Verbete

Voltar

Associação dos Amigos do Complexo Cultural da IN (AMI)

A Associação dos Amigos do Complexo Cultural da IN (AMI) é uma entidade jurídica de direito privado, sem finalidade econômica ou lucrativa. Instituída pela assembleia de 10 de novembro de 2015, formada por um grupo de intelectuais, professores, radialistas, representantes da sociedade civil, sindicalistas, servidores ativos e aposentados da Imprensa Nacional (IN). Desenvolve ações de auxílio ao Complexo Cultural da IN, formado pelo Museu da Imprensa, pela Biblioteca Digital Machado de Assis e pelo Auditório Dom João VI. Presidida pelo jornalista Trajano Jardim, que tem como vice-presidente o professor Henrique Moreira, coordenador do curso de comunicação do Centro Universitário de Brasília (UniCEUB).

Conforme seu estatuto, a AMI difunde valores culturais, por meio de estudos relativos à história da imprensa, inclusive a imprensa oficial, da indústria gráfica brasileira e da IN. A entidade projeta-se como um braço entre a estrutura da IN e seu Complexo Cultural, podendo captar recursos para manutenção e ampliação do Complexo, fato comprovado por ocasião da premiação do 19º Concurso Nacional Museu da Imprensa de Desenho, Redação e Artigo – 2017/2018, quando intermediou o repasse da verba de patrocínio concedido pela Caixa Econômica Federal aos alunos premiados e seus respectivos professores.

Há parcerias que antecederam o registro do estatuto, como a doação da logomarca da AMI pelo UniCeub e o pagamento das despesas de registro do estatuto pelo Sindicato dos Professores em Estabelecimentos Particulares de Ensino do DF. A AMI está registrada no Cartório do segundo ofício de notas, registro civil, registro de títulos e documentos de pessoas jurídicas e protestos de títulos do Distrito Federal, em Sobradinho-DF. Seu CNPJ é 28.725.405/0001-06. (Trajano Jardim)