção"; (c) esclarecer, adicionalmente, a natureza e a indispensabilidade dessas cartas de correção, sem prejuízo de assinalar outras possibilidades para o estabelecimento do nexo causal entre as despesas discriminadas nas notas fiscais e os recursos federais inerentes ao Contrato de Repasse 222.648-06/2007;

1.7.1.2. promova sobre as prestações de contas não apresentadas, em face dos últimos desbloqueios, as seguintes medidas: (a) quantificar o valor exato dos respectivos débitos; (b) identificar os responsáveis pelo dever de apresentar as prestações contas parciais;

1.7.1.3. promova, diante da eventual manutenção dos débitos decorrentes de sobrepreços apontados pela Controladoria Geral da União (CGU) ou pela Caixa, a eventual redefinição do valor para o débito indicado nesta tomada de contas especial, esclarecendo a divergência verificada entre o Relatório de TCE n.º 323, de 2018 (débito de R$ 12.247.096,79) e o Ofício n.º 50/2020/GEOTR, de 23/1/2020 (débito de R$ 56.744.904,62) sob as seguintes condições:

(i) esclarecimento dos débitos tendentes a atingir a quantia de R$ 58.660.725,66 (sobrepreço em diversos itens sob o montante de R$ 284.885,35; glosas diversas sob o montante de R$ 16.297.202,13; glosas ante a documentação incompleta ou não apresentada sob o montante de R$ 42.078.638,18;

(ii) posicionamento conclusivo sobre a inclusão indevida ou em duplicidade do Imposto de Renda, da Administração Local e dos Serviços de terceiros, especialmente, no BDI, além do superfaturamento ao ser utilizado o MLPG, e, principalmente, sobre a pertinência da inclusão de royalties (bota-fora) no orçamento sob o montante de R$ 2.626.595,53;

(iii) envie as informações sobre as medições tendentes à detecção dos superfaturamentos, com o envio das planilhas específicas, contendo a planilha do código e a descrição de cada serviço superfaturado, com a quantidade e os preços contratados, ante a medição e a aferição pela Caixa, além do motivo para o superfaturamento, com as tabelas e o respectivo código indicativo do serviço (no Sinapi, Sicro ou orçamento Seobras, Caixa, etc.), diante do eventual superfaturamento por preços acima da referência oficial, indicando a data do pagamento e o nome da empresa responsável pelo item de serviço superfaturado;

1.7.2. realizar, por intermédio da unidade técnica, a devida diligência junto ao Estado do Rio de Janeiro para que, no improrrogável prazo máximo de 90 (noventa) dias contados da notificação desta deliberação, adote a seguinte medida:

1.7.2.1. indique os responsáveis (pessoas físicas) pela elaboração da planilha de orçamento e os preços unitários no edital da Concorrência n.º 2/2007/Seobras/MCidades/Caixa para o Lote 2 (Rocinha) e pelas medições (com portarias de designação) realizas pelas empreiteiras contratadas;

1.7.2.2. apresente as outras documentações e informações pertinentes para os devidos esclarecimentos sobre os superfaturamentos apontados pela Controladoria Geral da União, além da Caixa Econômica Federal, e, especialmente, sobre a inclusão indevida ou em duplicidade de Imposto de Renda, Administração Local e Serviços de Terceiros na composição do BDI e sobre a pertinência e licitude da inclusão de royalties (bota-fora) no orçamento; e

1.7.3. enviar a cópia do presente Acórdão, com o parecer da unidade técnica, à Caixa Econômica Federal e ao Estado do Rio de Janeiro para o efetivo cumprimento das providências prolatadas pelos itens 1.7.1 e 1.7.2 deste Acórdão dentro do prazo fixado.

ACÓRDÃO Nº 4014/2021 - TCU - 2ª Câmara

Considerando que o presente processo trata de acompanhamento sobre a gestão do passivo na prestação de contas pela então Secretaria-Executiva do Ministério da Cultura (SE-MinC), tendo sido sucedida em suas atribuições pela Secretaria Especial da Cultura (Secult) atualmente vinculada ao Ministério do Turismo (MTur), em cumprimento ao item 9.6.3 do Acórdão 3.232/2017 proferido pela 2ª Câmara do TCU no julgamento da prestação de contas ordinária dos gestores da então SE-MinC para o exercício de 2014;

Considerando que, mais adiante (Peça 87), a 2ª Câmara do TCU prolatou o Acórdão 7.725/2020 pela seguinte linha:

"(...)1.8. Determinar, nos termos do art. 250, II, do RITCU, que a Secretaria Executiva do Ministério do Turismo apresente, no prazo de 90 (noventa) dias, o necessário ajuste no plano inicial de ação em prol da efetiva extinção em 3 (três) anos do atual passivo no estoque de processos, sem prejuízo de, entre outras medidas administrativas, promover o devido estudo sobre o quantitativo aprovado de projetos culturais incentivados no bojo do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac), nos termos da Lei n.º 8.313 (Lei Rouanet), de 1991, sob pena de responsabilização dos agentes públicos faltosos pela eventual reparação do dano ao erário solidariamente imputável e pelas subjacentes penalidades individualmente aplicáveis, nos termos dos arts. 8º, 57, 58 e 60 da Lei n.º 8.443, de 1992, devendo o referido ajuste no plano inicial de ação, nos termos do art. 7º, § 3°, I, e § 4°, da Resolução TCU n.º 315, de 2020, conter, no mínimo: (i) as ações a serem tomadas, (ii) os responsáveis pelas ações, e (iii) os prazos para implementação;

1.9. Enviar a ciência ao Ministério do Turismo e à Secretaria Especial da Cultura para que, em atendimento ao princípio da prestação de contas, todos os processos de prestações de contas do aludido passivo processual devem ser analisados e todos os documentos comprobatórios de dispêndios devem ser avaliados, não admitindo o emprego de critérios de seleção, como a curva ABC, para resultar em análise por mera amostragem, sem prejuízo, todavia, de empregar esses critérios para a eventual definição de prioridades na análise do passivo processual";

Considerando que, diante disso, os Ofícios 40085 e 40087/2020-TCU/Seproc (Peças 89 e 93) foram encaminhados à Secretaria Especial da Cultura e à Secretaria Executiva do Ministério do Turismo, respectivamente, tendo a ciência dos expedientes ocorrido em 30/7/2020 (Peças 98 e 96);

Considerando que, em 26/10/2020, como Chefe-Substituta da Assessoria Especial de Controle Interno do Ministério do Turismo, Camila Cysneiros Canavarro compareceu à Peça 155 para solicitar a prorrogação, até 4/12/2020, do prazo inicialmente estipulado para o atendimento aos aludidos Ofícios 40085 e 40087/2020-TCU/Seproc, tendo, em sintonia com a Coordenadora-Geral de Prestação de Contas do MTur, Fabíola Esteves Rocha assinalado que, "(...)diante do desafio e do volume de ações que precisam ser identificadas e qualificadas, entende-se que o dispêndio no esforço conjunto das ações demandará um tempo maior do que o previamente estipulado";

Considerando que, em 17/11/2020, a 2ª Câmara do TCU prolatou o Acórdão 12.896 e, assim, deferiu a solicitação apresentada por Camila Cysneiros Canavarro, como Chefe-Substituta da Assessoria Especial de Controle Interno do Ministério do Turismo, para conceder em favor do Ministério do Turismo e da Secretaria Especial da Cultura a prorrogação, até 4/12/2020, do prazo para o atendimento ao Acórdão 7.725/2020-TCU-2ª Câmara, em conformidade com a proposta da unidade técnica;

Considerando que a Assessorial Especial de Controle Interno do Ministério do Turismo foi notificada sobre o aludido acórdão por intermédio do Ofício 68121/2020-TCU/Seproc (Peça 157), tendo a ciência do expediente ocorrido em 9/12/2020;

Considerando que, em 6/1/2021, a Assessoria Especial de Controle Interno do Ministério do Turismo compareceu novamente à Peça 268, por intermédio de Benno D’Aguiar de Souza, como Chefe da Assessoria Especial de Controle Interno do MTur, e solicitou a prorrogação, até 12/2/2021, do prazo fixado para o cumprimento da determinação prolatada pelo item 9.6.3 Acórdão 3.232/2017-TCU-2ª Câmara, diante das justificativas apresentadas pelos setores ministeriais competentes (Ofício nº 14/2021/GSE da Secretaria-Executiva do MTur e Ofício nº 5/2021/SECULT/GAB/SECULT da Secretara especial da Cultura);

Considerando que, à Peça 274, a Seproc emitiu o seu parecer pelo excepcional deferimento do aludido pedido;

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 2ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no art. 143, inciso V, alínea "e", do Regimento Interno do TCU, aprovado pela Resolução nº 246, de 2011, em conhecer da solicitação apresentada à Peça 268 por Benno D’Aguiar de Souza, como Chefe da Assessoria Especial de Controle Interno do Ministério do Turismo, e, assim, deferir, em caráter improrrogável, o presente pedido de prorrogação do prazo em prol do Ministério do Turismo, até 12/2/2021, para o efetivo atendimento às determinações proferidas pelo Acórdão 3.232/2017-TCU-2ª Câmara, sem prejuízo de, em sintonia com os pareceres emitidos neste processo, prolatar a providência abaixo indicada:

1. Processo TC-008.379/2017-3 (ACOMPANHAMENTO)

1.1. Apensos: TC-007.862/2019-9 (Solicitação); TC-021.244/2018-9 (Solicitação); TC-007.860/2019-6 (Solicitação).

1.2. Responsáveis: Ana Maria Pellini (CPF 183.807.940-87); Camilo Calandreli (CPF 334.699.458-96); Jose Henrique Medeiros Pires (CPF 378.183.920-68); Jose Paulo Soares Martins (CPF 197.910.460-34); Marcelo Terra Camargo (CPF 473.823.090-53); Ricardo Braga (CPF 103.116.868-00); Roberto Rego Pinheiro (CPF 053.226.927-62) e Tatiana Barbosa de Alvarenga (CPF 602.679.761-00).

1.3. Instituições: Ministério da Cidadania; Secretaria Especial da Cultura e então Secretaria Executiva do Ministério da Cultura.

1.4. Relator: Ministro-Substituto André Luís de Carvalho.

1.5. Representante do Ministério Público: não atuou.

1.6. Unidade Técnica: Secretaria de Gestão de Processos (Seproc).

1.7. Representação legal: Rodrigo Kopke Salinas (OAB/SP 146.814), entre outros, representando Jose Paulo Soares Martins.

1.8. Providência: enviar a cópia deste Acórdão, com a cópia do parecer da unidade técnica, ao Ministério do Turismo, para ciência e adoção das providências cabíveis dentro do prazo assinalado.

ENCERRAMENTO

Às 11 horas e 42 minutos, a Presidência encerrou a sessão, da qual foi lavrada esta ata, a ser aprovada pelo Presidente e homologada pela Segunda Câmara.

(Assinado eletronicamente)

ELENIR TEODORO GONCALVES DOS SANTOS

Subsecretária da Segunda Câmara

Aprovada em 16 de março de 2021.

(Assinado eletronicamente)

AROLDO CEDRAZ

Presidente

Este conteúdo não substitui o publicado na versão certificada.

Borda do rodapé
Logo da Imprensa