Matérias mais recentes - Todas as seções

Diário Oficial da União

Publicado em: 07/02/2019 | Edição: 27 | Seção: 1 | Página: 47

Órgão: Tribunal de Contas da União/1ª Câmara

ATA Nº 1, DE 29 DE JANEIRO DE 2019

ATA Nº 1, DE 29 DE JANEIRO DE 2019

(Sessão Ordinária)

Presidente: Ministro Benjamin Zymler

Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin

Subsecretário das Câmaras: TEFC Paulo Morum Xavier

À hora regimental, o Presidente declarou aberta a sessão ordinária da Primeira Câmara, com a presença dos Ministros Raimundo Carreiro e Bruno Dantas; do Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa, convocado para substituir o Ministro Vital do Rêgo; e do Representante do Ministério Público, Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin.

Ausentes o Ministro Walton Alencar Rodrigues, por causa justificada, e, por motivo de férias, o Ministro Vital do Rêgo e os Ministros-Substitutos Augusto Sherman Cavalcanti e Weder de Oliveira.

HOMOLOGAÇÃO DE ATA

A Primeira Câmara homologou a ata nº 44, referente à Sessão realizada em 4 de dezembro de 2018.

PUBLICAÇÃO DA ATA NA INTERNET

Os anexos das atas, de acordo com a Resolução nº 184/2005, estão publicados na página do Tribunal de Contas da União na Internet.

PROCESSOS EXCLUÍDOS DE PAUTA

Foram excluídos de Pauta, nos termos do artigo 142 do Regimento Interno, os seguintes processos:

- 000.129/2015-1, 002.249/2011-1, 002.820/2018-8, 004.829/2018-2, 010.248/2015-3, 011.329/2018-1, 011.357/2018-5, 011.607/2018-1, 012.049/2011-5, 012.257/2011-7, 012.390/2011-9, 013.914/2012-0, 014.881/2018-7, 015.493/2011-3, 015.735/2018-4, 015.944/2018-2, 019.870/2017-5, 020.218/2018-4, 020.220/2018-9, 020.228/2018-0, 020.236/2018-2, 020.405/2016-2, 023.777/2018-4, 024.660/2018-3, 024.736/2018-0, 025.442/2018-0, 025.692/2018-6, 025.780/2018-2, 025.787/2018-7, 027.798/2018-6, 027.854/2018-3, 028.152/2017-4, 028.295/2018-8, 028.313/2018-6, 028.352/2018-1, 029.217/2018-0, 029.222/2018-4, 029.916/2018-6, 030.540/2018-6, 031.016/2018-9, 031.165/2018-4, 031.591/2018-3, 031.648/2018-5, 031.653/2018-9, 032.066/2018-0, 032.071/2018-3, 032.076/2018-5, 032.107/2018-8, 032.114/2018-4, 032.119/2018-6, 032.124/2018-0, 032.284/2018-7, 032.454/2018-0, 032.741/2018-9, 032.755/2018-0, 032.762/2018-6, 032.766/2018-1, 032.848/2018-8, 032.855/2018-4, 032.865/2018-0, 032.889/2018-6, 032.971/2018-4, 032.984/2018-9, 033.058/2018-0, 033.105/2018-9, 035.172/2018-5, 035.255/2018-8, 035.304/2018-9, 035.305/2018-5, 035.312/2018-1, 035.318/2018-0, 035.322/2018-7, 035.332/2018-2, 035.340/2018-5, 035.358/2018-1, 035.401/2018-4, 035.403/2018-7, 035.408/2018-9, 035.412/2018-6, 035.424/2018-4, 035.430/2018-4, 035.434/2018-0, 035.439/2018-1, 035.460/2018-0, 035.463/2018-0, 035.545/2018-6, 035.546/2018-2, 035.549/2018-1, 035.550/2018-0, 035.553/2018-9, 035.558/2018-0, 035.606/2018-5, 035.612/2018-5, 035.671/2018-1, 035.678/2018-6, 035.682/2018-3, 035.705/2018-3, 035.711/2018-3, 035.712/2018-0, 035.715/2018-9, 035.716/2018-5, 035.731/2018-4, 035.733/2018-7, 035.737/2018-2, 035.740/2018-3, 035.744/2018-9, 035.787/2018-0, 035.849/2018-5, 035.854/2018-9, 035.859/2018-0, 035.925/2018-3, 036.036/2018-8, 036.040/2018-5, 036.045/2018-7, 036.046/2018-3, 036.051/2018-7, 036.060/2018-6, 036.135/2018-6, 036.137/2018-9, 036.139/2018-1, 036.140/2018-0, 036.143/2018-9, 036.153/2018-4, 036.159/2018-2, 036.160/2018-0, 036.165/2018-2, 036.237/2018-3, 036.240/2018-4, 036.243/2018-3, 036.312/2018-5, 037.072/2018-8, 037.073/2018-4, 037.371/2018-5, 037.373/2018-8, 037.377/2018-3, 037.378/2018-0, 037.381/2018-0, 037.413/2018-0, 037.417/2018-5, 037.428/2018-7, 037.429/2018-3, 037.444/2018-2, 037.446/2018-5, 037.448/2018-8, 037.450/2018-2, 037.453/2018-1, 037.457/2018-7, 037.459/2018-0, 037.464/2018-3, 037.465/2018-0, 037.525/2018-2, 037.530/2018-6, 037.533/2018-5, 037.542/2018-4, 037.552/2018-0, 037.555/2018-9, 037.565/2018-4, 037.566/2018-0, 037.600/2018-4, 037.601/2018-0, 037.605/2018-6, 037.609/2018-1, 037.617/2018-4, 037.621/2018-1, 037.626/2018-3, 037.684/2018-3, 037.686/2018-6, 037.689/2018-5, 037.758/2018-7, 037.761/2018-8, 037.774/2018-2, 037.775/2018-9, 037.790/2018-8, 037.798/2018-9, 037.800/2018-3, 037.809/2018-0, 037.811/2018-5, 037.815/2018-0, 037.816/2018-7, 037.819/2018-6, 037.821/2018-0, 037.827/2018-9, 037.828/2018-5, 037.830/2018-0, 037.835/2018-1, 037.839/2018-7, 037.858/2018-1, 037.859/2018-8, 037.871/2018-8, 037.872/2018-4, 037.878/2018-2, 037.881/2018-3, 037.882/2018-0, 037.886/2018-5, 037.891/2018-9, 037.896/2018-0, 037.901/2018-4, 037.906/2018-6, 037.911/2018-0, 037.930/2018-4, 037.933/2018-3, 037.935/2018-6, 037.937/2018-9, 037.939/2018-1, 037.941/2018-6, 037.942/2018-2, 037.966/2018-9, 037.967/2018-5, 037.968/2018-1, 037.970/2018-6, 037.973/2018-5, 037.975/2018-8, 037.977/2018-0, 037.978/2018-7, 037.980/2018-1, 037.982/2018-4, 037.994/2018-2, 037.995/2018-9, 037.999/2018-4, 038.000/2018-0, 038.002/2018-3, 038.005/2018-2, 038.007/2018-5, 038.010/2018-6, 038.013/2018-5, 038.016/2018-4, 038.024/2018-7, 038.031/2018-3, 038.073/2018-8, 038.086/2018-2, 038.087/2018-9, 038.090/2018-0, 038.091/2018-6, 038.094/2018-5, 038.095/2018-1, 038.099/2018-7, 038.100/2018-5, 038.105/2018-7, 038.106/2018-3, 038.107/2018-0, 038.110/2018-0, 038.114/2018-6, 038.118/2018-1, 038.121/2018-2, 038.133/2018-0, 038.136/2018-0, 038.152/2018-5, 038.155/2018-4, 038.159/2018-0, 038.189/2018-6, 038.190/2018-4, 038.192/2018-7, 038.197/2018-9, 038.200/2018-0, 038.205/2018-1, 038.208/2018-0, 038.211/2018-1, 038.215/2018-7, 038.216/2018-3, 038.217/2018-0, 038.222/2018-3, 038.228/2018-1, 038.230/2018-6, 038.234/2018-1, 038.237/2018-0, 038.239/2018-3, 038.241/2018-8, 038.243/2018-0, 038.248/2018-2, 038.249/2018-9, 038.252/2018-0, 038.254/2018-2, 038.257/2018-1, 038.261/2018-9, 038.262/2018-5, 038.265/2018-4, 038.266/2018-0, 038.270/2018-8, 038.271/2018-4, 038.272/2018-0, 038.298/2018-0, 038.302/2018-7, 038.303/2018-3, 038.304/2018-0, 038.305/2018-6, 038.307/2018-9, 038.309/2018-1, 038.310/2018-0, 038.311/2018-6, 038.316/2018-8, 038.317/2018-4, 038.322/2018-8, 038.323/2018-4, 038.327/2018-0, 038.328/2018-6, 038.330/2018-0, 038.335/2018-2, 038.340/2018-6, 038.341/2018-2, 038.346/2018-4, 038.347/2018-0, 038.350/2018-1, 038.351/2018-8, 038.354/2018-7, 038.355/2018-3, 038.356/2018-0, 038.359/2018-9, 038.361/2018-3, 038.364/2018-2, 038.365/2018-9, 038.366/2018-5, 038.368/2018-8, 038.377/2018-7, 038.378/2018-3, 038.381/2018-4, 038.384/2018-3, 038.385/2018-0, 038.394/2018-9, 038.396/2018-1, 038.402/2018-1, 038.408/2018-0, 038.410/2018-4, 038.416/2018-2, 038.417/2018-9, 038.421/2018-6, 038.422/2018-2, 038.424/2018-5, 038.425/2018-1, 038.427/2018-4, 038.429/2018-7, 038.430/2018-5, 038.431/2018-1, 038.434/2018-0, 038.435/2018-7, 038.436/2018-3, 038.440/2018-0, 038.441/2018-7, 038.443/2018-0, 038.445/2018-2, 038.448/2018-1, 038.696/2018-5, 038.704/2018-8, 038.711/2018-4, 038.718/2018-9, 038.723/2018-2, 038.728/2018-4, 038.738/2018-0, 038.745/2018-6, 038.746/2018-2, 038.747/2018-9, 038.749/2018-1, 038.763/2018-4, 038.765/2018-7, 038.767/2018-0, 038.769/2018-2, 038.771/2018-7, 038.773/2018-0, 038.774/2018-6, 038.778/2018-1, 038.796/2018-0, 038.799/2018-9, 038.800/2018-7, 038.803/2018-6, 038.806/2018-5, 038.807/2018-1, 038.809/2018-4, 038.810/2018-2, 038.813/2018-1, 038.815/2018-4, 038.816/2018-0, 038.817/2018-7, 038.825/2018-0, 038.826/2018-6, 038.835/2018-5, 038.843/2018-8, 038.848/2018-0, 038.851/2018-0, 038.852/2018-7, 038.856/2018-2, 038.859/2018-1, 038.862/2018-2, 038.866/2018-8, 038.867/2018-4, 038.868/2018-0, 038.871/2018-1, 038.873/2018-4, 038.877/2018-0, 038.879/2018-2, 038.881/2018-7, 038.882/2018-3, 038.883/2018-0, 038.885/2018-2, 038.888/2018-1, 038.889/2018-8, 038.891/2018-2, 038.892/2018-9, 038.894/2018-1, 038.896/2018-4, 038.897/2018-0, 038.900/2018-1, 038.901/2018-8, 038.907/2018-6, 038.912/2018-0, 038.925/2018-4, 038.939/2018-5, 038.944/2018-9, 038.963/2018-3, 038.968/2018-5, 038.973/2018-9, 038.987/2018-0, 038.992/2018-3, 038.997/2018-5, 039.007/2018-9, 039.014/2018-5, 039.019/2018-7, 039.025/2018-7, 039.030/2018-0, 039.039/2018-8, 039.144/2018-6, 039.338/2018-5, 039.513/2018-1, 039.530/2018-3, 039.532/2018-6, 039.543/2018-8, 039.548/2018-0, 039.553/2018-3, 039.560/2018-0, 039.597/2018-0, 039.599/2018-3, 039.604/2018-7, 039.617/2018-1, 039.618/2018-8, 039.658/2018-0, 039.663/2018-3, 039.678/2018-0, 039.683/2018-4, 039.689/2018-2, 039.719/2018-9, 039.723/2018-6, 040.005/2018-6, 040.463/2018-4, 041.452/2018-6, 041.457/2018-8, 041.470/2018-4, 041.478/2018-5, 041.479/2018-1, 041.482/2018-2, 041.492/2018-8, 041.504/2018-6, 041.510/2018-6, 041.533/2018-6, 041.535/2018-9, 041.536/2018-5, 041.552/2018-0, 041.554/2018-3, 041.557/2018-2, 041.565/2018-5, 041.568/2018-4, 041.571/2018-5, 041.579/2018-6, 041.614/2018-6, 041.617/2018-5, 041.619/2018-8, 041.620/2018-6, 041.622/2018-9, 041.624/2018-1, 041.627/2018-0, 041.648/2018-8, 041.650/2018-2, 041.654/2018-8, 041.655/2018-4, 041.659/2018-0, 041.660/2018-8, 041.662/2018-0, 041.665/2018-0, 041.672/2018-6, 041.674/2018-9, 041.677/2018-8, 041.681/2018-5, 041.682/2018-1, 041.686/2018-7, 041.691/2018-0, 041.693/2018-3, 041.695/2018-6, 041.697/2018-9, 041.700/2018-0, 041.703/2018-9, 041.729/2018-8, 041.731/2018-2, 041.750/2018-7, 041.752/2018-0, 041.784/2018-9, 041.802/2018-7, 041.805/2018-6, 042.088/2018-6, 042.116/2018-0, 042.189/2018-7, 042.197/2018-0, 042.200/2018-0, 042.206/2018-9, 042.242/2018-5, 042.254/2018-3, 042.260/2018-3, 042.262/2018-6, 042.270/2018-9, 042.273/2018-8, 042.277/2018-3, 042.284/2018-0, 042.287/2018-9, 042.296/2018-8, 042.304/2018-0, 042.309/2018-2, 042.315/2018-2, 042.323/2018-5, 042.332/2018-4, 042.336/2018-0, 042.346/2018-5, 042.348/2018-8, 042.397/2018-9, 042.524/2018-0, 042.536/2018-9, 042.542/2018-9, 042.547/2018-0, 042.554/2018-7, 042.559/2018-9, 042.564/2018-2, 042.572/2018-5, 042.575/2018-4, 042.628/2018-0, 042.635/2018-7, 042.662/2018-4, 042.673/2018-6, 042.762/2018-9, 042.770/2018-1, 042.783/2018-6, 042.790/2018-2, 042.795/2018-4, 042.797/2018-7, 042.800/2018-8, 042.802/2018-0, 042.813/2018-2, 042.816/2018-1, 042.821/2018-5, 042.969/2018-2 e 043.322/2018-2, cujo Relator é o Ministro Walton Alencar Rodrigues;

- 000.069/2013-2, de relatoria do Ministro Benjamin Zymler; e

- 016.261/2016-0, cujo Relator é o Ministro Bruno Dantas.

PROCESSOS APRECIADOS POR RELAÇÃO

A Primeira Câmara aprovou as relações de processos a seguir transcritas e proferiu os Acórdãos de nºs 1 a 155.

RELAÇÃO Nº 1/2019 - 1ª Câmara

Relator - Ministro BENJAMIN ZYMLER

ACÓRDÃO Nº 1/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/1992, c/c o art. 143, incisos II e V, do Regimento Interno, em mandar fazer as determinações adiante especificadas, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-006.585/2014-0 (APOSENTADORIA - MONITORAMENTO)

1.1. Interessada: Maria Célia Santiago Félix (116.435.873-15)

1.2. Entidade: Superintendência Estadual da Funasa no Estado do Ceará

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações:

1.7.1. Determinar à Superintendência Estadual da Funasa no Estado do Ceará, em reiteração, que, em consonância com as disposições do Acórdão 1.393/2014-1ª Câmara e sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa:

1.7.1.1. faça cessar, no prazo de 15 (quinze) dias a contar da ciência desta deliberação, o pagamento destacado da parcela alusiva à URP de fevereiro de 1989 (índice de 26,05%) à servidora Maria Célia Santiago Félix, haja vista já integrada aos seus proventos ordinários por força das subsequentes reestruturações de carreira, tratando-se, pois, de execução em excesso dos respectivos provimentos judiciais;

1.7.1.2. quantifique, no prazo de 30 (trinta) dias a contar da ciência desta deliberação, os valores pagos à servidora Maria Célia Santiago Félix, a título de URP de fevereiro de 1989 (rubrica "DECISÃO JUDICIAL N TRAN JUG AP"), desde sua notificação do Acórdão 1.393/2014-1ª Câmara, e promova, nos termos do art. 46 da Lei nº 8.112/1990, a correspondente reposição ao erário;

1.7.1.3. emita e cadastre no sistema SISAC, no prazo de 30 (trinta) dias, novo ato inicial de aposentadoria em favor da servidora Maria Célia Santiago Félix, escoimado da irregularidade apurada no Acórdão 1.393/2014-1ª Câmara, nos termos do art. 262, § 2º, do Regimento Interno do TCU.

1.7.2. Determinar à Sefip que:

1.7.2.1. identifique e promova a audiência dos responsáveis, no âmbito da Superintendência Estadual da Funasa no Ceará, pela manutenção do pagamento da vantagem alusiva à URP de fevereiro de 1989 à servidora Maria Célia Santiago Félix, em descumprimento aos subitens 9.3.1 e 9.4 do Acórdão 1.393/2014-1ª Câmara, observando, para tanto, que, até a decisão de mérito do Supremo Tribunal Federal nos autos do Mandado de Segurança 33.037, comunicada à entidade em abril de 2016 (peças 21 e 22), a deliberação desta Corte estava com seus efeitos suspensos por força de liminar então concedida no mesmo writ pela Ministra Cármen Lúcia (peças 11 e 12);

1.7.2.2. monitore o cumprimento das determinações constantes do subitem 1.7.1, acima.

.

ACÓRDÃO Nº 2/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c o s arts. 143, inciso II, do RITCU, em considerar legal o ato inicial de aposentadoria de Aicler Mercia Oliveira Balilla, com fundamento no art. 260, § 4º, do RITCU, tendo em vista que o ato submetido ao exame desta Corte, a despeito de apresentar irregularidade quanto à averbação de tempo de serviço prestado junto ao Projeto Rondon na versão que lhe foi encaminhada, encontra-se devidamente corrigido no momento de sua apreciação de mérito, de acordo com os documentos e pareceres emitidos nos autos, sem prejuízo de efetuar a determinação adiante especificada:

1. Processo TC-028.694/2011-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Aicler Mercia Oliveira Balilla (878.046.628-15)

1.2. Órgão/Entidade: Gerência Executiva do INSS em São Bernardo do Campo/SP - INSS/MPS

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações:

1.7.1. ao órgão jurisdicionado, para que encaminhe imediatamente a este Tribunal o ato de alteração de aposentadoria emitido em favor da interessada, cujo nº de controle é o 10262954-04-2013-000016-0;

1.7.2. à Sefip, para que proceda ao exame do referido ato, com a urgência que o caso requer, atentando-se para a verificação da legitimidade da averbação do tempo de atividade insalubre constante do mencionado ato de alteração.

ACÓRDÃO Nº 3/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no art. 169, inciso IV, do Regimento Interno e em conformidade com a orientação fixada no Acórdão 2.100/2010-Plenário, em determinar a exclusão lógica do ato de concessão adiante relacionado da base de dados do sistema Sisac, por duplicidade:

1. Processo TC-029.321/2014-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessada: Elizabeth Engel Piazza (369.494.267-04)

1.2. Órgão: Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Estado do Rio de Janeiro

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 4/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei nº 8.443/1992, c/c o art. 143, inciso II, do Regimento Interno, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-032.106/2013-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Maria Elisa Hue Moraes (276.586.947-20); Maria Elisa Hue Moraes (276.586.947-20); Milton Rabinowits (241.131.667-49); Milton Rabinowits (241.131.667-49)

1.2. Entidade: Instituto Nacional do Câncer

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 5/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, tendo em vista que os efeitos financeiros dos atos de concessão em análise se exauriram antes de seus processamentos pela Corte, em face da perda da qualidade de segurado dos interessados, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no artigo 143, inciso II, do RITCU, c/c o artigo 7º, inciso I, da Resolução TCU nº 206/2007, em considerar prejudicados pela perda do objeto os atos constantes deste processo, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-041.511/2018-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Eda Canotilho (011.822.298-83); Eduardo Geraissate (389.650.978-00); Elisabete Josefina Nascimento (645.482.878-68)

1.2. Órgão/Entidade: Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de Segurança e Medicina do Trabalho

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 6/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, tendo em vista que os efeitos financeiros dos atos de concessão em análise se exauriram antes de seus processamentos pela Corte, em face da perda da qualidade de segurado do interessado, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no artigo 143, inciso II, do RITCU, c/c o artigo 7º, inciso I, da Resolução TCU nº 206/2007, em considerar prejudicados pela perda do objeto os atos constantes deste processo, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-041.513/2018-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Francisco Dobashi (990.156.928-15); Francisco Dobashi (990.156.928-15)

1.2. Órgão/Entidade: Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Estado de São Paulo

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 7/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, tendo em vista estes autos de processo de tomada de contas especial;

Considerando que, por meio do Acórdão 6.100/2018-1ª Câmara, esta Corte julgou irregulares as contas do sr. Marco Antônio França Faria e da Fundação José Pelúcio Ferreira, aplicando-lhes débito solidário;

Considerando-se que a sra. Silvia Mara Cordeiro Moreira ingressa com o expediente em exame alegando não ser sucessora do sr. Marco Antônio França Faria;

Considerando que não se nomeou a peça como recurso;

Considerando que a peça não visa objetivamente à reforma da deliberação proferida no acórdão condenatório, limitando-se a afirmar não ser a sra. Silvia Mara Cordeiro Moreira sucessora do responsável condenado em débito;

ACORDAM, por unanimidade, quanto ao processo a seguir relacionado, em não receber a peça 85 como recurso, em razão da ausência de ânimo recursal, e em enviar os autos à Secex-RJ para fins de apreciação da presente peça e adoção das medidas que entender pertinentes, de acordo com os pareceres constantes dos autos:

1. Processo TC-007.901/2015-1 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Fundação José Pelúcio Ferreira (03.308.866/0001-52); Marco Antônio França Faria (466.448.067-91)

1.2. Recorrente: Marco Antônio França Faria (466.448.067-91)

1.3. Órgão/Entidade: Financiadora de Estudos e Projetos

1.4. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.5. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.6. Relator da deliberação recorrida: Ministro Benjamin Zymler

1.7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria do TCU no Estado do Rio de Janeiro (Sec-RJ).

1.8. Representação legal: não há.

1.9. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 8/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, tendo em vista estes autos de processo de tomada de contas especial instaurada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) devido à não aprovação da prestação de contas do Contrato de Repasse 244.410-07/2007/Mapa/Caixa;

Considerando que, por meio do Acórdão 10.943/2018 - 1ª Câmara, esta Corte de Contas rejeitou as alegações de defesa do município de Francisco Alves/PR e concedeu-lhe o prazo improrrogável de quinze dias para que comprovasse o recolhimento do débito apurado nos autos;

Considerando que não é cabível recurso em face de decisão que não julga o mérito das contas, nos termos dos parágrafos 1º e 2° do artigo 23 da Resolução-TCU 36/1995 c/c art. 279 do Regimento Interno/TCU;

ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 201 e 279 do Regimento Interno/TCU, c/c artigo 23 da Resolução-TCU 36/1995, quanto ao processo a seguir relacionado, em receber o expediente como mera petição, em razão do não cabimento de recurso ante a ausência de decisão definitiva de mérito, e em receber as peças 38 a 47 como elementos complementares de defesa, dando-se ciência desta deliberação ao município interessado, de acordo com os pareceres constantes dos autos:

1. Processo TC-013.318/2015-2 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Prefeitura Municipal de Francisco Alves - PR (77.356.665/0001-67); Valter Cesar Rosa (794.708.159-04)

1.2. Recorrente: Prefeitura Municipal de Francisco Alves - PR (77.356.665/0001-67)

1.3. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Francisco Alves - PR

1.4. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.5. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado

1.6. Relator da deliberação recorrida: Ministro Benjamin Zymler

1.7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria do TCU no Estado do Paraná (Sec-PR).

1.8. Representação legal: Waldemar Alves (16.430/OAB-PR), representando Valter Cesar Rosa; Paulo Sérgio Mendonça Navero Corrêa (66.282/OAB-PR) e outros, representando Prefeitura Municipal de Francisco Alves - PR.

1.9. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 9/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no art. 27 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 218 do Regimento Interno/TCU, em expedir quitação à sra. Isabel Aparecida de Araújo Oliveira (CPF 003.208.458-77), ante o recolhimento da multa que lhe foi imputada, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

Quitação relativa ao subitem 9.3 do Acórdão 5764/2015, proferido pela Primeira Câmara, em Sessão de 29/9/2015, conforme Ata 34/2015 - Primeira Câmara.

 Sra. Isabel Aparecida de Araújo Oliveira: 

Valor original da multa: R$ 16.000,00 Data de origem da multa: 29/9/2015

Valor recolhido: R$ 17.845,41Data do último recolhimento: 29/3/2018

Data

Valor

30/01/2017

R$1.464,93

06/03/2017

R$1.470,00

27/03/2017

R$1.475,80

02/05/2017

R$1.480,46

30/05/2017

R$1.481,80

11/07/2017

R$1.486,30

25/08/2017

R$1.482,40

09/10/2017

R$1.486,65

10/11/2017

R$1.493,18

01/12/2017

R$1.501,55

28/12/2017

R$1.507,89

29/03/2018

R$1.514,45

1. Processo TC-017.659/2014-0 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Interlagos - Cedeca (03.129.195/0001-62); Francisco Helder da Silva Oliveira (090.402.118-17); Fábio Silvestre da Silva (167.599.728-48); Isabel Aparecida de Araújo Oliveira (003.208.458-77)

1.2. Órgão/Entidade: Entidades e Órgãos do Governo do Estado de São Paulo

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Relator da deliberação recorrida: Ministro Walton Alencar Rodrigues

1.6. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria de Controle Externo no Estado de São Paulo (SECEX-SP).

1.7. Representação legal: Guilherme Carvalho e Sousa (30628/OAB-DF) e outros, representando Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Interlagos - Cedeca, Francisco Helder da Silva Oliveira, Fábio Silvestre da Silva e Isabel Aparecida de Araújo Oliveira.

1.8. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 10/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara¸ ACORDAM por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, inciso V, alínea "a"; 169, inciso VI; e 212 do Regimento Interno/TCU, em determinar o arquivamento do seguinte processo, sem julgamento de mérito, em face da ausência de pressupostos de sua constituição e de seu desenvolvimento válido e regular, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-023.711/2017-5 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsável: Domingos Bacelar de Carvalho (200.083.923-15)

1.2. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Porto - PI

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado de Pernambuco (SECEX-PE).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações:

1.7.1. dar ciência desta deliberação ao Sr. Domingos Bacelar Carvalho (CPF 200.083.923-15) e à Caixa Econômica Federal.

ACÓRDÃO Nº 11/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ACORDAM por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, I, 16, I, 17 e 23, I, da Lei 8.443/1992 e 1º, I, 207 e 214, I, do Regimento Interno do TCU, de acordo com os pareceres emitidos nestes autos, em:

a) julgar regulares as contas do Sr. Olivo Agostinho Calsa e da Prefeitura Municipal de Goioxim (PR), dando-lhes quitação plena; e

b) arquivar o presente processo.

1. Processo TC 025.246/2015-1 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Olivo Agostinho Calsa (CPF 189.340.300-97) e Prefeitura Municipal de Goioxim - PR (CNPJ 01.607.627/0001-78).

1.2. Entidade: Prefeitura Municipal de Goioxim - PR.

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Paraná (SECEX-PR).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 12/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara¸ ACORDAM por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, inciso V, alínea "a"; 169, inciso VI; e 212 do Regimento Interno/TCU, em determinar o arquivamento do seguinte processo, sem julgamento de mérito, em face da ausência de pressupostos de sua constituição e de seu desenvolvimento válido e regular, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-029.078/2018-0 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Clidenor José da Silva (408.827.724-49); Edmilson Gomes de Souza (131.833.204-44); Prefeitura Municipal de Cacimba de Dentro - PB (08.929.648/0001-59)

1.2. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Cacimba de Dentro - PB

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações:

1.7.1. dar ciência desta deliberação ao Fundo Nacional de Assistência Social - FNAS/Ministério do Desenvolvimento Social, aos Srs. Clidenor José da Silva (CPF 408.827.724-49) e Edmilson Gomes de Souza (CPF 131.833.204-44) e ao Município de Cacimba de Dentro/PB, bem como ao Tribunal de Contas do Estado da Paraíba/PB para as providências que entender cabíveis.

ACÓRDÃO Nº 13/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, quanto ao processo a seguir relacionado, ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, inciso V, alínea "d", do Regimento Interno do TCU, c/c o Enunciado nº 145 da Súmula deste Tribunal, em retificar, por inexatidão material, o Sumário do Acórdão 4.429/2018-1ª Câmara, item 9.2.1, prolatado na sessão de 8/5/2018 - Ordinária, inserido na Ata nº 14/2018 - 1ª Câmara, onde se lê:

"9.2.1. dívidas relativas aos mecanismos de captação da Lei 8685/1993 (Processo 01580.038060/2006- 88), a serem recolhidas aos cofres do Ministério da Cultura, atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora, calculados a partir das datas discriminadas, até a data dos recolhimentos, na forma prevista na legislação em vigor, devendo, ainda, acrescer, dentre os valores indicados a seguir, multa de 50% sobre os valores originais corrigidos constantes da tabela a seguir:";

leia-se:

"9.2.1. dívidas relativas aos mecanismos de captação da Lei 8685/1993 (Processo 01580.038060/2006- 88), a serem recolhidas aos cofres do Fundo Nacional da Cultura , atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora, calculados a partir das datas discriminadas, até a data dos recolhimentos, na forma prevista na legislação em vigor, devendo, ainda, acrescer, dentre os valores indicados a seguir, multa de 50% sobre os valores originais corrigidos constantes da tabela a seguir:",

mantendo-se inalterados os demais termos do acórdão ora retificado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-030.226/2016-3 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Diler & Associados Ltda. (00.291.470/0001-51); Dilermando Torres Homem Trindade (026.937.397-72); Geraldo Silva (020.690.597-15); Lilia Alli Freitas (705.890.547-91)

1.2. Entidade: Agência Nacional do Cinema

1.3. Relator: Ministro Benjamin Zymler

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo de Vries Marsico

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Rio de Janeiro (SECEX-RJ).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

RELAÇÃO Nº 1/2019 - 1ª Câmara

Relator - Ministro BRUNO DANTAS

ACÓRDÃO Nº 14/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-002.455/2014-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Marco Antonio Brito (155.468.619-91)

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 15/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em adotar as medidas a seguir, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-006.519/2014-8 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Olivete Paulo Silva Neto (199.884.004-20)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Rio Grande do Norte

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinar à Universidade Federal do Rio Grande do Norte que:

1.7.1 a partir do trânsito em julgado do Recurso Extraordinário (RE) 1.032.515/PE, impetrado no Supremo Tribunal Federal, ocorrido em 1º/6/2017, promova a absorção da vantagem referente às horas-extras, paga à interessada Monique Milfont Morais de Souza (CPF 619.003.204-44) sob a forma de rubrica judicial, pelas leis que vierem a alterar a estrutura remuneratória dos servidores inativos com eficácia posterior à referida decisão;

1.7.2. comunique ao(à) aposentado(a) a deliberação deste Tribunal e o(a) alerte de que o efeito suspensivo proveniente da eventual interposição de recursos junto ao TCU não o(a) eximirá da devolução dos valores indevidamente recebidos após a notificação, em caso de não provimento dos apelos;

1.7.3. no prazo de 30 (trinta) dias a partir da ciência deste acórdão, encaminhe a este Tribunal, por cópia, comprovante da data em que o(a) interessado(a) tomou conhecimento desta deliberação; e

1.7.4. no prazo de 30 (trinta) dias a contar da ciência desta deliberação, emita novo ato concessório de aposentadoria em nome do(a) ex-servidor(a), em que sejam suprimidas as irregularidades verificadas, e submeta-o ao TCU para nova apreciação.

ACÓRDÃO Nº 16/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame dos atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-030.903/2014-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Olavo de Menezes (411.939.200-78)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Rio Grande do Sul

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 17/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos, à exceção dos atos de Joana Darc Silva Minaré e Alzira Maria Da Silva, que deverão ser destacados, para julgamento em apartado, após cumprimento das diligências sugeridas pelo Ministério Público junto ao TCU (peça 13).

1. Processo TC-031.845/2014-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Alzira Maria da Silva (429.004.766-15); Alzira Maria da Silva (429.004.766-15); Joana Darc Silva (361.993.626-91); Joana Darc Silva Minaré (361.993.626-91); Rosalina de Macedo Alves (446.798.906-49)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Triângulo Mineiro

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 18/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-033.472/2014-9 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Moyses Rodrigues Pereira (017.357.723-72)

1.2. Órgão/Entidade: Universidade Federal do Ceará

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 19/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal(ais) para fins de registro o(s) ato(s) a seguir relacionado(s), de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-036.030/2018-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Maria do Carmo Carvalho de Oliveira (033.497.302-30); Nazir Batista da Silva (047.274.522-00); Orlando da Silva Araujo (033.483.002-82); Pedro Alves Bertulino (037.270.502-25); Pedro Cordeiro (039.086.152-91); Pedro Freitas Viegas (033.977.422-34); Raimundo Nonato Brito (047.505.272-20); Raimundo Nonato de Miranda (031.890.152-87); Raimundo da Mota Correia (099.615.931-20); Raimundo de Sousa Xavier (563.633.032-49)

1.2. Órgão/Entidade: Superintendência Regional do Dnit No Estado do Pará

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 20/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do(s) ato(s) a seguir relacionado(s), de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.495/2018-7 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessado: Osmal Azevedo dos Santos (008.186.901-00)

1.2. Órgão/Entidade: Secretaria Especial de Editoração e Publicação do Senado Federal

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 21/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do(s) ato(s) a seguir relacionado(s), de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.517/2018-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Eleonora de Castro Gonçalves Passarinho (096.741.441-53); Rogério Braga de Figueiredo (238.340.216-87)

1.2. Órgão/Entidade: Senado Federal

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 22/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-036.826/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Aline Leal de Moura Lima Galindo (023.981.343-00); Allan Del Cistia Mello (033.623.581-01); Ana Carolina Martins Costa Soares Pinto (019.448.531-54); Cássio dos Santos Araujo (068.371.494-58); Sabrina Silva Nascimento (726.797.001-04)

1.2. Órgão/Entidade: Senado Federal

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 23/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-036.855/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Sergio Paulo Lopes Fernandes (244.089.481-87)

1.2. Órgão/Entidade: Senado Federal

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 24/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-036.906/2018-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Frederico Andrade Tomich (497.083.416-49)

1.2. Órgão/Entidade: Senado Federal

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 25/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-038.367/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Clementino Rodrigues Veras Neto (555.604.583-68)

1.2. Órgão/Entidade: Agência Nacional de Aviação Civil

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 26/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal(ais) para fins de registro o(s) ato(s) a seguir relacionado(s), de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.451/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Marcos Andre da Silva (937.720.254-04)

1.2. Órgão/Entidade: Agência Nacional de Transportes Aquaviários

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 27/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal(ais) para fins de registro o(s) ato(s) a seguir relacionado(s), de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.459/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Rebecca Caroline Fontoura da Silva (033.235.741-41)

1.2. Órgão/Entidade: Secretaria de Portos (extinta)

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 28/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal(ais) para fins de registro o(s) ato(s) a seguir relacionado(s), de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.465/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Anderson Luiz Alves de Araújo (077.831.877-06)

1.2. Órgão/Entidade: Câmara dos Deputados

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 29/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-013.469/2011-8 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Alaide Gondim da Silva Maia (004.052.483-34); Doraci Ramos dos Santos (796.029.751-72)

1.2. Órgão/Entidade: Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda No Estado de Goiás

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: Marcos Maia Carneiro (OAB/GO 32.693-A)

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 30/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-013.489/2011-9 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Adner Santos da Cruz (839.147.302-34); Andre Hermes da Cruz (003.108.672-15)

1.2. Órgão/Entidade: Superintendência de Administração do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Em Rondônia

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 31/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-035.812/2018-4 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Alaide de Melo Santos (830.510.747-72); Arminda Monteiro Garcia de Souza (513.325.237-49); Constancia da Silva Freitas (779.141.717-00); Dilma Dias da Mota (190.490.645-15); Edna Albuquerque Melo (025.858.517-02); Edy Macedo de Oliveira (533.771.767-72); Heloisa Helena Pagiola Furieri (034.619.997-25); Maria Carminda de Jesus Boeta (989.638.727-34); Maria José da Silva Barros (503.484.694-20); Marli Barros Mendonça (572.922.487-72)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 32/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-035.819/2018-9 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Carmelita Alves do Nascimento Morais (297.209.314-34); Cintia Cristiane Lauterjung (017.281.429-46); Elzita Morais de Souza (071.186.815-80); Haide Rocha de Almeida (159.570.125-72); Josefa Maria da Conceição (243.746.105-10); Lucilene Freitas Vieira (438.062.013-15); Maria Jose Lima Valverde (062.627.615-27); Maria Santos Gomes Mendonca (716.894.003-15); Maria de Lourdes Gonçalves da Silva (220.183.283-87); Maria do Rosario Maciel da Silveira (010.224.232-15); Valderez Sampaio (032.486.743-34)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 33/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-035.826/2018-5 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Deusamar Eulina Silva Dias Teixeira (278.433.783-91); Dulce de Fatima Correia Flores (898.638.870-72); Francisca Nobre Pessoa (031.760.239-01); Manoel da Cruz Evangelista (000.587.423-87); Maria Clarinha Wenderroscky (032.289.547-22); Maria do Socorro Nunes Rodrigues (103.860.847-34); Vera Lucia da Cruz (090.384.427-34)

1.2. Órgão/Entidade: Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 34/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-035.967/2018-8 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: Maria Dalva de Oliveira Araujo (118.531.581-00)

1.2. Órgão/Entidade: Senado Federal

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 35/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame dos atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos.

1. Processo TC-040.019/2018-7 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Bernardino Puga Lago (021.877.447-87); Conceicao Silveira da Rocha (054.428.127-65); Dorquelina Augusta Maia Rodrigues (070.378.837-00); Eduarda Lopes Monteiro (023.913.817-19); Eduardo Carlos de Oliveira Mostaert (031.862.297-15); Eilma Fonseca Correa (081.922.877-00); Elaine Conceicao dos Santos (053.871.627-41); Elza Alves Ribeiro (330.299.627-68); Geneide Cesar de Oliveira Calado (000.575.967-60); Guilhermina Soares de Carvalho (075.976.787-46); Iracy Peixoto Pereira (028.019.987-29); Laura Rosa Conceicao dos Santos (053.871.617-70); Maria Angelica da Silva Canella (688.828.237-68); Maria Belizaria Santos Vaz (274.269.127-87); Maria Delantina (072.432.877-78); Maria Silveira Samico (311.791.007-78); Maria da Silva Pereira (023.354.517-40); Maria de Lourdes Oliveira (744.698.437-68); Neuza da Silva Martins (994.485.997-49); Odette Machado de Medeiros (083.135.857-22); Rozilda Gerico (070.006.947-00)

1.2. Órgão/Entidade: Delegacia de Administração do Mt/rj

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 36/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, incisos I e II, ambos da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII; 143, inciso II; 259, incisos I e II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do(s) ato(s) a seguir relacionado(s), de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-041.708/2018-0 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Bruno Garcia de Oliveira (004.519.902-77); Ubirajara Lima de Oliveira (062.268.922-34)

1.2. Órgão/Entidade: Superintendência Regional do Dnit No Estado do Pará

1.3. Relator: Ministro Bruno Dantas

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

RELAÇÃO Nº 1/2019 - 1ª Câmara

Relator - Ministro-Substituto MARCOS BEMQUERER COSTA

ACÓRDÃO Nº 37/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-032.603/2018-5 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Jose Emery de Freitas Damasceno (178.274.690-00); Jose Erotilde de Melo (220.386.631-49); Jose Honorio de Araujo (151.783.663-87); Jose Maria Barbosa (061.932.423-68); Jose Raimundo Costa Santos (110.543.105-30); Joseli Vargas de Souza (637.194.527-00); Josely Ho-tong da Paixão Nobre (149.295.032-72); Lael Gomes Fragoso Pereira (880.246.798-68); Laercio Pedro Luiz (464.548.619-53); Laudelina Melquiades Lins (216.204.904-04).

1.2. Órgão/Entidade: Diretoria de Inativos e Pensionistas - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 38/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-032.607/2018-0 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Raimunda Reinalda Santana Ferreira (205.365.692-15); Raimundo Alves Amorim (070.645.512-68); Raimundo Pereira de Oliveira (066.360.041-34); Regia Ivana Marques Souza (163.656.230-20); Regina Maria Inacio Pedro (073.454.238-08); Ricardo Ponde Weber (011.767.628-42); Robelim Costa dos Santos (300.196.800-15); Roberto Mendes Ambrosio (027.683.802-53); Roberto Szwec Pereira (301.844.449-34); Rosane Ferreira Magalhães (783.527.037-49).

1.2. Órgão/Entidade: Diretoria de Inativos e Pensionistas - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 39/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais para fins de registro os atos de concessão de aposentadoria a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-032.809/2018-2 (APOSENTADORIA)

1.1. Interessados: Josué Bartolomeu dos Santos (037.566.024-00); José Carlos Sanches (026.076.258-07); José Reinaldo de Azevedo (200.625.084-15); José de Oliveira Ferreira (182.773.731-04); Laurentino Corrêa de Vasconcellos Neto (977.282.688-72); Lindalva da Conceição Rosendo Marques (751.722.167-15); Liuvany Silva Lima (292.698.301-87); Lucianne Thamm Novaes (831.312.308-78); Luiz Antonio Mathias Netto (615.572.267-68); Luiz Eduardo da Cunha Santos (026.220.448-79).

1.2. Órgão/Entidade: Diretoria de Administração do Pessoal - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 40/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-032.100/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Fábio Edinei Bobrzyk (021.659.150-31); Gleison Junio Calacio (089.774.276-14); Hebert Felipe Pereira Costa (125.100.307-95); Icaro Gomes Valerio Terra (140.739.547-50); Raphael da Silva Santos (097.201.246-01); Thiago da Silva Souza (142.165.847-05); Vitor de Santana de Andrade (132.454.587-97).

1.2. Órgão/Entidade: 4º Grupo de Artilharia de Campanha - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 41/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.740/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ana Paula Linhares da Silva (004.937.341-20); Anna Beatriz Ramos Fadda (016.493.367-05); Gabriel Moreira Crelier (134.083.477-43); Rodrigo Alexandre Dionisio Alves (043.550.627-75); Viviane Frauches Pimentel (071.031.167-25).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 42/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.747/2018-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Isabela Araujo do Nascimento Ramos (001.875.331-05); Luciano Jose Epitacio Brasil Gomes (816.797.936-91).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 43/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.754/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexssandra Lima Siqueira dos Santos (090.101.397-86); Ana Clara de Souza Mastella (131.237.637-65); Brenno Lopes Lima Lages (073.136.146-67); Cynthia Camillo Casotti Teixeira Magarinos Torres (110.396.747-98); Elisa Coelho Grossi (118.634.067-35); Evelyne Amaral Coimbra Chaves (088.362.966-61); Karina Aparecida Toledo de Lima (116.702.696-98); Livia Karla de Almeida (100.381.986-90); Marcelo Cabral Monteiro (023.371.975-06); Marina Tamm Lannes Vieira (124.085.157-00).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 44/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.842/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Juliana da Silva Santos Reche (344.422.418-48).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 45/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.846/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexandre Barreto Rodrigues (037.437.636-05); Daniela de Freitas Rodrigues (103.512.616-80); Guilherme Bigao Fonseca (130.727.756-05); Gustavo Henrique Ferreira de Paula (080.669.836-54); Jonatas da Costa Xavier (096.951.566-90); Marcio Silva de Lima (399.417.518-62); Ronaldo Carlos Panini (273.624.888-07); Rondinelli Balduino (033.446.416-11); Valdeci Fernandes Pereira (092.330.356-11); Wesley Fabiano Soares (036.522.096-56).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 46/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.853/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Matheus Eduardo de Lara Metzger Santos (076.275.789-22).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 47/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.856/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Abel dos Santos Azevedo (019.998.382-89); Alessandro Jose da Silva Junior (079.759.765-47); Alisson Henrique da Silva (107.531.934-00); Arthur de Lima Medeiros (017.539.374-50); Giordani da Costa Silva (003.938.082-38); Joao Paulo Santos Reis (070.822.485-71); Luis Felipe Lobo Silva (122.158.444-85); Matheus Antonio da Silva Cavalcante (147.284.727-01); Pedro Gonçalves de Menezes Neto (150.704.937-44); Ramonn Macel Pereira Ferreira (126.733.384-70).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 48/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.945/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alex Gomes Farias (054.093.381-38); Alex Rocha Pereira (069.062.501-40); Alexssander Ferreira Pinto (025.640.431-35); Brendon Rafael dos Santos Barreto (057.975.571-18); Felipe Avalhaes de Britto (066.906.091-70); Gledson Matheus Abrego Gomes (081.904.301-06); Igor Carvalho Santos (065.305.441-60); Jeferson Fernando Barbosa de Araujo (062.075.391-92); Jeferson Matos de Souza (053.323.591-01); Wanderlucas Brito de Medeiros (069.592.771-08).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 49/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.946/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriano Lima Melo (061.522.261-71); Albert do Nascimento Vilalva (030.458.421-51); Brendo Romeiro de Oliveira (048.316.721-57); Bruno Arce Rodrigues (065.838.151-25); Bruno da Silva Carvalho (379.930.288-33); Bruno de Souza da Silva (067.412.371-94); Denilson Ferreira Cardoso (027.965.041-82); Gabriel Silva de Oliveira (069.217.461-35); Hudson Angelo da Silva Filho (069.898.381-59); Kleber Marcos Lopes Ferreira da Silva (062.946.491-02).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 50/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.947/2018-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adenilson Tellecher dos Santos (056.642.481-90); Almir Sandler Rivarola Junior (060.952.071-77); Elias Junior Alves da Silva (074.302.851-12); Fernando Simões Carlotto (033.095.161-05); Gabriel Liscano Silva (022.582.971-17); Guilherme Araujo de Oliveira (066.438.001-88); Maykon Gabriel Sa da Silva Santos (053.074.371-02).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 51/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.949/2018-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Camila Luzia Almeida dos Santos (885.873.632-04); Carina Cavalcanti (256.384.158-58); Daniel Rodrigues (150.923.208-77); Gustavo Henrique Barbosa de Andrade (366.429.368-17); Lilian Batista Rocha (285.843.788-20); Mayra Cristina Yamasaki (358.849.798-60); Odair Reinoso (142.270.808-00); Ricardo Foschini Klein (315.834.838-10); Thiago Marchiori Visintin (214.530.258-12); Zilmara Cordeiro dos Santos (321.780.158-08).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 52/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.950/2018-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Aldo Ribeiro de Barros Neto (299.548.038-07); Cristiane Gusmão de Oliveira (386.323.988-14); Cristiano de Almeida Lopes (084.480.207-74); Eduardo Vieira Prado (361.265.858-10); Elisangela de Vasconcelos (316.379.168-92); Gabrielle Santana de Sales (458.914.648-70); Julio Cesar Santa Rosa (212.971.038-74); Loreta Ignes Esmeralda de Moraes Guimaraes (291.943.248-67); Mayara Cristina Monteiro Barbosa Courbassier (374.207.038-09); Rosilane Holanda da Costa (054.335.263-30).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 53/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.952/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriano Rodolfo Martins (327.769.558-12); Bruno Leonardo Batista (216.860.628-50); Christian Teixeira (267.740.768-07); Edison Luis Oliveira Nascimento (416.474.238-05); Erivaldo Ciriaco dos Santos (024.741.884-60); Fabiana Lagos Pacheco (037.565.337-60); Fabiana Soares Martins (410.422.708-05); Gabriel do Carmo Brandino de Oliveira (286.011.958-22); Luciana Maraisa Soares da Silva (218.155.238-08); Paulo Alberto Matos Floriano (299.023.248-60).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 54/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.954/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andre Jose dos Santos (325.374.428-06); Antonio Aloizio de Carvalho Leal Junior (247.987.518-04); Sergio Luiz Pereira (337.634.818-93).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 55/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.957/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Breno Souza de Menezes (953.472.242-15); Guilherme Cavalcante Patriota (022.902.452-16); Janislanya Marinheiro Moreira (011.756.712-40); Luciane Pimentel Gomes (389.723.602-87); Tatiane Moutinho Souza dos Santos (055.403.507-31); Veronica Meire Pereira de Souza Oliveira (593.359.632-91); Wdellik Costa Bandeira Queiroz (531.319.672-34).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 56/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.958/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Ailton Souza Santos (468.500.418-35); Anderson Silvestre de Lima (117.996.249-43); Christian Willian Fernandes de Oliveira (113.284.699-48); Jhonatan Bernardo Pereira (111.135.389-10); Joao Lucas Kulewicz Farias (094.486.799-55); Jonatha Alves da Cruz (455.693.648-97); Luan Henrique de Oliveira (094.977.489-81); Luan Nogueira Vilkevicius (052.717.409-27); Matheus Henrique Cordeiro (096.628.709-62); Willian Eduardo Brito da Silva (094.497.549-69).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 57/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.959/2018-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexsander Lima de Souza (098.217.359-83); Andre Campos (116.420.739-38); Emerson Braun Paloski (096.394.009-04); Krigon Henrique Bernardes (087.569.329-60); Leonardo Barbosa Vieira (089.994.389-61); Lucas Rodrigo Ramos Domingues (099.943.449-78); Matheus Narita de Souza (120.183.669-71); Mike Alexsander Guimaraes (106.504.059-86); Otavio Antocheski Pereira (110.149.519-76); Vinicius Dias Novalski (101.795.609-05).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 58/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.962/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Geraldo Gonçalves de Oliveira Neto (124.515.634-94); Guilherme Gomes de Medeiros Barbosa (017.739.424-25); Joao Paulo dos Santos Pereira (703.901.134-41); Jose Carlos Melo da Cruz (701.976.384-73); Jose Iwerton Gomes Silva (017.201.294-52); Luis Andre do Nascimento Alves (100.808.974-52); Luiz Fernando Pires da Silva (704.578.824-09); Macel Silva de Macedo (125.883.874-54); Mateus Alves da Silva (706.994.584-12).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 59/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.963/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Cristiane de Fatima Bora (724.756.929-87); Edilene Muniz de Oliveira (719.814.541-87); Izabelle Campa Wendler (041.503.129-07); Joaquim Marcelo de Souza (029.794.789-38); Katiuscia Carla Nagabe Vieira (046.679.549-14).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 60/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-037.964/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Edson Freitas de Souza (082.952.677-36); Mateus da Silva Barbosa Lima (167.477.727-25).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 61/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.048/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alberto da Silva Junior (072.836.221-01); Ariel Benedito Rosa Dias (069.985.871-20); Bruno Rick de Barros de Sousa (072.316.821-03); Fernando Pereira Faria (837.306.481-87); Thiago Wilson Paula Tagarro (032.910.561-24).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 62/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.050/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Antonio Liduino dos Santos (750.901.473-53); Elizia Carolina Gonzaga de Souza (005.853.062-22); Halleson Ney Gomes Oliveira (890.567.442-91); Haroldo Marques de Oliveira (633.207.972-04); Jelison do Nascimento Lima (843.854.992-68); Jhonnatas Beckman dos Reis (028.723.872-50); Jose Freire da Silva (711.674.802-44); Jose Odaciney Siqueira Monteiro (890.406.002-87); Mozicleiton Arruda da Costa (002.054.282-82); Ygor Angelim do Carmo (013.887.642-88).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 63/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.053/2018-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andre Ricardo Bispo da Silva (301.097.728-06); Thaluana Dias Horacio Florindo (338.993.108-29).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 64/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.054/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Simone Oliveira Penello (106.378.907-95).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 65/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.055/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Fabio Oliveira Mazola (379.032.798-07); Helio Tome Dermoni (382.785.102-53); Jeanypher Vieira Sousa Doja (433.066.698-73); Jorge Sartori de Souza Moura Telles (408.795.098-05); Tais Oliveira Ferreira dos Santos (343.612.758-23); Wellington Oliveira da Silva (230.127.748-82).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 66/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.057/2018-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Charlon de Abreu Silva (164.123.837-27); Emanuel Rodrigues de Sousa (183.796.207-39); Felipe Nata da Silva Cardoso Ferreira (170.302.437-06); Joao Victor Pereira Gorlitzer Pinto (160.505.877-79); Lorenzo Conceição de Souza (073.599.215-03); Luiz Henrique Santos de Jesus (862.768.875-36); Marcos Paulo Lisboa Alves (191.038.097-06); Matheus Dutra dos Santos (170.201.627-70); Regis da Silva Duarte (155.662.417-43); Rhuan Mariano Ribeiro (175.684.077-64).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 67/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.058/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carlos Roberto de Freitas Junior (176.647.767-40); Hiago Neves de Souza Maia (059.407.815-60); Leonardo dos Santos Amaral (173.490.557-30); Lucas Pinto do Nascimento (055.059.237-71); Mateus da Silva Rodrigues (073.687.243-40); Matheus Netto Nogueira (132.720.976-43); Pedro Filipe Santiago Balmant Ferreira de Melo (174.580.087-50); Wellerson Barbosa da Silva (162.012.367-32); Yann Monteiro Mandu (133.190.377-73); Yuri Goncalves Bueno (172.833.877-81).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 68/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.059/2018-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adyson Marcolino Oliveira da Silva (179.061.287-02); Daniel Conceição da Silva (166.193.517-60); Gabriel Araujo de Oliveira (118.617.817-50); Gabriel Lucas Barreto Barbosa (843.712.775-00); Leonardo dos Santos Pereira da Silva (125.482.737-41); Matheus Andre Pereira Valença (165.009.077-36); Matheus Ribeiro da Silva (151.073.407-41); Richard Hecari Costa Teixeira (151.870.437-90); Wilson Paulo Pessanha da Rocha Junior (180.845.297-65).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 69/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.060/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Jorge Luiz Dias Junior (043.837.449-58).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 70/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.061/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Iraquaci Guimarães Nascimento (099.059.377-06); Israel Santana Araujo (071.972.147-42); Marcelo Marciano da Silva (041.440.897-70); Vinicius Sanches de Aquino (144.368.917-39); Wander Claudio Costa Bastos (036.070.177-94).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 71/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.161/2018-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Deive Gomes da Silva (693.331.902-44); Denise Brandao Rodrigues (516.478.932-91); Jordato Souza Rodrigues (764.281.922-68); Klinger Pinto Maciel (940.222.832-20); Marclelco Veras de Medeiros (622.830.142-04); Samy de Souza Viana (515.379.312-53); Vinicius Siqueira do Espirito Santo (134.226.087-29); Wandernilton Correia Neto (478.157.952-34); Willik Barbosa de Souza Junior (018.875.832-11).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 72/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.162/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Eduardo Rodrigues de Souza (301.726.778-40); Manuela Azevedo de Souza Paiva (400.967.988-31).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 73/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.164/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carla Roberta Rodrigues Guillaumon Cortez (953.888.189-34); Raphael Paiva Paschoal da Silva (121.292.807-57).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 74/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.166/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Raphael Simões de Sa (066.946.586-05); Renata Gonçalves Viterbo (054.516.016-23).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 75/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.169/2018-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adonias dos Santos Souza (179.511.067-80); Carlos Eduardo Barbosa de Macedo (178.716.947-23); Gabriel da Conceição Araujo (169.921.007-18); Joao Jose Antunes de Lima Neto (033.626.280-95); Lucas Silva de Castilho (163.029.167-63); Lucas de Oliveira Roseira (143.615.497-96); Mateus de Oliveira (176.270.207-00); Pedro Cesar Almeida da Paixão (162.317.997-19); Rodrigo Lopes de Lima (168.818.877-01); Roger Brito de Andrade (190.800.067-85).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 76/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.172/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Daniel Oliveira da Conceição (168.798.257-02); Eduardo Reis da Silva (174.958.097-79); Lucas Rodrigues Webber (132.361.427-31); Luiz Henrique da Silva dos Santos (162.915.237-44); Mateus Silvestre Ribeiro (174.941.717-03); Matheus Felipe Aguiar da Silva (139.411.467-26); Messias Araujo Ramos (174.485.137-96); Raul Amaral Martins (139.602.737-89); Samuel Passos dos Santos (071.037.935-81); Willis Cruz Moreira (198.269.817-96).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 77/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.173/2018-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adriano Dias Santos de Lima (176.396.197-42); Adriano Mota Doroteu (163.554.337-16); Antonio Roberval Franca Barbosa dos Santos Filho (025.908.485-95); Gabriel Soares Costa Vieira (076.298.546-17); Gabriel da Silva Cardoso (189.602.727-01); Matheus Neves Barbosa da Silva (079.456.115-24); Matheus dos Santos Oliveira (180.870.637-40); Patrick Yan Correia dos Santos (168.807.677-88); Wiury Goncalves Leandro de Barros (138.789.896-52); Yuri de Jesus Souza (183.835.587-16).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 78/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.174/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Caio Samuel Justilino Vital (155.901.057-65); Carlos Eduardo Perim Souza (166.801.837-31); Diaslan Mendes dos Santos (070.466.455-07); Jhonattan Shuanck dos Santos Telles (167.894.357-60); Joao Pedro Rodrigues Raposo (153.473.137-73); Murilo Crispim Coelho dos Santos (154.590.417-08); Patrick de Oliveira da Fonseca (149.158.817-92); Victor Tomaz dos Santos (157.616.327-05); Vitor Hugo Brais da Silva (175.840.747-66); Yuri Valci Loureiro Gonzaga da Silva (171.816.167-06).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 79/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.176/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: David Soares dos Santos (151.682.527-61); Edilson de Holanda Silva Junior (079.910.574-02); Eduardo Farias Barbosa (131.321.687-93); Eduardo Paranagua de Oliveira Filho (163.521.167-01); Emerson Lins Santos (165.307.897-90); Fabricio Cardoso Tatagiba (180.111.517-62); Lucas Cristian Pedro de Souza Cordeiro (171.321.397-46); Luiz Fernando de Sousa Lemos Rodrigues (163.735.977-25); Marcos Paulo Farias de Souza Moraes (172.077.447-14); Paulo Henrique Correia Gurjao (176.276.177-74).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 80/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.180/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alexssander Kauhe Palheta Nunes (041.444.252-07); Charleston Pinto de Moura (027.404.342-43); Felipe Souza Araujo (044.401.352-00); Janailson da Silva Costa (127.755.984-80); Joseph Freitas da Silva (026.580.562-73); Luanderson Ribeiro da Silva Sales (078.300.315-33); Lucas Salomão Pereira dos Santos (023.064.262-44); Marlison Eduardo dos Santos Moura (870.652.402-82); Reynan Guedes de Souza (028.652.952-14); Samuel dos Santos Martins Palmeira (052.846.292-05).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 81/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.181/2018-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Guilherme Victor de Jesus (068.528.015-27); Ivan de Oliveira Sant Anna de Souza (700.491.414-30); Joao Paulo Soares Bezerra da Silva (102.467.054-69); Jose Vitor da Silva Felix (706.307.384-24); Leonardo da Cunha Leite (023.895.692-00); Matheus de Oliveira Valerio (171.972.417-23); Nicolas Gabriel Barros de Oliveira Cabral (016.791.374-33); Paulo Henrique Farias Mesquita (702.581.662-07); Rodrigo da Silva Dantas (028.842.892-75); Vitor dos Santos Ferreira (042.694.162-46).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 82/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.182/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: David da Conceição Pacheco (022.133.162-01); Evanderson Bonta Urbano (700.809.012-98); Gerson Cecilio da Silva Soeiro Junior (701.740.722-95); Isac Loiola de Lima (700.897.124-98); Joao Victor da Silva Palheta (032.056.562-96); Jonathas Batista de Freitas (029.747.832-01); Jose Felipe Santos Aranha (027.125.832-21); Josue Rocha Mendes Junior (609.022.543-67); Lucas Sebastiao Nunes de Franca (121.175.214-36); Rafael de Lima Pereira (133.907.274-26).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 83/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.184/2018-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Cassio Alexandre Paiva Silva (026.060.332-56); Diego Rodrigues de Jesus (165.306.817-52); Eduardo de Carvalho Pantoja (046.086.592-78); Erick Barros de Oliveira (069.435.954-82); Gabriel Michiles do Amaral (030.456.772-82); Iury Guilherme Cruz Batalha (117.393.404-93); Luis Afonso Lima da Silva (034.038.282-12); Mauricio Teles Gomes (063.291.715-64); Rai Ribeiro Palhares Coelho (100.367.204-37); Yann Vitor Costa Matta (024.844.752-17).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 84/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.275/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Bruna Mara Aparecida da Silva Marcola (346.405.118-84); Luciano Luiz da Silva (274.192.398-19); Marcelo Bittencourt da Costa (284.461.038-26); Mariana dos Santos Lima Faria (415.968.998-16); Sabrina Dias dos Santos Silva (413.295.048-44); Silvania Aparecida Santos Cunha (260.456.508-08).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 85/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.276/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Danilo Jose Gomes Fernandes (332.600.588-18); Maria Carolina dos Santos Marçal Ribeiro (377.026.788-52); Rodrigo Pereira dos Santos (386.514.448-93); Tatiane Martins Santos Bittencourt (357.117.408-90); Vanessa Messina Mavouchian (282.544.198-84); Vera Lucia Mota Koga (949.613.955-87).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 86/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.279/2018-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Bruno dos Santos Goncalves (164.837.807-29); Hugo Augusto de Moura e Silva (139.167.097-39); Joao Marcos Nascimento Claudino (162.198.257-21); Leonardo Mendes Santiago (155.201.397-92); Lucas Saracuza de Souza (166.245.967-08); Mateus Lima Almeida (073.984.313-33); Michel Gama de Oliveira Martins (172.490.377-22); Odilon Filipe Silva Seriaco da Costa (167.166.037-43); Rodolfo Dias dos Santos Junior (159.205.317-38); Wellington Ferreira da Silva (070.653.395-05).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 87/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.281/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andrino Sousa da Costa (065.510.713-41); Claudio Militao Senra (161.313.567-00); Daniel Rodrigues Goncalo (161.578.807-75); Julio Cesar Oliveira Tome de Sousa Junior (153.045.247-30); Lucas Silva Moret (175.152.797-29); Luis Pedro Ferreira de Faria (132.775.527-05); Luiz Fernando Silveira Rodrigues (166.080.797-29); Xilon Cardoso Ferreira (170.285.687-92); Yago Dias Mattos da Penha (172.040.797-52); Yuri Luiz Barbosa Braz (184.984.587-57).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 88/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.282/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Bruno Melo da Mota Gonzaga (157.449.977-76); Gabriel Lima Figueiredo (181.419.837-76); Higor Fernandes de Mamedes (182.444.687-00); Jose Carlos Isse Dias (169.482.487-05); Josue Sousa da Silva (165.260.177-54); Lucas Andre dos Santos (190.706.017-02); Lucas Augusto de Freitas (163.344.257-81); Lucas Vieira da Fonseca (437.590.608-11); Mateus Henrique Farias de Ferreira (110.853.017-61); Matheus Viana da Silva (168.049.367-10).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 89/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.283/2018-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carlos Yago de Oliveira Alves (173.366.587-09); Danilo Augustus Pereira Barros (161.272.947-97); David Santos de Aquino (862.762.735-54); Felipe Mendonca da Silva (174.122.497-70); Juan Vieira Ramos (176.351.197-96); Marcos de Lima Araujo Junior (165.674.597-60); Matheus Vinicius da Silva Souza (186.516.167-59); Thalis Laureano de Lima Matos (161.979.937-59); Victor Hugo Santos da Rocha (163.199.847-16); Vitor Cesar Santos Sodre (160.454.017-60).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 90/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.286/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Douglas Caldeira de Souza (118.204.057-88); Glaudston Candido Cruz (069.864.283-08); Hugo Dorietto de Araujo (148.503.247-46); Joao Pedro Abreu da Silva (168.311.697-67); Luan Pereira da Silva (173.706.837-02); Lucas de Almeida Pelegrino (158.480.547-11); Luis Henrique Chaves Jordao (166.247.157-23); Pedro Henrique do Amaral Lopes (175.111.337-03); Ronald Lima Lopes (046.579.861-63); Thiago da Silva Conceição (177.444.887-41).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 91/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.287/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carlos Augusto Souza Bezerra Silva (075.318.065-09); Carlos Eduardo Gomes Carvalho Ribeiro (148.720.367-51); Felipe Rodrigues Silveira (164.962.257-02); Igor Augusto Goncalves Silva (186.353.607-88); Matheus Santos da Silva (156.007.577-51); Otavio Lous Carvalho Resende (021.706.966-52); Renato Barcelos Barbosa da Silva (166.034.587-13); Sergio Fabricio Soares (162.775.877-14); Thiago de Oliveira Freitas (168.454.227-88); Thulyo Araujo Aguiar (136.558.376-74).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 92/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.289/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Alan Gomes Barbosa (178.178.567-88); Bruno Santos Soares do Nascimento (110.568.374-54); Daniel Franklin Barbosa dos Santos (079.488.585-39); Douglas Augusto da Silva (162.180.877-78); Gabriel Lucas de Souza Sampaio (143.013.107-11); Marcelo dos Santos Cervo Junior (161.666.567-00); Robert Oliveira Laranjeira (180.452.097-71); Rubens Jose Sousa Neto (083.401.345-23); Thiago de Oliveira Rufino Souza (159.742.467-64); Walyf Mauricio Inglat da Silva (145.466.857-18).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 93/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.292/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Andrei Barbosa da Silva (020.954.942-45); Fabricio Barbosa Alves (047.943.272-42); Francisco Mateus Soares de Moura (071.807.861-60); Helther Soares da Silva (064.251.281-78); Jean Carlos Felipe Santos (154.149.697-36); Jean Fernades Silva da Costa (702.123.534-89); Lucas Jordao Barros Dias (700.385.594-12); Maysson Garcia Costa (044.270.052-09); Ramiro Mendes de Souza (700.745.402-03); Saulin Felix de Sousa (063.842.273-63).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 94/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.294/2018-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Brendo da Mata Cachiado Carvalho (027.315.162-24); Carlos Gabriel Silva Oliveira (079.648.303-50); Fabio Henrique Sales de Oliveira (116.090.704-88); Jadson Martins dos Santos (062.103.965-93); Lucas Danilo Souza de Oliveira (008.087.142-95); Lucas Edvaldo Andrade da Silva (127.670.514-00); Lucas Efisio Correia Braga Rolim (862.434.915-01); Lucas Oliveira Iwamoto (029.111.232-39); Rodrigo Abreu dos Santos (700.348.302-51); Thiago Sampaio Araujo (026.433.432-98).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 95/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.296/2018-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Rochele Litarovicz Macedo (716.950.950-49).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 96/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.371/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Caio Gomes Floriano (409.841.878-98); Cesar Gimenes Miranda da Cruz (372.337.598-71); Elaine Lima Henriques Verri (339.716.918-62); Marcus Vinicius Leite de Aguiar (045.865.351-99); Valeska Camargo Lacerda (225.113.248-14).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 97/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.373/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Deise Viana Mastella (826.746.121-34); Erika Lopes Coelho (084.656.337-11); Isabel Martins Pontes (373.670.641-34); Vitor Hermes de Castro (355.934.401-82).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 98/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.692/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Krystian Medina de Moura (054.741.191-00).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 99/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.693/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Flavia Vicentini Fernandes (065.402.219-40).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 100/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.695/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Igor de Souza e Silva (050.123.165-09).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 101/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.756/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Adir Amaro da Silva (099.319.918-60); Carlos Eduardo Manes (185.194.118-51); Douglas Stefani Paiffer (374.127.788-62); Edmilson Andrade de Oliveira (079.972.917-50); Lucas Dias de Lima Oliveira (336.007.568-42); Rafael Carlos de Almeida (390.205.128-03); Ramon Julio Pires Souza (356.291.798-88).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 102/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.757/2018-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Bruno Linhares Azeredo Correa (117.059.977-08).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 103/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.758/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Bruno Rodrigues Viana (097.912.934-65); Dhemeson Italo Silva Amaral (138.374.646-01); Joaclefe Varela de Oliveira (095.497.764-50).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 104/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.759/2018-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Aline de Oliveira Bahe (048.473.134-37); Claudiani Aparecida Samure Lopes (015.092.006-73); Elizabeth Madriaga Bittencourt (108.004.087-05); Fabio Natario Tostes Alvim (112.398.647-95); Hudson Gouveia Amstalden (040.737.029-39); Isabelle Teixeira Quinan da Silva (123.994.757-71); Juliana Maia de Macedo (098.448.157-54); Marina Moraes Roure de Aguiar (729.447.901-10); Maycon Rocha Terzella (084.836.316-79); Tatiana Lopes Sales (055.794.376-09).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 105/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.760/2018-5 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Eldo de Brito Ferreira Chaves (017.738.163-90); Evelyn Soares de Miranda Piovesan (124.009.007-28); Norma Luiza Machado Silveira (109.156.157-54); Taina Silva Vallim Moreira (113.989.017-41); Thiago Miranda Pinheiro (582.842.221-91); Victor Nassif Figueira (131.097.637-61); Victor Villaca Cardoso de Mello (030.399.234-47).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 106/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.780/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Lucimara Magalhães Goulart dos Reis (057.475.176-94).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 107/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.781/2018-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Larissa Cardoso da Silva Alvim (102.640.677-38); Luiza Fonseca Paes (140.920.257-77); Priscilla Ferreira Cunha (125.298.337-96).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 108/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.782/2018-9 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Carlos Augusto Mauro (357.958.188-01); Danielle de Santana Guimaraes (050.674.084-64); Felipe Chacon (389.725.948-65); Kely de Lima Valadão Costa (078.587.657-01); Paulo Andre Trevas Junior (468.345.388-60); Rafael de Castro Ribeiro (379.395.278-94); Thiago Lima de Souza Werner (363.671.388-46); Thiago da Silva Rodrigues (396.660.178-81); Thiago de Oliveira Maia (056.842.097-77); Tiago Santos da Silva (435.481.788-80).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 109/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.784/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Anderson Mario Martins de Oliveira (434.827.808-38); Breno Willians Fagundes Costa (440.004.898-52); Eduardo da Silva Junior (453.397.648-42); Felipi de Souza Prado (437.388.558-31); Joice Lirio da Silva (125.096.817-88); Ronaldo Oliveira Santos (437.456.458-63); Tairone Tuller Morais (105.094.326-03); Uiliam Pereira de Barros (437.567.218-84); Vinicius Marangoni Gregorio da Silva (409.992.918-31); Wallace Dorta Benite (366.623.008-37).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 110/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.785/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Gustavo Henrique de Moura Santiago (015.673.246-73); Itallo Carbonaro de Oliveira (126.514.596-23).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 111/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.786/2018-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Roberto Elias Barbosa (120.150.564-08).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 112/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.787/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Nathalia Nunes Araujo (016.209.282-21).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 113/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.789/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Peterson Vicente da Silva (078.245.847-55); Wilson Ricardo Nery de Menezes Filho (070.983.686-44).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 114/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.790/2018-1 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Sergio Roberto Homem (011.626.007-64).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 115/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.791/2018-8 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessado: Ricardo Medrado de Carvalho Teixeira (005.870.911-85).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 116/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.794/2018-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Emanuel Willamis Brito Rocha (103.285.774-99); João Pedro Ghigiareli Muniz (137.940.216-65).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 117/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.932/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Dies Cezario de Souza (962.157.122-72); Priscila Moraes da Silva (887.836.002-30).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 118/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de admissão de pessoal a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.933/2018-7 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessada: Nathalia Veras da Cunha (121.305.197-50).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 119/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.934/2018-3 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Anderson Nascimento Moreira (433.425.228-10); Wendel Henrique Alves de Souza (432.960.638-03).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Aeronáutica - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 120/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.935/2018-0 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Felipe Serra Ribeiro (062.414.127-60); Jheanderson Crispim Dias (171.282.047-84); Matheus Knust Maia Ribeiro (155.370.667-69); Weslley Bernardo dos Santos (128.769.247-81); Willyamen Oliveira de Souza Menezes (038.696.725-36).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 121/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.936/2018-6 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Janele Dias dos Santos (030.509.062-35); Jorge Tavares de Morais Neto (110.876.804-09); Kayro Rodrigo Amorim do Nascimento (028.513.512-06); Marcos Fellipe de Abreu Crescencio da Silva (060.661.371-40).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 122/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.937/2018-2 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Mariah Nascimento Moura (060.524.557-64); Philipe Cardoso de Carvalho (092.678.397-13).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 123/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso I, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso I, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de admissão de pessoal a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-038.954/2018-4 (ATOS DE ADMISSÃO)

1.1. Interessados: Fabio Vasconcelos Abreu (695.320.791-49); Samara Neta Alves (713.301.271-53).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 124/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260, § 5º, do Regimento Interno/TCU e no art. 7º, inciso I, da Resolução/TCU 206/2007, em considerar prejudicada a apreciação, por perda de objeto, do ato de pensão civil em favor de Mario Short de Azevedo, tendo em vista o seu falecimento, e legais, para fins de registro, os demais atos a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-010.251/2007-1 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessados: Douglas Moreira Merechia (000.000.000-00); Isabella Moreira Merechia (000.000.000-00); Maria Ferreira Nascimento (023.288.071-94); Mario Short de Azevedo (000.048.121-15); Zelma Moreira Merechia (066.820.301-34).

1.2. Órgão/Entidade: Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal - TRE/DF.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 125/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de pensão civil a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-020.110/2018-9 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessadas: Antônia Eunice de Oliveira (887.556.144-34); Maria do Carmo de Oliveira (166.210.424-34).

1.2. Órgão/Entidade: Diretoria de Administração do Pessoal - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 126/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal para fins de registro o ato de concessão de pensão civil a seguir relacionado, sem prejuízo de fazer a seguinte determinação, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-035.556/2018-8 (PENSÃO CIVIL)

1.1. Interessado: João Ferreira da Silva (943.890.638-04).

1.2. Órgão/Entidade: Segunda Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinação:

1.7.1. à Sefip que corrija o fundamento legal do presente ato no Sistema de Apreciação e Registro de Atos de Admissão e Concessões - Sisac, nos termos do art. 6º, § 1º, inciso II, da Resolução/TCU 206/2007, com redação dada pela Resolução/TCU 237/2010.

ACÓRDÃO Nº 127/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão especial de ex-combatente a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-022.953/2018-3 (PENSÃO ESPECIAL DE EX-COMBATENTE)

1.1. Interessados: Idson Bulhões de Andrade (012.273.704-07); Joana Darc Cosme Barbosa (596.251.474-20); Margarida da Silva Lima (131.256.054-15); Maria das Dores de Araujo (182.238.004-97); Maria de Lourdes Araújo Corrêa (234.131.314-00); Rita de Cassia Cosme Barbosa (828.711.084-04); Severina Cosme Babosa de Farias (762.265.574-00).

1.2. Órgão/Entidade: Sétima Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 128/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de pensão especial de ex-combatente a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-034.982/2018-3 (PENSÃO ESPECIAL DE EX-COMBATENTE)

1.1. Interessada: Nilce Marques Rodrigues (022.172.527-04).

1.2. Órgão/Entidade: Primeira Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 129/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de pensão especial de ex-combatente a seguir relacionado, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-034.988/2018-1 (PENSÃO ESPECIAL DE EX-COMBATENTE)

1.1. Interessado: Maria de Queiroz Pereira (867.128.291-00).

1.2. Órgão/Entidade: Décima Primeira Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 130/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.326/2018-5 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Daise Godoy Ruas Marcos (437.042.397-04); Elisabete Correia da Silva Martins (634.533.987-34); Elisete Correia da Silva (548.684.837-49); Maria Emilia Barbosa Pinto (051.007.717-04); Marlise Andrea Cordeiro (599.837.107-06); Miriam Pinto Moreira (011.584.387-61); Orchidea Pinto Quartieri (185.924.651-68); Theresinha da Fonte Cunha (004.257.167-75); Vera Barbosa Pinto (244.995.877-00).

1.2. Órgão/Entidade: Primeira Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 131/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.335/2018-4 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Angelica Therezinha Leite Chaves (036.829.190-15); Clea Santiago Bastos (448.633.060-91); Cristiane Vasquez Galvão (905.473.900-25); Hugelia Santos Faria (447.753.180-04); Marcio Vasquez Galvão (836.667.100-34); Maria Dirlene Santiago Bastos (757.242.510-00); Nilza Bastos Borges (303.440.690-87); Rejane Paiva Fonseca e Silva (336.852.820-34).

1.2. Órgão/Entidade: Terceira Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 132/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.344/2018-3 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Geny Firmino Data (222.486.506-63); Lurdes Maria Dias Costa (024.352.876-07); Maria Leonídia Paixão Passos (919.036.296-91); Orosina Aparecida Dias de Jesus (335.919.998-73); Raimunda Pereira da Silva Damazio (169.289.896-53).

1.2. Órgão/Entidade: Quarta Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 133/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.347/2018-2 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Claudia Mara Odahara Triska (796.460.189-04); Eliane Passos Ribeiro (020.826.959-21); Jussara Borba Passos Sespede (325.762.189-20); Maria do Horto Tarrago Coimbra (380.631.079-34); Marilia Passos Basta (521.533.559-15); Norma Lucia Daros Costa (005.796.519-67); Rosangela Odahara de Souza (555.614.119-34); Solange Coimbra Prim (418.463.629-20); Tanise Boccacio Domingues Paes (007.135.739-45); Zuleida Coimbra Melão (503.537.649-49).

1.2. Órgão/Entidade: Quinta Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 134/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.352/2018-6 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Ana Maria Pereira de Faria (072.667.232-72); Auda Nelydia Andrade dos Santos Braga (021.666.232-04); Haydee Coelho de Oliveira (089.714.392-20); Maria Paixão Martins Monteiro (029.139.682-87); Marta Augusta Correa Pereira (169.123.572-53); Ruth Adonay Correa Pereira (236.179.692-91).

1.2. Órgão/Entidade: Oitava Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 135/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.360/2018-9 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Beatriz de Carvalho Dias (018.639.497-71); Enisia de Sousa Castro (433.961.001-15); Maria de Campos e Silva Palma (573.199.521-49); Regina Barbieri Costa de Souza (221.549.737-87); Talita Maria Noal Schirmer (214.040.890-04); Theresinha Real Duarte (573.682.791-34).

1.2. Órgão/Entidade: Décima Primeira Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 136/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.362/2018-1 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Dalci Fernandes da Silva Lima (443.561.701-30); Denir Bessa Ribeiro Ferreira (110.876.337-53); Guaciara Rhodes da Silva (220.659.031-04); Isabell Francielli Andrade de Holanda (052.907.041-32); Jussara Maria Rhodes da Silva (244.684.601-72); Quitéria Maria Melo da Silva (291.252.861-53); Rosicléa Leite Ferreira de Almeida (117.327.501-06); Rosália Leite Ferreira (116.910.341-34); Zuleide Pereira de Assis (487.494.517-15).

1.2. Órgão/Entidade: Décima Primeira Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 137/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.365/2018-0 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Ana Dehlano Catecati (612.826.189-20); Graciete Barbosa Accioly Mattos (072.754.357-13); Gracildes Maria Magalhaes Ribeiro da Silva (055.993.422-04); Patricia Travassos Pereira da Silva Slomp (882.693.457-68); Sonia Ribeiro da Silva (737.499.744-20); Suely Ribeiro da Silva Carneiro (200.617.574-20); Vera Lucia Aguilar Pereira de Barros (099.363.197-53); Vera Regina Aguilar Pereira Brandão (392.824.227-04).

1.2. Órgão/Entidade: Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 138/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.370/2018-4 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Rubene Cruz de Oliveira (018.492.905-98); Áurea Silva do Nascimento (617.200.207-44).

1.2. Órgão/Entidade: Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha - MD/CM.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 139/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.376/2018-2 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Denise Teixeira Lessa (729.799.417-00); Heloisa Quintino Alves Menezes (928.052.567-00); Izaura Sizuno Subo (276.238.528-84); Jeanette Maria Gedeon de Menezes (348.707.927-53); Jeanice Maria Gedeon de Menezes (439.093.707-30); Josette Maria Menezes da Cunha (495.061.457-68); Maria Inês Montenegro Franco de Souza (299.585.983-53); Maria Jose de Menezes Santos (348.525.227-15); Maria Marly de Lourdes Silva Santos (031.918.002-63); Vania Teixeira Lessa (802.809.787-15).

1.2. Órgão/Entidade: Subdiretoria de Inativos e Pensionistas - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 140/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-021.381/2018-6 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Ana Beatriz de Aragão Marques (003.244.767-10); Ana Paula de Aragão Marques (804.804.207-00); Anésia da Silva Garisto (154.841.848-00); Ilma Moraes Tambeiro (304.412.697-53); Irethe dos Santos Patrocínio (486.528.657-87); Katia Pires Santos (851.425.737-49).

1.2. Órgão/Entidade: Subdiretoria de Inativos e Pensionistas - MD/CA.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 141/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, sem prejuízo de dar ciência da seguinte impropriedade, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-027.257/2018-5 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Euceli de Paula Nogueira (495.375.397-68); Iara de Paula Soares (398.300.717-15); Maria das Dores dos Santos (914.225.827-87); Silvia Faria da Silva (205.837.107-00); Solange Teixeira de Sousa (019.218.117-30); Suely Teixeira de Almeida (069.744.877-03); Suely da Costa Cardozo Antunes (986.534.407-63); Vera Lucia dos Santos Silva (020.385.737-27).

1.2. Órgão/Entidade: Primeira Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa,

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira,

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Ciência:

1.7.1. ao Comando do Exército que atente para os prazos estabelecidos no art. 7º da Instrução Normativa/TCU 78/2018, quanto ao cadastramento dos atos dos interessados para apreciação por este Tribunal, fato que poderá sujeitar o responsável às sanções previstas na Lei 8.443/1992.

ACÓRDÃO Nº 142/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, sem prejuízo de dar ciência da seguinte impropriedade, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-029.267/2018-8 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Ana Célia Xavier (134.508.028-01); Araci Uriel Oliveira (055.537.148-42); Ionete Nascimento Hernandez (035.789.426-00); Ivonete Aparecida Nascimento Coura (121.881.948-02); Katia Colella Xavier (171.417.368-24); Lidice Martinez Oliveira (027.503.278-73); Marina Pereira de Oliveira (046.817.628-49); Nedir da Silva Rodrigues (801.306.588-04); Neide Rodrigues Paulo (221.439.038-39); Nilza Rodrigues Francisco (033.699.249-19); Ruth Sampaio Machado (122.991.888-43); Salvatina Maria Machado da Silva (039.053.618-09); Yolanda Maria do Nascimento Santos (253.801.998-28).

1.2. Órgão/Entidade: Segunda Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Ciência:

1.7.1. ao Comando do Exército que atente para os prazos estabelecidos no art. 7º da Instrução Normativa/TCU 78/2018, quanto ao cadastramento dos atos dos interessados para apreciação por este Tribunal, fato que poderá sujeitar o responsável às sanções previstas na Lei 8.443/1992.

ACÓRDÃO Nº 143/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, sem prejuízo de dar ciência da seguinte impropriedade, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-029.300/2018-5 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Maria Arister Freitas de Farias (567.725.133-04); Mary Cele Barbosa Creston (264.121.793-72); Milca Eliene Cavalcante (848.769.307-59); Noemi Teixeira Cavalcante (038.308.507-19); Solange Rosa Ribeiro da Silva (204.631.973-72); Sônia Carvalho Araújo (377.089.533-91).

1.2. Órgão/Entidade: Décima Região Militar - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Ciência:

1.7.1. ao Comando do Exército que atente para os prazos estabelecidos no art. 7º da Instrução Normativa/TCU 78/2018, quanto ao cadastramento dos atos dos interessados para apreciação por este Tribunal, fato que poderá sujeitar o responsável às sanções previstas na Lei 8.443/1992.

ACÓRDÃO Nº 144/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-030.273/2018-8 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Caroline Verardi Procopio (223.542.168-74); Catia Pires de Oliveira (015.328.748-98); Cynthia Costa de Mendonca (296.298.021-04); Elenir de Figueiredo Cheferrino Lima (864.901.098-91); Enoli de Figueiredo Lima Silva (746.919.458-49); Guilherme Verardi Procopio (223.542.438-47); Helenice Pereira do Rosario (269.640.808-48); Irene Hermsdorff Tanaka (309.015.398-05); Jaqueline Verardi Procopio (223.542.578-05); Josefina Pereira Santos (063.615.078-07); Laine Eliza Procopio (765.681.487-68); Raphael Moreira Souza de Andrade (469.291.398-31); Regina Vera Marques de Mendonca (438.867.107-00); Rivail Apparecida Borges Lima (308.154.118-20); Salete Maria Verardi (356.826.399-87); Silvana Pires de Oliveira (533.534.717-15); Soraia de Oliveira Amazonas Almeida (261.095.008-01).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 145/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-030.288/2018-5 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Aliete Marques de Souza (873.135.377-00); Andrea dos Santos Silveira (054.091.297-25); Cacilda Maria dos Santos Campos (863.412.007-49); Iolanda Oliveira da Silva (071.970.527-42); Lygia Maria Gomes Dias (313.300.617-72); Marcos de Campos (072.859.897-38); Maria Coeli Francesconi da Silva (486.756.607-15); Maria Cristina Cerqueira Alves (852.939.387-20); Maria Ines Gomes Treen (661.242.987-91); Maria de Lourdes Costa da Fonseca (907.498.717-68); Marieli Coelho de Medeiros (071.282.027-22); Marilea Medeiros de Almeida (026.349.877-81); Marylia Gomes Dias (361.007.817-00); Raquel Gomes Dias (097.447.337-56); Sara Campos (848.202.257-15); Silvia Maria Campos Furtado (547.737.097-15); Yvone Araujo Martins de Souza (089.609.067-19).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 146/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-030.292/2018-2 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Ana Julia Gomes de Campos (055.318.897-63); Ana Paula Machado Bueno (916.387.807-06); Elisa Conceição de Oliveira (403.872.757-20); Elisabete Santos Dias (025.457.347-99); Leda Lobo de Mendonca (076.161.687-01); Lidia Telma Fernandes de Souza (493.079.167-72); Lilia Maria de Oliveira (255.957.337-72); Luzia Innocente Gomes (021.455.497-06); Maria Jose Gomes da Silva (984.730.697-49); Maria Luiza Silva Mendonca de Pinho Machado (172.184.697-28); Neuza Mercedes do Espirito Santo Conceição (350.959.037-68); Regina dos Santos Conceição (005.851.087-73); Valeria de Castro Romão Távora (016.612.047-24); Vania Dayse Fernandes de Souza (055.987.507-08).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 147/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legais, para fins de registro, os atos de concessão de pensão militar a seguir relacionados, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-039.987/2018-3 (PENSÃO MILITAR)

1.1. Interessados: Eliane Silveira Flores (367.221.620-87); Luedy Fagundes Schwarzbach (963.819.060-49); Lyan Maria Castro Ferreira Antunes (761.117.500-97); Maria Manoela de Freitas Soliman (650.558.880-91); Suyan Maria Castro Ferreira (544.059.710-72); Zaira Maria Guimaraes Muller (397.315.290-04).

1.2. Órgão/Entidade: Ministério da Defesa/Comando do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 148/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 1º, inciso VIII, 143, inciso II, 259, inciso II, e 260 do Regimento Interno/TCU, em considerar legal, para fins de registro, o ato de concessão de reforma constante deste processo, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-035.574/2018-6 (REFORMA)

1.1. Interessado: Jonathan de Almeida (096.809.209-84).

1.2. Órgão/Entidade: Diretoria de Inativos e Pensionistas - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 149/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso I, 17 e 23, inciso I, da Lei n. 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso I, alínea a, 207 e 214, inciso I, do Regimento Interno/TCU, em julgar as contas dos responsáveis a seguir indicados regulares e dar-lhes quitação plena, sem prejuízo de fazer as seguintes recomendações e de dar ciência das seguintes impropriedades, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-028.535/2017-0 (PRESTAÇÃO DE CONTAS - Exercício: 2016)

1.1. Responsáveis: Adão Candido Lopes dos Santos (572.717.040-00); Alexandre de Souza Santini Rodrigues (088.391.787-40); Aloysio Antonio Castelo Guapindaia (126.865.812-04); Amilson Teixeira de Godoy (067.236.168-04); Ana Flavia Cabral Souza Leite (293.514.618-23); Anna Paula Montini (280.876.348-45); Antonio Alfredo Bertini de Torres Bandeira (244.394.604-53); Antonio de Oliveira (808.575.907-15); Bruno Santos de Oliveira (080.615.257-55); Carla Carusi Dozzi (278.766.208-09); Carlos Beyrodt Paiva Neto (180.767.608-01); Carlos Francisco Amorim de Carvalho (441.915.967-72); Carlos Roberto Ferreira Brandao (646.944.298-68); Carlos Victor Freitas Moura (010.016.244-40); Claudia Schulz (002.224.310-08); Claudio Lins de Vasconcelos (641.578.145-68); Daniel Castro Doria de Menezes (702.639.221-20); Eduardo Mattedi Furquim Werneck (242.659.775-53); Eduardo Pareja Coelho (029.308.426-28); Eduardo Reis Silva (003.556.089-44); Erivaldo Oliveira da Silva (249.208.435-34); Felipe Caldeira Marron da Rocha (093.352.797-73); Flavio Adauto Fenolio (260.109.838-43); Francisco de Castro Mucci (055.182.587-12); Germano Andrade Ladeira (946.932.346-72); Guilherme Rosa Varella (309.169.188-82); Gustavo de Britto Freire Pacheco (034.144.067-13); Helena Maria Porto Severo da Costa (541.967.527-72); Humberto Ferreira Braga (090.671.327-72); Indaia Freire da Silva (361.990.792-72); Ivana Bentes Oliveira (759.274.117-20); Joao Batista Moraes de Andrade (091.448.208-44); Joao Caldeira Brant Monteiro de Castro (262.485.918-73); Jose Armenio de Brito Cruz (048.353.848-57); Jose Paulo Soares Martins (197.910.460-34); João Luiz Silva Ferreira (232.111.485-15); Juana Nunes Pereira (070.544.767-78); Jurema de Sousa Machado (227.702.756-15); Katia Santos Bogea (215.422.953-00); Lais Gabriele Weber (327.337.708-96); Leandro Falleiros Rodrigues Carvalho (206.254.768-40); Lia Calabre de Azevedo Felix (597.148.087-15); Lucilia Helena Craveiro Soares (825.795.397-00); Lucineide Alves Barros (473.217.171-00); Luiza Ribeiro Gonçalves (389.977.111-72); Magali Guedes de Magela Moura (225.278.181-53); Manoel Rangel Neto (136.524.478-40); Marcelo Calero Faria Garcia (088.684.297-21); Marcelo Mattos Araujo (028.721.728-07); Marcos Alves de Souza (279.598.561-68); Maria Aparecida da Silva Abreu (030.580.207-08); Mariana Ribas da Silva (098.992.187-58); Marta Ribeiro Rocha e Silva de Senna (257.617.657-72); Orvalina Ornelas Nascimento (351.122.801-82); Paulo Cesar Lima Cid Junior (918.266.837-04); Paulo Roberto Vieira Ribeiro (107.422.635-68); Pedro Azevedo Vasconcellos (002.204.820-04); Pedro Sergio Lima Ortale (238.397.241-04); Raimundo Benoni Franco (735.794.326-72); Raphael Valadares Alves (012.949.771-13); Renata Bittencourt (125.511.738-92); Renato de Andrade Lessa (359.289.647-49); Roberto Joao Pereira Freire (002.353.694-20); Rodolfo Tsunetaka Tamanaha (296.862.288-96); Samuel Barichello Conceição (144.059.988-25); Sara Carolina Rocha de Souza (102.341.007-96); Sergio Ricardo da Cruz Duarte (351.081.261-15); Sheila Machado de Aragão (500.382.307-04); Simone Antonia Colen (869.243.541-49); Stepan Nercessian (266.723.837-00); Vinicius Gomes Wu (087.164.607-23); Volnei Cunha Canonica (683.968.800-34)

1.2. Órgão/Entidade: Secretaria Executiva do Ministério da Cultura - SE/MinC.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo da Educação, da Cultura e do Desporto (SecexEduc).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Recomendações/Ciência:

1.7.1. recomendar ao Ministério da Cultura - MinC que:

1.7.1.1. os próximos Termos de Execução Descentralizadas - TEDs estabeleçam cronograma de repasse financeiro e cronograma de execução física e, além disso, condicionem os repasses financeiros da descentralização às entregas estabelecidas no cronograma de execução física, de modo que o repasse referente a determinada etapa só seja efetuado após a entrega completa da etapa anterior;

1.7.1.2. priorize a conclusão do Manual de Termos de Execução Descentralizadas - TEDs, o qual deverá abarcar a atuação do Ministério da Cultura tanto no papel de unidade descentralizadora quanto no papel de unidade descentralizada, haja vista a potencial relevância desse instrumento para a padronização e transparência desses ajustes e como forma de mitigar riscos na condução desses ajustes;

1.7.1.3. condicione os repasses futuros dos Termos de Execução Descentralizada - TEDs firmados com a Universidade Federal do ABC - UFABC (Processo 01400.062344/2015-57) à efetiva entrega dos produtos e projetos previstos no cronograma de execução física contido no terceiro termo aditivo ao referido TED;

1.7.1.4. desenvolva normativo que defina diretrizes - aplicáveis a todas as secretarias do Ministério da Cultura - para a gestão das transferências voluntárias, institucionalizando procedimentos e rotinas para todas as fases do processo, desde a concessão e acompanhamento do instrumento, até a prestação de contas e eventual instauração de Tomada de Contas Especial;

1.7.1.5. padronize o processo de recepção e aceite dos pareceres técnicos relacionados a projetos culturais apoiados pelo Programa Nacional de Apoio à Cultura - Pronac, com a definição de critérios objetivos e subjetivos para a avaliação e consequente remuneração de cada parecer;

1.7.1.6. exija a declaração formal pelo parecerista ou membro da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura - CNIC de que não está impedido para apreciar o projeto que lhe está sendo submetido;

1.7.1.7. desenvolva trilhas de auditoria (cruzamento de dados) no Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura - Salic para verificação e detecção de eventuais impedimentos, diante das hipóteses previstas nos normativos em vigor no MinC (art. 3º da Portaria 39/2017; e art. 21 da Resolução 1/2013);

1.7.2. dar ciência ao Ministério da Cultura que:

1.7.2.1. no âmbito de Termos de Execução Descentralizada - TEDs, a ausência de previsão da obrigatoriedade de prestação de contas pela entidade descentralizadora em seu relatório de gestão, o que foi identificado nos TEDs firmados com a Universidade Federal do ABC - UFABC (Processo 01400062344/2015-57) e com a Universidade Federal do Paraná - UFPR (Processo 01400.045448/2015-05), afronta ao disposto na Diretriz 02/2014 da Comissão Gestora do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse do Governo Federal - Siconv e aos princípios da publicidade e do dever de prestar contas, ambos insculpidos na Constituição Federal de 1988, respectivamente, no art. 37, caput, e no art. 70, parágrafo único;

1.7.2.2. no âmbito de Termos de Execução Descentralizada - TEDs em que o MinC figure como descentralizador, a ausência de análise detalhada do custo dos itens previstos no Plano de Trabalho, de forma a validar o valor objeto da descentralização, evitando descentralizações em excesso ou insuficientes para os propósitos formulados, o que foi identificado nos TEDs firmados com a Universidade Federal do ABC - UFABC (processo 01400062344/2015-57) e com a Universidade Federal do Paraná - UFPR (processo 01400.045448/2015-05), afronta ao disposto no art. 116, inciso IV, da Lei 8.666/1993 e o princípio do planejamento disposto no art. 6º, inciso I, do Decreto-Lei 200/1967.

ACÓRDÃO Nº 150/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento no art. 47, § 2º, da Resolução 259/2014 em sobrestar o julgamento das contas da Sra. Emilia Maria Silva Ribeiro Curi e do Sr. Manoel Augusto Cardoso da Fonseca, até a apreciação em definitivo do TC-001.278/2017-7 (Relatório de Monitoramento), em julgar, de acordo com os arts. 1º, inciso I, 16, inciso II, 18 e 23, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso I, alínea a, 208 e 214, inciso II, do Regimento Interno/TCU, as contas dos Srs. Maximiliano Salvadori Martinhão e Andre Muller Borges regulares com ressalva e dar-lhes quitação, e, com fulcro nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso I, 17 e 23, inciso I, da Lei n. 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso I, alínea a, 207 e 214, inciso I, do Regimento Interno/TCU, em julgar as contas dos demais responsáveis regulares e dar-lhes quitação plena, promovendo-se, em seguida, o arquivamento do processo, sem prejuízo de encaminhar cópia desta deliberação aos responsáveis, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-032.881/2017-7 (PRESTAÇÃO DE CONTAS - Exercício: 2016)

1.1. Responsáveis: Adroaldo da Cunha Portal (648.225.400-49); Alfonso Orlandi Neto (043.960.318-82); Alvaro Toubes Prata (145.041.381-15); Américo Tristão Bernardes (284.041.656-53); Andre Muller Borges (034.836.468-76); Artur Coimbra de Oliveira (996.880.421-53); Claiton Jose Mello (413.868.840-49); Douglas Falcão Silva (888.563.217-34); Edward Madureira Brasil (288.468.771-87); Elton Santa Fé Zacarias (063.908.078-21); Emilia Maria Silva Ribeiro Curi (292.910.701-49); Eronildo Braga Bezerra (026.220.412-68); Flávio Lenz César (289.220.503-49); Francisco José Pontes Ibiapina (274.880.713-87); Henrique de Oliveira Miguel (224.751.091-49); Inez Joffily Franca (096.695.901-91); Jailson Bittencourt de Andrade (056.036.415-68); Jorge Mario Campagnolo (311.320.300-72); José Gustavo Sampaio Gontijo (844.655.221-34); Jovino Alberto Oliveira Pereira (292.378.405-78); Luanna Sant Anna Roncaratti (962.337.961-72); Luiz Fernando Fauth (731.330.600-82); Manoel Augusto Cardoso da Fonseca (206.519.450-20); Maximiliano Salvadori Martinhão (158.543.988-69); Nedio Antonio Valduga (355.041.960-00); Roberto Pinto Martins (129.627.321-00); Savio Tulio Oselieri Raeder (077.553.817-57); Vanda Jugurtha Bonna Nogueira (126.480.781-34); Átila Augusto Souto (274.314.446-72).

1.2. Órgão/Entidade: Secretaria-Executiva do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações - Secex/MCTIC.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo do Desenvolvimento Econômico (SecexDesen).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 151/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso I, 17 e 23, inciso I, da Lei n. 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso I, alínea a, 207 e 214, inciso I, do Regimento Interno/TCU, em julgar as contas dos responsáveis a seguir indicados regulares e dar-lhes quitação plena, promovendo-se, em seguida, o arquivamento do processo, sem prejuízo de encaminhar cópia desta deliberação ao Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Inpa, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-034.220/2017-8 (PRESTAÇÃO DE CONTAS - Exercício: 2016)

1.1. Responsáveis: Beatriz Ronchi Teles (250.949.980-72); Carlos Roberto Bueno (748.398.028-15); Cristiane Iyoko Carmine Okawa (413.798.292-91); Denise Machado Duran Gutierrez (056.237.098-69); Gislene Almeida Carvalho Zilse (770.212.826-72); Hillandia Brandao da Cunha (193.935.472-20); Jose Francisco Correa Mendes (404.941.282-91); Luiz Antonio de Oliveira (862.606.938-34); Luiz Renato de França (122.525.901-06); Paulo Mauricio Lima de Alencastro Graça (772.136.297-00).

1.2. Órgão/Entidade: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Inpa.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Amazonas (Secex/AM).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 152/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso II, 18 e 23, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso I, alínea a, 208 e 214, inciso II, do Regimento Interno/TCU, em julgar as contas do responsável a seguir indicado regulares com ressalva e dar-lhe quitação, promovendo-se, em seguida, o arquivamento do processo, sem prejuízo de encaminhar cópia desta deliberação ao responsável e ao Comando de Operações Terrestres do Exército, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-022.022/2010-4 (TOMADA DE CONTAS - Exercício: 2009)

1.1. Responsável: Raymundo Nonato de Cerqueira Filho (031.607.267-20).

1.2. Órgão/Entidade: Comando de Operações Terrestres do Exército - MD/CE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo da Defesa Nacional e da Segurança Pública (SecexDefesa).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 153/2019 - TCU - 1ª Câmara

Trata-se de peça inominada apresentada pela empresa Vianatur - Viana Turismo Ltda. em face do Acórdão 5.172/2009 - 1ª Câmara, proferido na Sessão de 15/9/2009, por meio do qual este Tribunal julgou irregulares as contas de diversos responsáveis, condenando-os ao pagamento dos débitos apurados nestes autos em solidariedade com diversas sociedades empresariais, entre as quais a ora peticionária.

Considerando que a requerente já interpôs Recurso de Reconsideração, o qual restou conhecido e, no mérito, desprovido, por meio do Acórdão 4.060/2014 - 1ª Câmara;

Considerando que, nesta oportunidade, a referida pessoa jurídica apresenta expediente no intuito de, mais uma vez, impugnar os termos da deliberação que a condenou no âmbito deste Tribunal;

Considerando que o Recurso de Reconsideração constitui espécie recursal cabível nos processos deste Tribunal que versam sobre contas, nos termos dos arts. 32, inciso I, e 33 da Lei 8.443/1992, c/c art. 285 do Regimento Interno/TCU, e que tal peça apelativa já foi interposta neste processo, conforme acima exposto, cenário que resultou na preclusão consumativa, nos termos do art. 278, §§ 3º e 4º, do Regimento Interno/TCU;

Considerando que não seria possível receber a peça como Recurso de Revisão, pois esse expediente recursal somente pode ser conhecido em hipóteses específicas e excepcionais, descritas no art. 35, incisos I a III, da Lei 8.443/1992, e constitui a última oportunidade recursal existente neste processo, e que seu recebimento nessa modalidade seria prejudicial à solicitante, que teria encerrada, em definitivo, sua oportunidade de revisão da decisão;

Os Ministros do Tribunal de Contas da União, ACORDAM, por unanimidade, em receber a peça apresentada pela empresa Vianatur - Viana Turismo Ltda. como mera petição, negando-se a ela seguimento, sem prejuízo de encaminhar à requerente, à 12ª Região Militar do Comando do Exército e à Secretaria de Economia e Finanças do Comando do Exército cópia desta deliberação, de acordo com o parecer da Serur:

1. Processo TC-001.438/1993-0 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsáveis: Alfredo Jorge Bonessi, CPF 013.645.102-00; Alfredo Trezza, CPF 007.442.472-68; Antônio Carlos Gomes, CPF 033.345.977-68; Antônio José da Silva Souza, CPF 002.600.372-49; Antônio José de Rezende Montenegro, CPF 035.198.487-91; Carlos Alberto da Cruz Azambuja, CPF 119.718.190-34; Cherson Galvão, CPF 175.231.767-04; Francisco Carlos Arretche, CPF 233.676.107-63; Giusepe Lopes dos Santos, CPF 394.324.677-91; Izidoro Ferreira do Carmo, CPF 068.371.072-91; José Carlos Cunha, CPF 415.842.287-68; José Dirceu Lacerda, CPF 008.069.516-72; João Batista Costa, CPF 017.888.339-53; Lator Carvalho Sales, CPF 015.104.872-04; Luiz Alves da Silva, CPF 046.724.702-10; Manoel Carmelino de Lima Spátola, CPF 041.011.202-00; Moisés Freitas Onetti, CPF 021.188.902-49; Neuro Luiz Odorizzi, CPF 318.611.807-72; Ramiro Alves Marques, CPF 020.404.172-49; Ruy Pereira da Costa, CPF 065.015.752-49; Tufic Salim Aboaxe Neto, CPF 021.203.132-53; Walter Duarte Silverio, CPF 193.600.107-15; Zigomar do Carmo Malheiros, CPF 054.771.402-59; Confiança Mudanças e Transportes Ltda., CNPJ 07.223.878/0001-35; Fram-tur França Amazonas Turismo Ltda., CNPJ 15.777.782/0001-47; Viana Turismo Ltda., CNPJ 04.156.527/0001-60; Transnorte Turismo Ltda., CNPJ 22.804.215/0001-06; e Transportadora F. Souto Ltda., CNPJ 44.074.268/0001-43.

1.2. Recorrente: Vianatur Viana Turismo Ltda. (04.156.527/0001-60).

1.3. Órgão/Entidade: 12ª Região Militar - Comando do Exército.

1.4. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.5. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin

1.6. Relator da deliberação recorrida: Ministro Benjamin Zymler.

1.7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (Serur); Secretaria de Controle Externo da Defesa Nacional e da Segurança Pública (SecexDefesa).

1.8. Representação legal: Luiz Alceu Gomes Bettera, OAB/PR n. 6.881; Rogério Dante de Oliveira Júnior, OAB/PR n. 17.445; Maurício Mussi Corrêa, OAB/PR n. 23.302; Leonardo Casagrande, OAB/PR n. 24.819; Almir Lamin, OAB/PR n. 10.281; Antonio Clarides Modena, OAB/PR n. 8.821; Renato Dacílio Flores, OAB/PR n. 5.025; Luciana Sousa Bazerra, OAB/DF n. 4.663/E; Adilson Gurgel de Castro, OAB/RN n. 670; João Helder Dantas Cavalcanti, OAB/RN n. 1.361; Manoel Batista Dantas Neto, OAB/RN n. 1.996; Viviana Marileti Menna Dias, OAB/RN n. 3.177; José Rossiter Araújo Braulino, OAB/RN n. 2.222; Marcos Vinicio Santiago de Oliveira, OAB/RN n. 1.420; Andrea Carla Bezerra Maciel, OAB/RN n. 3.584; Francisco Jadir Farias Pereira, OAB/RN n. 906; Airton Brasil Fagundes, OAB/SC n. 10.483; Paula Maluf Teixeira, OAB/SC n. 13.175; Catiúscia I. Hoesker, OAB/SC n. 6.326 II; Alfredo Antonio Goulart Sade, OAB/AM n. 1.405, OAB/DF n. 1.483/A, Oldeney Farias de Carvalho, OAB/DF 260; Roberto Gean Sade, OAB/DF n. 15.524; Carlos Alberto Torrens, OAB/CE n. 6.214; Joyce Leite Torrens, OAB/CE n. 9.839.

1.9. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 154/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso I, 17 e 23, inciso I, da Lei n. 8.443/1992, c/c os arts. 143, inciso I, alínea a, 207 e 214, inciso I, do Regimento Interno/TCU, em julgar as contas do responsável a seguir indicado regulares e dar-lhe quitação plena, promovendo-se, em seguida, o arquivamento do processo, sem prejuízo de encaminhar cópia desta deliberação ao responsável e ao Ministério do Desenvolvimento Social - MDS, de acordo com os pareceres emitidos nos autos:

1. Processo TC-024.894/2017-6 (TOMADA DE CONTAS ESPECIAL)

1.1. Responsável: Marconi Martins Santana (419.555.874-34).

1.2. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Flores/PE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: Procurador Marinus Eduardo De Vries Marsico.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

1.6. Representação legal: Luís Alberto Gallindo Martins (20.189/OAB-PE) e outros, representando Marconi Martins Santana.

1.7. Determinações/Recomendações/Orientações: não há.

ACÓRDÃO Nº 155/2019 - TCU - 1ª Câmara

Os Ministros do Tribunal de Contas da União ACORDAM, por unanimidade, com fundamento nos arts. 143, incisos III e V, alínea a, 237, inciso III, e 250, inciso I, do Regimento Interno/TCU, em conhecer da presente representação, para, no mérito, considerá-la prejudicada, promovendo-se, em seguida, o arquivamento dos autos, sem prejuízo de prestar a seguinte informação e de encaminhar cópia desta deliberação ao representante e cópia integral dos autos à Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste - Sudene, de acordo com o parecer da Secex/PE:

1. Processo TC-020.277/2017-2 (REPRESENTAÇÃO)

1.1. Representante: Prefeitura Municipal de Brejão/PE.

1.2. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Brejão/PE.

1.3. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

1.4. Representante do Ministério Público: não atuou.

1.5. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado de Pernambuco (Secex/PE).

1.6. Representação legal: não há.

1.7. Informar:

1.7.1. ao representante que cabe ao órgão/entidade concedente dos recursos federais esgotar as medidas administrativas de sua alçada e, caso necessário, instaurar processo de tomada de contas especial a ser apreciado posteriormente pelo TCU.

SUSTENTAÇÕES ORAIS

Na apreciação do processo nº 275.215/1995-4, cujo Relator é o Ministro Raimundo Carreiro, o Dr. Igor Fellipe Araújo de Sousa e a Dra. Carla Maria Martins Gomes apresentaram sustentação oral em nome de Planurb - Planejamento e Construções Ltda. e Manoel Salviano Sobrinho, respectivamente.

Na apreciação do processo nº 001.857/2013-4, relatado pelo Ministro Marcos Bemquerer Costa em substituição ao Ministro Vital do Rêgo, o Dr. Guilherme Silva Chacon apresentou sustentação oral em nome de OLM Representações Ltda., e o Dr. Bruno de Lima Gemaque declinou de apresentar a sustentação oral que havia solicitado em nome de Ana Amélia Sefer de Figueiredo.

PROCESSOS APRECIADOS DE FORMA UNITÁRIA

Por meio de apreciação unitária de processos, a Primeira Câmara proferiu os Acórdãos de nºs 156 a 187, a seguir transcritos, incluídos no Anexo I desta Ata, juntamente com os relatórios e os votos em que se fundamentaram.

ACÓRDÃO Nº 156/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 002.111/2015-2.

2. Grupo II - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: M. Sampaio Promoções Artísticas Ltda. - ME (09.419.430/0001-17); Manoel Rogerio Zabeu Miotello (068.017.898-80).

4. Entidade: Município de Getulina - SP.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado de São Paulo (SECEX-SP).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pelo Ministério do Turismo em desfavor de Manoel Rogério Zabeu Miotello, ex-prefeito municipal de Getulina-SP, em razão da impugnação total de despesas do Convênio 206/2009 (Siafi/Siconv 703310), que tinha por objeto o apoio à realização do evento intitulado "Festa do Peão Boiadeiro de Getulina - SP";

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar revéis Manoel Rogério Zabeu Miotello e a empresa M. Sampaio Promoções Artísticas Ltda. - ME, para todos os efeitos, dando-se prosseguimento ao processo, nos termos do art. 12, § 3º, da Lei 8.443/1992;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas 'b' e 'c', e 19, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas de Manoel Rogério Zabeu Miotello e da empresa M. Sampaio Promoções Artísticas Ltda. - ME e condená-los ao pagamento do débito discriminado a seguir, atualizado monetariamente e acrescido dos juros de mora devidos, calculado desde a data de ocorrência indicada até sua efetiva quitação, na forma da legislação vigente, fixando o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que seja comprovado, perante este Tribunal, o recolhimento da quantia ao Tesouro Nacional, nos termos do art. 23, inciso III, alínea "a", da referida Lei, c/c o art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno do TCU:

9.2.1. Manoel Rogério Zabeu Miotello, individualmente:

VALOR ORIGINAL ( R$ )

DATA DA OCORRÊNCIA

77.265,00

22/5/2009

9.2.2. Manoel Rogério Zabeu Miotello, em solidariedade com a empresa M. Sampaio Promoções Artísticas Ltda. - ME:

VALOR ORIGINAL ( R$ )

DATA DA OCORRÊNCIA

9.090,00

22/5/2009

9.3. com fundamento no art. 57 da Lei 8.443/1992, aplicar a Manoel Rogério Zabeu Miotello multa no valor de R$ 16.000,00 (dezesseis mil reais) e à empresa M. Sampaio Promoções Artísticas Ltda. - ME multa no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais), atualizado monetariamente desde a data do presente acórdão até a do efetivo recolhimento, se for pago após o vencimento, na forma da legislação vigente, fixando o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que seja comprovado, perante este Tribunal, o recolhimento da quantia ao Tesouro Nacional, nos termos do art. 23, inciso III, alínea "a", da referida Lei, c/c o art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno do TCU;

9.4. com fundamento no art. 26 da Lei 8.443/1992, autorizar, se requerido, o pagamento da importância devida em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e consecutivas, fixando o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que seja comprovado, perante este Tribunal, o recolhimento da primeira parcela, e de 30 (trinta) dias, a contar da parcela anterior, para que seja comprovado o recolhimento das demais parcelas, devendo incidir sobre cada valor mensal os devidos acréscimos legais, na forma prevista na legislação vigente, além de alertar que a falta de comprovação do recolhimento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do art. 217 do Regimento Interno do TCU;

9.5. com fundamento no art. 28 da Lei 8.443/1992, autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas, caso não atendida a notificação;

9.6. com fundamento no art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992, c/c art. 209, § 7º, do Regimento Interno do TCU, remeter cópia deste acórdão à Procuradoria da República em São Paulo, para adoção das medidas que entender cabíveis;

9.7. dar ciência deste acórdão ao Ministério do Turismo e aos responsáveis.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0156-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 157/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 005.668/2013-1.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria.

3. Interessado: Cristovam Marcelo Siqueira de Figueiredo (039.164.991-49).

4. Entidade: Fundação Universidade Federal de Mato Grosso.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procuradora-Geral Cristina Machado da Costa e Silva.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

8. Representação legal: Amaral Augusto da Silva Junior (OAB/MT 11588), representando Cristovam Marcelo Siqueira de Figueiredo.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de aposentadoria concedida no âmbito da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, e com fundamento no art. 71, incisos III e IX, da Constituição Federal de 1988, c/c os arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, e ainda com os arts. 260, § 1º, e 262 do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegal a aposentadoria de Cristovam Marcelo Siqueira de Figueiredo (039.164.991-49), negando o registro ao ato correspondente;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé (enunciado 106 da súmula da jurisprudência predominante do TCU);

9.3. determinar à Fundação Universidade Federal de Mato Grosso que:

9.3.1. no prazo de 15 (quinze) dias, faça cessar os pagamentos decorrentes do ato ora considerado ilegal, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa;

9.3.2. no prazo de 30 (trinta) dias, emita novo ato escoimado das irregularidades apontadas;

9.3.3. no prazo de 15 (quinze) dias, dê ciência do inteiro teor desta deliberação ao interessado, esclarecendo-lhe que o efeito suspensivo proveniente da interposição de recurso não o exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação sobre o presente acórdão, em caso de não provimento do recurso porventura impetrado;

9.3.4. no prazo de 30 (trinta) dias, informe ao TCU as medidas adotadas, sem prejuízo de encaminhar comprovante sobre a data em que o interessado tomou conhecimento do contido no item anterior;

9.4. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das diretrizes ora endereçadas à Fundação Universidade Federal de Mato Grosso;

9.5. dar ciência deste acórdão à Fundação Universidade Federal de Mato Grosso.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0157-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 158/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 006.928/2014-5.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Recurso de Reconsideração (Tomada de Contas Especial).

3. Recorrente: Wolney Alfredo Arruda Unes (437.970.401-72).

4. Entidade: Instituto Centro-brasileiro de Cultura

5. Relator: Ministro Bruno Dantas

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Walton Alencar Rodrigues.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria de Controle Externo no Estado de Goiás (SECEX-GO).

8. Representação legal: Juberto Ramos Jube (14.710/OAB-GO) e outros, representando Wolney Alfredo Arruda Unes.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos em que se aprecia recurso de reconsideração interposto por Wolney Alfredo Arruda Unes em face do Acórdão 9.318/2017-1ª Câmara, por meio do qual o Tribunal julgou irregulares suas contas, cominou-lhe débito de R$ 92.453,00 e imputou-lhe multa de R$ 25.000,00,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento no arts. 32, inciso I, e 33 da Lei 8.443/1992, conhecer e negar provimento ao presente recurso de reconsideração;

9.2. dar ciência deste acórdão ao recorrente e aos demais responsáveis.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0158-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 159/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 007.777/2011-6.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Pensão Civil.

3. Interessados: Afonso Henrique Braga Brandao (458.515.817-00); Aparecida Jubilates Cabral (009.954.857-71); Beatriz Batista Marques dos Anjos (406.212.608-78); Fatima Rosangela de Souza Marques (831.697.507-63); Gizelia Bezerra da Cunha (642.454.547-68); Guionofia Alves Rocha (690.618.317-68); Heredia de Oliveira Martins (090.652.707-44); Jose Claudio Bezerra Cunha (648.950.257-72); Marcellus Tadeu da Silva Rocha (092.363.037-65); Marcelo Haroldo Braga Brandao (085.101.247-79); Maria Rita de Jesus Rocha (036.975.337-20); Olinto Jose Braga Brandao (622.121.257-04); Rafael Jubilates Cabral da Costa (103.336.757-54); Raquel Jubilates Cabral da Costa (103.336.777-06); Roberto Lobo Montauban (060.315.967-25); Romulo Jubilates Cabral da Costa (103.336.807-58); Valter Nogueira de Carvalho (101.366.067-68).

4. Órgão: Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda no Estado do Rio de Janeiro.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensões civis instituídas no âmbito da Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda no Estado do Rio de Janeiro;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, e com fundamento no art. 71, incisos III e IX, da Constituição Federal de 1988, c/c os arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, e ainda com os arts. 260, § 1º, e 262 do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar legais as pensões civis instituídas por Alberto Nogueira de Carvalho (CPF 074.220.597-53), Antônio Ferreira da Costa Filho (CPF 386.595.227-53), Evanildo Marques dos Anjos (CPF 064.568.557-72) e Manoel dos Santos Rocha (CPF 335.016.107-34), concedendo o registro aos atos correspondentes;

9.2. considerar ilegais as pensões civis instituídas por Alexandre Montauban (CPF 028.510.327-04), Cloves Mesquiades da Cunha (CPF 064.036.207-97) e Hasenclever Brandão (CPF 017.932.259-15, negando o registro aos atos correspondentes;

9.3. considerar prejudicado, por perda de objeto, o exame do mérito dos atos de concessão das pensões civis instituídas por Antônio Alves Martins (CPF 040.905.607-30) e Antônio Rocha (CPF 048.413.367-53);

9.4. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé (Súmula/TCU 106);

9.5. determinar à Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda no Estado do Rio de Janeiro que:

9.5.1. no prazo de 15 (quinze) dias, verifique se o pensionista de Alexandre Montauban se enquadra como substituído nos Mandados de Segurança 35.410, 35.494, 35.498, 35.490 ou 35.500, que tramitam perante o STF e:

9.5.1.1. caso verifique que se ajusta a essa condição, acompanhe o desfecho da ação correspondente para, em caso de desconstituição da decisão judicial liminar, fazer cessar os pagamentos do bônus de eficiência e produtividade;

9.5.1.2. caso o pensionista não se enquadre como substituído, providencie a imediata exclusão da parcela dos seus proventos;

9.5.2. no prazo de 15 (quinze) dias, faça cessar os pagamentos decorrentes dos atos ora considerados ilegais, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa;

9.5.3. no prazo de 30 (trinta) dias, emita novos atos para os atos instituídos por Alexandre Montauban e Hasenclever Brandão, escoimados das irregularidades apontadas;

9.5.4. no prazo de 15 (quinze) dias, dê ciência do inteiro teor desta deliberação, bem como do relatório e do voto que a fundamentam, aos interessados cujos atos foram considerados ilegais, esclarecendo-lhes que o efeito suspensivo proveniente da interposição de recurso não os exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação sobre o presente acórdão, em caso de não provimento do recurso porventura impetrado;

9.5.5. no prazo de 30 (trinta) dias, informe ao TCU as medidas adotadas, sem prejuízo de encaminhar comprovante sobre a data em que os interessados tomaram conhecimento do contido no item anterior;

9.6. determinar à Sefip que monitore o cumprimento das diretrizes ora endereçadas à Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda no Estado do Rio de Janeiro;

9.7. dar ciência deste acórdão à Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda no Estado do Rio de Janeiro.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0159-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 160/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 012.869/2017-1.

2. Grupo II - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Construir Assessoria e Consultoria Educacional e Produções Artísticas Ltda. (09.201.332/0001-09); Josimar Moura Aguiar (231.639.253-91).

4. Entidade: Município de Trairi - CE.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Rio de Janeiro (SECEX-RJ).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pelo Ministério do Turismo em desfavor de Josimar Moura Aguiar, ex-Prefeito do Município de Trairí/CE, em razão da impugnação de despesas do Convênio 1848/2009 (Siafi/Siconv 727312), que tinha por objeto o apoio à realização do evento intitulado "Reveillon das Velas de Trairí/CE";

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar revéis Josimar Moura Aguiar e a empresa Construir Assessoria e Consultoria Educacional e Produções Artísticas Ltda., para todos os efeitos, dando-se prosseguimento ao processo, nos termos do art. 12, § 3º, da Lei 8.443/1992;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas 'b' e 'c', e 19, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas de Josimar Moura Aguiar e da empresa Construir Assessoria e Consultoria Educacional e Produções Artísticas Ltda. e condená-los solidariamente ao pagamento do débito discriminado a seguir, atualizado monetariamente e acrescido dos juros de mora devidos, calculado desde a data de ocorrência indicada até sua efetiva quitação, na forma da legislação vigente, fixando o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que seja comprovado, perante este Tribunal, o recolhimento da quantia ao Tesouro Nacional, nos termos do art. 23, inciso III, alínea "a", da referida Lei, c/c o art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno do TCU:

VALOR ORIGINAL ( R$ )

DATA DA OCORRÊNCIA

150.000,00 (D)

25/2/2010

2.300,00 (C)

5/5/2010

9.3. com fundamento no art. 57 da Lei 8.443/1992, aplicar a Josimar Moura Aguiar e à empresa Construir Assessoria e Consultoria Educacional e Produções Artísticas Ltda., individualmente, multa no valor de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais), atualizado monetariamente desde a data do presente acórdão até a do efetivo recolhimento, se for pago após o vencimento, na forma da legislação vigente, fixando o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que seja comprovado, perante este Tribunal, o recolhimento da quantia ao Tesouro Nacional, nos termos do art. 23, inciso III, alínea "a", da referida Lei, c/c o art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno do TCU;

9.4. com fundamento no art. 26 da Lei 8.443/1992, autorizar, se requerido, o pagamento da importância devida em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e consecutivas, fixando o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que seja comprovado, perante este Tribunal, o recolhimento da primeira parcela, e de 30 (trinta) dias, a contar da parcela anterior, para que seja comprovado o recolhimento das demais parcelas, devendo incidir sobre cada valor mensal os devidos acréscimos legais, na forma prevista na legislação vigente, além de alertar que a falta de comprovação do recolhimento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, nos termos do art. 217 do Regimento Interno do TCU;

9.5. com fundamento no art. 28 da Lei 8.443/1992, autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas, caso não atendida a notificação;

9.6. com fundamento no art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992, c/c art. 209, § 7º, do Regimento Interno do TCU, remeter cópia deste acórdão à Procuradoria da República no Ceará, para adoção das medidas que entender cabíveis;

9.7. dar ciência deste acórdão ao Ministério do Turismo e aos responsáveis.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0160-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 161/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 018.753/2013-2.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria.

3. Interessado: Paulo Leal Rocha (025.423.663-49).

4. Entidade: Fundação Universidade Federal do Maranhão.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

8. Representação legal: Mário de Andrade Macieira (4217/OAB-MA) e outros, representando Paulo Leal Rocha.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de aposentadoria concedida no âmbito da Fundação Universidade Federal do Maranhão;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, e com fundamento no art. 71, incisos III e IX, da Constituição Federal de 1988, c/c os arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, e ainda com os arts. 260, § 1º, e 262 do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegal a aposentadoria de Paulo Leal Rocha (025.423.663-49), negando o registro ao ato correspondente;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé (enunciado 106 da súmula da jurisprudência predominante do TCU);

9.3. determinar à Fundação Universidade Federal do Maranhão que:

9.3.1. no prazo de 15 (quinze) dias, faça cessar os pagamentos decorrentes do ato ora considerado ilegal, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa;

9.3.2. no prazo de 15 (quinze) dias, adote as providências necessárias ao exato cumprimento da lei, franqueando ao servidor o direito à opção pela manutenção de uma das duas aposentadorias que atualmente recebe, nos termos do art. 133 da Lei 8.112/1990;

9.3.3. caso o interessado opte pela concessão analisada no presente processo, no prazo de 30 (trinta) dias, emita novo ato;

9.3.4. no prazo de 15 (quinze) dias, dê ciência do inteiro teor desta deliberação ao interessado, esclarecendo-lhe que o efeito suspensivo proveniente da interposição de recurso não o exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação sobre o presente acórdão, em caso de não provimento do recurso porventura impetrado;

9.3.5. no prazo de 30 (trinta) dias, informe ao TCU as medidas adotadas, sem prejuízo de encaminhar comprovante sobre a data em que o interessado tomou conhecimento do contido no item anterior;

9.4. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das diretrizes ora endereçadas à Fundação Universidade Federal do Maranhão;

9.5. dar ciência deste acórdão à Fundação Universidade Federal do Maranhão.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0161-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 162/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 021.423/2017-2.

2. Grupo I - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessado: Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (00.378.257/0001-81)

3.2. Responsável: Pedro Fonteles dos Santos (003.078.293-75).

4. Entidade: Município de Acaraú - CE.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria do TCU no Estado do Ceará (Secex-CE).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação em razão da omissão da prestação de contas dos recursos repassados pelo FNDE ao Município de Acaraú/CE, por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) no exercício de 2012;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas 'a' e 'c' e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas de Pedro Fonteles dos Santos (003.078.293-75), ex-Prefeito de Acaraú/CE, condenando-o ao pagamento das quantias abaixo listadas, fixando-lhe o prazo de quinze dias, a contar da notificação, para que comprove perante o Tribunal, nos termos do art. 214, inciso III, alínea 'a', do Regimento Interno do TCU, o recolhimento da dívida aos cofres do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir das datas especificadas até a data efetiva da quitação do débito, na forma prevista na legislação em vigor:

Data

Valor (R$) -Débito

28/3/2012

84.186,00

3/4/2012

84.186,00

30/4/2012

84.186,00

4/6/2012

84.186,00

3/7/2012

97.630,00

17/7/2012

79.140,00

2/8/2012

141.658,00

5/9/2012

141.658,00

2/10/2012

141.658,00

5/11/2012

141.658,00

4/12/2012

141.658,00

9.2. aplicar, com fundamento no art. 19, caput, e 57, da Lei 8.443/1992, a Pedro Fonteles dos Santos (003.078.293-75), ex-Prefeito de Acaraú/CE, multa no valor de R$ 178.000,00 (cento e setenta e oito mil reais), fixando-lhe o prazo de quinze dias, a contar da notificação, para que comprove, perante o Tribunal, nos termos do art. 25 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 214, inciso III, alínea 'a', do Regimento Interno/TCU, o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do presente Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.3 aplicar, com fundamento no 58, II, da Lei 8.443/1992, a Pedro Fonteles dos Santos (003.078.293-75), ex-Prefeito de Acaraú/CE, a multa no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), fixando-lhe o prazo de quinze dias, a contar da notificação, para que comprove, perante o Tribunal, nos termos do art. 25 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 214, inciso III, alínea 'a', do Regimento Interno/TCU, o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do presente Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas, caso não atendidas as notificações, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/92;

9.5. autorizar, caso requerido e se o processo não tiver sido remetido para cobrança judicial, o parcelamento da dívida em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e consecutivas, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 217 do RI/TCU, fixando-se o vencimento da primeira parcela em quinze dias, a contar do recebimento da notificação, e os das demais a cada 30 dias, devendo incidir sobre cada valor mensal os correspondentes acréscimos legais, na forma prevista na legislação em vigor, bem como esclarecer ao responsável que, em caso de parcelamento da dívida, a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor (art. 217, § 2º, do RI/TCU);

9.6. dar ciência deste acórdão à Procuradoria da República no Ceará, nos termos do § 3º do art. 16 da Lei 8.443/1992 c/c o § 7º do art. 209 do Regimento Interno do TCU, ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação e ao responsável.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0162-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 163/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 021.488/2013-4.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria.

3. Interessados: Edna Rocha Guarnieri (167.028.406-91); Lila Rosa Soares da Costa (180.666.236-15); Maria Auxiliadora Lanchin (409.991.226-49); Mirtes Soares Policiano da Silva (332.184.396-04).

4. Entidade: Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Pomba.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensões civis instituídas no âmbito do Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Pomba;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, e com fundamento no art. 71, incisos III e IX, da Constituição Federal de 1988, c/c os arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, e ainda com os arts. 260, § 1º, e 262 do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegais as pensões civis instituídas por Carlos Martins Bastos (010.418.007-20) e Jurandir Serra (020.634.766-91), negando os registros aos atos correspondentes;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé (Súmula/TCU 106);

9.3. determinar ao Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Pomba que:

9.3.1. no prazo de 15 (quinze) dias, faça cessar os pagamentos decorrentes dos atos ora considerados ilegais, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa;

9.3.2. no prazo de 30 (trinta) dias, emita novos que contemplem as seguintes alterações:

9.3.2.1. no ato instituído por Jurandir Serra, a exclusão da parcela relativa a planos econômicos (URV 3,17%) e das beneficiárias que vieram a óbito, Lila Rosa Soares da Costa e Mirtes Soares Policiano da Silva;

9.3.2.2. no ato instituído por Carlos Martins Bastos, a correção, nos proventos da interessada, do valor da parcela decorrente da incorporação de quintos de FC, considerando, como critério de cálculo, o comando previsto no item 9.1.2 do Acórdão 835/2012-TCU-Plenário;

9.3.3. no prazo de 15 (quinze) dias, dê ciência do inteiro teor desta deliberação, bem como do relatório e do voto que a fundamentam, às interessadas, esclarecendo-lhes que o efeito suspensivo proveniente da interposição de recurso não as exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação sobre o presente acórdão, em caso de não provimento do recurso porventura impetrado;

9.3.4. no prazo de 30 (trinta) dias, informe ao TCU as medidas adotadas, sem prejuízo de encaminhar comprovante sobre a data em que as interessadas tomaram conhecimento do contido no item anterior;

9.4. determinar à Sefip que monitore o cumprimento das diretrizes ora endereçadas ao Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Pomba.

9.5. dar ciência deste acórdão ao Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Pomba.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0163-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 164/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 024.496/2013-8.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Pensão Civil.

3. Interessado: Loide Campos Modesto da Silva (326.232.241-53).

4. Entidade: Fundação Universidade Federal de Mato Grosso.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

8. Representação legal: Alexandre Luiz Lozano Pereira (7889-B/OAB-MT) e outros, representando Loide Campos Modesto da Silva.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de pensão civil concedida no âmbito da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, e com fundamento no art. 71, incisos III e IX, da Constituição Federal de 1988, c/c os arts. 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, e ainda com os arts. 260, § 1º, e 262 do Regimento Interno/TCU, em:

9.1. considerar ilegal a pensão civil de Loide Campos Modesto da Silva (326.232.241-53), negando o registro ao ato correspondente;

9.2. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé (enunciado 106 da súmula da jurisprudência predominante do TCU);

9.3. determinar à Fundação Universidade Federal de Mato Grosso que:

9.3.1. no prazo de 15 (quinze) dias, faça cessar os pagamentos decorrentes do ato ora considerado ilegal, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa;

9.3.2. no prazo de 30 (trinta) dias, emita novo ato escoimado das irregularidades apontadas;

9.3.3. no prazo de 15 (quinze) dias, dê ciência do inteiro teor desta deliberação à interessada, esclarecendo-lhe que o efeito suspensivo proveniente da interposição de recurso não a exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a notificação sobre o presente acórdão, em caso de não provimento do recurso porventura impetrado;

9.3.4. no prazo de 30 (trinta) dias, informe ao TCU as medidas adotadas, sem prejuízo de encaminhar comprovante sobre a data em que a interessada tomou conhecimento do contido no item anterior;

9.4. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das diretrizes ora endereçadas à Fundação Universidade Federal de Mato Grosso;

9.5. dar ciência deste acórdão à Fundação Universidade Federal de Mato Grosso.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0164-01/19-1.

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 165/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 025.920/2017-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial

3. Responsável: Manoel Claudio Pessoa Cardoso (024.271.923-68).

4. Entidade: Município de Canindé/CE.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

8. Representação legal:

8.1. Marcelo Meneses Aguiar (17.329/OAB-CE) e outros, representando Prefeitura Municipal de Canindé/CE.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos da Tomada de Contas Especial instaurada pela Caixa Econômica Federal (Caixa) em razão da não consecução dos objetivos pactuados no Contrato de Repasse 233.292-40/2007, celebrado entre o Ministério das Cidades e a Prefeitura Municipal de Canindé/CE, com interveniência da Caixa, tendo por objeto a "construção de 60 unidades habitacionais no bairro Campinas e 12 unidades habitacionais na Vila Targinos, dotadas de infraestrutura de água, pavimentação e solução de esgotamento sanitário".

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar revel Manoel Cláudio Pessoa Cardoso, com fundamento no art. 12, § 3º, da Lei 8.443/1992;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "a" e "b" da Lei 8.443/1992 c/c os arts. 19 e 23, inciso III, da mesma Lei, e com arts. 1º, inciso I, 209, incisos I e II, 210 e 214, inciso III, do Regimento Interno, julgar irregulares as contas de Manoel Cláudio Pessoa Cardoso, condenando-o ao pagamento das quantias a seguir especificadas, com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que comprovem, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento do débito aos cofres do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE, atualizado monetariamente e acrescido dos juros de mora devidos, calculados a partir das datas a seguir indicadas até o dia do efetivo recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor:

Data

Valor

06/09/2010

46.018,37

14/02/2011

24.930,00

08/06/2011

57.870,00

17/11/2011

26.100,00

13/11/2012

23.512,84

9.3. aplicar a Manoel Cláudio Pessoa Cardoso a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 267 do Regimento Interno, no valor de R$ 28.000,00 (vinte e oito mil reais), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do presente Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas a que ser referem os itens 9.2 e 9.3 supra, caso não atendidas as notificações, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.5. autorizar também, caso venha a ser requerido pelo responsável, o pagamento das dívidas em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e consecutivas, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 217 do Regimento Interno, fixando-lhe o prazo de quinze dias, a contar do recebimento da notificação, para comprovar perante o Tribunal o recolhimento da primeira parcela, e de trinta dias, a contar da parcela anterior, para comprovar os recolhimentos das demais parcelas, atualizadas monetariamente, incidindo ainda, sobre cada valor mensal correspondente ao débito, os juros de mora devidos, na forma prevista na legislação em vigor;

9.6. dar ciência ao Ministério das Cidades quanto à possibilidade de suspensão do registro de inadimplência do município de Canindé/CE, nos termos do art. 26-A da Lei 10.522/2002;

9.7. encaminhar cópia desta deliberação à Procuradoria da República no Ceará, nos termos do art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992 c/c o art. 209, § 6º, do Regimento Interno/TCU, para adoção das medidas que entender cabíveis.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0165-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 166/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 026.672/2017-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial

3. Responsável: Pedro Fonteles dos Santos (003.078.293-75).

4. Entidade: Município de Acaraú/CE.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial (SecexTCE).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos da Tomada de Contas Especial instaurada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE em desfavor de Pedro Fonteles dos Santos, ex-prefeito do município de Acaraú/CE, em razão da omissão no dever de prestar contas dos recursos repassados ao referido município na modalidade fundo a fundo, à conta do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE - exercício 2011, cujo objeto era a aquisição exclusiva de gêneros alimentícios, em caráter complementar, para atendimento dos alunos matriculados em creches, pré-escolas e em escolas do ensino fundamental das redes federal, estadual, do Distrito Federal e municipal.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar revel Pedro Fonteles dos Santos, com fundamento no art. 12, § 3º, da Lei 8.443/1992;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "a" e "b" da Lei 8.443/1992 c/c os arts. 19 e 23, inciso III, da mesma Lei, e com arts. 1º, inciso I, 209, incisos I e II, 210 e 214, inciso III, do Regimento Interno, julgar irregulares as contas de Pedro Fonteles dos Santos, condenando-o ao pagamento das quantias a seguir especificadas, com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para que comprove, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento do débito aos cofres do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE, atualizado monetariamente e acrescido dos juros de mora devidos, calculados a partir das datas a seguir indicadas até o dia do efetivo recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor:

VALOR (R$)

DATA

5.094,00

15/3/2011

5.094,00

31/3/2011

5.094,00

2/5/2011

5.094,00

1/6/2011

5.094,00

1/9/2011

5.094,00

30/9/2011

5.094,00

30/9/2011

5.094,00

30/9/2011

5.094,00

31/10/2011

5.094,00

30/11/2011

62.124,00

15/3/2011

62.124,00

31/3/2011

62.124,00

2/5/2011

62.124,00

1/6/2011

62.124,00

1/9/2011

62.124,00

30/9/2011

62.124,00

30/9/2011

62.124,00

30/9/2011

62.124,00

31/10/2011

62.124,00

30/11/2011

10.788,00

15/3/2011

10.788,00

31/3/2011

10.788,00

3/5/2011

10.788,00

1/6/2011

10.788,00

1/9/2011

10.788,00

30/9/2011

10.788,00

30/9/2011

10.788,00

30/9/2011

10.788,00

31/10/2011

10.788,00

30/11/2011

9.192,00

15/3/2011

9.192,00

31/3/2011

9.192,00

2/5/2011

9.192,00

1/6/2011

9.192,00

1/9/2011

9.192,00

30/9/2011

9.192,00

30/9/2011

9.192,00

30/9/2011

9.192,00

31/10/2011

9.192,00

30/11/2011

18.672,00

1/9/2011

18.672,00

30/9/2011

18.672,00

30/9/2011

18.672,00

30/9/2011

18.672,00

30/9/2011

18.672,00

30/9/2011

18.672,00

30/9/2011

18.672,00

30/9/2011

18.672,00

31/10/2011

18.672,00

30/11/2011

9.3. aplicar a Pedro Fonteles dos Santos a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 267 do Regimento Interno, no valor de R$ 160.000,00 (cento e sessenta mil reais), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente desde a data do presente Acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.4. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas a que ser referem os itens 9.2 e 9.3 supra, caso não atendidas as notificações, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.5. autorizar, caso venha a ser requerido pelo responsável, o pagamento das dívidas em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e consecutivas, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 217 do Regimento Interno, fixando-lhe o prazo de quinze dias, a contar do recebimento da notificação, para comprovar perante o Tribunal o recolhimento da primeira parcela, e de trinta dias, a contar da parcela anterior, para comprovar os recolhimentos das demais parcelas, atualizadas monetariamente, incidindo ainda, sobre cada valor mensal correspondente ao débito, os juros de mora devidos, na forma prevista na legislação em vigor; e

9.6. encaminhar cópia desta deliberação à Procuradoria da República no Ceará, nos termos do art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992 c/c o art. 209, § 6º, do Regimento Interno/TCU, para adoção das medidas que entender cabíveis, bem como ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação e ao responsável.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0166-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 167/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 028.480/2016-3.

2. Grupo II - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Confederação Nacional das Associações de Moradores e Entidades Comunitárias do Brasil (05.797.574/0001-56) e Eduardo Ramos Gomes (199.632.385-72).

4. Órgão/Entidade: Fundo Nacional de Saúde - MS.

5. Relator: Ministro Bruno Dantas.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Amazonas (Secex-AM).

8. Representação legal: não há

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pelo Fundo Nacional de Saúde em desfavor da Confederação Nacional das Associações de Moradores e Entidades Comunitárias do Brasil e de seu ex-presidente, Eduardo Ramos Gomes, em razão de omissão na prestação de contas de contas quanto aos recursos repassados à entidade por força do Convênio 1827/2008 (Siafi 649629), que teve por objeto a realização de cursos de capacitação de lideranças comunitárias;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento no art. 16, inciso III, alíneas "a", "b" e "c", da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 19,caput, e 23, inciso III, do referido diploma legal, e com os arts. 1º, inciso I, 209, incisos I, II e III, 210 e 214, inciso III, do Regimento Interno do TCU, julgar irregulares as contas de Eduardo Ramos Gomes (199.632.385-72) e da Confederação Nacional das Associações de Moradores e Entidades Comunitárias do Brasil (05.797.574/0001-56), e condená-los, solidariamente, ao pagamento da quantia de R$ 89.982,00, atualizada e acrescida de juros de mora a partir de 19/3/2009, fixando-lhes o prazo de quinze dias, a contar da notificação, para comprovarem, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Fundo Nacional de Saúde, com os acréscimos legais calculados a partir da data discriminada até a data do recolhimento;

9.2. aplicar a Eduardo Ramos Gomes (199.632.385-72) e à Confederação Nacional das Associações de Moradores e Entidades Comunitárias do Brasil (05.797.574/0001-56), individualmente, a multa do art. 57 da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 30.000,00, fixando-lhes o prazo de quinze dias, a contar das notificações, para comprovarem, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da multa aos cofres do Tesouro Nacional, atualizadas monetariamente desde a data deste acórdão até a do efetivo recolhimento, se forem pagas após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.3. autorizar, desde logo, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, a cobrança judicial das dívidas caso não atendidas as notificações;

9.4. autorizar, caso requerido e se o processo não tiver sido remetido para cobrança judicial, o pagamento das dívidas em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e consecutivas, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992 c/c o art. 217 do Regimento Interno/TCU, fixando-se o vencimento da primeira parcela em quinze dias, a contar do recebimento da notificação, e o das demais a cada trinta dias, devendo incidir sobre cada valor mensal os correspondentes acréscimos legais, na forma prevista na legislação em vigor, alertando-os que a inadimplência de qualquer parcela acarretará o vencimento antecipado do saldo devedor;

9.5. dar ciência deste acórdão ao Fundo Nacional de Saúde, à Procuradoria da República no Distrito Federal e à Procuradoria da República em Sergipe.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0167-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência), Raimundo Carreiro e Bruno Dantas (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 168/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 275.215/1995-4.

1.1. Apenso: 031.134/2014-9

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Recurso de reconsideração (Tomada de Contas Especial)

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessado: Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte - CE (07.974.082/0001-14)

3.2. Responsáveis: Edmundo de Sá Filho (050.288.173-91); João Brandt Neto (110.507.727-68); Manoel Salviano Sobrinho (174.434.907-04); Maria Yace Carleial Feijo de Sa (076.773.165-49); Maria de Almeida Cordeiro (222.317.573-20); Planurb Planejamento e Construcoes Ltda (14.312.169/0001-91); Rui Melo de Carvalho (370.198.997-49)

3.3. Recorrentes: Manoel Salviano Sobrinho (174.434.907-04); Planurb Planejamento e Construcoes Ltda (14.312.169/0001-91).

4. Entidade: Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte - CE.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Augusto Nardes.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria do TCU no Estado do Ceará (Sec-CE).

8. Representação legal:

8.1. Evandro Santana Machado e outros, representando Planurb Planejamento e Construcoes Ltda.

8.2. Anne Caroline de Oliveira Portela e outros, representando Manoel Salviano Sobrinho.

9. Acórdão:

Vistos, relatados e discutidos estes autos em que, nesta fase, apreciam-se Recursos de Reconsideração interpostos pela empresa Planurb - Planejamento e Construções Ltda. (peças 6, p. 2-51, e 7, p. 1-35) e pelo Sr. Manoel Salviano Sobrinho, ex-prefeito municipal de Juazeiro do Norte/CE (peça 116), contra o Acórdão nº 1853/2010-1ª Câmara (Relator: Ministro Augusto Nardes).

Acordam os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da Primeira Câmara, com fulcro no art. 32, inciso I e no art. 33 da Lei nº 8.443/92, c/c o art. 285 do RI/TCU em:

9.1. conhecer do Recurso de Reconsideração interposto pela empresa PLANURB - Planejamento e Construções Ltda. contra o Acórdão 1.853/2010-TCU-1ª Câmara, para, no mérito, negar-lhe provimento;

9.2. conhecer do Recurso de Reconsideração interposto pelo Sr. Manoel Salviano Sobrinho, ex-prefeito municipal de Juazeiro do Norte/CE, contra o Acórdão 1.853/2010-TCU-1ª Câmara, e no mérito, dar-lhe provimento para julgar suas contas especiais regulares e dar-lhe quitação plena, com fulcro nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso I, 17, e 23, inciso I, da Lei 8.443/1992, bem como para tornar insubsistentes sua menção nos itens 9.2 e 9.3 do Acórdão 1.853/2010-TCU-1ª Câmara;

9.3. encaminhar cópia do presente Acórdão para a Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte - CE, para os recorrentes e para a Procuradoria da República no Estado do Ceará;

9.4. arquivar os presentes autos.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0168-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 169/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 001.857/2013-4.

2. Grupo II - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Ana Amelia Sefer de Figueiredo (145.519.342-91); Dilermano Gomes Tavares (170.424.962-72); Ellen Margareth da Rocha Souza (167.956.952-04); Ivanildo Ferreira Alves (186.385.032-53); Manoel Santino Nascimento Júnior (118.742.102-25); OLM Representações Ltda. (12.730.701/0001-65); Pedro Monteiro de Paiva (176.556.762-91).

4. Órgão: Secretaria Executiva de Estado de Segurança Pública do Pará.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa em substituição ao Ministro Vital do Rêgo.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Pará (Secex/PA).

8. Representação legal: João Jorge Hage Neto (OAB/PA 5.916), Elielton José Rocha Sousa (OAB/PA 16.286), Bruno de Lima Gemaque (OAB/PA 13.326), Pedro Luiz Sampaio Oliveira (OAB/SP 329.265) e Bruno Correa Burini (OAB/SP 183.644).

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de tomada de contas especial instaurada pelo Ministério da Justiça, em razão da impugnação parcial de despesas realizadas com recursos do Convênio Senasp/MJ 24/2003, firmado entre a União, por intermédio do Ministério da Justiça/Secretaria Nacional de Segurança Pública, e o Governo do Estado do Pará, por intermédio da Secretaria Executiva de Estado de Segurança Pública - Segup.

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, diante das razões expostas pelo relator, em:

9.1. excluir do polo passivo o sr. Pedro Monteiro de Paiva (176.556.762-91);

9.2. julgar regulares com ressalva as contas de Ana Amélia Sefer de Figueiredo (145.519.342-91), ex-Secretária Executiva de Segurança Pública do Estado do Pará, dando-lhe quitação;

9.3. julgar irregulares as contas dos Srs. Ivanildo Ferreira Alves (186.385.032-53), ex-Secretário Executivo de Segurança Pública do Estado do Pará, Ellen Margareth da Rocha Souza (167.956.952-04), ex-Diretora Geral da Secretaria Executiva de Segurança Pública do Estado do Pará, Manoel Santino Nascimento Júnior (118.742.102-25), ex-Secretário Executivo de Segurança Pública do Estado do Pará, e Dilermano Gomes Tavares (170.424.962-72), ex-Diretor Geral da Secretaria Executiva de Segurança Pública do Estado do Pará, e da empresa OLM Representações Ltda. (12.730.701/0001-65), com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "b" e "c", e 19, caput, da Lei 8.443/1992, c/c os arts. 19 e 23, inciso III, da mesma Lei, e com arts. 1º, inciso I, 209, inciso IV, e 210 e 214, inciso III, do Regimento Interno;

9.4. condenar, solidariamente, o Sr. Ivanildo Ferreira Alves (186.385.032-53) e a Sra. Ellen Margareth da Rocha Souza (167.956.952-04) ao pagamento da importância de R$ 21.517,79 (vinte e um mil, quinhentos e dezessete reais e setenta e nove centavos), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir de 09/12/2004, até a data do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor;

9.5. condenar, solidariamente, o Sr. Dilermano Gomes Tavares (170.424.962-72) e a empresa OLM Representações Ltda. (12.730.701/0001-65) ao pagamento do débito de R$ 11.075,31 (onze mil, setenta e cinco reais e trinta e um centavos), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir de 24/5/2005, até a data do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor;

9.6. condenar a empresa OLM Representações Ltda. (12.730.701/0001-65) ao pagamento do débito de R$ 40.352,69 (quarenta mil, trezentos e cinquenta e dois reais e sessenta e nove centavos), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir de 24/5/2005, até a data do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor;

9.7. condenar, solidariamente, o Sr. Manoel Santino Nascimento Júnior (118.742.102-25) e o sr. Dilermano Gomes Tavares (170.424.962-72) ao pagamento do débito de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir de 18/5/2005, até a data do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor;

9.8. condenar o Sr. Dilermano Gomes Tavares (170.424.962-72) ao pagamento do débito de R$ 90.000,00 (noventa mil reais), com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea "a", do Regimento Interno), o recolhimento da dívida aos cofres do Tesouro Nacional, atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir de 23/12/2005, até a data do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor;

9.9. aplicar aos responsáveis indicados as seguintes multas individuais previstas no art. 57 da Lei 8.443/1992, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para que comprovem, perante o Tribunal (art. 214, III, alínea " a" do Regimento Interno), o recolhimento aos cofres do Tesouro Nacional dos valores atualizados monetariamente, desde a data do acórdão até a do efetivo pagamento, caso quitados após o vencimento, na forma da legislação em vigor:

9.9.1. Ivanildo Ferreira Alves, no valor de R$ 3.000,00 (três mil reais);

9.9.2. Ellen Margareth da Rocha Souza, no valor de R$ 3.000,00 (três mil reais);

9.9.3. Dilermano Gomes Tavares, no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais);

9.9.4. OLM Representações Ltda., no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais);

9.10. aplicar ao responsável Manoel Santino Nascimento Júnior, a multa do art. 58, inciso II, da Lei 8.443/1992, no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais), fixando-lhe o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para que comprovem, perante o Tribunal (art. 214, III, alínea "a" do Regimento Interno), o recolhimento aos cofres do Tesouro Nacional dos valores atualizados monetariamente, desde a data do acórdão até a do efetivo pagamento, caso quitados após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.11. autorizar a cobrança judicial das dívidas, caso não atendidas as notificações, na forma do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992;

9.12. autorizar, desde logo, caso solicitado e o processo não tenha sido remetido para cobrança judicial, o pagamento das dívidas em até 36 parcelas mensais e consecutivas, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217 do Regimento Interno/TCU, fixando-se o vencimento das primeiras parcelas em 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação, e o das demais a cada 30 (trinta) dias, devendo incidir sobre cada valor mensal os correspondentes acréscimos legais, na forma prevista na legislação em vigor, sem prejuízo de alertar os responsáveis de que a falta de comprovação do recolhimento de qualquer parcela implicará o vencimento antecipado do saldo devedor;

9.13. encaminhar cópia deste acórdão ao Procurador-Chefe da Procuradoria da República no Estado do Pará, nos termos do § 3º do art. 16 da Lei 8.443/1992, c/c o § 7º do art. 209 do Regimento Interno do TCU, para adoção das medidas que entender cabíveis.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0169-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 170/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 008.237/2013-1.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I Recurso de reconsideração(Tomada de Contas Especial)

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Responsáveis: Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (15.613.813/0001-24); Roberto Fontes de Goes (068.613.695-00)

3.2. Recorrentes: Roberto Fontes de Goes (068.613.695-00); Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (15.613.813/0001-24).

4. Órgão/Entidade: Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento e Irrigação - Gov. de Sergipe.

5. Relator: Ministro Raimundo Carreiro

5.1. Relator da deliberacao recorrida: Ministro-Substituto Augusto Sherman Cavalcanti.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria do TCU no Estado de Sergipe (Sec-SE).

8. Representação legal:

8.1. Israel Batista dos Santos, representando Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe.

8.2. Cristiano Miranda Prado (5794/OAB-SE), representando Roberto Fontes de Goes.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Recursos de Reconsideração interpostos pelo Sr. Roberto Fontes de Goes, ex-Secretário de Agricultura e Desenvolvimento Agrário do Estado de Sergipe, e pela Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro), em face do Acórdão nº 5.550/2016 - TCU - 1ª Câmara (Relator: Ministro-Substituto Augusto Sherman Cavalcanti), o qual julgou irregulares as presentes contas, condenando solidariamente os responsáveis ao pagamento do débito, sem multa,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento nos art. 32, inciso I e 33, da Lei nº 8.443/1992 e art. 285, caput, do RI/TCU, conhecer dos recursos de reconsideração interpostos pelo Sr. Roberto Fontes de Góes (CPF 068.613.695-00), ex-Secretário de Agricultura e Desenvolvimento Agrário do Estado de Sergipe, e pela Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe - Cohidro (CNPJ 15.613.813/0001-24), para, no mérito, negar-lhes provimento, mantendo inalterado o Acórdão nº 5.550/2016 - TCU - 1ª Câmara; e

9.2. dar conhecimento deste acórdão aos Recorrentes e aos demais interessados.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0170-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 171/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 000.266/2015-9.

2. Grupo II - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Francisco Carlos Braz Macedo (370.826.804-06); José Tenório Vaz (124.551.994-87); Hidrel Instalações Hidráulicas e Elétricas Ltda. - ME (11.435.054/0001-04) e Niconstrol Nivaldo Construções Oliveira Limitada - EPP (00.539.634/0001-17).

4. Entidade: Município de Pedra/PE.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Piauí (Secex/PI).

8. Representação legal: Eduardo Antônio de Albuquerque Ferreira Lima Filho (OAB/PE 29.398) e Wagner Pereira da Silva Freitas (OAB/PE 29.662), representando Niconstrol Nivaldo Construções Oliveira Limitada - EPP.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos da Tomada de Contas Especial instaurada pela Fundação Nacional de Saúde - Funasa, em desfavor do Sr. Francisco Carlos Braz Macedo, ex-Prefeito do Município de Pedra/PE, tendo por fundamento a não consecução dos objetivos pactuados no Convênio 1.869/2004 (Siafi 533921), celebrado com aquela municipalidade, o qual tinha por objeto a construção de sistema de esgotamento sanitário no bairro José Campelo Salviano.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. excluir o Sr. José Tenório Vaz e a empresa Niconstrol Nivaldo Construções Oliveira Limitada - EPP da presente relação processual;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas b e c, 19, caput, e 23, inciso III, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Francisco Carlos Braz Macedo e da empresa Hidrel Instalações Hidráulicas e Elétricas Ltda. - ME, condenando-os ao pagamento das quantias abaixo especificadas, com a fixação do prazo de quinze dias, a contar das notificações, para que comprovem, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea a, do Regimento Interno/TCU), o recolhimento da dívida à Funasa, atualizada monetariamente e acrescida dos juros de mora, calculados a partir das correspondentes datas, até a data do efetivo recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor:

9.2.1. Sr. Francisco Carlos Braz Macedo:

VALOR ORIGINAL (R$)

DATA DA OCORRÊNCIA

27.981,98

9/6/2008

9.2.2. Sr. Francisco Carlos Braz Macedo, solidariamente com a empresa Hidrel Instalações Hidráulicas e Elétricas Ltda. - ME:

VALOR ORIGINAL (R$)

DATA DA OCORRÊNCIA

28.335,95

17/12/2008

34.855,15

23/1/2009

18.111,50

23/3/2009

17.437,00

4/6/2009

14.337,50

19/6/2009

9.3. aplicar individualmente ao Sr. Francisco Carlos Braz Macedo e à empresa Hidrel Instalações Hidráulicas e Elétricas Ltda. - ME a multa prevista no art. 57 da Lei 8.443/1992, nos valores de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) e R$ 20.000,00 (vinte mil reais), respectivamente, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento das notificações, para que comprovem, perante o Tribunal, o recolhimento das dívidas ao Tesouro Nacional (art. 214, inciso III, alínea a, do Regimento Interno/TCU), atualizadas monetariamente desde a data deste Acórdão até a data do efetivo recolhimento, se forem pagas após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.4. autorizar, caso requerido, com base no art. 26 da Lei 8.443/1992, o parcelamento das dívidas constantes nos subitens 9.2 a 9.3 deste Acórdão em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora; multa: atualização monetária), esclarecendo aos responsáveis que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.5. autorizar, desde logo, a cobrança judicial das dívidas, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, caso não atendidas as notificações;

9.6. enviar cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Estado de Pernambuco, nos termos do art. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992 c/c art. 209, § 7º, do Regimento Interno do TCU.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0171-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 172/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 015.537/2013-7.

2. Grupo II - Classe de Assunto: I - Embargos de declaração (Tomada de Contas Especial).

3. Recorrente: Josué da Silva Neves (064.325.222-34).

4. Entidade: Município de Curuçá - PA.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa em substituição ao Ministro Vital do Rêgo.

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Vital do Rêgo.

6. Representante do Ministério Público: não atuou.

7. Unidade Técnica: não atuou.

8. Representação legal: Mailton Marcelo Silva Ferreira (OAB/PA 9.206), representando Josué da Silva Neves.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de embargos de declaração opostos pelo responsável Josué da Silva Neves, então prefeito de Curuçá/PA, contra o Acórdão 6.357/2018-TCU-1ª Câmara;

ACORDAM os ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, diante das razões expostas pelo relator, em:

9.1. conhecer dos embargos de declaração, com fundamento nos arts. 32 e 33 da Lei 8.443/1992, para, no mérito, rejeitá-los;

9.2. dar ciência desta deliberação ao embargante.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0172-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 173/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC-018.764/2018-5.

2. Grupo: II; Classe de Assunto: V - Pensão Militar.

3. Interessadas: Alexandra Karime do Nascimento Michaltchuk (018.340.759-80), Eldeni Fernandes Camargo (311.777.949-34), Eleonir Camargo Martins (416.070.669-04), Elzeni Fernandes Camargo (378.380.089-72), Helcioni Fernandes Roque (575.744.809-15), Helice Fernandes Silva (018.424.879-57), Maria Isabel Alves (221.841.989-00), Neide Arlete Stephansson Couto (462.903.700-49), Neusa de Lourdes Zanao (961.531.649-00), Nilda Delfina Stephansson (253.020.519-15), Nilza Francisca Stephanson (572.204.769-49), Nirce Terezinha Merlin (008.541.699-11), Roseane Inês do Nascimento Michaltchuk Barros Machado (457.255.359-91) e Vera Maria Fernandes (341.816.959-72).

4. Órgão: 5ª Região Militar do Comando do Exército.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal - Sefip.

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos em que se analisam atos de concessão de pensão militar pela 5ª Região Militar do Comando do Exército, em favor das beneficiárias acima identificadas.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fulcro nos incisos III e IX do art. 71 da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 259, inciso II, do Regimento Interno/TCU em:

9.1. considerar legais as concessões de pensão militar em benefício das Sras. Alexandra Karime do Nascimento Michaltchuk, Eldeni Fernandes Camargo, Eleonir Camargo Martins, Elzeni Fernandes Camargo, Helcioni Fernandes Roque, Helice Fernandes Silva, Neide Arlete Stephansson Couto, Neusa de Lourdes Zanao, Nilda Delfina Stephansson Santos, Nilza Francisca Stephansson, Nirce Terezinha Merlin, Roseane Inês do Nascimento Michaltchuk Barros Machado e Vera Maria Fernandes, conferindo registro aos correspondentes atos;

9.2. considerar ilegal a concessão de pensão militar em benefício da Sra. Maria Isabel Alves, negando registro ao ato;

9.3. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé pela interessada indicada no subitem precedente, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.4. determinar à 5ª Região Militar do Comando do Exército que:

9.4.1. no prazo de 15 (quinze) dias, a contar da ciência desta Deliberação, abstenha-se de realizar pagamentos decorrentes do ato impugnado (subitem 9.2 acima), sujeitando-se a autoridade administrativa omissa à responsabilidade solidária, nos termos do art. 262, caput, do Regimento Interno/TCU;

9.4.2. dê ciência, no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação deste Acórdão, do inteiro teor desta Deliberação à Sra. Maria Isabel Alves, notadamente no que diz respeito ao direito de opção pelos benefícios legalmente acumuláveis, encaminhando a este Tribunal, no prazo de 30 (trinta dias), comprovante da referida ciência;

9.4.3. no caso de a opção recair sobre a pensão militar ora em exame, emita novo ato de concessão, submetendo-o a este Tribunal, nos termos da IN/TCU 78/2018;

9.4.4. alerte a interessada de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de possíveis recursos perante o TCU não a exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a respectiva notificação, caso os recursos não sejam providos;

9.5. determinar à Sefip que:

9.5.1. monitore o cumprimento da medida indicada no subitem 9.4.1 supra, representando a este Tribunal, caso necessário;

9.5.2. retifique, no Sistema Sisac, o sobrenome das beneficiárias abaixo indicadas, ambas do ato de peça 3, para adequá-los ao registro constante da base do CPF da Receita Federal do Brasil:

9.5.2.1. onde se lê: Nilda Delfina Stephansson Santos, leia-se: Nilda Delfina Stephansson;

9.5.2.2. onde se lê: Nilza Francisca Stephansson, leia-se: Nilza Francisca Stephanson.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0173-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 174/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC-020.354/2017-7.

2. Grupo: I; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Entidade: Instituto Ipad (02.197.495/0001-16).

4. Responsáveis: Instituto Ipad (02.197.495/0001-16) e Valdemar Vieira de Melo (094.075.374-04), ex-Diretor-Presidente do aludido Instituto.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo de Tomada de Contas Especial - Secex/TCE.

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos da Tomada de Contas Especial deflagrada pelo Ministério da Cultura, em desfavor do Ipad e do Sr. Valdemar Vieira de Melo, ex-Diretor-Presidente do referido Instituto, relativamente aos Convênios 374/2001 (Siafi 430458, peça 2, p. 17-33) e 375/2001 (Siafi 430447, peça 2, p. 317-34).

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos na Sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alínea c, 19, caput, e 23, inciso III, da Lei n. 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Valdemar Vieira de Melo e do Instituto Ipad, condenando-os, em solidariedade, ao recolhimento das importâncias originárias abaixo discriminadas, com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar das notificações, para comprovarem, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea a, do Regimento Interno), o recolhimento das dívidas ao Tesouro Nacional, atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora devidos, calculados a partir das respectivas datas até a do respectivo recolhimento, na forma da legislação em vigor:

Valor Original

Data da Ocorrência

R$ 19.200,00

28/12/2001

R$ 20.000,00

28/12/2001

9.2 autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei n. 8.443/1992, c/c o art. 217 do Regimento Interno do Tribunal, o parcelamento da dívida constante deste Acórdão em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora), esclarecendo aos responsáveis que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.3 autorizar, desde logo, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, a cobrança judicial da dívida, caso não atendidas as notificações;

9.4 encaminhar cópia deste Acórdão à Procuradoria da República no Estado do Pernambuco, nos termos do § 3º do art. 16 da Lei n. 8.443/1992 c/c o § 7º do art. 209 do RI/TCU.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0174-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 175/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 021.953/2017-1.

2. Grupo: II; Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Responsáveis: Adalberto Teixeira Filho (152.178.924-04) e Ivo Francisco da Silva (083.674.004-10).

4. Entidade: Município de Jupi /PE.

5. Relator: Ministro Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado de Pernambuco - Secex/PE.

8. Representante legal: Lucicláudio Gois de Oliveira Silva (OAB/PE 21.523).

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos da Tomada de Contas Especial instaurada pela Caixa Econômica Federal - CAIXA em desfavor dos Srs. Ivo Francisco da Silva e Adalberto Teixeira Filho, ex-Prefeitos de Jupi/PE, respectivamente nas gestões 2001/2004 e 2005/2008, em razão da não conclusão do objeto do Contrato de Repasse - CR 0089.785-81/1999, não cadastrado no Siafi.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. com fundamento nos arts. 20 e 21 da Lei 8.443/1992, c/c o art. 211, § 1°, do RI/TCU, considerar iliquidáveis as contas do Sr. Adalberto Teixeira Filho, ordenando o seu trancamento;

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas b e c, 19, caput, da Lei 8.443/1992, julgar irregulares as contas do Sr. Ivo Francisco da Silva, condenado-o ao pagamento das quantias a seguir especificadas, com a fixação do prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovar, perante o Tribunal (art. 214, inciso III, alínea a, do Regimento Interno), o recolhimento das dívidas aos cofres do Tesouro Nacional, atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora, calculados a partir das datas discriminadas até a do recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor, abatendo-se, na oportunidade, os valores eventualmente já ressarcidos, nos termos do Enunciado 128 da Súmula de Jurisprudência do TCU:

Valor Original (R$)

Data da Ocorrência

Discriminação

46.562,30

10/7/2000

débito

29.463,41

16/7/2002

débito

238,50

9/5/2003

débito

4.190,37

14/8/2003

débito

34.749,77

19/11/2003

Débito

5.623,21

19/3/2004

débito

10.231,21

8/7/2004

débito

32.565,40

19/9/2008

crédito

25.219,80

12/2/2014

crédito

9.3. autorizar, caso requerido, nos termos do art. 26 da Lei 8.443/1992, c/c o art. 217 do Regimento Interno/TCU, o parcelamento da dívida em até 36 (trinta e seis) parcelas mensais e sucessivas, sobre as quais incidirão os correspondentes acréscimos legais (débito: atualização monetária e juros de mora), esclarecendo ao responsável que a falta de pagamento de qualquer parcela importará no vencimento antecipado do saldo devedor, sem prejuízo das demais medidas legais;

9.4. autorizar, desde logo, nos termos do art. 28, inciso II, da Lei 8.443/1992, a cobrança judicial da dívida, caso não atendida a notificação;

9.5. encaminhar cópia deste acórdão à Procuradoria da República no Estado de Pernambuco, com fundamento no art. 209, § 7º, do RI/TCU.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0175-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 176/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC-026.864/2018-5.

2. Grupo: II; Classe de Assunto: V - Pensão Militar.

3. Interessadas: Arminda Rodrigues Bezerra (021.717.117-60), Eliene Rodrigues de Miranda (140.654.524-49), Eunice Maggessy Monnerat (810.264.717-53), Hilma Izabel Campos Meda (173.540.562-00), Ina Pereira da Silva (135.512.958-32), Ivani Alves de Oliveira Baptista (084.678.267-70), Laura Mendes de Faria Abreu (023.402.007-50), Leila Maria Antunes de Paula (429.713.494-20), Lenise Maria Antunes de Paula Igne (379.370.224-34), Mari Zelma Sachetto Kalczuk (187.394.238-91), Maria Helena Duda (838.120.838-68), e Vanessa Vieira Macedo (078.462.427-50).

4. Órgão: Subdiretoria de Inativos e Pensionistas do Comando da Aeronáutica.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal - Sefip.

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos em que se analisam atos de concessão de pensão militar pela Subdiretoria de Inativos e Pensionistas do Comando da Aeronáutica, em favor das beneficiárias acima identificadas.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fulcro nos incisos III e IX do art. 71 da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992, c/c o art. 259, inciso II, do Regimento Interno/TCU em:

9.1. considerar legais as concessões de pensão militar em benefício das Sras. Arminda Rodrigues Bezerra, Eliene Rodrigues de Miranda, Eunice Maggessy Monnerat, Ina Pereira da Silva, Ivani Alves de Oliveira Baptista, Laura Mendes de Faria Abreu, Leila Maria Antunes de Paula, Lenise Maria Antunes de Paula Igne, Mari Zelma Sachetto Kalczuk, Maria Helena Duda e Vanessa Vieira Macedo, conferindo registro aos correspondentes atos;

9.2. considerar ilegal a concessão de pensão militar em benefício da Sra. Hilma Izabel Campos Meda, negando registro ao ato;

9.3. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé pela interessada indicada no subitem precedente, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.4. determinar à Subdiretoria de Inativos e Pensionistas do Comando da Aeronáutica que:

9.4.1. no prazo de 15 (quinze) dias, a contar da ciência desta Deliberação, abstenha-se de realizar pagamentos decorrentes do ato impugnado (subitem 9.2 acima), sujeitando-se a autoridade administrativa omissa à responsabilidade solidária, nos termos do art. 262, caput, do Regimento Interno/TCU;

9.4.2. dê ciência, no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação deste Acórdão, do inteiro teor desta Deliberação à Sra. Hilma Izabel Campos Meda, notadamente no que diz respeito ao direito de opção pelos benefícios legalmente acumuláveis, encaminhando a este Tribunal, no prazo de 30 (trinta dias), comprovante da referida ciência;

9.4.3. no caso de a opção recair sobre a pensão militar ora em exame, emita novo ato de concessão, submetendo-o a este Tribunal, nos termos da IN/TCU 78/2018;

9.4.4. alerte a interessada de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de possíveis recursos perante o TCU não a exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a respectiva notificação, caso os recursos não sejam providos;

9.5. determinar à Sefip que monitore o cumprimento da medida indicada no subitem 9.4.1supra, representando a este Tribunal, caso necessário.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0176-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 177/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 027.799/2006-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria.

3. Interessados: Airton Carneiro Marinho (013.085.643-68); Andre Ferreira Pena (076.580.526-04); Antonio Jose Cavalcanti de Andrade (069.664.384-72); Clovis Inacio Dorneles (074.201.370-72); Horacio Pereira da Silva Filho (023.969.042-72); Joao Amaro Vieira (223.918.009-91); Joao Batista Quetz (114.115.896-53); Jose Raulino dos Santos (030.139.799-68); Jose de Deus Barbosa Filho (056.127.994-20); Moacir Bezerra Grilo (058.653.014-20); Odilon da Silva Carneiro (112.655.666-15); Odilon de Freitas Brandao (055.041.478-91); Orlando Dias Filho (227.431.709-72); Waldemir Cei de Sousa (014.297.792-68); Walter Capucho Fontes (228.389.968-00).

4. Órgão: Departamento de Polícia Rodoviária Federal.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa em substituição ao Ministro Vital do Rêgo.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

8. Representação legal: José Dirceu de Paula (OAB/SP 81.406); Martsung Formiga Cavalcante e Rodovalho de Alencar (OAB/PB 10.927); Marcos Antonio Correia da Silva (OAB/PE 34.375); Giovanni Garcez da Cunha (OAB/PE 18.667); Kainara Costa Santos (OAB/RN 9.384); Arthur Gomes Murta (OAB/MG 107.807); Cassandra Lena Dorneles Pradiee (OAB/RS 58.232); Marcio Augusto Ribeiro Cavalcante (OAB/CE 12.359); Giovani Zanatta (OAB/SC 11.790) e outros.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de atos de concessão de aposentadoria emitidos pelo Departamento de Polícia Rodoviária Federal;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, nos termos dos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992 e 260, §§ 1º e 5º, do RITCU e ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar prejudicada, por perda de objeto, a análise de mérito dos atos emitidos em favor de Horácio Pereira da Silva Filho (CPF 023.969.042-72) e Moacir Bezerra Grilo (CPF 058.653.014-20), em decorrência de seus falecimentos;

9.2. considerar ilegais e negar registro aos atos emitidos em favor dos ex-servidores Aírton Carneiro Marinho (CPF 013.085.643-68), André Ferreira Pena (CPF 076.580.526-04), Clóvis Inácio Dorneles (CPF 074.201.370-72), Antônio José Cavalcanti de Andrade (CPF 069.664.384-72), João Amaro Vieira (CPF 223.918.009-91), João Batista Quetz (CPF 114.115.896-53), José de Deus Barbosa Filho (CPF 056.127.994-20), José Raulino dos Santos (CPF 030.139.799-68), Odilon da Silva Carneiro (CPF 112.655.666-15), Odilon de Freitas Brandão (CPF 055.041.478-91), Orlando Dias Filho (CPF 227.431.709-72), Waldemir Cei de Sousa (CPF 014.297.792-68) e Walter Capucho Fontes (CPF 228.389.968-00);

9.2.1. dispensar a devolução dos valores indevidamente recebidos até a data da ciência pelo Departamento de Polícia Rodoviária Federal, do presente acórdão, com base no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.3. determinar ao Departamento de Polícia Rodoviária Federal, com base no art. 45 da Lei 8.443/1992, que:

9.3.1. faça cessar os pagamentos decorrentes do ato impugnado, comunicando ao TCU, no prazo de 15 (quinze) dias, as providências adotadas, nos termos dos arts. 262, caput, do Regimento Interno do TCU, § 8º,caput, da Resolução-TCU 206/2007 e 19,caput, da Instrução Normativa-TCU 78/2018;

9.3.2. esclareça a Aírton Carneiro Marinho e a Clóvis Inácio Dorneles que, com a exclusão do tempo de aluno-aprendiz, só lhes é possível a aposentadoria proporcional no limite mínimo de 30/35 avos, de acordo com a Súmula 74 deste Tribunal;

9.3.3. convoque os ex-servidores André Ferreira Pena, Antônio José Cavalcanti de Andrade, Odilon da Silva Carneiro, João Batista Quetz, José Raulino dos Santos,Odilon de Freitas Brandão, Walter Capucho Fontes e Waldemir Cei de Sousa, para retornarem à atividade para completar o requisito temporal para suas aposentadorias, as quais, obrigatoriamente, deverão fundamentar-se nas regras vigentes no momento da nova concessão, ou optarem por permanecer aposentados, mas com a proporção mínima de 30/35 avos, de acordo com a Súmula 74 deste Tribunal;

9.3.4. oriente os interessados Orlando Dias Filho e José de Deus Barbosa Filho que poderão permanecer aposentados com a utilização do tempo ficto, mas pela regra geral prevista no artigo 40, inciso III, alínea "c", na redação original da Constituição Federal, com proventos proporcionais a 33/35 e 34/35 avos, respectivamente, ou retornar à atividade para completar o requisito temporal para suas aposentadorias, as quais, obrigatoriamente, deverão fundamentar-se nas regras vigentes no momento da nova concessão;

9.3.5. informe ao ex-servidor João Amaro Vieira que poderá permanecer aposentado com a utilização do tempo ficto, mas pela regra geral prevista no artigo 40, inciso III, alínea "a", na redação original da Constituição Federal, com proventos integrais.

9.3.6. emita novos atos, livres da irregularidades apontadas, caso os interessados optem por permanecer aposentados com proventos proporcionais, e os submeta ao TCU no prazo de trinta dias, nos termos dos arts. 262, § 2º, do Regimento Interno do TCU c/c o art. 19, § 3º, da Instrução Normativa TCU 78/2018;

9.3.7. comunique aos interessados cujos atos foram considerados ilegais, o teor desta decisão, alertando-os de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos não os eximem da devolução dos valores percebidos indevidamente após as respectivas notificações, caso os recursos não sejam providos;

9.3.8. no prazo de 30 (trinta) dias, contados da ciência desta decisão, envie a este Tribunal documentos comprobatórios de que os interessados estão cientes da presente deliberação;

9.4. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das determinações especificadas no item 9.3 (e subitens) deste acórdão.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0177-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 178/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 032.896/2018-2.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria.

3. Interessados: Osvaldo Sá de Araújo Nogueira Júnior (172.710.294-00); Rosana Bazzo (338.965.857-20); Wolnei dos Santos Salvador (839.077.507-72).

4. Órgão: Ministério Público Federal.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa em substituição ao Ministro Vital do Rêgo.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (Sefip).

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos que tratam de atos de concessão de aposentadoria emitidos pelo Ministério Público Federal;

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, nos termos dos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei 8.443/1992 e 260, §§ 1º e 5º, do RITCU e ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. considerar prejudicada, por perda de objeto, a análise do ato emitido em favor de Wolnei dos Santos Salvador (839.077.507-72), em decorrência de seu falecimento, ocorrido em 3/1/2014;

9.2. considerar legal e conceder registro ao ato emitido em favor de Osvaldo Sá de Araújo Nogueira Júnior (172.710.294-00);

9.3. considerar ilegal e negar registro ao ato emitido em favor de Rosana Bazzo (338.965.857-20) em decorrência da concessão irregular da gratificação adicional por tempo de serviço, decorrente da ocupação de cargo comissionado;

9.3.1. dispensar a devolução dos valores indevidamente recebidos até a data da ciência pelo Ministério Público Federal, do presente acórdão, com base no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.4. determinar ao Ministério Público Federal, com base no art. 45 da Lei 8.443/1992, que:

9.4.1. faça cessar os pagamentos decorrentes do ato impugnado, comunicando ao TCU, no prazo de 15 (quinze) dias, as providências adotadas, nos termos dos arts. 262, caput, do Regimento Interno do TCU, § 8º,caput, da Resolução-TCU 206/2007 e 19,caput, da Instrução Normativa-TCU 78/2018;

9.4.2. exclua dos proventos da inativa Rosana Bazzo a vantagem referente à gratificação adicional por tempo de serviço (Gats), no percentual de 2%, em razão de ser irregular o referido pagamento;

9.4.3. emita novo ato, livre da irregularidade apontada, e o submeta ao TCU no prazo de trinta dias, nos termos dos arts. 262, § 2º, do Regimento Interno do TCU c/c o art. 19, § 3º, da Instrução Normativa TCU 78/2018;

9.4.4. comunique à interessada cujo ato foi considerado ilegal, o teor desta decisão, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventual recurso não a exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a respectiva notificação, caso o recurso não seja provido;

9.4.5. no prazo de 30 (trinta) dias, contados da ciência desta decisão, envie a este Tribunal documentos comprobatórios de que a interessada está ciente da presente deliberação;

9.5. determinar à Secretaria de Fiscalização de Pessoal que monitore o cumprimento das determinações especificadas no item 9.4 (e subitens) deste acórdão.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0178-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 179/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 033.197/2018-0.

2. Grupo: II; Classe de Assunto: V - Pensão Militar.

3. Interessadas: Clélia Baitelli Fernandes (220.230.977-20); Débora Oliveira Dias da Silva (269.045.194-87); Eva Ribeiro dos Santos (101.238.731-34); Inês Benevides Leal (171.411.414-72); Luzia Celina Lage (626.054.617-34); Márcia Benevides Leal (659.491.967-91); Marcirajara Bernardes de Andrade Pinto (847.016.334-53); Margarete Fernandes Senra (651.686.667-87); Maria do Rozário Cabral Almeida (767.567.347-68); Nancy Salles (149.151.148-64); Sônia Regina Massumi Mizumo (568.090.858-15); Sônia Maria de Assunção Barrozo (090.625.727-15); Yale Martinez de Souza (154.853.808-67).

4. Órgão: Subdiretoria de Inativos e Pensionistas - Área Militar do Comando da Aeronáutica.

5. Relator: Ministro-Substituto Marcos Bemquerer Costa.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal - Sefip.

8. Representação legal: não há.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos em que se analisam atos de concessão de pensão militar deferidos pela Subdiretoria de Inativos e Pensionistas - Área Militar do Comando da Aeronáutica, em favor das beneficiárias acima indicadas.

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em Sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, e com fulcro nos incisos III e IX do art. 71 da Constituição Federal e nos arts. 1º, inciso V, e 39, inciso II, da Lei n. 8.443/1992, c/c o art. 259, inciso II, do Regimento Interno/TCU em:

9.1. considerar legais as concessões de pensão militar em benefício das Sras. Clélia Baitelli Fernandes, Débora Oliveira Dias da Silva, Inês Benevides Leal, Luzia Celina Lage, Márcia Benevides Leal, Marcirajara Bernardes de Andrade Pinto, Margarete Fernandes Senra, Maria do Rozário Cabral Almeida, Nancy Salles, Sônia Regina Massumi Mizumo, e Yale Martinez de Souza, conferindo registro aos correspondentes atos;

9.2. considerar ilegais as concessões de pensão militar em favor das Sras. Eva Ribeiro dos Santos e Sônia Maria de Assunção Barrozo, negando registro aos atos;

9.3. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas de boa-fé pelas interessadas indicadas no subitem 9.2 acima, consoante o disposto no Enunciado 106 da Súmula da Jurisprudência do TCU;

9.4. determinar à Subdiretoria de Inativos e Pensionistas - Área Militar do Comando da Aeronáutica que:

9.4.1. no prazo de 15 (quinze) dias, a contar da ciência desta Deliberação, abstenha-se de realizar os pagamentos decorrentes dos atos impugnados (subitem 9.2), sujeitando-se a autoridade administrativa omissa à responsabilidade solidária, nos termos do art. 262,caput, do Regimento Interno/TCU;

9.4.2. dê ciência, no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento da notificação deste Acórdão, do inteiro teor desta Deliberação às Sras. Eva Ribeiro dos Santos e Sônia Maria de Assunção Barrozo, notadamente no que diz respeito ao direito de opção pelos benefícios legalmente acumuláveis, encaminhando a este Tribunal, no prazo de 30 (trinta) dias, comprovante da referida ciência;

9.4.3. alerte as aludidas interessadas de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de possíveis recursos perante o TCU não as exime da devolução dos valores percebidos indevidamente após a respectiva notificação, caso os recursos não sejam providos;

9.5. esclarecer à Subdiretoria de Inativos e Pensionistas - Área Militar do Comando da Aeronáutica que, caso as beneficiárias optem pela pensão militar, poderão ser emitidos novos atos de concessão, submetendo-os a este Tribunal, nos termos da IN/TCU 78/2018, que revogou a IN/TCU 55/2007;

9.6. determinar à Sefip que monitore o cumprimento da medida indicada no subitem 9.4.1 supra, representando a este Tribunal, caso necessário.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0179-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Benjamin Zymler (na Presidência) e Raimundo Carreiro.

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa (Relator).

ACÓRDÃO Nº 180/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 006.484/2009-3.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessados: Elizabeth de Melo Bonfim (129.760.596-91).

4. Órgão/Entidade: Universidade Federal de Minas Gerais.

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

8. Representação legal:

8.1. Diego de Araujo Lima (144831/OAB-MG) e outros, representando Elizabeth de Melo Bonfim.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de processo de aposentadoria de servidora da Universidade Federal de Minas Gerais,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo relator e com fundamento na Constituição Federal, art. 70, III e IX, e na Lei 8.443/1992, arts. 1º, V, e 39, II, em:

9.1. considerar ilegal a concessão de aposentadoria à servidora Elizabeth de Melo Bonfim e negar registro ao respectivo ato (número de controle 1-079170-1-04-2000-000076-0 - peça 2, fls. 16/20, e peça 21);

9.2. dispensar a devolução dos valores indevidamente recebidos, nos termos do Enunciado 106 da súmula de jurisprudência desta Corte;

9.3. determinar à Universidade Federal de Minas Gerais que adote as seguintes providências, sob pena de responsabilidade subsidiária da autoridade administrativa omissa:

9.3.1. dê ciência do inteiro teor desta deliberação à interessada no prazo de quinze dias e faça juntar o comprovante de notificação a estes autos nos quinze dias subsequentes;

9.3.2. suspenda os pagamentos realizados com base no ato ora impugnado no prazo de trinta dias.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0180-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 181/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 010.422/2016-1.

2. Grupo II - Classe de Assunto: I - Embargos de declaração em recurso de reconsideração em tomada de contas especial

3. Embargante: sr. Jorge Abissamra (027.491.428-06)

4. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Ferraz de Vasconcelos - SP.

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Benjamin Zymler.

6. Representante do Ministério Público: não atuou.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria de Controle Externo no Estado de São Paulo (SECEX-SP).

8. Representação legal: Fatima Cristina Pires Miranda (OAB/SP 109889), Wilton Luis da Silva Gomes (OAB/SP 220.788) e Cristiano Vilela de Pinho (OAB/SP 221.594), representando Jorge Abissamra.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de embargos de declaração opostos em face do Acórdão 6.730/2018 - 1ª Câmara, proferido em recurso de reconsideração,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. nos termos dos arts. 32, inciso II, e 34 da Lei 8.443/1992, conhecer dos presentes embargos de declaração, para, no mérito, não acolhê-los;

9.2. dar ciência ao recorrente do teor desta deliberação.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0181-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 182/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 010.767/2014-2.

2. Grupo II - Classe de Assunto: Embargos de declaração em tomada de contas especial

3. Responsáveis: Home Care Medical Ltda. (62.248.067/0001-05); José Bernardo Ortiz (027.034.758-53); Roberto Pereira Peixoto (738.598.508-49)

3.1. Embargante: José Bernardo Ortiz (027.034.758-53)

4. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Taubaté - SP.

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado de São Paulo (SECEX-SP).

8. Representação legal:

8.1. Thiago de Borgia Mendes Pereira (234.863/OAB-SP), representando Roberto Pereira Peixoto.

8.2. Clayton Machado Valério da Silva (212.125/OAB-SP) e Leandro da Rocha Bueno (OAB/SP 214.932), representando José Bernardo Ortiz.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de embargos de declaração opostos em face do Acórdão 10.531/2018-1 Câmara, proferido em recurso de reconsideração,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. nos termos dos arts. 32, inciso II, e 34 da Lei 8.443/1992, conhecer dos presentes embargos de declaração, para, no mérito, não acolhê-los;

9.2. dar ciência ao recorrente do teor desta deliberação.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0182-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 183/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 012.206/2013-0.

2. Grupo I - Classe de Assunto: I - Recurso de Reconsideração (Tomada de Contas Especial)

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Interessado: Fundação Nacional de Saúde (26.989.350/0001-16)

3.2. Responsáveis: C2 Consultoria e Construções Ltda. - Me (04.535.992/0001-02); Maria Cardoso de Lima (128.141.055-15)

3.3. Recorrentes: C2 Consultoria e Construções Ltda. - Me (04.535.992/0001-02); Maria Cardoso de Lima (128.141.055-15).

4. Entidade: Prefeitura Municipal de Santa Teresinha - BA.

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro-Substituto Weder de Oliveira.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Paulo Soares Bugarin.

7. Unidades Técnicas: Secretaria de Recursos (SERUR); Secretaria de Controle Externo no Estado da Bahia (SECEX-BA).

8. Representação legal: Naskaavesks Dias dos Santos Teles Teixeira (OAB/BA 43.388), Albertone Oliveira Amorim (OAB/BA 36.781), Mário Rodrigues Coelho Neto (OAB/BA 35.428) e outros.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de recursos de reconsideração interpostos pela sra. Maria Cardoso de Lima e pela C2 Consultoria e Construções Ltda. em desfavor do Acórdão 1.957/2015-Primeira Câmara,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. conhecer do recurso de reconsideração interposto pela sra. Maria Cardoso de Lima para, no mérito, dar-lhe provimento parcial;

9.2. conhecer do recurso de reconsideração interposto pela C2 Consultoria e Construções Ltda. para, no mérito, dar-lhe provimento;

9.3. em consonância dos subitens anteriores, dar a seguinte redação ao Acórdão 1.957/2015-Primeira Câmara:

"9.1. julgar irregulares as contas da sra. Maria Cardoso de Lima, com fulcro nos arts. 1º, I, 16, III, 'b' da Lei 8.443/1992, sem, contudo, aplicar-lhe a multa prevista no art. 58, I e II, da Lei 8.443/1992, tendo em vista a prescrição da pretensão punitiva do TCU;"

9.4. dar ciência da deliberação ao recorrente, ao órgão concedente dos recursos e à Procuradoria da República no Estado do Bahia.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0183-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 184/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC nº 020.083/2015-7.

2. Grupo II - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Interessado: Ministério do Desenvolvimento Social (CNPJ 05.526.783/0001-65).

3.2. Responsável: Elias Farah Júnior (CPF 827.272.879-68), ex-prefeito municipal de Reserva do Iguaçu - PR.

4. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Reserva do Iguaçu - PR.

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Sergio Ricardo Costa Caribé.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado do Paraná (SECEX-PR).

8. Representação legal:

8.1. Sergio Luiz Danguy Vitorassi (85.694/OAB-PR) e outros, representando Elias Farah Júnior.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial instaurada pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, em razão da não aprovação da prestação de contas referente ao Termo de Responsabilidade 1.519/MPAS/SEAS/2001, assinado pelo Município de Reserva do Iguaçu (PR) e pelo então Ministério da Previdência e Assistência Social, cujo objeto foi a construção de um Centro de Geração de Renda, com área de 570,69 m², localizado na Rua João José Ribeiro, s/nº, quadra 32, naquele município, com o intuito de melhorar a qualidade de vida de 132 pessoas carentes, por meio da fabricação de produtos têxteis,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. acolher parcialmente as alegações de defesa apresentadas pelo Sr. Elias Farah Júnior;

9.2. com fulcro nos art. 1º, I, 16, II, 18 e 23, II, da Lei 8.443/1992, julgar regulares com ressalva as contas do Sr. Elias Farah Júnior, conferindo-lhe quitação; e

9.3. dar ciência deste acórdão ao responsável, ao Município de Reserva do Iguaçu (PR) e ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0184-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 185/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo TC 025.058/2014-2.

2. Grupo I - Classe de Assunto: II - Tomada de Contas Especial.

3. Interessados/Responsáveis:

3.1. Responsáveis: Clermont Silveira Castor (CPF 033.282.018-15), Márcia Rosa de Mendonça Silva (CPF 066.086.978-05) e Prefeitura Municipal de Cubatão - SP (CNPJ 47.492.806/0001-08).

4. Entidade: Prefeitura Municipal de Cubatão (SP).

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler.

6. Representante do Ministério Público: Subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Controle Externo no Estado de São Paulo (Secex-SP).

8. Representação legal:

8.1. Roberto Mohamed Amin Junior (140.193/OAB-SP), representando Márcia Rosa de Mendonça Silva.

8.2. André Figueiras Noschese Guerato (147.963/OAB-SP) e outros, representando Clermont Silveira Castor; e

8.3. Vera Denise Santana Azanha do Nascimento (OAB/SP 156.964), procuradora jurídica do município de Cubatão/SP.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Tomada de Contas Especial instaurada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE, em desfavor do Sr. Clermont Silveira Castor (CPF 033.282.018-15), ex-prefeito do Município de Cubatão (SP), de 1º/1/2001 a 31/12/2008, em decorrência da omissão no dever de prestar contas dos recursos relativos ao Programa de Apoio aos Sistemas de Ensino para Atendimento à Educação de Jovens e Adultos - PEJA, atinentes ao exercício de 2006,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da Primeira Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, em:

9.1. rejeitar as alegações de defesa oferecidas pelo Sr. Clermont Silveira Castor referentes à omissão na prestação de contas dos recursos repassados, no exercício de 2006, pelo FNDE para a Prefeitura Municipal de Cubatão (SP);

9.2. acatar as alegações de defesa oferecidas pelo Município de Cubatão (SP);

9.3. rejeitar parcialmente as alegações de defesa apresentadas pela Sra. Márcia Rosa de Mendonça Silva relativas à movimentação dos recursos repassados pelo FNDE para conta diversa da específica e à utilização de recursos repassados sob a égide do PEJA para custear a aquisição dekitsescolares, caracterizando desvio de objeto;

9.4. com fundamento nos arts. 1º, I, 16, III, alínea "a", 19 e 23, III, da Lei 8.443/1992 e 1º, I, 209, I, 210 e 214, III, do Regimento Interno do TCU, julgar irregulares as contas do Sr. Clermont Silveira Castor;

9.5. com fundamento nos arts. 1º, I, 16, III, alíneas "a" e "b", 19 e 23, III, da Lei 8.443/1992 e 1º, I, 209, II, 210 e 214, III, do Regimento Interno do TCU, julgar irregulares as contas da Sra. Márcia Rosa de Mendonça Silva;

9.6. aplicar individualmente ao Sr. Clermont Silveira Castor e à Sra. Márcia Rosa de Mendonça Silva as multas previstas nos arts. 58, I e II, da Lei 8.443/1992 e 267 do Regimento Interno do TCU, no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais) cada uma delas, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar do recebimento das notificações, para comprovarem, perante o Tribunal, em consonância com o art. 214, III, alínea "a", do Regimento Interno desta Corte, o recolhimento das dívidas aos cofres do Tesouro Nacional, atualizadas monetariamente desde a data deste acórdão até as dos efetivos recolhimentos, se forem pagas após o vencimento, na forma da legislação em vigor;

9.7. caso seja requerido pelos responsáveis, autorizar o pagamento das dívidas em até 36 parcelas mensais e consecutivas, nos termos dos arts. 26 da Lei 8.443/1992 e 217 do Regimento Interno do TCU, fixando-lhes o prazo de quinze dias, a contar do recebimento das notificações, para comprovarem perante o Tribunal o recolhimento da primeira parcela, e de trinta dias, a contar da parcela anterior, para comprovarem o recolhimento das demais parcelas, devendo incidir sobre cada valor mensal os acréscimos previstos na legislação em vigor, alertando aos responsáveis que a inadimplência de qualquer parcela acarretará o vencimento antecipado do saldo devedor;

9.8. autorizar, desde logo, nos termos do art. 28, II, da Lei 8.443/1992, a cobrança judicial das dívidas, caso não sejam atendidas as notificações;

9.9. dar ciência deste acórdão à Procuradoria da República no Estado de São Paulo, consoante o disposto nos arts. 16, § 3º, da Lei 8.443/1992 e 209, § 7º, do Regimento Interno do TCU; e

9.10. dar ciência deste acórdão ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0185-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 186/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 031.987/2016-8.

2. Grupo II - Classe de Assunto: I - Embargos de declaração (Tomada de Contas Especial)

3. Interessados/Responsáveis/Recorrentes:

3.1. Responsáveis: David Ferreira de Moraes (241.493.571-53); João Pedro Pulquério Goncalves (021.756.221-34); Joemil José Balduíno de Araújo (077.772.481-20); Odney Martins (537.447.211-91); Trimec Construções e Terraplanagem Ltda. (02.470.900/0001-28).

3.2. Recorrente: Joemil José Balduíno de Araújo (077.772.481-20).

4. Órgão/Entidade: Prefeitura Municipal de Rosário Oeste - MT.

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler

5.1. Relator da deliberação recorrida: Ministro Benjamin Zymler.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Rodrigo Medeiros de Lima.

7. Unidade Técnica: Secretaria do TCU no Estado do Mato Grosso (Sec-MT).

8. Representação legal:

8.1. Júnia de Abreu Guimarães Souto (10778/OAB-DF) e outros, representando Joemil José Balduino de Araújo.

8.2. João Marcelo de Sousa Trindade (7169/OAB-MT), representando Joemil José Balduino de Araújo, David Ferreira de Moraes e Odney Martins;

8.3. Hamilton Ferreira da Silva Junior (11322/OAB-MT) e outros, representando Trimec Construções e Terraplanagem Ltda.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes embargos de declaração interpostos pelo Sr. Joemil José Balduino de Araújo em face do Acórdão 15.086/2018-1ª Câmara, que apreciou tomada de contas especial instaurada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em Mato Grosso - Dnit/MT, em virtude da inexecução parcial do objeto do Convênio TT-276/2007-00 (Siafi 652600), que tinha por finalidade a execução de obras de melhoramentos, adequação de capacidade e segurança, na Rodovia BR-364/163/MT, na travessia urbana de Rosário Oeste/MT,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em:

9.1. conhecer dos embargos de declaração interpostos pelo Sr. Joemil José Balduino de Araújo, uma vez preenchidos os requisitos de admissibilidade previstos nos artigos 32, inciso II, e 34,capute § 1º, da Lei 8.443/1992, para, no mérito, rejeitá-los;

9.2. retificar de ofício os subitens 9.2 e 9.3 do Acórdão 15.086/2018-1ª Câmara, conferindo-lhes a seguinte redação:

"(...)

9.2. com fundamento nos arts. 1º, inciso I, 16, inciso III, alíneas "a" e "b",e § 2º, ambos da Lei 8.443/1992 c/c os arts. 19,caput; e 23, inciso III, da mesma Lei, julgar irregulares as contas da empresa Trimec Construções e Terraplanagem Ltda. (02.470.900/0001-28) e dos Srs. Joemil José Balduino de Araújo (077.772.481-20), David Ferreira de Moraes (241.493.571-53), Odney Martins (537.447.211-91) e João Pedro Pulquério Gonçalves (021.756.221-34), condenando-os, solidariamente, ao pagamento da importância abaixo descrita, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para que comprovem perante este Tribunal (art. 214, inciso III, do RITCU), o recolhimento da dívida aos cofres do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), corrigida monetariamente e acrescida dos encargos legais pertinentes, calculados a partir da data indicadas até a data do efetivo recolhimento, na forma prevista na legislação em vigor:

VALOR ORIGINAL

DATA DA OCORRÊNCIA

R$ 137.476,65

7/12/2010

9.3. com fulcro no art. 57 da Lei 8.443/1992, aplicar à empresa Trimec Construções e Terraplanagem Ltda. e aos Srs. Joemil José Balduino de Araújo, David Ferreira de Moraes, Odney Martins e João Pedro Pulquério Gonçalves multas no valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) para cada responsável, fixando-lhes o prazo de 15 (quinze) dias, a contar da notificação, para comprovarem, perante o Tribunal, o recolhimento da dívida ao Tesouro Nacional, sob pena de cobrança judicial do valor atualizado monetariamente, na forma da legislação em vigor, desde a data deste acórdão até a do efetivo recolhimento, se for paga após o vencimento;

(...)"

9.3. dar ciência desta deliberação ao embargante e aos demais responsáveis e interessados;

9.4.encaminhar o presente processo à Secretaria de Recursos para exame de admissibilidade do recurso à peça 118.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0186-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ACÓRDÃO Nº 187/2019 - TCU - 1ª Câmara

1. Processo nº TC 032.093/2013-6.

2. Grupo I - Classe de Assunto: V - Aposentadoria

3. Interessados: Deusdete Santos Souza (036.153.835-91); Maria Honorina Cordeiro Lopes (054.622.903-49); Maria do Perpetuo Socorro de Azevedo Veras (023.430.023-04).

4. Órgão: Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Estado do Maranhão.

5. Relator: Ministro Benjamin Zymler.

6. Representante do Ministério Público: Procurador Júlio Marcelo de Oliveira.

7. Unidade Técnica: Secretaria de Fiscalização de Pessoal (SEFIP).

8. Representação legal:

8.1. Glaydson Campelo de Almeida Rodrigues (11627/OAB-MA) e outros, representando Maria Honorina Cordeiro Lopes.

9. Acórdão:

VISTOS, relatados e discutidos estes autos de aposentadorias concedidas pelo Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Maranhão,

ACORDAM os Ministros do Tribunal de Contas da União, reunidos em sessão da 1ª Câmara, diante das razões expostas pelo Relator, com fundamento nos arts. 71, inciso III, da Constituição Federal, 1º, inciso V, 39, inciso II, e 45 da Lei 8.443/1992, em:

9.1. considerar legais os atos de aposentadoria de interesse do sr. Deusdete Santos Souza e da sra. Maria do Perpetuo Socorro de Azevedo Veras, ordenando seu registro;

9.2. considerar ilegal o ato de aposentadoria da sra. Maria Honorina Cordeiro Lopes, recusando seu registro;

9.3. dispensar o ressarcimento das quantias indevidamente recebidas, em boa-fé, pela sra. Maria Honorina Cordeiro Lopes, consoante o Enunciado 106 da Súmula de Jurisprudência deste Tribunal;

9.4. determinar ao Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Maranhão que:

9.4.1. faça cessar, no prazo de 15 (quinze) dias, contado a partir da ciência desta deliberação, os pagamentos decorrentes do ato impugnado, sob pena de responsabilidade solidária da autoridade administrativa omissa, consoante disposto nos arts. 71, inciso IX, da Constituição Federal e 262 do Regimento Interno desta Corte;

9.4.2. dê ciência do inteiro teor desta deliberação à sra. Maria Honorina Cordeiro Lopes, alertando-a de que o efeito suspensivo proveniente da interposição de eventuais recursos, caso não providos, não a exime da devolução dos valores indevidamente percebidos após a notificação;

9.4.3. envie a esta Corte de Contas, no prazo de 30 (trinta) dias, por cópia, comprovante de que a sra. Maria Honorina Cordeiro Lopes teve ciência desta deliberação;

9.5. esclarecer à unidade de origem, com supedâneo no art. 262, § 2º, do Regimento Interno, que a concessão considerada ilegal poderá prosperar mediante a emissão e o encaminhamento a este Tribunal de novo ato concessório, escoimado da irregularidade apontada nestes autos;

9.6. determinar à Sefip que monitore o cumprimento das medidas indicadas acima.

10. Ata n° 1/2019 - 1ª Câmara.

11. Data da Sessão: 29/1/2019 - Ordinária.

12. Código eletrônico para localização na página do TCU na Internet: AC-0187-01/19-1.

13. Especificação do quorum:

13.1. Ministros presentes: Raimundo Carreiro (na Presidência) e Benjamin Zymler (Relator).

13.2. Ministro-Substituto convocado: Marcos Bemquerer Costa.

ENCERRAMENTO

Às 16 horas e 15 minutos, a Presidência encerrou a sessão, da qual foi lavrada esta ata, a ser aprovada pelo Presidente e homologada pela Primeira Câmara.

(Assinado eletronicamente)

PAULO MORUM XAVIER

Subsecretário das Câmaras

Aprovada em 5 de fevereiro de 2019.

(Assinado eletronicamente)

BENJAMIN ZYMLER

Presidente

Este conteúdo não substitui o publicado na versão certificada.

ArticlePagination